Representantes de entidades cobram fim da greve de ônibus

Representantes de entidades lojistas de Itabuna anunciaram, há pouco, que vão se reunir com dirigentes das empresas de ônibus do transporte urbano, no final da tarde de hoje (11), para discutir solução para o fim da greve dos rodoviários. As empresas não aceitaram conceder reajuste de 5% aos cerca de 440 funcionários e não pagaram o salário de maio até agora.

Segundo presidente da Associação Comercial de Itabuna, Sérgio Velanes, a proposta de reunião com os representantes das empresas foi discutida e aprovada na reunião da entidade, ontem à noite. Velanes aponta os efeitos da greve na economia. Com a continuidade da paralisação, que chegou ao nono dia hoje, “o comércio fica parado” e tem prejudicado toda a cadeia produtiva da economia itabunense.