Área do Porto Sul em Aritaguá, na zona norte || Reprodução Gusmão

O juiz Alex Venicius Miranda, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Ilhéus, determinou a suspensão das obras do Porto Sul nas imediações do distrito de Aritaguá, mais precisamente numa área de pouco mais de 7 hectares que fazia parte da antiga Fazenda Olandi.

A liminar atende a pedido de quatro famílias proprietárias de imóveis no “Lote 45” (área definida pelo governo estadual) e que até o presente momento não receberam as indenizações.

De acordo com as famílias, a Bahia Mineração (Bamin) e o Governo Rui Costa ameaçam iniciar a obra sem cumprir a determinação da licença ambiental concedida pelo Ibama, que prevê a necessidade de indenização dos proprietários. Confira a íntegra no Blog do Gusmão.