Inscrições se encerram no domingo (14)

Os jovens que desejam fazer um curso técnico de nível médio na rede estadual de ensino na Bahia e ampliar as oportunidades de acesso ao mundo do trabalho devem ficar atentos ao calendário de inscrição e de matrícula.São ofertadas 20 mil vagas para duas modalidades de ensino.

São 12.510 vagas na forma de articulação Subsequente ao Ensino Médio, ou seja, para aqueles que já concluíram o Ensino Médio e querem voltar a estudar, e que precisam fazer a inscrição, até domingo (14), no Portal da Educação e participar do sorteio eletrônico. As outras 7.720 vagas são para cursos do PROEJA Médio, direcionadas a aqueles com mais de 18 anos, que concluíram o Ensino Fundamental.

Para PROEJA, a matrícula será feita nos dias 18 e 19 de julho, diretamente nas unidades escolares ofertantes de Educação Profissional. As vagas são para os Centros Estaduais e Centros Territoriais de Educação Profissional, além de unidades compartilhadas na capital, e em mais 97 municípios dos 27 Territórios de Identidade. A relação completa está disponível no Portal da Educação.

CURSOS DISPONIBILIZADOS

Ao todo são 45 cursos disponibilizados, a exemplo de Administração, Segurança do Trabalho, Logística, Meio Ambiente, Agroecologia, Agropecuária, Enfermagem, Nutrição e Dietética, Análises Clínicas, Edificações, Eletrotécnica, Informática e Contabilidade.

Existem vagas em cursos como Farmácia, Química, Cozinha, Alimentos, Panificação, Recursos Humanos, Edificações, Desenho da Construção Civil, Rede de Computadores, Secretariado, Conservação e Restauro, Artes Visuais, Instrumento Musical, Documentação Musical e Regência.

A matrícula para as duas formas de articulação será realizada, presencialmente, no período de 18 e 19 de julho. Os estudantes que se inscreverem para o sorteio eletrônico devem ficar atentos para a divulgação da lista dos classificados, conforme o número de vagas por unidade ofertante, no dia 16 de julho, no Portal da Educação.

No ato da matrícula, o estudante deve apresentar documentos como o original do histórico escolar; originais e cópias da cédula de identidade ou certidão de registro civil; do CPF; e do comprovante de residência. Nos dois casos, as aulas serão iniciadas no dia 29 de julho.