WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






secom bahia








maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

editorias






:: ‘Economia & Negócios’

SINEBAHIA OFERECE 68 VAGAS DE EMPREGO EM ITABUNA, ILHÉUS E JEQUIÉ NESTA SEGUNDA (11)

SineBahia em Itabuna funciona na unidade do SAC, no Shopping Jequitibá

As unidades do SineBahia nos municípios de Itabuna, Ilhéus e Jequié anunciaram, para esta segunda-feira (11), 68 vagas de emprego em várias áreas. Quase metade das 22 vagas em Ilhéus é destinada a profissionais com experiência em supermercados. Já em Itabuna, são 30 vagas. Outras 16 são reservadas a interessados que residem em Jequié, no sudoeste do Estado.

Os interessados nas vagas (confira a relação abaixo) devem procurar as unidades do SineBahia nos três municípios. O atendimento em Itabuna e em Ilhéus é feito em postos do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC). Em Itabuna, o SAC funciona no andar superior do Shopping Jequitibá. Em Ilhéus, ao lado do Mercado do Artesanato, na Rua Eustáquio Bastos, Centro. A unidade em Jequié funciona no bairro Mandacaru.

O cadastro para disputa das vagas é feito com a apresentação das carteiras de Trabalho e de Identidade (RG), do CPF e dos comprovantes de residência e de escolaridade. Para pessoas com deficiência (PCD), é exigido o laudo médico. Quem já possui cadastro, pode fazer a consulta pelo aplicativo SineFácil. Clique no “leia mais”, na sequência, e confira todas as vagas para esta segunda em Ilhéus, Itabuna e Jequié. :: LEIA MAIS »

ESTUDO DA SEI APONTA CRESCIMENTO DE 1,1% DA ECONOMIA BAIANA EM 2018

Pinheiro: resultado projeta o que deve ser feito nos próximos 4 anos

O Produto Interno Bruto (PIB) da Bahia encerrou 2018 com crescimento de 1,1%, aponta a Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais (SEI), órgão da Secretaria Estadual de Planejamento. O percentual é o mesmo registrado pela economia nacional em igual período, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O resultado positivo é resultado direto da recuperação de dois dos principais setores da economia baiana. A agropecuária cresceu 12,5% e o setor de serviços 0,9%. “No caso do setor de serviços, essa alta deve-se a expansão em volume do comércio (1,4%); das atividades Imobiliárias (1,2%) e da Administração Pública (1,0%)”, aponta o estudo.

O secretário estadual de Planejamento, Walter Pinheiro, considera o dado como uma obrigação de “repensar determinados passos daqui para frente, do ponto de vista do planejamento e ao mesmo tempo uma busca para atração de novos investimentos”.

Para o secretário, é importante olhar o PIB de 2018 numa projeção para o que deverá ser feito nos próximos quatro anos, “a partir do Plano Plurianual, olhando o Plano de Desenvolvimento Integrado Bahia 2035 que está ficando pronto e, ao mesmo tempo, chamando as Secretarias para a gente começar a trabalhar de forma muito integrada”.

SEBRAE OFERECE 500 VAGAS EM CAPACITAÇÕES EM ILHÉUS E EM ITABUNA

Michel Lima, do Sebrae, reforça características e importância dos cursos

Com o foco no desenvolvimento dos pequenos negócios, o Sebrae está com 500 vagas de capacitações abertas para palestras, clínicas tecnológicas, além de cursos e oficinas de atendimento ao cliente. Do total de vagas disponíveis, 440 delas são gratuitas e os interessados podem se inscrever pela Loja Virtual do Sebrae.

A primeira atividade de março é voltada para o empreendedor que deseja abrir o próprio negócio. São orientações gratuitas sobre “Como planejar o seu negócio”, com informações atualizadas de mercado, todas as sextas-feiras do mês, nos dias 8 e 22, das 14h às 17hs, no Sebrae Itabuna, e dia 15, das 13 às 17h, no Sebrae Ilhéus.

Já o empresário que deseja impulsionar seu negócio a partir das redes sociais terá a oportunidade de participar da clínica tecnológica gratuita sobre “Como usar as mídias sociais no seu negócio”. A capacitação acontece no dia 12 de março, das 19h às 21h, no Ponto de Atendimento do Sebrae Itabuna.

No dia 13 de março, no auditório do Sebrae em Ilhéus, e dia 14 de março, no Palace Hotel, em Itabuna, sempre às 19h, está prevista a palestra sobre eSocial, que será conduzida pela contadora e professora universitária Jamile Souza Andrade, pós-graduada em Gestão Tributária e em Finanças Aplicadas.

Nos dois encontros, serão apresentadas informações gerais como principais eventos, cronogramas, penalidades, passo a passo para implementação nas empresa e o papel do gestor.

De acordo com o gerente adjunto do Sebrae, Michel Lima, as palestras tem o objetivo de “provocar os empresários quanto à preparação dos negócios para atender às exigências do eSocial”. :: LEIA MAIS »

EMPREENDEDORA SE REINVENTA E SUPERA DIFICULDADES PARA MANTER NEGÓCIOS

Daniela se reinventou em sua saga empreendedora

Viviane Cabral || Agência Sebrae

O sonho de empreender se tornou realidade logo depois que Daniela Oliveira decidiu sair de um emprego com carteira assinada há dois anos, para investir no próprio negócio, em Ilhéus. À frente da clínica Dani Oliveira Estética & Saúde, a empresária estabeleceu parcerias com outros profissionais para a realização dos serviços, e com o apoio do Sebrae, tem superado desafios na busca de alternativas para reinventar o empreendimento e mantê-lo funcionando.

A força para se manter firme no negócio vem do seu histórico de lutas e conquistas que obteve, ainda quando adolescente, ao sair da cidade de Ubatã para estabelecer morada em Ilhéus. Na carteira de trabalho, obteve o registro como montadora em uma indústria de informática, e, depois, como gerente da mesma empresa, onde permaneceu durante nove anos.

Com a saída do emprego, Daniela identificou uma oportunidade para investir num negócio próprio. “Antes disso, elaborei três planos de negócios para verificar a viabilidade econômica dos segmentos de materiais de construção, pet shop e estética. Após a análise, verifiquei que o setor de beleza me chamava mais atenção, além de ser uma área que sempre gostei”, relatou.

Apesar da larga experiência nas áreas de Administração e Produção Industrial, Daniela não tinha formação como esteticista e abriu o empreendimento com um responsável técnico na área. A experiência não deu muito certo, e logo recorreu ao apoio do Sebrae. Ela foi atendida pela consultoria do Sebrae MEDE, que estabeleceu metas de curto, médio e longo prazo para o desenvolvimento do seu negócio.

Há pouco tempo funcionando em novo endereço, a empresária está investindo no curso de graduação em estética e a especialização em cosmetologia, além de cursos técnicos específicos da área de atuação. “Estou no processo de mudança no meu negócio. Mudei de espaço para um lugar menor do que antes e diminuir os gastos. Os desafios são muitos para mantê-lo funcionando, mas estou me doando para isso”, declarou Daniela.

A clínica Dani Oliveira Estética & Saúde está instalada no centro de Ilhéus e oferece os serviços de Estética Facial e Corporal, Criolipólise, Depilação a Laser, Massagens, Escleroterapia e Botox.

DADOS

A empresária representa um quantitativo cada vez maior de mulheres que estão assumindo o mundo dos negócios, segundo um levantamento feito pelo Sebrae Bahia em 2018. A Unidade de Gestão Estratégica da instituição aponta que foram identificadas mais de 93 mil empreendedoras ou candidatas a empresárias cadastradas na base de atendimento do Sebrae no estado até maio de 2018.

Desse universo, a pesquisa ouviu 2.194 mulheres e constatou que 77% delas possuem empreendimentos formalmente constituídos, sendo que quase metade destas buscaram orientação do Sebrae para a formalização. Outras 49,75% têm empreendimentos formalizados acima de três anos. A maioria (45,79%) é formada por microempreendedoras individuais, seguidas por donas de microempresas (24,32%) e donas de pequenas empresas (7,75%).

A pesquisa mostra ainda que as empreendedoras percebem a importância da formalização do negócio. Para 78%, ter a atividade formalizada ajudou no negócio. Percebe-se ainda um equilíbrio entre o empreendedorismo por oportunidade e por necessidade. Segundo a pesquisa, 25,67% fizeram a opção por empreender, enquanto 24,07% foram desligadas de emprego com carteira assinada e decidiram abrir um negócio. A maioria delas está no setor de comércio (50,86%) e serviços (38,76%).

BAHIA GERA 1,2 MIL NOVOS EMPREGOS EM JANEIRO

Construção civil foi o setor que apresentou maior saldo positivo no período

A Bahia gerou 1.211 postos de trabalho com carteira assinada em janeiro de 2019, segundo análise feita pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O resultado positivo decorre da diferença entre 48.504 admissões e 47.293 desligamentos. Após criação de 5.547 postos de trabalho em janeiro de 2018, a Bahia exibiu novamente registro positivo. O saldo de janeiro de 2019 foi maior que o resultado de dezembro, quando 11.705 postos de trabalho foram suprimidos, sem as declarações fora do prazo.

Setorialmente, em janeiro, cinco segmentos contabilizaram saldos positivos: Construção Civil (+1.873 postos), Agropecuária (+684 postos), Indústria de Transformação (+391 postos), Extrativa Mineral (+157 postos) e Serviços (+100 postos). Comércio (-1.756 postos), Serviços Industriais de Utilidade Pública (-211 postos) e Administração Pública (-27 postos) eliminaram posições de trabalho com carteira assinada.

Segundo o secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, este resultado comprova a efetividade das políticas públicas de geração de emprego do Governo da Bahia. “Num cenário nacional de crise econômica, a Bahia inicia o ano de 2019 com um importante resultado na geração de postos de trabalho, destacando-se como o único estado do Nordeste com saldo positivo”.

ANÁLISE REGIONAL

Em relação ao saldo de postos de trabalho, a Bahia (+1.211 postos) ocupou a primeira posição dentre os estados nordestinos e a décima primeira dentre os estados brasileiros em janeiro de 2019. No Nordeste, apenas a Bahia registrou saldo positivo. Todos os outros oito estados da região apresentaram desempenho negativo no primeiro mês do ano: Paraíba (-7.845 postos), Pernambuco (-7.242 postos), Alagoas (-5.034 postos), Ceará (-4.982 postos), Piauí (-1.905 postos), Sergipe (-1.757 postos), Maranhão (-1.366 postos) e Rio Grande do Norte (-1.359 postos).

Analisando os dados referentes aos saldos de empregos distribuídos no estado em janeiro de 2019, constata-se perda de emprego na Região Metropolitana de Salvador (RMS) e geração no interior. De forma mais precisa, enquanto na RMS foram encerrados 180 postos de trabalho no primeiro mês do ano, no interior foram geradas 1.391 posições celetistas.

BANCO DO POVO TERÁ POSTO DE ATENDIMENTO NA CENTRAL DO MALHADO

Posto do Banco do Povo funcionará na Central do Malhado

O Banco do Povo de Itabuna vai inaugurar um posto de atendimento na sala da Administração da Central de Abastecimento do Malhado, nesta sexta-feira (8), às 8h, em Ilhéus. No local, funcionará ainda um posto do Balcão do Empreendedor. Na inauguração, será servido café da manhã em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, com a presença do secretário de Indústria e Comércio de Ilhéus (Sedic), Paulo Sérgio, além dos parceiros, Sebrae e INSS.

Segundo a diretora executiva do Banco do Povo, Ilana Queiroz, desde do início da parceria com a Prefeitura, em 2017, o Banco do Povo desejava implantar um atendimento na Central de Abastecimento do Malhado. “A iniciativa visa estar mais próximo do empreendedor. A consolidação do processo de planejamento resulta no nosso desejo em atender melhor ao município, com foco no crescimento do pequeno negócio através do microcrédito”, destaca.

COMPROMISSO

Na linha de valorização do pequeno negócio no município, incrementada pela atual gestão, o secretário Paulo Sérgio, destaca a atuação do Banco do Povo e a parceria com a Prefeitura, por meio do fundo rotativo de crédito. “A parceria entre a Prefeitura e a instituição fortaleceu pequenos negócios ao longo de um ano e meio. Deu certo e reflete o compromisso desta gestão em enxergar o crescimento também do feirante, do sacoleiro e do ambulante”, ressalta.

Com os agentes de crédito, a instituição oferece empréstimos que variam de R$ 200,00 a R$ 10 mil para capital de giro ou fixo. Em Ilhéus, o Banco do Povo funciona na Sala do Empreendedor, situada à Rua Santos Dumont s/n, no térreo do Anexo de Secretarias, em frente ao Palácio Paranaguá. O atendimento é feito por agendamento. A visita pode ser agendada pelo telefone 73 3612-2366 ou pelo WhatsApp 73 99988-6186.

OCDE PROJETA CRESCIMENTO DE 1,9% PARA A ECONOMIA BRASILEIRA

A economia brasileira deve crescer 1,9% este ano. Essa é a previsão para o Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos pelo país, divulgada hoje (6) pela Organização para a Cooperação e o Desenvolvimento Econômico (OCDE).

A estimativa é menor do que a divulgada pela organização em novembro do ano passado, que foi de 2,1%. Para 2020, a OCDE manteve a previsão de expansão em 2,4%.

Apesar da redução na estimativa, de acordo com a entidade, uma recuperação moderada da economia está em curso no Brasil. “Maior confiança das empresas, menor incerteza política, inflação baixa e melhora no mercado de trabalho servirão de base para a demanda interna”, diz o relatório.

Para a OCDE, a implementação bem sucedida da agenda de reformas do novo governo, particularmente a reforma previdenciária, continua sendo fundamental para uma retomada mais forte do crescimento.

Em 2018, o PIB fechou com crescimento acumulado de 1,1%  em relação ao ano anterior. O PIB também fechou 2017 com expansão de 1,1%, mas nos dois anos anteriores registrou queda: 3,3% em 2016 e 3,5% em 2015.

A projeção da OCDE está abaixo da expectativa do mercado brasileiro. De acordo com o último boletim Focus, do Banco Central, a estimativa para a expansão do PIB é de 2,48% para este ano e 2,65% para 2020. AB.

SETUR: OCUPAÇÃO HOTELEIRA ATINGE 96% NOS PRINCIPAIS DESTINOS DO INTERIOR DA BAHIA

Lençóis está entre os destinos que atingiram mais de 90% de ocupação, segundo a Setur || Foto Tatiana Azeviche

Das cachoeiras em Lençóis à tradição das máscaras em Maragogipe, do ecoturismo de Mucugê às praias do litoral, a Bahia oferece neste Carnaval diversos atrativos para os turistas. Segundo estimativas da Secretaria do Turismo do Estado (Setur), dos 2,2 milhões de visitantes esperados para o período da folia, 1,4 milhão têm como destino o interior do estado. A ocupação hoteleira nos oito principais destinos do interior no Carnaval tem média de 96% este ano.

Em Mucugê, um dos locais mais charmosos da Chapada, os 1,8 mil leitos de hotéis e pousadas estão ocupados. A expectativa é que até esta terça-feira (5) mais de cinco mil pessoas tenham passado pelo município. Já Lençóis, também na Chapada, possui quatro mil leitos. Segundo o presidente do Conselho Municipal de Turismo, Anselmo Macedo, a média de ocupação hoteleira da cidade é de 97%.

Quem curte a folia à moda antiga, Maragogipe, no Recôncavo, é destino certo com seu tradicional Carnaval com marchinhas, fantasias e máscaras que remetem à tradição de Veneza. Segundo a prefeitura, os cinco meios de hospedagem do município estão lotados. A expectativa local era receber cerca de 50 mil turistas, a maioria mineiros, cariocas, paulistas, sergipanos e brasilienses, habituais visitantes, bem como franceses e argentinos.

PRAIA E SOL

No sul do estado, onde se concentram cidades litorâneas como Porto Seguro, Ilhéus e Itacaré, os hotéis estão com alta ocupação. O mesmo acontece em localidades como Morro de São Paulo, situada no arquipélago de Tinharé, e na Praia do Forte.

Em Porto Seguro, onde estavam sendo esperados mais de 60 mil turistas, a ocupação hoteleira está em torno de 95%, segundo a Secretaria de Cultura e Turismo local. Já em Ilhéus, que possui 8 mil leitos, a taxa de ocupação dos hotéis projetada pelo Costa do Cacau Convention Bureau é de 100%. Pela cidade circulam cerca de 50 mil turistas, entre os que permanecem no local e os que estão apenas de passagem. :: LEIA MAIS »

VÍDEO MOSTRA EXPANSÃO DO JEQUITIBÁ; CINEMA SERÁ INAUGURADO EM MAIO

Obras estão avançadas e inaugurações previstas para maio deste ano || Reprodução


Um vídeo institucional do Shopping Jequitibá, em Itabuna, mostra a evolução das obras de expansão do centro de compras, lazer e serviços. O ritmo assegura inauguração de novas lojas, cinema, com salas de projeção em 3D, e academia ainda em maio deste ano.

De acordo com o diretor do Shopping e do Grupo Chaves, Manoel Chaves Neto, são aproximadamente R$ 25 milhões investidos na expansão, valor que não inclui recursos das empresas para abertura das novas lojas, cinema, academia e centro médico, dentre outras novidades para este primeiro semestre. Confira o vídeo feito na quinta-feira passada (28).

IPEA ASSOCIA CRESCIMENTO ECONÔMICO DO PAÍS A REFORMAS

Foto Photobuay/Thinkstock

O crescimento da economia depende da aprovação de reformas, em especial a da Previdência Social. A avaliação é de especialistas em macroeconomia do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea). O Produto Interno Bruto (PIB) cresceu 1,1% em 2018, o mesmo percentual de 2017.

O diretor de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea, José Ronaldo Souza Jr., disse que as despesas com a Previdência Social são os principais fatores de influência do déficit.

As despesas do Regime Geral da Previdência Social e o regime previdenciário do funcionalismo público (civil e militar) somaram R$ 288,8 bilhões em janeiro, de acordo com a Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Souza Jr. ressaltou que essas despesas são custeadas pelo Tesouro Nacional, gerando déficit fiscal.

DÉFICIT

Para Souza Jr., o elevado volume leva “os agentes econômicos a adiarem investimentos”. Segundo a STN, o déficit foi de R$ 123,2 bilhões em 12 meses.

Avaliação semelhante sobre os impactos do déficit fiscal no crescimento econômico faz Leonardo Mello de Carvalho, técnico de pesquisa e planejamento do mesmo Ipea. “A aprovação das reformas vai provocar aceleração da atividade econômica”, explicou. “O empresário, para voltar a contratar, tem uma perspectiva muito sólida de melhora no seu setor e na economia como um todo”, acrescentou.

Para o técnico, a aprovação da reforma gera “sinalização positiva para o mercado”. Em caso de revés, há risco de o Brasil “entrar em uma espiral negativa”.

Segundo Carvalho, há indicadores positivos para maior crescimento do PIB. “Os fundamentos da economia são bons: inflação rodando abaixo da meta, política monetária com juros em patamar reduzido e a recuperação do mercado de trabalho, ainda que tímida, acontecendo.”

ITABUNA CUMPRE METAS FISCAIS, AFIRMA SECRETÁRIO

Messias apresenta dados durante audiência na Câmara || Foto Pedro Augusto Benevides

Itabuna apresentou receita tributária abaixo do esperado em 2018. Do total previsto (R$ 607 milhões), arrecadou 82,89%, conforme a Fazenda itabunense. Os dados e a análise foram recebidos, nesta quarta (27), pela Comissão de Finanças do Legislativo. Apesar da frustração no caixa, o município cumpriu as metas fiscais nos gastos com pessoal, saúde e educação.

O peso maior no revés orçamentário foi atribuído às transferências constitucionais que deveriam ter sido efetivadas por convênios. Em 2018, essa categoria de receita só acrescentou 24% ao bolo. O titular da Fazenda, Moacir Messias, defendeu o controle de despesas. “Estamos com viés negativo na previsão de receita”, alertou durante a audiência pública na Câmara.

Por outro lado, a receita oriunda de débitos atrasados deu fôlego ao município. O secretário afirmou que com a renegociação, autorizada pelos vereadores por meio do Refis, “as dívidas vêm sendo recolhidas e [estamos] colhendo frutos”. O parcelamento da cobrança em até 60 meses, ressaltou Moacir, “foi um presente para botar a empresa [devedora] ativa, não perdê-la.”

O presidente da Comissão de Finanças, Jairo Araújo (PCdoB), disse que, mesmo com metas atingidas, a percepção do cidadão itabunense é de que a realidade dos serviços públicos prestados é diferente. “Nos parece que a prefeitura está enxuta, com capacidade de investimento, mas isso não tem se refletido na vida real das pessoas”, ponderou o vereador.

ESTUDO APRESENTA OPORTUNIDADES PARA PRODUÇÃO DE CACAU FINO E PREMIUM NO SUL DA BAHIA

Produtores têm acesso a estudos em evento setorial

Uma análise setorial do cacau no Sul da Bahia, financiado pelo Sebrae, em parceria com o Instituto Arapyaú, foi apresentada nesta terça-feira (26), em Ilhéus, com a perspectiva de mercado para a produção e comercialização da amêndoa de cacau fino e premium entre os produtores da região.

De acordo com a gerente regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo, o estudo é o pontapé inicial para a construção de um plano de ação com planos de negócios de acordo com o perfil de cada produtor.

A proposta integra o projeto Cacau e Chocolate do Sebrae e foi desenvolvida com o objetivo de trazer mais clareza sobre as perspectivas da produção de cacau na região. “A ideia foi identificar qual modelo de negócio deve ser adotado pelos produtores rurais para que a sua atividade agrícola possa ter sustentabilidade”, destacou Claudiana.

O diretor da Clauster Consulting, Carlos Tarrasón apresentou dados do IBGE, Sebrae, Instituto Arapyaú e sites especializados no segmento. Foram ainda coletadas informações a partir de entrevistas feitas in loco, com indústrias moageiras e compradores no Brasil e nos Estados Unidos, além de entrevistas com os produtores de cacau e chocolate. O estudo durou 20 semanas.

Sobre as tendências de oferta da amêndoa no Brasil, a pesquisa observou aumento na produção, sustentabilidade, profissionalização e qualidade e o crescimento do Bean To Bar no Brasil. No que diz respeito a produtos, os orgânicos foram destaque com crescimento de 10%, além dos produtos biodinâmicos, em alta de 20% na Itália e 64% nos Estados Unidos.

INVESTIMENTO

Com relação a oportunidade para o cacau fino e premium, Carlos fez algumas recomendações, com base no estudo. Ele destacou que o produtor interessado em investir nesse segmento deve focar no negócio específico, melhorar a produtividade e a qualidade em geral, conhecer novos mercados (Europa e Estados Unidos) para começar a se posicionar na região e desenvolver o mercado brasileiro de cacau de qualidade. :: LEIA MAIS »

BIOFÁBRICA PROMOVE FEIRA DE MUDAS EM ILHÉUS

Mudas serão comercializadas a R$ 1,40 a unidade || Foto Mariana Ferreira).

A cidade de Ilhéus recebe a Feira de Mudas da Biofábrica nesta quinta-feira (28). A partir das 8h, ilheenses e turistas poderão adquirir mudas de fruteiras, como cacau, abacaxi e açaí, essências florestais, como ipê, mogno e quaresmeira, mandioca, a partir de apenas R$ 1,40.

O evento vai até as 13h, na Avenida Soares Lopes, estacionamento da Catedral de São Sebastião, Centro. “As altas temperaturas registradas neste verão nos servem de aviso de que está faltando olharmos com mais responsabilidade para o meio ambiente. Precisamos plantar mais, recompor a mata atlântica e preservar as nascentes dos rios. Nesses 20 anos da Biofábrica, nossa missão é conscientizar e replantar”, destaca o diretor da Biofábrica, Lanns Almeida.

A Feira de Mudas da Biofábrica tem o apoio do Governo da Bahia, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) e da Secretaria da Agricultura, Pecuária, Irrigação, Reforma Agrária, Pesca e Aqüicultura (SEAGRI).

As mudas da Biofábrica de Cacau, segundo a instituição, têm muitos diferenciais tecnológicos – são mais nutritivas, altamente produtivas e resistentes a doenças como vassoura-de-bruxa, além de uma excelente relação custo-benefício. Os visitantes da Feira de Mudas ainda poderão saber mais sobre plantio e características das plantas conversando diretamente com a equipe técnica da Biofábrica de Cacau.

SINEBAHIA TEM VAGAS DE EMPREGO EM ITABUNA, ILHÉUS E JEQUIÉ NESTA QUARTA (27)

Confira as vagas de emprego para esta quarta-feira (27) nas unidades do SineBahia nos municípios de Ilhéus, Itabuna e Jequié. Existem oportunidades que exigem nível superior, a exemplo de gerente comercial e médico do Trabalho, mas a maioria é para quem tem, ao menos, o nível médio – completo ou incompleto. Há, ainda, vagas para pessoas com o fundamental.

Para concorrer às vagas, os interessados devem possuir cadastro no SineBahia. O cadastro é feito com a apresentação de carteiras de Trabalho e de Identidade, CPF e comprovantes de residência e de escolaridade. Ao clicar no link “leia mais”, na sequência, confira todas as vagas disponíveis para hoje. :: LEIA MAIS »

ESTADO DA BAHIA ABRE CONCURSO COM 60 VAGAS PARA AUDITOR FISCAL

Na noite desta terça (26), durante o #PapoCorreria, o governador Rui Costa anunciou o lançamento do concurso público para auditor fiscal, com a oferta de 60 vagas. O edital de abertura de inscrições será publicado pelas secretarias da Administração (Saeb) e da Fazenda (Sefaz) nesta quarta-feira (27).

As inscrições poderão ser feitas a partir das 10h do dia 11 de março e seguem até as 14h de 5 de abril, devendo ser realizadas exclusivamente no site da organizadora do certame, a Fundação Carlos Chagas (www.concursosfcc.com.br). A taxa de inscrição é no valor de R$ 170,00. O salário ainda não foi divulgado.

Podem se inscrever no certame profissionais com formação superior em Administração, Ciências Econômicas, Ciências Contábeis, Direito, Engenharia, Informática, Sistemas de Informação, Ciência da Computação ou Processamento de Dados – desde que as graduações possuam reconhecimento do Ministério da Educação (MEC).

Das 60 vagas ofertadas, 24 são para a área de Administração, Finanças e Controle Interno; 17 para Tecnologia da Informação; e 19 para Administração Tributária.

De acordo com a legislação específica, 5% do percentual das vagas ficam reservados a pessoas com deficiência e outros 30% são direcionados aos candidatos que se autodeclarem negros. No primeiro caso, as atividades a serem desempenhadas pela função escolhida devem ser compatíveis com a deficiência do candidato, que passará por perícia da Junta Médica Oficial do Estado. Já a autodeclaração de candidatos negros incluirá o procedimento de heteroidentificação, conduzido por comissão a ser instituída pela FCC. :: LEIA MAIS »

CONFIRA 103 VAGAS NO SINEBAHIA EM ITABUNA, ILHÉUS, JEQUIÉ E CONQUISTA HOJE (26)

SineBahia de Ilhéus funciona no SAC, próximo à Praça Cairu

Unidades do SineBahia em quatro municípios baianos reservam, pelo menos, 103 vagas de emprego para esta terça-feira (26). São 40 vagas em Vitória da Conquista e 31 em Jequié, enquanto Itabuna oferece 24 e Ilhéus outras 8.

Os interessados devem procurar as unidades do SineBahia nestes municípios. Caso ainda não possua cadastro, deve apresentar originais das carteiras de Identidade e de Trabalho, CPF e comprovantes de escolaridade e de residência. Clique em leia mais, na sequência, e confira todas as vagas. :: LEIA MAIS »

CATAMARÃ FARÁ TRAVESSIA SALVADOR-BARRA GRANDE; OPERAÇÕES DEVEM COMEÇAR EM ABRIL

Catamarã fará linha Salvador-Morro de SP-Barra Grande || Imagem Barra Grande24h

Turistas que moram na capital baiana, Salvador, e queiram curtir a Península de Maraú terá mais uma opção para chegar a Barra Grande, no sul da Bahia. A previsão é de que a linha seja inaugurada em abril, antes da Semana Santa.

A operação ligando Salvador a Barra Grande terá paradinha em outro paraíso sul-baiano, Morro de São Paulo (Cairu). O catamarã já está pronto e tem capacidade para 100 passageiros sentados, segundo o BarraGrande24h. A previsão é de que o catamarã zarpe em direção à capital, diariamente, às 7h, retornando para Barra Grande às 13h.

INVESTIMENTO ESTRANGEIRO NO SETOR PRODUTIVO DO BRASIL CAI 30%

Sede do Banco Central

O investimento estrangeiro no setor produtivo do país caiu 30% em janeiro, na comparação com igual período de 2018. No mês passado, o investimento direto no país (IDP) chegou a US$ 5,866 bilhões. Em igual mês de 2018, esses investimentos somaram US$ 8,363 bilhões. Os dados foram divulgados hoje (25) pelo Banco Central (BC).

Em janeiro, esses investimentos não foram suficientes para cobrir o resultado negativo das contas externas. Quando o país registra saldo negativo em transações correntes, precisa cobrir o déficit com investimentos ou empréstimos no exterior. A melhor forma de financiamento do saldo negativo é o IDP, porque recursos são aplicados no setor produtivo.

O déficit em transações correntes (compras e vendas de mercadorias e serviços e transferências de renda do país com outras nações) chegou a US$ 6,548 bilhões, o de janeiro de 2018: US$ 6,293 bilhões.

Para o chefe do Departamento de Estatísticas do BC, Fernando Rocha, o resultado do mês passado, com IDP inferior aos déficit das transações correntes, é “pontual”. Segundo ele, pode ter havido uma antecipação de fluxos de IDP no segundo semestre de 2018, quando houve aceleração desses investimentos. Além disso, Rocha destacou que os dados preliminares deste mês indicam aumento da entrada desses recursos. Em fevereiro, até o dia 21, o IDP chegou a US$ 5,7 bilhões, com estimativa de US$ 7 bilhões para o mês. A previsão do BC para o déficit em conta corrente neste mês é de US$ 2,2 bilhões. :: LEIA MAIS »

SHOPPING JEQUITIBÁ AMPLIA MIX E INAUGURA EXPANSÃO EM MAIO

Shopping inaugura nova ampliação em maio


Neto: mais opções aos clientes

O Shopping Jequitibá inaugura em maio deste ano a segunda etapa de ampliação, que inclui as áreas de varejo, lazer e serviços, consolidando o empreendimento como centro comercial de excelência do sul da Bahia.

Entre os parceiros já confirmados estão a rede de papelaria e material de escritório Kalunga, a Piticas fábrica de camisetas especializada em estampas de cultura pop, a Smart Fit academias inteligentes, a Med Plaza, um centro médico integrado com todas as especialidades, e a Cinemark, segunda maior exibidora de filmes do país. Também estão confirmados Casas Bahia, principal empresa de varejo do Brasil, e o restaurantes Bob´s, rede de fast foods com atuação mundial.

“Esses novos empreendimento, marcas conhecidas pela qualidade, inovação e tecnologia, vão ampliar o mix de serviços, oferecendo novas opções aos nossos clientes”, afirma o diretor do Shopping Jequitibá, Manoel Chaves Neto.

SINEBAHIA OFERECE 61 VAGAS DE EMPREGO EM ITABUNA E JEQUIÉ NESTA SEGUNDA (25)

SineBahia oferece 30 vagas em Jequié e outras 31 em Itabuna

Duas das principais cidades do sul e do sudoeste do Estado oferecem mais de 60 vagas de emprego nesta segunda-feira (25) com a intermediação do serviço estadual de empregos, o SineBahia. São 31 vagas em Itabuna, na região sul, e 30 em Jequié, no sudoeste.

Os interessados devem procurar as unidades do SineBahia a partir das 7h desta segunda, munidos de carteiras de Trabalho e de Identidade (RG), CPF e comprovantes de escolaridade e de residência. Em Itabuna, o SineBahia funciona no andar superior do Shopping Jequitibá, na Avenida Aziz Maron, na Beira-Rio. Em Jequié, funciona no centro da cidade. Clique no “leia mais” e confira todas as vagas em Itabuna e Jequié para esta segunda (25). :: LEIA MAIS »










WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia