modulo
unime


fevereiro 2016
D S T Q Q S S
« jan    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
2829  

editorias


:: ‘Pimenta na Muqueca’

CAMINHADA SEM RISCO

Calçada agora está livre do matagal (Foto Pimenta).

Calçada agora está livre do matagal (Foto Pimenta).

Após o alerta de ontem, uma equipe da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) executou a roçagem da margem esquerda do Rio Cachoeira, na Avenida Fernando Cordier, região central. Homens começaram o trabalho no início da manhã desta quinta (4).

Até ontem, o cenário era este da imagem acima (Reprodução Pimenta).

Até ontem, o cenário era este da imagem acima (Reprodução Pimenta).

FLANELINHA É PRESO EM FLAGRANTE AO ROUBAR ALUNA DO COLÉGIO ADVENTISTA

Márcio foi preso em flagrante ao roubar aluno do Adventista (Foto Pimenta).

Márcio foi preso em flagrante ao roubar aluno do Adventista (Foto Pimenta).

O flanelinha Márcio Cruz dos Santos foi preso em flagrante, hoje à tarde (4), ao roubar a mochila de uma estudante do Colégio Adventista, em Itabuna. A vítima disse ao Pimenta que o homem pedia telefone celular e a ameaçava com a mão por baixo da camisa, dizendo que estava armado.

O assaltante, que trabalha como flanelinha na região central de Itabuna, foi capturado momentos depois, na Avenida Fernando Cordier (Beira-Rio), dentro de um estúdio de tatuagem, para onde correu tentando escapar da polícia e de populares.

A dona do imóvel, que não quis se identificar, ficou revoltada e repreendeu o flanelinha-assaltante: “eu te dou comida, dinheiro, conselho, e você faz isso?”. O flanelinha foi encaminhado para o Complexo Policial.

 

DÓLAR FECHA ABAIXO DE R$ 3,90 PELA PRIMEIRA VEZ NO ANO

Dólar fecha abaixo de R$ 3,90.

Dólar fecha abaixo de R$ 3,90.

Pela primeira vez em mais de um mês, a moeda norte-americana fechou abaixo de R$ 3,90. O dólar comercial encerrou esta quinta-feira (4) vendido a R$ 3,894, com queda de R$ 0,024 (-0,61%). A cotação está no menor nível desde 28 de dezembro (R$ 3,86).

O dólar operou em queda durante toda a sessão. Por volta das 13h30, na mínima do dia, a moeda chegou a ser vendida a R$ 3,85, mas o ritmo de queda diminuiu nas horas seguintes. Depois das 16h, a cotação passou a oscilar em torno de R$ 3,89. A divisa acumula queda de 1,37% em 2016.

Na bolsa de valores, o dia foi de recuperação. O índice Ibovespa, da Bolsa de Valores de São Paulo, fechou esta quinta com alta de 3,08%, aos 40.809 pontos. Apesar das altas nos últimos dias, o índice continua próximo dos níveis observados em 2009, no auge da crise internacional provocada pelo colapso do crédito imobiliário nos Estados Unidos.

A alta foi impulsionada pelas ações da Petrobras e da mineradora Vale, que negociam commodities – bens primários com cotação internacional. As ações da Petrobras subiram 8,74% (ações ordinárias, que dão direito a voto em assembleia de acionistas) e 5,12% (ações preferenciais, que dão preferência na distribuição de dividendos). Os papéis da Vale dispararam 15,43% (ações ordinárias) e 11,78% (ações preferenciais).

:: LEIA MAIS »

HOMEM É ASSASSINADO NA BEIRA-RIO

Wagner foi morto em casa comercial na Fernando Cordier (Beira-Rio).

Wagner foi morto em casa comercial na Fernando Cordier (Beira-Rio).

Um homem morreu em uma suposta tentativa de assalto, por volta das 15h30min, na Avenida Fernando Cordier, centro, próximo à ponte do São Caetano, em Itabuna. A vítima foi identificada como Wagner Adami.

A morte de Wagner pode não ter sido um latrocínio, mas uma execução (crime de mando). Não há informações sobre a captura dos dois criminosos, que estavam em uma moto de cor vermelha.

Uma viatura do Samu 192 foi acionada para socorrer o homem, morador do Banco Raso. Porém, a vítima não resistiu aos ferimentos.

JUSTIÇA AUTORIZA COMBATE AO AEDES AEGYPTI EM CASAS FECHADAS EM ITABUNA

Foto aérea da região central de Itabuna com o Cachoeira em destaque (Foto Pedro Augusto).

Foto aérea da região central de Itabuna com o Cachoeira em destaque (Foto Pedro Augusto).

O juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública de Itabuna, Ulisses Maynard Salgado, concedeu autorização à prefeitura para combater focos do mosquito Aedes aegypti em imóveis fechados ou desabitados. O magistrado acatou ação do Ministério Público estadual (MP-BA), provocado pela Secretaria de Saúde do município. O Aedes aegypti é o transmissor de chikungunya, vírus zika e dengue.

Os agentes de combate a endemias serão acompanhados por chaveiros e pela Polícia Militar, sempre, quando for executar o serviço em imóveis vazios ou fechados ou até mesmo naqueles em que o dono se negar a permitir o acesso do profissional de saúde. Para isso, também apresentará alvará judicial com a autorização.

– Não haverá prejuízos para os donos de imóveis, pois as fechaduras serão recolocadas após inspeção, limpeza e tratamento de com possíveis focos de larvas – afirmou o secretário da Saúde, Paulo Bicalho

FORÇA-TAREFA

Paulo Bicalho voltou a lembrar da atual gravidade da situação do Aedes aegypti no município com o aumento de casos da zika vírus, chigunkunya e dengue. O secretário destaca que esta é mais uma estratégia na luta para por fim ao mosquito, que se transformou no inimigo da população em geral.

– Estamos programando uma mega campanha de conscientização e mobilização da população, faxinaço visando descobrir e eliminar focos de larvas e o combate propriamente dito do mosquito adulto – disse Bicalho.

MOVIMENTO NO COMÉRCIO TEM QUEDA HISTÓRICA, DIZ SERASA

Comércio registra queda de quase 10%, segundo Serasa Experian (Foto Tabuleiro).

Comércio registra queda de quase 10%, segundo Serasa Experian (Foto Tabuleiro).

O movimento dos consumidores nas lojas de todo o país caiu 9,6% em janeiro, na comparação com o mesmo período do ano passado, e 1,1% sobre dezembro de 2015. De acordo com a pesquisa Indicador Serasa Experian de Atividade do Comércio, a queda foi a maior já registrada no comércio varejista, desde desde abril de 2002, quando houve retração de 11,2% sobre o mesmo mês de 2001.

Os economistas da Serasa Experian atribuíram essa retração às projeções de desaquecimento na economia. “Juros altos, desemprego em ascensão e inflação elevada, que afetaram negativamente o comércio no ano passado, ainda continuarão presentes em boa parte do ano de 2016”, justificaram eles.

Na comparação de janeiro deste ano com o mesmo mês do ano passado, apenas o segmento de combustíveis e lubrificantes apresentou avanço, com crescimento de 3,8%. No setor de veículos, motos e peças foi constatada queda de (-20,4%) e nos demais setores foram registradas as seguintes oscilações: tecidos, vestuário, calçados e acessórios (-15,3%); móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática (-13,1%); supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (-6,7%) e material de construção (-2,4%).

Na comparação com dezembro passado, três setores apresentaram alta: veículos, motos e peças (3%); móveis, eletroeletrônicos e equipamentos de informática (3,9%) e material de construção (4,3%). Nos demais, ocorreram redução: supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (-1%); combustíveis e lubrificantes (-0,2%) e tecidos, vestuário, calçados e acessórios (-0,4%). Com informações da Agência Brasil.

ESCOLAS ESTADUAIS DO SUL DA BAHIA PARTICIPAM DE JORNADA PEDAGÓGICA

Comunidade escolar participa de jornada pedagógica no sul da Bahia (Foto Divulgação).

Comunidade escolar participa de jornada pedagógica no sul da Bahia (Foto Divulgação).

A comunidade escolar de 85 colégios estaduais de 27 municípios na área do Núcleo Regional de Educação (NRE 5), no sul da Bahia, participam da Jornada Pedagógica 2016, que tem o objetivo de planejar o ano letivo em  todas as escolas da rede estadual de ensino. Promovida pela Secretaria de Educação do Estado da Bahia, este ano, além dos profissionais de educação, a jornada está contando com a participação especial das famílias, pais  mães e responsáveis, que foram eleitos para compor os colegiados escolares.

A professora Ivone Miranda Menezes, assessora do NRE 5, destaca que “a jornada trabalha a realidade as escolas, buscando socializar as boas práticas educacionais para toda a rede”. Ela também considerada bastante positivo “o envolvimento dos líderes de classe e pais de alunos, que contribuem com sugestões para a melhoria no processo de aprendizagem”.

Em todas as escolas, a participação da comunidade foi expressiva. “Fiz questão de participar, porque todos devem se envolver para que nossos filhos tenham uma educação de qualidade”, destacou Maria Jocélia Almeida, mãe de dois alunos no ensino médio em Itabuna.

Para a professora Josonita Marinho, diretora do Centro Estadual de Educação Profissional em Biotecnologia e Saúde-CEEP Itabuna, “esse é um momento importante para a comunidade escolar, porque marca o início do ano letivo e amplia o envolvimento de todos nesse grande programa do Governo do Estado que é o Educar para Transformar, melhorando e ampliando o acesso ao ensino público na Bahia”.

DILMA AVALIA QUE PRECISA ENFRENTAR VAIAS E PANELAÇOS

Do Blog do Kennedy Alencar

O governo tem uma pesquisa que mostra que a maioria da população está preocupada com os efeitos da crise econômica e deseja que a classe política encontre uma saída. A ida ontem ao Congresso foi uma forma de mostrar que a presidente Dilma Rousseff está buscando essa saída _tentando dialogar para construir um consenso.

Nesse contexto, o governo avalia que a presença da presidente na reabertura dos trabalhos legislativos foi mais positiva do que negativa. O Palácio do Planalto já esperava vaias.

Uma parte da oposição desaprovou essa atitude, porque soou como desrespeito institucional. O comportamento agressivo, sobretudo de alguns deputados, deixou as vaias de ontem com as caras dos deputados federais Jair Bolsonaro e Paulinho da Força.

A maioria dos oposicionistas reprovou a fala de Dilma, considerando que repetiu pedidos feitos no ano passado e que a presidente não assume os erros que geraram a atual crise.

Para o governo, era necessário que a presidente fosse a um território hostil. No ano passado, ela sofreu diversas derrotas no Congresso. A chamada pauta-bomba deu o tom das votações econômicas em boa parte de 2015.

A presidente defendeu ontem as prioridades do governo, sobretudo a recriação da CPMF, sabendo das dificuldades para aprovar o tema. Numa hora de crise, a pior escolha de Dilma seria ficar trancada no Palácio do Planalto. Ela precisa do Congresso para encontrar uma saída para a crise econômica. Tem de tentar reorganizar sua base de apoio e buscar diálogo com alguns parlamentares menos radicais da oposição.

GERALDO REJEITA PRIVATIZAÇÃO DA EMASA E DEFENDE BARRAGEM NO RIO COLÔNIA

Geraldo defende Emasa e cobra barragem no Rio Colônia.

Geraldo defende Emasa e cobra barragem no Rio Colônia.

Diante do debate que se formou nos últimos dias em torno do futuro da Emasa, o ex-deputado federal Geraldo Simões quebrou o silêncio e se posicionou a respeito do tema em sua página no Facebook. Geraldo, que já foi prefeito de Itabuna por duas vezes, é taxativo ao dizer que a solução não está em entregar a Emasa à iniciativa privada. “Sabemos que existe interesse de empresas como Águas do Brasil, OAS e Odebrecht. Não concordamos com a venda”.

A discussão sobre o tema se acirrou na sociedade a partir do anúncio do prefeito Claudevane Leite, lançando um Chamamento Público para Procedimento de Manifestação de Interesses a respeito da Emasa. Depois, a prefeitura abriu prazo para contribuições ao Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB), preparatório para a Conferência Municipal de Saneamento Básico, no próximo dia 15.

Embora não cite suspeita sobre alguma manobra para a venda da Emasa embutida nesses procedimentos, o pré-candidato a prefeito diz que esse tema tem que envolver o governo do estado. “Vamos discutir com o governador um projeto para dobrar a produção de água em Itabuna. A barragem do Rio Colônia, que nós propusemos ainda no nosso primeiro governo, vai garantir abastecimento diário para todos os moradores e empreendimentos de Itabuna”.

ESGOTO TRATADO

De acordo com Geraldo, o município deve ter condições para coletar e tratar 100% do esgoto na cidade. “Para decidir sobre o futuro da Emasa, só com a participação de toda sociedade. Sabemos que mudanças são necessárias, mas essa decisão não deve ter como opção a entrega desse patrimônio a empresas privadas. Há outras formas, como uma maior parceria com a Embasa, ou a busca de projetos no âmbito federal”.

Para Geraldo, a sociedade de Itabuna deve se posicionar, cobrando o fortalecimento do perfil público da Emasa. “Será necessário fortalecê-la, fazer as parcerias com outros órgãos de governo, buscar projetos e garantir financiamento. Não se deve buscar o lucro nesse serviço, pois o lucro está na prestação do serviço, é o lucro social”.

CRAQUES DO RÁDIO

Seleção do Rádio no início da década de 80, na antiga Desportiva (Foto Arquivo Aleilton Oliveira).

Seleção do Rádio no início da década de 80, na antiga Desportiva (Foto Arquivo Eilton Oliveira).

Funcionário aposentado do Banco do Brasil, Eilton Oliveira coleciona fotos raras dos tempos em que atuava no rádio grapiúna, junto com figuras como o hoje publicitário Sílvio Roberto. Uma dessas raridades é a imagem acima. Foi clicada no início dos anos 80, na antiga Desportiva, segundo o jornalista Valdenor Ferreira. Nela, estão grandes craques do rádio itabunense.

“O uniforme é da equipe da Rádio Jornal, mas reunia colegas de outras emissoras. Formávamos a Seleção do Rádio”, diz Sílvio Roberto, que não aparece na foto, mas jura que jogava um bolão.

A ordem dos craques (da comunicação) na foto é a seguinte:

Em pé, a partir da esquerda, aparecem Jorge Eduardo, Orlando Cardoso, Lucílio Bastos, Nivaldo Reis, Cacá Ferreira, Eduardo José e Welington Oliveira.

Agachados, a partir da esquerda, estão Valdenor Ferreira, Valter Barbosa, Jota Borges, Henrique Queiroz, Eilton Oliveira (o colecionador de raridades e hoje em Brasília) e o grande Biro-Biro.

Muitos deles já estão em um outro plano, mas deixaram exemplo de profissionalismo e de domínio do microfone, a exemplo de Lucílio Bastos e Jorge Eduardo.

ÁLVARO GOMES DEFENDE ECONOMIA SOLIDÁRIA

Secretário Álvaro Gomes em visita a uma propriedade no baixo-sul do Estado (Foto Divulgação).

Secretário Álvaro Gomes em visita a uma propriedade no baixo-sul do Estado (Foto Divulgação).

O secretário estadual do Trabalho e Esporte, Álvaro Gomes, assegurou a defesa de projetos e ações da economia solidária durante visita a municípios do baixo sul e médio Rio de Contas. Gomes teve contato com associações e cooperativas acompanhadas pelo Centro Público de Economia Solidária (Cesol) nos municípios de Nilo Peçanha, Igrapiúna, Taperoá, Ituberá, Teolândia, Gandu e Tancredo Neves.

“Foi sem dúvida um importante momento de prestação de serviço à economia solidária nesses dois territórios. O secretário Álvaro veio para nos garantir a defesa da economia solidária e mostrar que as ações estão a todo vapor no Baixo Sul e no Médio Rio de Contas”, afirma o coordenador-geral do Cesol em Gandu, Wilson Nunes.

PARALISAÇÃO EM AEROPORTOS ATRASA VOOS EM SALVADOR

Sete voos que partiriam do Aeroporto Internacional Luis Eduardo Magalhães na manhã desta quarta-feira (3) atrasaram. O motivo foi a paralisação de aeronautas e aeroviários entre as 6h e as 8h. O protesto de duas horas aconteceu simultaneamente em 12 aeroportos do país.

Segundo a Infraero, em Salvador o protesto aconteceu de forma pacífica e ordenada. Também não houve tumulto por parte dos passageiros. Ainda de acordo com a empresa, o impacto dos atrasos não foi significativo na operação do aeroporto.

Nenhum voo foi cancelado e não foi necessário fazer remarcações. Segundo a assessoria da Infraero, o aeroporto operou normalmente desde às 7h.

As categorias decidiram pela paralisação após rejeitar em assembleias realizadas na última sexta-feira (29) as propostas das empresas aéreas, que previam pagamentos parcelados por faixas salariais, não retroativos à data-base. Do Correio24h.

MULHERES SÃO PREMIADAS COM CARROS ZERO SORTEADOS POR HIPERMERCADO

Carlos Protásio e Rafael Sousa entregam chaves a Rosilda Vidal e Médely Sousa (Foto Divulgação).

Carlos Protásio e Rafael Sousa entregam chaves a Rosilda Vidal e Médely Sousa (Foto Divulgação).

Médely Mendes e Rosilda Vidal Andrade começaram o ano sentindo o cheirinho de carro novo e podendo chamá-lo de seu. As duas foram as ganhadoras dos maiores prêmios de uma campanha promocional de uma das principais redes de supermercados da Bahia, o Itão. Os veículos Renault Sandero Expression foram entregues hoje (3) por Jean Carlos Protásio e Rafael Sousa, representantes do hipermercado.

Médely e Marcelo Mendes aguardam com grande expectativa a chegada do primeiro filho. O casal comemora um período de ótimas notícias. O nascimento de Marcelo está previsto para maio. Hoje (3), Médely e Marcelo receberam a chave do carro sorteado no início de janeiro. “Só acreditei quando vi o vídeo do sorteio com o meu nome”, disse a futura mamãe.

Médely, que é microempresária e reside na Conquista, em Ilhéus, ganhou o carro sorteado no dia 7. A outra sortuda é a dona de casa Rosilda Vidal Andrade, do Bairro Nova Itabuna, que também recebeu a chave do veículo nesta quarta. “Estava em Juazeiro, quando meu filho ligou e deu a notícia de que ganhei o carro. Corri e vi na internet”. O veículo ganho pela dona de casa foi sorteado na última quinta (28). “Retornei para receber esse presentão”, disse ela, que está curtindo férias no município do norte baiano.

Rosilda e Médely fazem planos. O esposo de Médely já possui um carro e planeja vendê-lo para preparar o enxoval do primeiro filho. E ficarão com o carro zero. Rosilda já decidiu vender o Sandero para tocar planos dela e do esposo para a casa. “Presente chegou em boa hora”, completou.

A campanha Promoitão foi encerrada com a entrega dos veículos. Além dos dois Renault Sandero, os clientes das lojas Itão e Barateiro, em Ilhéus e em Itabuna, concorreram a 50 vales-compras de 500,00 cada um. “A campanha teve resultados fantásticos”, disse o supervisor comercial do Itão, Josival Nascimento. No período, 1,5 milhão de cupons foram depositados por clientes das duas bandeiras de supermercados da rede.

MEGA CAMPANHA

Agora, o Itão lançará, no próximo dia 12, a campanha Mega Aniversário Itão 55 Anos, a maior campanha de prêmios realizada pela rede. Os sorteios ocorrerão a cada mês e durante o ano inteiro. Serão 3 carros 0km e 100 vales-compras de R$ 500,00 cada um.

CARNAVAL DE SALVADOR COMEÇA HOJE

Agência Brasil

No início da noite de hoje (3) começa oficialmente o Carnaval de Salvador, com a entrega das chaves da cidade ao Rei Momo pelo prefeito ACM Neto. Por volta das 18h, um cortejo vai sair da Praça Castro Alves, na área central, e seguir para o Terreiro de Jesus, no Pelourinho. A entrega das chaves será no meio do percurso, na Praça Municipal, no centro histórico da cidade.

Com o tema Vem Curtir a Rua, o carnaval deste ano vai ter o apoio de mais de 10 mil trabalhadores da prefeitura de áreas como saúde, limpeza e segurança pública.

Para os turistas que ainda devem chegar à Cidade, a Secretaria de Cultura montou equipes itinerantes, que estarão nos principais pontos de chegada: aeroporto, rodoviária, Terminal Marítimo, praias, Mercado Modelo – um dos pontos turísticos de Salvador -, nos circuitos de carnaval e um ponto de informações turísticas será instalado em outro ponto turístico, o Elevador Lacerda.

Cerca de 7 mil táxis estão autorizados a circular nos dias de carnaval, utilizando a bandeira dois e 2.500 ônibus coletivos devem transitar em em 400 linhas. Na madrugada, quando a demanda é maior no período do carnaval, serão 144 linhas funcionando.

As principais atrações começam a sair às ruas a partir de amanhã. No Circuito Dodô – Barra/Ondina, mais de 20 blocos seguem os trios da Avenida Oceânica. No circuito Osmar – Campo Grande, 16 blocos vão brincar o carnavel. O primeiro deles, às 18h, será puxado pela cantora Ivete Sangalo. O Circuito da Batatinha, no Pelourinho, vai receber oito blocos afro, a partir das 20h.

FAZENDA DE TURISMO RURAL INVESTE EM MARCA PRÓPRIA DE CHOCOLATE

Gerson e Dadá investem na própria marca de chocolate (Foto Maurício Maron/Agência Sebrae).

Gerson e Dadá investem na própria marca de chocolate (Foto Maurício Maron/Agência Sebrae).

Renata Smith | Agência Sebrae

O casal Gerson Marques e Dadá Galdino é proprietário da Fazenda Yrerê, na zona rural de Ilhéus, no sul da Bahia. Integrada ao projeto do Sebrae Indústria Setorial Ilhéus – Derivados de Cacau, a propriedade é um case de sucesso no segmento do Turismo Rural. Na sede, os visitantes, a maioria de estrangeiros, são recepcionados pelos donos e por trabalhadores rurais. Em três horas, conhecem a história e o funcionamento da fazenda, degustam pratos típicos, ouvem ‘causos’ locais dos antigos coronéis de cacau e ainda visitam o maior orquidário da região.

Neste mês, os empresários lançam um novo produto para agregar valor a sua produção de cacau e oferecer mais um atrativo aos turistas: uma marca própria de chocolates finos feitos com amêndoas selecionadas e teor de 54% e 70% de cacau puro. O chocolate será produzido em parceria com o Instituto Cabruca e as primeiras unidades serão em barras de 80g e bombons de 12g.

Gerson Marques destaca que os chocolates de origem do Sul da Bahia estão ganhando o reconhecimento mundial e se tornando um bom e lucrativo negócio. “Os turistas antes chegavam perguntado por novelas. Hoje, a procura é por chocolates e vamos tê-los em nossa linha de produtos”, afirma.

Esta nova fase dos negócios também conta com o apoio do Sebrae, segundo o empresário. “Teremos uma consultoria para desenvolvimento do produto, envolvendo aspectos administrativos, financeiros e de marketing para a evolução da marca”.

O gestor do projeto Derivados do Cacau, Eduardo Andrade, destaca ainda que os empresários da Yrerê “conhecem bem o potencial do turismo rural e vivenciam a parceria com o Sebrae de forma criativa”.

De acordo com Dadá Galdino, “a nossa proposta é oferecer aos visitantes uma experiência única, provocando e estimulando seus sentidos, através da visão, paladar, olfato e audição em uma viagem diferente, uma experiência que vale para a vida inteira”.

DERIVADOS DE CACAU

O projeto Indústria Setorial Ilhéus – Derivados de Cacau atende a 40 micro e pequenas empresas do Sul da Bahia com ações subsidiadas em até 80% para suporte de gestão, tecnologia e mercado. O planejamento até 2018 apresentará, entre outros resultados, uma receita acumulada de R$ 1,8 milhão envolvendo os pequenos negócios na região.

Os interessados em conhecer mais sobre o projeto podem procurar o ponto de atendimento do Sebrae em Ilhéus, na Praça José Marcelino, nº 100, Centro, ou pelo telefone (73) 3634-4068.

PARA WAGNER, GOVERNO TEM BASE PARA APROVAR VOLTA DA CPMF

Wagner diz que governo tem voto para recriar CPMF (Foto Pimenta/Arquivo).

Wagner diz que governo tem voto para recriar CPMF (Foto Pimenta/Arquivo).

O ministro-chefe da Casa Civil, Jaques Wagner, disse acreditar que o governo conseguirá aprovar a proposta de recriação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF). A aprovação do tributo foi um dos temas da mensagem com as prioridades do Executivo na abertura dos trabalhos legislativos deste ano.

Questionado se o governo teria condições de aprovar a recriação do tributo, Wagner afirmou que, apesar do discurso da oposição, a base do governo é maior.

“A gente sabe que tem oposição, mas nossa base é maior”, acrescentou. “Vão aprovar. Minha posição é essa.”

Para o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Armando Monteiro, o retorno da CPMF é necessário para financiar as atividades do Estado e reequilibrar a economia. Segundo Monteiro, a estabilidade fiscal é pré-condição para recuperação da economia brasileira.

“Nenhum país pode apostar no processo recessivo de maneira prolongada. O que se busca é reequilibrar a economia para o país voltar a crescer. Diante disso, se identifica como alternativa viável no curto prazo, mas isto está posto para discussão e decisão no Congresso Nacional”, acrescentou Monteiro.

De acordo com o ministro, diante do cenário de desequilíbrio fiscal é preciso encontrar soluções, “ainda que sejam onerosas”, mas que representem o menor custo social possível.

“A CPMF é um remédio amargo, mas impõe esse custo menor. Temos de ter esperança que ao fim, de modo responsável, encontraremos a solução adequada, que, às vezes, é dolorosa. Costumo dizer que se o Brasil pôr em risco o financiamento de atividades em áreas essenciais das políticas públicas, a sociedade pagará um custo muito maior”, destacou Armando Monteiro.

Mais comedido, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, informou que o Congresso vai avaliar as propostas de Dilma e disse acreditar que as respostas serão satisfatórias. “Acredito que teremos uma resposta muito satisfatória do Congresso Nacional em relação as propostas colocadas pela presidenta.”

DEPUTADOS OPOSICIONISTAS VAIAM

O vírus Zika, a reforma da Previdência e a volta da CPMF foram os principais temas da mensagem que a presidente Dilma Rousseff entregou pessoalmente ao Congresso Nacional. Nos momentos em que argumentou a favor da CPMF, que tramita no Congresso como proposta de emenda à Constituição, parte dos parlamentares da oposição vaiou a presidente em protesto contra a medida, enquanto integrantes da base aliada a defendiam com aplausos.

O ministro-chefe da Casa Civil disse que o gesto “não muda nada”. Fui parlamentar por 12 anos. Isso é do dia a dia do Congresso. Quem gosta aplaude, quem não gosta fica calado. Alguns vaiam, mas isso para mim não muda nada”.

:: LEIA MAIS »

ITABUNA, 18H15MIN

Pôr-do-sol em Itabuna em imagem captada pelo articulista - e também fotógrafo - Marco Wense.

Pôr-do-sol em Itabuna em imagem captada pelo articulista – e também fotógrafo – Marco Wense.


O articulista Marco Wense prova que também é bom no clique. Fez esta foto do pór-do-sol em Itabuna, às 18h15min desta terça-feira (2). A imagem já faz sucesso nas redes sociais e em grupos de WhatsApp, como o Diálogos sem Platão, que reúne profissionais da área do Direito, empresários, jornalistas e publicitários de várias regiões da Bahia e do país.

DILMA DIZ QUE COMBATE AO ZIKA É PRIORIDADE E PEDE CPMF

Dilma na abertura dos trabalhos legislativos, hoje (Foto Fábio Pozzebom/Ag. Brasil).

Dilma na abertura dos trabalhos legislativos, hoje (Foto Fábio Pozzebom/Ag. Brasil).

A presidente Dilma Rousseff citou como prioridade deste ano para o governo as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti,transmissor do vírus Zika, e afirmou que fará uma avaliação periódica dos programas do governo. Ela leu a mensagem presidencial durante a sessão de abertura dos trabalhos legislativos e mencionou medidas econômicas como a reforma da Previdência, a recriação da CPMF, e a proposta de um crédito financeiro para o PIS.

O principal eixo de argumentação da presidenta foi a necessidade de adoção de medidas com resultado imediato, enquanto as reformas com impacto fiscal de médio e longo prazo não surtem efeito. Ela defendeu a discussão e o envio de uma proposta de reforma da Previdência, mas também citou a “excepcionalidade do momento” para dizer que precisa da aprovação da CPMF. Enquanto Dilma falava, deputados e senadores puxaram um coro de vaia, e foram ouvidos também aplausos. No plenário, parlamentares seguravam algumas faixas com os seguintes dizeres: “Xô, CPMF”.

Sobre o combate ao vírus Zika, Dilma citou as ações promovidas pelo governo brasileiro, entre elas uma parceria com os Estados Unidos para o desenvolvimento de uma vacina contra o vírus. Enquanto fazia referência à gravidade da situação, e dizia que não faltariam recursos para enfrentar o problema, ela se direcionou a um dos deputados que segurava uma faixa contrária ao tributo. “Todo meu governo está engajado no enfrentamento dessa emergência. Não faltarão recursos, e tenho certeza que contarei, neste caso, com a sensibilidade do Congresso. Não faltarão recursos para que possamos reverter a epidemia do Zika Vírus, e lidar da forma mais eficiente e adequada possível com seus efeitos sobre a nossa população”, afirmou.

Segundo ela, o governo vai enviar nas próximas semanas um projeto de lei ao Congresso Nacional propondo o “chamado crédito financeiro para o PIS”. A presidenta afirmou que é preciso aumentar a “eficiência do governo, principalmente no custeio”, adotando medidas como a continuidade da reforma administrativa e “avaliação periódica de todos os programas do governo”, entre eles os sociais. Como disse em outras ocasiões, ela reforçou que a prioridade deste ano do Minha Casa, Minha Vida e de outros programas será “normalizar o cronograma de desembolsos e reduzir os restos a pagar”.

:: LEIA MAIS »

ZIKA FAZ MONTADORA MUDAR NOME DE CARRO

Tata Motors lançaria carro com nome semelhante ao de vírus (Foto Divulgação).

Tata Motors lançaria carro com nome semelhante ao de vírus (Foto Divulgação).

A Tata Motors decidiu mudar o nome do carro Zica, lançamento mundial, por causa da semelhança com o vírus que está fazendo milhares de vítimas no Brasil, o zika. “Em solidariedade com as dificuldades causada pelo recente surto do vírus zika em muitos países, a Tata Motors, como uma empresa socialmente responsável, decidiu renomear o carro”, informou em nota. O modelo da montadora indiana tem como garoto-propaganda o craque argentino Leonel Messi.

O vírus é apontado como principal indutor do aumento de casos de microcefalia no Brasil. A previsão da Organização Mundial de Saúde (OMS) é de que até 4 milhões de pessoas sejam infectadas pelo vírus zika somente no continente americano. Itabuna já vive surto epidêmico do zika, transmitido pelo mesmo mosquito da dengue, o Aedes aegypti. Com informações da Folha.

whatsapp pimenta



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia