WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘Aurelino Leal’

“PEEEGA ESSE VIADO”: JUNINHO ESPOLIANO BOMBA NA INTERNET COM VÍDEOS HILÁRIOS

Juninho e Victor bombam nas redes sociais

Os bordões que surgem durante conversas de vizinhos e as histórias de moradores da periferia de Aurelino Leal, no sul da Bahia, transformadas em pequenos vídeos tiraram José Bispo dos Santos Junior da lista de brasileiros anônimos. Juninho Espoliano Martinelli, como tornou-se conhecido nas redes sociais, teve seus vídeos visualizados por mais 4 milhões de pessoas em oito meses.

Ele já ultrapassou 200 mil seguidores nas redes sociais e seus bordões ganharam as ruas de cidades do interior da Bahia. Peeega esse viado! e Não estou boa nem tenho previsão de melhora! tornaram-se familiares de internautas sul-baianos e até de outros estados.

Os vídeos são sucesso garantido no FacebookInstagram e YouTube. O mais famoso deles – sobre uma briga entre vizinhos por causa do suposto furto de uma galinha – já possui mais de 2,1 milhões de visualizações e 25 mil curtidas somente na página oficial do artista no Facebook. As transmissões diárias ao vivo nas redes sociais reúnem, em média, três mil seguidores.

O sucesso é tanto que o novo humorista das redes sociais assina o seu primeiro contrato com empresário neste mês e prepara stand up para iniciar carreira no teatro.  Enquanto isso, curte a fama e posa para fotos com os fãs, como ocorreu na última quarta-feira (6), durante passeio no Shopping Jequitibá, em Itabuna, foi cercado várias vezes por pessoas para uma pose e ouviu repetidas vezes o bordão Peeega esse viado! Em vídeo, a entrevista concedida ao PIMENTA, na Carmen Steffens.

PREFEITA DE AURELINO LEAL SERÁ JULGADA POR COMPRA DE VOTOS

Liu Andrade será julgada dia 15.

Liu Andrade será julgada dia 15.

A prefeita de Aurelino Leal, Elisângela Ramos, “Liu Andrade” (PP-BA), da Coligação “Aurelino Leal Não Pode Parar!”(PRB/PDT/PT/PEN/PSD/PP/PHS/PSDB/PTC), pode ter o mandato cassado na próxima segunda, 15 de maio. Ela será julgada por supostos crimes eleitorais no pleito de outubro passado. O PSOL entrou com uma Ação de Investigação Judicial para apurar indícios de compra de votos, abuso de poder econômico e campanha antecipada.

O julgamento da ação contra Liu Andrade será às 9h30min do dia 15, no fórum de Ubaitaba. Caso o mandato seja cassado, serão realizadas novas eleições na cidade. “Elisângela infringiu as leis para garantir a reeleição!”, criticou o O presidente do PSOL de Aurelino Leal, Cristiano Pablo. O PSOL teve candidato a prefeito em 2016 no município sul-baiano. Toinho Cearense ficou em segundo no pleito.

PÉ NA ESTRADA NO FERIADÃO

Estrada que liga BR-030 e Caetité foi inaugurada neste sábado (Foto Mateus Pereira/GovBA).

Estrada que liga BR-030 e Caetité foi inaugurada neste sábado (Foto Mateus Pereira/GovBA).

O governador Rui Costa botou o pé na estrada neste feriadão em visitas a municípios do sul e sudoeste do Estado. Ontem, o gestor esteve em Aurelino Leal. Por lá, inaugurou ginásio poliesportivo – que leva o nome do ex-prefeito Gilberto Andrade – e firmou convênio de pouco mais de R$ 540 mil para recuperação do estádio municipal, além de entregar tratores e implementos agrícolas.

Ainda em Aurelino Leal, Rui acompanhou os primeiros atendimentos a mulheres de 50 a 69 anos, submetidas a exames de mamografia. A ação de prevenção e detecção do câncer de mama prevê exame gratuito. O atendimento será até a próxima quinta (2). Se detectado algo na mama, a mulher é encaminhada para tratamento na rede SUS.

Rui Costa e autoridades entregam quadra poliesportiva em Aurelino Leal.

Rui Costa e autoridades entregam quadra poliesportiva em Aurelino Leal.

O roteiro do governador neste feriadão incluiu visita a Caetité, hoje (28), onde inaugurou a BA-611 recuperada, após investimentos totais de R$ 11 milhões, segundo afirmou. Também foram entregues novas viaturas da Polícia Militar e máquinas que atenderão agricultores familiares.

Rui também antecipou que visitará a região para inaugurar a segunda etapa da Adutora do Algodão. De acordo com o gestor, 95% das obras foram concluídas. Para a nova etapa, foram investidos R$ 33 milhões.

TJ DESATIVARÁ COMARCAS NO SUL DA BAHIA

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) terá até 120 dias para desativar 25 comarcas do interior do Estado, algumas delas localizadas em municípios sul-baianos. O tribunal havia anunciado a decisão no ano passado, mas sofreu questionamentos, no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), por parte da Associação dos Magistrados da Bahia (Amab).

A contestação foi arquivada pelo CNJ há menos de dez dias. O conselho deu prazo de quatro meses para o TJ-BA concluir estudos da desativação das comarcas. A relação atinge diretamente os municípios de Aurelino Leal, Ibicuí, Ibirapitanga, Itapebi, Itapitanga, Nova Canaã, Pau Brasil e Santa Luzia, todos localizados no centro-sul do Estado.

A comarca de Aurelino Leal, conforme a decisão do TJ, será absorvida por Ubaitaba. Iguaí responderá por Ibicuí e Nova Canaã, enquanto Ibirapitanga terá de recorrer a Ubatã. A comarca de Itapebi será incorporada pela Comarca de Itagimirim. Já a de Itapitanga, terá os processos assumidos pela comarca coaraciense. Camacan absorverá processos de Pau Brasil e Santa Luzia.

A decisão leva em conta que as comarcas desativadas movimentam menos de 600 processos ao ano, segundo o Tribunal de Justiça baiano em resposta ao diário A Tarde.

ACIDENTE COM TRANSPORTE ESCOLAR NA “CURVA DO PADRE” DEIXA UM FERIDO

Kombi do transporte escolar caiu em ribanceira na Curva do Padre (Foto Cláudio Rodrigues Formandus).

Kombi do transporte escolar caiu em ribanceira (Foto Cláudio Rodrigues Formandus).

Uma VW Kombi que faz transporte escolar despencou em uma ribanceira no quilômetro 447 da BR-101, em Aurelino Leal, por volta das 8 horas desta quarta (3). O motorista, identificado pelo prenome Henrique, se perdeu na “Curva do Padre”.

Henrique sofreu fratura em um dos braços, sendo socorrido e encaminhado para o Hospital de Base de Itabuna. O veículo é utilizado no transporte escolar, mas, no momento do acidente, havia somente o condutor do veículo.

DAVIDSON E ALDENES FAZEM CARREATA

Candidatos percorreram Aurelino Leal e Ubaitaba, chegando ao distrito de Faisqueira (foto Marcos Souza)

Candidatos percorreram Aurelino Leal e Ubaitaba, chegando ao distrito de Faisqueira (foto Marcos Souza)

Os candidatos a deputado federal, Davidson Magalhães, e a deputado estadual, Aldenes Meira, os dois do PCdoB, fizeram uma grande carreata nesta sexta-feira (29), percorrendo as cidades de Aurelino Leal e Ubaitaba.

A mobilização foi até o distrito de Faisqueira, onde os candidatos e lideranças locais que os apoiam fizeram discursos. Entre os participantes, estavam os vereadores José Carlos Almeida (PCdoB), Ismaile Mota (PTC) e Catarino dos Santos (PSDB).

Outras lideranças que apoiam os candidatos e também estiveram presentes foram os suplentes de vereador Leninha Cerqueira (PCdoB), Edson Freitas (PTC), Professor Robson Marques (PCdoB) e Antônio Roberto Cruz, o Bebel.

Detalhe: a estrada que liga Ubaitaba a Faisqueira, que (com o perdão da rima) era uma buraqueira, foi recentemente pavimentada e está um tapete. Quem pediu ao governo do estado atenção especial à obra foi exatamente Davidson Magalhães.

TCM CONDENA EX-PREFEITO DE AURELINO LEAL A DEVOLVER R$ 11,7 MILHÕES

"Domingão" levou nova canetada do TCM.

“Domingão” levou nova canetada do TCM.

Domingos Marques dos Santos, o Domingão (PSDB), ex-prefeito de Aurelino Leal, foi condenado pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) a devolver R$ 11.780.608,16, do próprio bolso, ao município por não prestação de contas no exercício de 2011.

O conselheiro Paolo Marconi ainda recomendou representação contra Domingão ao Ministério Público Estadual.

Além da devolução de R$ 11,7 milhões, o ex-prefeito foi multado em R$ 76.263,00 pelas irregularidades no relatório de gestão de 2011.

Domingão, ex-árbitro de futebol, havia sido condenado, há menos de três meses, a devolver mais de R$ 14,3 milhões por irregularidades relativas às contas de 2012 (relembre aqui).

AURELINO LEAL: TCM OBRIGA “DOMINGÃO” A DEVOLVER R$ 14 MILHÕES

"Domingão" levou cartão vermelho do TCM.

“Domingão” levou cartão vermelho do TCM.

Domingos Marques dos Santos, o Domingão, ex-árbitro de futebol e ex-prefeito de Aurelino Leal, levou cartão vermelho do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

A corte de contas determinou ao prefeito o ressarcimento aos cofres públicos de R$ 14,3 milhões gastos sem comprovação das despesas. A decisão do tribunal foi tomada em sessão ocorrida nesta quarta (21).

Domingão também foi multado em R$ 40.263,00 pelas irregularidades, além de R$ 36 mil por não publicar os relatórios de gestão fiscal.

O TCM ainda informou não ter encontrado documentos que permitissem analisar quanto o município recebeu em 2012.

KALID TAMBÉM É “CANETADO”

A “caneta” também funcionou para o então presidente da Câmara de Aurelino Leal em 2012. Adilson Silva Kalid também não comprovou despesas nem publicou relatório de gestão fiscal, sendo multado em R$ 43.374,00, além de ser obrigado a devolver R$ 657.420,56. Tanto Domingão como Kalid vão responder a representação no Ministério Público Estadual.

 

COLISÃO NA BR-101 PROVOCA UMA MORTE

Do Diário Bahia

Uma carreta da empresa Patrus bateu de frente com um veículo VW Santana na noite de ontem, 03, na Br-101, em Ubaitaba. Uma pessoa morreu na hora: Alex Menezes, motorista do automóvel, de placa JKS-0275.

Com medo de ser linchado por populares revoltados, o caminhoneiro Valter Rodrigues Borges acabou correndo para a delegacia, onde prestou depoimento. Ele disse que seguia de Itabuna com destino a Salvador, onde entregaria mercadorias da Penalti.

As causas do acidente ainda estão sendo investigadas. No entanto, testemunhas relataram que o pneu do caminhão, de placa MPS 1585, teria estourado, fazendo com que condutor invadisse a pista contrária, colindo com o Santana. O choque foi tão violento que a carreta tombou, caindo próximo ao Hospital São Vicente de Paulo. Valter saiu ileso.

Já o carro menor ficou completamente destruído. Alex morava em Aurelino Leal. Era casado e tinha dois filhos.

O trânsito ficou congestionado por cerca de cinco horas, até que o Corpo de Bombeiros conseguisse retirar o corpo das ferragens.

DECEPÇÃO NO JÚRI

Andrade era prefeito de Aurelino Leal.

Gilberto Andrade, a vítima. Família não se conforma com desfecho de julgamento

Da coluna Tempo Presente (A Tarde)

Familiares de Gilberto Andrade, o prefeito de Aurelino Leal que foi assassinado em 5 de maio de 2007, saíram ontem do Tribunal do Júri, no Fórum Ruy Barbosa, decepcionados.

Leonardo de Souza, o Leo Peroba, um dos implicados no assassinato, foi julgado pela segunda vez (na primeira, foi absolvido). Agora, acabou condenado por sete a zero a 13 anos de prisão, mais sanções, pegou 14 anos.

Até aí, tudo bem. O problema é que o juiz Oswaldo de Almeida Bonfim ordenou o cumprimento da pena em regime semiaberto.

Evocou os três anos em que Leo Peroba ficou preso antes.

A família não se conforma. Acha que foi uma injustiça da Justiça. O promotor David Gallo prometeu recorrer para corrigir.

PODE ISSO, DOMINGÃO?

O árbitro de futebol e prefeito de Aurelino Leal, Domingos Marques dos Santos, o Domingão, do PDT, é mais um que encerra governo de forma melancólica, maltratando população e servidores.

Na cidade, alguns postos de saúde deixaram de funcionar e há casos de funcionários da Prefeitura com até dez meses de salários atrasados. Um servidor relatou ao PIMENTA que muitos colegas estão vivendo de favor e outros até passam fome. É o caos total, uma falta grave.

Cartão vermelho para o prefeito!

DISPUTA ELEITORAL VIRA CASO DE POLÍCIA NO SUL DA BAHIA

Juliherbert levou socos de cunhado de candidata a prefeita (Foto Sérgio Fragoso).

Episódios de violência por causa da disputa eleitoral no sul da Bahia têm chamado a atenção da polícia e Justiça. Municípios como Aurelino Leal, Itajuípe e Gandu registraram brigas, sequestro-relâmpago de jornalista e até contratação de milícia para acuar candidatos. Em Aurelino Leal, atos políticos somente ocorriam com a autorização judicial devido aos casos de violência.

Dois dos casos mais graves foram registrados em Gandu e em Itajuípe. Em Gandu, o jornalista Pedro Augusto sofreu agressão, teve equipamento de trabalho furtado e foi vítima de sequestro-relâmpago (relembre aqui).

Nesta semana, em Itajuípe, a polícia civil foi acionada para tentar prender o cunhado da candidata a prefeita pelo PSB, Gilka Badaró. Geraldo Pólvora agrediu com socos o motorista Juliherbert Santana em plena praça pública.

Após a agressão, Geraldo sumiu e abandonou a picape Hilux em um posto de gasolina às margens da BR-101, em Itabuna. A polícia localizou e apreendeu o veículo.

JUSTIÇA BLOQUEIA VERBAS E OBRIGA PREFEITURA A PAGAR FUNCIONALISMO DE AURELINO LEAL

Domingão deve 5 meses de salário ao funcionalismo.

A juíza substituta da Vara dos Feitos Cíveis, Comerciais e da Fazenda Pública, Fernanda Maria de Araujo Mello, determinou o bloqueio de verbas da Prefeitura de Aurelino Leal, para pagamento de salário do funcionalismo. Os servidores municipais estão há cinco meses sem receber salário.

O bloqueio incidirá sobre os repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), Fundo Municipal de Saúde e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb). O bloqueio terá validade até que sejam considerados pagos todos os meses em atraso.

O prefeito Domingos Marques do Santos, o Domingão (PSDB), poderá sofrer multa “pessoal e diária” de R$ 10 mil, caso descumpra a decisão. A ação civil pública foi movida pelo Ministério Público Estadual (MP) contra o município. A decisão foi comunicada ao Banco do Brasil, Bradesco e Caixa Econômica.

O prefeito do município deverá apresentar, em cinco dias, a relação atualizada dos servidores municipais e a situação da folha de pagamento. A magistrada observa em sua decisão que os servidores “não têm outra fonte de renda e estão privados do mínimo assegurado para satisfazer suas necessidades pessoais”. O prazo de contestação por parte do município é de sessenta dias.

MINISTÉRIO DA SAÚDE AMEAÇA CORTAR VERBA DE MUNICÍPIOS BAIANOS IRREGULARES

Aurelino Leal, Barro Preto e Ibicuí são três dos municípios baianos que correm risco de ficar sem recursos do Ministério da Saúde, caso não regularizem os respectivos CNPJs até esta quinta (30). Isso, porque a partir de julho os repasses federais só serão feitos às prefeituras que estiverem com a situação em dia, informa o Bahia Notícias.

Para evitar a interrupção no atendimento à população, as verbas do MS serão enviadas aos fundos estaduais, que ficarão responsáveis pela administração dos serviços nestas cidades. As regras foram acordadas há dois anos entre o Ministério da Saúde, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e o Conselho Nacional dos Secretários Municipais de Saúde (Conasems).

Das 261 cidades brasileiras que ainda não se adequaram ao funcionamento dos fundos de saúde, que precisam ter um número de CNPJ específico, 17 são baianas. Além de Aurelino Leal, Barro Preto e Ibicuí, também encontram-se com CNPJ irregulares os municípios de Madre de Deus, Itaparica, América Dourada, Caatiba, Caldeirão Grande, Catolândia, Ipecaetá, Macururé, Malhada de Pedras, Nova Soure, Oliveira dos Brejinhos, Pedro Alexandre, Pintadas e Tanhaçu.

DOMINGÃO LEVA CARTÃO VERMELHO DO TCM

Domingão desvia até carne, segundo TCM.

Domingos dos Santos, o Domingão (PSDB), prefeito de Aurelino Leal, levou um sonoro cartão vermelho do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). O ex-árbitro de futebol terá de ressarcir o erário em R$ 2.420,00 por ter desviado dinheiro público para, supostamente, fornecer carne à delegacia de polícia civil no município sulbaiano. A carne nunca chegou à delegacia.

Além de devolução do dinheiro desviado, o prefeito levou multa de R$ 3 mil. Os conselheiros do tribunal encontraram algumas pérolas na prestação de contas de 2009 de Domingão. O “hômi” também não prestou contas dos descontos de empréstimo consignado feito pelos servidores. O dinheiro era “mordido” do salário do servidor, mas o prefeito não repassava a grana para o banco.

O prefeito também terá de ressarcir o combalido cofre público em outros R$ 83.532,50 por falta de prestação de contas. Do valor a ser devolvido, R$ 23.284,42 devem retornar à conta do Fundeb (Educação Básica). Domingão levou multa de R$ 6 mil por esta “traquinagem”.

QUATRO MORTOS EM ACIDENTE NA BR-101

Um grave acidente ocorreu há pouco na BR-101, próximo à ponte entre os municípios de Ubaitaba e Aurelino Leal. O motorista de um Volkswagen preto perdeu o controle do veículo em uma curva e se chocou com um ônibus da empresa Rota que vinha no sentido oposto. Todos os quatro ocupantes do carro menor faleceram no acidente.

A violência da batida foi tamanha, que não houve possibilidade de se fazer uma identificação precisa do modelo do veículo.

Os corpos ainda não foram removidos do local.

CASAL É PRESO APÓS SEQUESTRAR RECÉM-NASCIDO

O músico Jeferson Costa Fonseca, 33, e sua esposa Adriana Machado de Souza, 41, foram presos no final da tarde desta quinta-feira, 18, em Eunápolis, extremo-sul da Bahia, após sequestrar um recém-nascido na cidade de Aurelino Leal, no sul do Estado. A criança é filha de uma adolescente de 16 anos, que teria prometido entregá-la ao casal, mas depois se arrependeu e acusou Jeferson e Adriana de sequestro.

Segundo o site Radar 64,  o casal  – que mora no Rio de Janeiro – teria oferecido ajuda financeira à adolescente durante a gestação e a acompanhou no último mês antes do parto. Jeferson é natural de Aurelino Leal e teria pedido aos seus parentes na cidade que lhe conseguissem um bebê para adotar.

O problema é que, em vez de uma adoção legal, o músico optou por registrar como seu o filho de outra pessoa, o que é previsto como crime no artigo 242 do Código Penal. Jeferson e Adriana podem ser condenados a uma pena que varia de dois a seis anos de prisão.

A FÁBRICA DE CONCURSOS

A prefeitura de Aurelino Leal abriu inscrições para concurso público, no dia 20, e até agora quem acessa o site  da empresa escolhida para aplicar as provas, a mineira MSM Consultoria & Projetos, dá com burros nágua. Não há nenhum espaço para inscrições pela internet. Na página (confira aqui), a empresa só disponibiliza cópia de edital, quadro de vagas e cronograma do certame.

Quem pretende concorrer, tá tiririca da vida.

mineira MSM Consultoria & Projetos

COM DILMA E JW, MAS SEM GRAVAÇÃO

O prefeito de Aurelino Leal, o popular Domingão (PSDB), estava em Itacaré nesta quarta-feira, 30, quando foi interpelado por um repórter sobre suas preferências nas eleições de outubro. Sem titubear, respondeu que vota em Wagner para o Governo da Bahia e Dilma Rousseff para a Presidência da República.

Diante do furo, o repórter se animou e quis gravar a surpreendente declaração do tucano. “Uma ova!”. Para não se complicar, Domingão  – que é árbirto de futebol – seguiu a regra clara de todo murista, saindo de fininho e evitando problemas com seu partido.

EX-VICE DE AURELINO LEAL VAI A JÚRI POPULAR

Gagliano é acusado de matar Gilberto Andrade

Gagliano vai a júri popular.

O pastor Giovanni Lopes Gagliano, ex-viceprefeito  do município de Aurelino Leal, no sul do estado, acusado de ter mandado matar o prefeito Gilberto Ramos Andrade, no dia 5 de maio de 2007, para assumir o mandato, vai a júri popular.

A decisão é do juiz Antonio Carlos Betacco, substituto da Comarca de Aurelino Leal, que julgou procedente a denúncia do Ministério Público (MP-BA) e decretou a sentença de pronúncia.

Além dele, três outros implicados têm sentenças idênticas. Informa a coluna Tempo Presente, do Jornal A Tarde, que o envolvimento de Giovanni Gagliano no assassinato de Gilberto causou perplexidade na região. Gagliano era integrante do Comando Vermelho, tornou-se um pastor evangélico respeitado e querido, “do tipo que dava conselhos pessoais”.

Na denúncia do MP consta que o ex-prefeito José Augusto Neto, outro acusado, quando tramava o crime, apresentou um cidadão a Gagliano como ‘um homem de Deus, mas já matou uns dez’. Informações do Bahia Notícias.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia