WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias






:: ‘Banco do Brasil’

A ENGANAÇÃO DOS BANCOS

Banco do Brasil, Caixa Econômica, Bradesco, Santander, HSBC e Itaú anunciaram redução de suas taxas de juros para aquisição de veículos. A Caixa Econômica, por exemplo, anuncia juros a partir de 0,89% ao mês, abaixo das taxas comumente usadas pelos bancos na concessão desse tipo de crédito – a mais baixa era 0,99%.

Só que as taxas valem apenas para quem dá, no mínimo, 30% de entrada do valor do veículo e aderir a “pacotões”, além de ter conta no banco há, pelo menos três meses. O Portal Uol ouviu o especialista em varejo automotivo, o economista Ayrton Fontes, que não pestanejou:

– Essas reduções são uma grande enganação. Elas só privilegiam as classes A e B. “E consumidores com renda mais alta já conseguem ter acesso a taxas mais baixas porque têm outros produtos do banco, como seguros de vida e aplicações financeiras.

Pelo jeito, a presidente Dilma Rousseff terá que retornar à cadeia (de televisão, claro!) para cobrar menos ilusionismo na redução das taxas de juros bancários, inclusive dos bancos oficiais (Caixa e BB).

TAXA DE JUROS MENOR E A NOVA CORRIDA AO FIES

O governo, que havia facilitado a vida dos que queriam comprar a casa própria e o carro zero, decidiu fazer do financiamento estudantil uma arma para tirar o Brasil do atraso na educação superior. A meta do governo é fechar o ano com 350 mil jovens contemplados, segundo reportagem do Correio Braziliense deste sábado.

Não só reduziu as taxas de juros do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), de 9% para 3,4% ao ano, como ampliou o prazo para a quitação da dívida e passou a oferecer empréstimos no ano interior e não apenas no início do período letivo. Resultado: nunca tantos estudantes se renderam ao crédito educativo.

A perspectiva é de que, apenas nos quatro primeiros meses deste ano, o volume de financiamentos por meio do Fies supere os 152,4 mil contratos assinados em todo 2011. Até o fim de março, 127 mil universitários já haviam sido beneficiados e 36 mil estavam à espera do sinal verde do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, responsáveis pelas linhas de crédito.

O BB pretende desembolsar R$ 5 bilhões neste ano, mais do que o dobro do total desembolsado nos dois anos anteriores, de R$ 1,7 bilhão. Até 2010, a única operadora do Fies era a Caixa.

CONCURSO EM AMARGOSA OFERECE SALÁRIO DE ATÉ R$ 8 MIL E 535 VAGAS

A prefeitura de Amargosa (BA) prorrogou o prazo de inscrições no concurso público que oferece 535 vagas, além de cadastro reserva. Os salários oferecidos vão de R$ 622,00 a R$ 8 mil (médico clínico).

A inscrição pode ser feita até o dia 8 de abril pelo site da Fapes (clique aqui). A taxa é de R$ 30,00 para nível fundamental, R$ 50,00 para nível médio completo e R$ 80,00 para cargos de nível superior.

Auxiliar de infraestrutura, encarregado de serviços gerais, pedreiro, eletricista, carpinteiro, pintor, operador de máquinas pesadas, auxiliar de serviços administrativos educacionais, fiscal de obras públicas, fiscal de serviços públicos e fiscal de tributos.

Há vagas também para técnico agrícola, técnico em enfermagem, técnico em laboratório, técnico em radiologia, assistente administrativo, motorista, orientador educacional, assistente social, psicólogo, médico, enfermeiro, biólogo, pedagogo, médico veterinário,  agrônomo, odontólogo, enfermeiro auditor, médico auditor, médico pediatra, professor, intérprete de Libras (confira lista completa no edital).

Abaixo, confira também editais de 143 concursos públicos em todo o país. A oferta total é de 51,7 mil vagas, aponta levantamento do G1. O maior salário é para o Tribunal Regional do Trabalho de Sergipe (TRT-SE): R$ 21.766,15.

:: LEIA MAIS »

BANDIDOS INVADEM E ROUBAM O BB DE UBATÃ

Agência foi assaltada nesta madrugada (Foto Marcos Vinícius/Ubatã Noticias).

Bandidos arrombaram caixa eletrônico da agência do Banco do Brasil em Ubatã, no sul da Bahia, por volta das 4h da madrugada desta segunda (16). Eles arrombaram um dos caixas com um maçarico e fugiram antes da polícia militar chegar ao local, a avenida Landulfo Alves, centro da cidade. Nem a polícia nem o Banco do Brasil informam quanto a quadrilha conseguiu levar.

Os bandidos passaram toda a noite circulando em três carros pela cidade e começaram a agir na madrugada, segundo o Ubatã Notícias.  A agência amanheceu fechada. O local foi isolado pela polícia para que fosse feito trabalho de perícia.

SERVIDOR JÁ PODE TRANSFERIR CONTA-SALÁRIO PARA QUALQUER BANCO – E SEM ÔNUS!

Da Agência Brasil

O servidor público que recebe pagamento em conta-salário poderá, a partir de hoje (2), pedir a transferência automática do dinheiro para o banco que escolher. Esses trabalhadores foram os últimos a ter acesso ao benefício, uma vez que os da iniciativa privadatêm esse direito desde 2009.

Com o prazo maior para a entrada em vigor do benefício ao funcionalismo público, os estados e municípios puderam oferecer por mais tempo o atrativo dos pagamentos aos servidores na hora de leiloar as folhas às instituições financeiras.

De acordo com as regras estabelecidas pelo governo, para transferir o salário para outra conta diferente da aberta pelo empregador, é preciso que a indicação seja feita por escrito à instituição financeira.

O banco é obrigado a aceitar a ordem no prazo de até cinco dias úteis e os recursos devem ser transferidos para o banco escolhido pelo empregado no mesmo dia do crédito do salário, até as 12h.

A conta-salário é diferente da conta-corrente por ser destinada ao pagamento de salários, aposentadorias e pensões e por se tratar de um contrato firmado entre a instituição financeira e a empresa empregadora e não entre o banco e o empregado. Na conta-salário, o cliente não tem direito a talão de cheques e não pode receber outros depósitos além do salário.

No site do Banco Central (BC), há uma série de perguntas e respostas sobre a conta-salário. A instituição que processa o maior número de folhas de pagamento de servidores públicos no país é o Banco do Brasil (BB). Segundo o diretor de Clientes Pessoa Física do BB, Sérgio Nazaré, são 1,516 milhão de servidores federais, o que representa 71% dos pagamentos a esses trabalhadores. No caso dos servidores estaduais, são 3,104 milhões (59%), e dos municipais, o número chega a 2,058 milhões (27%).

:: LEIA MAIS »

CONCURSOS OFERECEM 43 MIL VAGAS

Preparem-se concurseiros! Levantamento feito pelo portal G1 aponta para a oferta de, pelo menos, 43 mil vagas em concursos públicos nos níveis federal, estadual e municipal neste novo ano.

Algumas das vagas já previstas são as do Banco do Brasil, Caixa, Petrobras e polícias Federal e Rodoviária Federal. Somente as polícias oferecerão 2,7 mil vagas com salários que variam de R$ 3,5 mil a R$ 13,3 mil, a depender do cargo em disputa. O edital do concurso ainda não foi publicado. Clicando no “leia mais” você confere os concursos previstos.

:: LEIA MAIS »

UBATÃ: POLÍCIA PRENDE SEQUESTRADORES DE SUBGERENTE DO BB E FAMÍLIA

Policiais civis e militares prenderam hoje a quadrilha que sequestrou um subgerente do Banco do Brasil e familiares, em Ubatã, no sul da Bahia. Os quatro integrantes da quadrilha foram presos no bairro Jequiezinho, em Jequié, no sudoeste do estado. O sequestro ocorreu ontem à noite. A esposa e dois filhos do bancário somente foram liberados por volta das 3h de hoje.

Carlos Alberto de Souza, o Pau-Ferro e os filhos Carlos Alberto Júnior e Rodrigo Pau-Ferro foram presos numa rua do bairro. Gilvanete Silva Soares, esposa de Carlos Alberto, foi presa numa casa onde a polícia também encontrou duas pistolas (380 e 9 milímetros), espingarda 12, um revólver calibre 38 e equipamentos para arrombar caixa eletrônico, também no Jequiezinho.

Segundo a polícia, Carlos Alberto namora Gilvanete há seis meses. A relação bandida teria começado quando ele ainda estava no presídio de Jequié. A quadrilha familiar será apresentada amanhã, às 15h, na sede da Polícia Civil, em Salvador.

QUADRILHA SEQUESTRA SUBGERENTE DO BB E FAMÍLIA EM UBATÃ

Familiares e subgerente da agência do Banco do Brasil em Ubatã, no sul da Bahia, foram sequestrados ontem à noite, por volta das 18h, quando o bancário chegava à residência, no centro da cidade. A quadrilha levou a esposa e dois filhos do subgerente em um Fiat Dobló e o obrigou a seguir o carro. O bancário somente foi liberado no município de Camamu, ontem à noite. A ação começava a ser frustrada quando uma pessoa percebeu a movimentação estranha e acionou a polícia.

A quadrilha liberou os reféns por volta das 3 horas desta terça (29), em Tremembé, também próximo a Camamu. A mulher ligou para o esposo e a polícia trouxe ela e filhos para Ubatã. Efetivos das polícias Civil, Militar e rodoviárias Federal e Estadual foram acionadas para tentar prender os assaltantes, informa o site Ubatã Notícias. O plano da quadrilha era assaltar a agência nesta terça.

BB REABILITA CRÉDITO PARA 40 MIL PRODUTORES

O Banco do Brasil decidiu reabilitar 40 mil produtores até agora impedidos de contratar novos empréstimos de crédito rural em razão de haver renegociado dívidas antigas em programas de investimento.

Ao anunciar a destinação de R$ 45,7 bilhões ao setor na nova safra (2011/2012), o vice-presidente de Agronegócios do BB, Osmar Dias, informou ontem que a medida não seguiu nenhuma resolução oficial ou orientação do governo, mas foi uma decisão interna do banco. “Esses 40 mil não podiam contratar por ter renegociado investimentos. Tiramos esse impedimento e isso é uma forma de desburocratização”, afirmou.

A barreira foi imposta pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) à época da última grande repactuação dos débitos. Mas os pagamentos antecipados de boa parte dessas dívidas, cujo volume aumentou de forma significativa nos últimos meses, deu segurança ao BB para ousar.

A decisão do banco cria um “potencial” de R$ 3 bilhões de negócios com esse grupo de produtores, informou o diretor de Agronegócios do BB, Ives Fülber. “Antes de decidir isso, fizemos avaliações das condições financeiras de cada um. Isso não implica em riscos. Haverá garantia real e limites de crédito em cada operação dessa”, afirmou. Informações do Valor Econômico.

COARACI: BANDIDOS FAZEM SETE REFÉNS EM ASSALTO AO BB

Dois gerentes da agência do Banco do Brasil e familiares foram seqüestrados ontem, em Coaraci, no sul da Bahia, por uma quadrilha de assalto a banco em uma ação ousada que teve desfecho por volta das 10h desta sexta (1º). Os bancários foram seqüestrados quando saiam da agência, no centro da cidade.

As primeiras versões confirmadas pela polícia são de que os sequestrados foram levados para a casa do subgerente da agência.  Além dos funcionários do BB, a mãe da gerente geral e a esposa e filhos do gerente jurídico foram feitos reféns pela quadrilha. Os nomes dos gerentes não foram divulgados oficialmente.

Logo cedo, os dois gerentes voltaram à agência com os bandidos, mas até agora não foi informado se a quadrilha conseguiu levar algum dinheiro.

Os familiares dos bancários foram libertados por volta das 10h no trevo de acesso a Uruçuca, na BR-101, de acordo com as primeiras informações.  As polícias militar e civil foram mobilizadas. As vítimas permaneciam até há pouco na delegacia de polícia em Coaraci. As investigações são comandadas pelo coordenador regional, delegado Moisés Damasceno.

PREFEITURA DE ILHÉUS É ACUSADA DE APROPRIAÇÃO DE CONSIGNADO

A prefeitura de Ilhéus está sendo acusada de apropriar-se indevidamente dos descontos em folha do crédito consignado dos funcionários que contraíram empréstimo no Banco do Brasil. Desde ontem, servidores alegam que sofreram dois descontos sobre o salário e a justificativa da gerência do BB seria a de “falta de pagamento” por parte da prefeitura.

“Neste mês, pagaremos duas parcelas de vez”, reclama uma servidora que prefere não ser identificada para evitar retaliações. Diversos servidores municipais dizem que não puderam movimentar a conta, ontem, por causa da inadimplência da prefeitura. “Tentei sacar dinheiro, mas somente aparecia a informação de saldo aprovisionado”, queixa-se outro servidor. A gerência da agência central teria informado que a paciência com a prefeitura teria esgotado.

ADESÃO AO PAC DO CACAU VAI ATÉ DIA 31

Zózimo (ao centro) recebe dirigentes dos bancos do Brasil e do Nordeste (Foto Wilde Cabral).

Os produtores sulbaianos têm até o próximo dia 31 para aderir à renegociação de dívidas do PAC do Cacau. A adesão pode ser feita em qualquer uma das agências do Banco do Brasil ou Banco do Nordeste, commo lembra o o gerente da Diretoria de Reestruturação de Ativos Operacionais do Banco do Brasil, em Brasília, Cláudio José Oliveira Gomes.

A renegociação é o primeiro inicial para que o cacauicultor tenha acesso a novo crédito. O PAC do Cacau prevê investimentos de R$ 2,52 bilhões no sul da Bahia em renegociação de dívidas, dinheiro novo e estímulo à diversificação econômica.

Cláudio Gomes esteve no sul da Bahia nesta quinta (26) e reuniu-se com o superintendente regional da Ceplac, Antônio Zózimo, na sede do órgão federal.

TJ-BA DERRUBA EXCLUSIDADE DO BB NOS CONSIGNADOS A SERVIDORES ESTADUAIS

Por maioria, os desembargadores do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) aprovaram o fim da exclusividade no serviço do empréstimo consignado – aquele que é descontado em folha – para servidores do estado. O julgamento foi nesta quarta-feira (25) na sede do TJ.

A decisão vai beneficiar cerca de 200 mil trabalhadores estaduais, que poderão contratar o serviço em qualquer instituição financeira. Por 27 votos a 1, os desembargadores concederam a segurança requerida em dois mandados, um de autoria da Federação Interestadual dos Servidores Públicos Municipais e Estaduais (Fesempre) e o outro impetrado pela Associação Brasileira de Bancos (ABBC),

A decisão resulta no cancelamento da cláusula do contrato firmado com o governo do estado em benefício do Banco do Brasil (BB). A decisão passa a valer a partir da publicação no Diário Oficial do Estado.

No entanto, o BB e o governo do estado ainda podem recorrer da decisão. O decreto estadual 12.225 impede o servidor público de escolher o crédito com desconto em folha em outra instituição que não seja o BB, para financiamentos a partir de 25 meses. Informações do Correio.

QUADRILHA QUE ASSALTOU BB EM URUÇUCA TINHA “BASE” EM BUERAREMA

As polícias civil e Rodoviária Federal prenderam ontem três suspeitos de assaltar a agência do Banco do Brasil em Uruçuca, no sul da Bahia, e já sabem que a quadrilha havia alugado uma casa em Buerarema para funcionar como “base operacional”. Dois homens foram presos na caçada e entregaram um terceiro, que estava na casa alugada.

Sob o comando do delegado regional Moisés Damasceno, as polícias civil e militar continuam a caça ao restante da quadrilha composta por 12 homens. A quadrilha se dispersou na fuga após o assalto ao BB de Uruçuca, ontem de madrugada.

Os presos foram identificados como Flávio Elias de Souza, o Gogó, Adenilton Ribeiro Rodrigues, o Negão, e Joilson Pereira Silva, “Primo”. Ainda ontem, a Polícia Rodoviária Estadual localizou um Ford Ecosport com placa fria. A polícia chegou no sistema de informações e observou que a placa JPP-1042, licença de Salvador, pertence a um Fiat Pálio.

GERÊNCIA DO BB ESCLARECE CAIXA ESPECIAL PARA ADVOGADOS

O caixa especial criado pela agência do Banco do Brasil em Itabuna para atendimento a advogados será utilizado exclusivamente em casos de pagamentos de ordens judiciais, segundo explicou o gerente-geral Fernando Bastos ao PIMENTA.

De acordo com ele, o profissional do Direito terá o mesmo tratamento oferecido aos demais clientes quando for à agência para tratar de questões pessoais. “Não existirá um caixa especial para classes, categorias. Jamais faríamos isso”, assegura.

Fernando Bastos diz que o atendimento a alvarás é demorado. Ele calcula que, na média, leve entre 30 a 40 minutos e prejudica quem está atrás, na fila. O tempo de atendimento, explicou, varia de acordo com o valor e o tempo da causa. E quanto mais antiga , maior o tempo para conferência de documentos e consequente pagamento. “Ao criar um caixa específico para alvarás judiciais, eu melhoro o meu atendimento [aos clientes]”.

“NÉ BESTA, NÃO!”

Que o Banco do Brasil está entre os bancos líderes em mau atendimento, isso não é grande novidade. Não são poucas as reclamações de correntistas contra o atendimento prestado pelo BB.

Para se livrar pelo menos das reclamações dos advogados, a agência central, em Itabuna, lançará nesta sexta (15), às 10 horas, caixa exclusivo para atendimento à categoria.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia