setembro 2014
D S T Q Q S S
« ago    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  



:: ‘Blog do Gusmão’

ENCONTRO DISCUTE BLOGOSFERA NACIONAL

Emílio Gusmão provocou riso ao contar sobre "dedada retal" de secretário.

Carlos Mascarenhascarlos.consultic@gmail.com

Contando com a participação de mais de 300 blogueiras e blogueiros, convidados e palestrantes vindos de 17 estados brasileiros e des países como Venezuela e Cuba, foi realizado durante este último fim de semana (25, 26 e 27), no Hotel Bahia Sol, em Salvador, o 3º Encontro Nacional de Blogueiros.

Entre os conferencistas e debatedores, tivemos nomes como Franklin Martins, Emiliano José, Paulo Henrique Amorim e deputados João Arruda, Jandira Feghali, Alice Portugal e Jean Wyllys.

Blogueiros sul-baianos estiveram lá.

Durante o encontro, foi realizada uma reunião da Comissão de Deputados que analisa o Projeto do Marco Civil da Internet Brasileira. Eles participaram da mesa que discutiu “A batalha pelo marco civil da internet”. A programação completa do encontro pode ser vista aqui.

Vale aqui ressaltar a participação do blogueiro ilheense Emílio Gusmão como debatedor na mesa que discutiu o tema “Em defesa da blogosfera e da liberdade de Expressão” mesa que foi dirigida pelo jornalista Paulo Henrique Amorim.

Acrescente-se que durante este debate e durante todo o evento, foi muito discutido o processo judicial sofrido pelo blogueiro Gusmão em virtude de ter noticiado no seu blog o exame de próstata a que um ex-secretário Municipal de Ilhéus teve que se submeter. Muitas risadas foram dadas todas as vezes em que este fato era citado.

A nossa região participou do encontro, além de Emilio Gusmão, com Carlos Mascarenhas e Ricardo Mascarenhas, representando o Blog do Ricky, os blogueiros Alan Alves dos Santos e Antonio Carlos Farias Nunes (Zebrão), representando o Blog de Ibirataia e Blog do Zebrão, respectivamente. Foi noticiado durante o evento a realização de uma Encontro Internacional de Blogueiros, que será realizado durante o mês de novembro deste ano, em Foz do Iguaçu.

:: LEIA MAIS »

DEPUTADA E JUIZ CENSURAM BLOG ILHEENSE

A deputada estadual Ângela Sousa (PSC) conseguiu, por via judicial e em segunda tentativa, censurar o Blog do Gusmão. O site foi obrigado a retirar postagens que tratavam das suspeitas de gatunagem e desvios de dinheiro da Secretaria de Ação Social, quando era comandada por Augusto Macedo, ex-assessor de gabinete da parlamentar.

Ângela havia ingressado com ação no Juizado Especial Cível no ano passado, mas a juíza Raquel François negou o pedido, alegando atentado à liberdade de imprensa e livre manifestação de pensamento. A deputada estadual decidiu entrar com a mesma ação na 3ª Vara Cível. O juiz Jorge Luiz Dias Ferreira entendeu diferente da colega do Juizado Especial e obrigou o blog a retirar três postagens que relacionavam apontavam suspeitas dos desvios de dinheiro na Secretaria de Ação Social para a campanha da deputada.

Editor do blog, Emílio Gusmão disse que retirou as postagens, mas seus advogados já recorreram ao Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA). No primeiro semestre deste ano, o mesmo juiz Jorge Luiz Dias Ferreira já havia imposto censura ao Blog do Gusmão, em processo movido pelo secretário de Serviços Públicos de Ilhéus, Carlos Freitas. A decisão do juiz ilheense foi cassada pelo TJ-BA em decisão da desembargadora Ilza Maria da Anunciação (relembre aqui).

TJ-BA DERRUBA CENSURA AO BLOG DO GUSMÃO

Emílio comemora decisão do TJ.

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) derrubou a censura imposta ao Blog do Gusmão pelo juiz titular da 3ª Vara Cível da Comarca de Ilhéus, Jorge Luiz Dias Ferreira. O magistrado ordenou, em março, a imediata retirada de postagens sobre o secretário de Serviços Públicos, Carlos Freitas.

A decisão contra a censura é da desembargadora Ilza Maria da Anunciação em agravo de instrumento interposto pelos advogados Jorge Almeida e Mariana Almeida, defensores de Emílio Gusmão, editor do Blog do Gusmão.

As notas (posts) censuradas falavam de um exame de próstata a que o secretário foi submetido e os crimes cometidos por Freitas contra a Língua Portuguesa.

Imagem postada no post ABC do Valentão foi censurada pelo juiz ilheense.

O blog foi obrigado pelo juiz ilheense a retirar as postagens “O valentão e a dedada” e ABC do Valentão e até uma outra postada num site de terceiros. O descumprimento da decisão resultaria em multa diária no valor de R$ 500,00.

A desembargadora Ilza Maria da Anunciação destacou, em sua decisão, que vivemos numa “sociedade democrática e livre de censura, em que publicações insertas nos blogs indicados nos autos são imbuídas de juízo crítico trazidos com bom humor, mas com limitações impostas pelo direito à inviolabilidade da honra e da imagem“. Ou seja, o que tanto o secretário Carlos Freitas como o juiz ilheense viram como de mau-gosto e invasão à intimidade, a desembargadora enxergou como postagens “de juízo crítico” e “bom humor”.

A magistrada ainda destacou entendimento do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello, para quem não há responsabilidade civil em publicação de matéria jornalística com caráter mordaz ou irônico ou veiculação “de opiniões em tom de crítica severa, dura ou, até, impiedosa, ainda mais se a pessão a quem tais observações forem dirigidas ostentar a condição de figura pública”.

Assim, o Tribunal de Justiça valoriza a liberdade de expressão e derruba um precedente perigoso que se abria no judiciário ilheense. Emílio Gusmão disse ao PIMENTA que as postagens voltam ao ar assim que for notificado da decisão judicial.

“COMISSÃO” ESQUENTA POLÍTICA ILHEENSE

Uma denúncia no Blog do Gusmão contra um vereador e dois secretários municipais esquentou a política ilheense nesta sexta-feira. O site afirma que o vereador Aldemir Almeida teria procurado um empresário que loca veículos à prefeitura e feito a proposta de uma comissãozinha (30%) para repartir com os secretários Alcides Kruschewsky (Governo) e Jorge Bahia (Finanças).

O empresário Luciano Guerreiro tentou desmentir a versão do blog, mas Gusmão colocou no ar a lamúria do dona da locadora de veículos. Frise-se que Guerreiro não aparece falando nomes, mas dizendo que quem quer ser honesto toma no monossílabo da cobra.

Hoje à tarde, o secretário Alcides Kruschewsky emitiu nota em que repudia a citação do seu nome pelo site e diz estar sendo vítima de infâmias. “A denúncia é falsa e carece de fundamentos primários, haja vista que a Secretaria de Governo não realizou ou interferiu em licitação pública para a locação de veículos”.

Daí em diante, abaixo do pescoço era canela. O secretário, literalmente, soltou os cachorros.  O vereador Aldemir e o secretário das Finanças, Jorge Bahia, ainda não se pronunciaram.

DEPUTADA EXONERA ASSESSOR ACUSADO DE AMEAÇAR BLOGUEIRO

A deputada Ângela Sousa afirma que exonerou o assessor parlamentar Celso Silva, acusado de ameaçar de morte o editor do Blog do Gusmão, Emílio Gusmão. A ameaça foi feita na manhã desta quarta-feira, 17, por telefone (confira aqui).

A deputada estadual disse que tomou como surpresa o fato. Em nota, Ângela diz considerar o fato “absolutamente lamentável”. A parlamentar, segundo a nota, teria determinado a apuração imediata do caso. Ao constatar verdadeira a ameaça, determinou o afastamento de Celso Silva.

Confira a íntegra da nota aqui

BLOGUEIRO É AMEAÇADO DE MORTE POR ASSESSOR DE DEPUTADA

Gusmão é ameaçado.

O blogueiro Emílio Gusmão sofreu ameaça de morte de Celso Silva, assessor da deputada estadual Ângela Sousa (PSC). A ameaça foi feita por telefone, às 9h55min desta quarta-feira. Segundo Gusmão, Celso afirmou que faria qualquer coisa pela deputado:

- Você está falando demais! Cuidado! Você pode amanhecer com a boca cheia de formiga. Pela deputada, eu façou tudo, seu filho da puta, até mesmo cuidar da sua morte – disse o assessor.

Emílio, que já foi assessor de comunicação da deputada, afirmou que tomará as providências cabíveis. Neste momento, Gusmão se dirige à delegacia para prestar queixa contra Celso e pedir proteção de vida.

Celso teria se irritado com uma postagem em que Gusmão revelava que Marcus Sousa, filho da deputada estadual, era funcionário fantasma do gabinete do deputado federal Jutahy Júnior (PSDB), recebendo salário mensal de R$ 8 mil.