WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia





abril 2019
D S T Q Q S S
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930  

editorias






:: ‘Brumadinho’

NÚMERO DE MORTOS NA TRAGÉDIA EM BRUMADINHO SOBE PARA 134

Corpo de Bombeiros de Minas atualiza número de corpos resgatados || Foto Corpo de Bombeiros-MG

O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais e a Defesa Civil do estado atualizaram para 134 o número de mortos, após o rompimento da Barragem 1 da Vale, em Brumadinho (MG). Desse total, 120 já tiveram as identidades confirmadas pelas autoridades. Além disso, 199 pessoas ainda permanecem desaparecidas. Ao todo, 394 foram localizadas.

Segundo o porta-voz da corporação, tenente Pedro Aihara, a previsão é de chuva para os próximos dias, mas as condições meteorológicas não deverão representar um obstáculo, uma vez que parte do efetivo ainda está trabalhando no que chamam de área quente – região mais afetada pelo fluxo de lama e onde há maior chance de vítimas serem encontradas.

Ainda de acordo com o tenente, devido ao deslocamento da lama, foi possível encontrar três corpos de vítimas perto do que as equipes acreditam ter sido o vestiário da mineradora Vale.

Durante a coletiva de imprensa, o tenente também informou que 15 máquinas deverão auxiliar nas buscas da força-tarefa estruturada no local. Com informações da Agência Brasil.

BUSCAS POR VÍTIMAS EM BRUMADINHO CHEGAM AO 10º DIA

Buscas em Brumadinho chegam ao 10º dia neste domingo || Foto Corpo de Bombeiros-MG

Os bombeiros iniciaram hoje (3) o décimo dia de buscas por vítimas do rompimento da barragem Mina Córrego do Feijão, da mineradora Vale, em Brumadinho (MG), que ocorreu no último dia 25.

De acordo com balanço mais recente divulgado pela Defesa Civil de Minas Gerais, 395 pessoas foram localizadas pelas equipes de buscas, 226 continuam desaparecidas e 121 morreram.

Cerca de 200 bombeiros participam das buscas diariamente. Desde o rompimento da barragem, no dia 25 de janeiro, mais de mil militares se envolveram nos trabalhos, incluindo tropas de São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas, Espírito Santo, Paraná, Maranhão, Santa Catarina, além de uma equipe de 136 militares do exército de Israel. Segundo já adiantou o Corpo de Bombeiros Militar do estado, não há como prever uma data de encerramento das buscas por vítimas.

Ontem (2), a Advocacia-Geral da União (AGU) informou que vai cobrar da Vale os custos das operações do resgate. Segundo a AGU, todo o gasto que o governo federal tiver por conta do desastre é passível de cobrança judicial. “Toda a mobilização do Exército, da Defesa Civil, dos ministérios da Saúde e do Meio Ambiente, isso vai ser computado e vai ser passível de cobrança judicial por parte da União, das autarquias e fundações em relação à empresa Vale”, garantiu a AGU.

A mineradora Vale, responsável pela barragem, instalou nesse sábado (2) a primeira membrana no Rio Paraopeba. Conforme informações divulgadas pela empresa, a barreira foi colocada próximo à captação de água da cidade de Pará de Minas, a cerca de 40 quilômetros de Brumadinho. O sistema de captação de Pará de Minas será protegido por três barreiras de retenção. As outras duas devem ser instaladas até hoje (3). Da Agência Brasil.

ESPOSA DE ILHEENSE ESTÁ ENTRE OS DESAPARECIDOS EM BRUMADINHO

Casada com ilheense, Isabela está desaparecida || Reprodução Jornal Bahia Online

A engenheira de minas Isabela Barroso Câmara Pinto é uma das funcionárias da Vale desaparecidas no acidente que resultou no rompimento de Barragem, em Brumadinho, em Minas Gerais. Nascida em Governador Valadares (MG), Isabela tem uma relação familiar com Ilhéus. É casada com Paulinho Pinto, neto do falecido produtor rural Paulo Cardoso Pinto, que durante anos presidiu a Coopercacau.

Desde o registro do acidente, a família não consegue manter contato com a engenheira, que estava atuando nas instalações da empresa. Familiares de Paulinho, todos residentes em Ilhéus, estão acompanhando a divulgação de informações e da lista de identificação de corpos localizados na operação de resgate. Todos ainda acreditam em um milagre. Pelas redes sociais, familiares de Isabela, residentes em outras regiões do Brasil, pedem orações.

Isabela é a única filha do casal Mercia e Helvécio. Confira a íntegra no Jornal Bahia Online.

 






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia