WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
cenoe





dezembro 2018
D S T Q Q S S
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

editorias






:: ‘Centro de Cultura Adonias Filho’

CENTRO DE CULTURA RETOMA ATIVIDADES, MAS SEM A SALA PRINCIPAL

Centro de Cultura foi interditado por falta de plano de combate a incêndio.

Centro de Cultura foi interditado por falta de plano de combate a incêndio.

As atividades do Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna serão retomadas nesta segunda (29). As salas multiuso foram liberadas, mas a principal, que recebe espetáculos musicais e teatrais, continuará interditada.

De acordo com comunicado da Secretaria de Cultura do Estado (Secult), a sala principal passará novamente por obras de requalificação e serão instaladas poltronas com revestimento antichamas.

A secretaria também informou que “o isolamento na parte externa e interna do muro” foi concluído “na manhã deste sábado (27)”. A promessa da Pasta é de que a “reconstrução será iniciada na próxima semana pela Superintendência de Patrimônio da Secretaria de Administração”.

Conforme a nota, a reabertura ocorre após a formulação do “projeto de Combate a Incêndio e Pânico”, que já teria sido encaminhado ao Corpo de Bombeiros para análise. “A Secretaria de Cultura demonstra desta forma preocupação em manter a segurança das atividades no espaço”.

MOVIMENTO PEDE CONCLUSÃO DE REFORMA DO CENTRO DE CULTURA, QUE ESTÁ INTERDITADO

Centro de Cultura entrou em reforma em 2013 e foi reaberto em 2015. Agora, novamente interditado...

CCAF entrou em reforma em 2013 e foi reaberto em 2015. Está novamente interditado…

Após ficar fechado por dois anos, o Centro de Cultura Adonias Filho (CCAF), de Itabuna, reabriu no início do segundo semestre de 2015. À época, o secretário de Cultura do Estado, Jorge Portugal, prometeu conclusão da reforma até novembro daquele ano, durante as comemorações do centenário de nascimento do escritor Adonias Filho.

A reforma não foi concluída. De lá até aqui, o Centro de Cultura funcionava na base do improviso – por dois anos. Ontem (23), o comando do Corpo de Bombeiros em Itabuna decidiu interditar o CCAF. O estado não cumpriu as exigências de instalação de equipamentos de segurança, a exemplo de sensores de incêndio.

Notificada duas vezes, a Secult recebeu prazos para adequar o equipamento cultural às normas de segurança. Nada feito, segundo o comando do 4º Grupamento do Corpo de Bombeiros em Itabuna. Não restou outra saída a não ser a interdição do CCAF.

ABAIXO-ASSINADO

Com a decisão do Corpo de Bombeiros, atores culturais voltaram a fazer circular um abaixo-assinado de 2014, no qual pedem a imediata conclusão das obras de reforma do centro de cultura. Por enquanto, e apesar de iniciada há 3 anos, a petição digital colecionava – até as 9h58min de hoje – apenas 498 assinaturas. Número deve subir após a decisão de ontem, tomada pelo Corpo de Bombeiros e apoiada pelo Ministério Público Estadual (MP-BA).

Pelo lado do estado, a promessa é de retomada das obras de reforma em julho deste ano. Artistas já estariam programando protestos contra a Secult por causa do descaso com o Centro de Cultura Adonias Filho.

 

DOMINGO DE HUMOR E FORRÓ NO CENTRO DE CULTURA

Boteco do Piaba está em cartaz até este domingo (Foto Pimenta).

Boteco do Piaba está em cartaz até este domingo (30), no Centro de Cultura (Foto Pimenta).

O humorista Renato Piaba encerra, neste domingo (30), a série de duas apresentações no palco do Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna, com o show Boteco do Piaba. Não é apenas show de humor. Também rola música.

Hoje, o convidado do boteco é o cantor Ari PB, vocalista da banda Cacau com Leite. A apresentação começa às 19 horas.

O ingresso pode ser adquiridos na bilheteria do centro de cultura ou no Pimenta Ingressos, no Shopping Jequitibá – a partir das 14h, e custa R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia-entrada).

Ontem à noite (29), Piaba abriu a série provocando o público ao falar do comportamento de casais e relação pais e filhos. A plateia delirava com as histórias e a performance, além da interação. Hoje, o humorista promete um show diferente, no estilo boteco, mas puxando para histórias “acontecidas” nos carnavais da vida.

MÚSICA 

Para encerrar a primeira noite de apresentações em Itabuna, Piaba convidou o vencedor de uma das edições do reality musical Fama, da Globo, Fábio Souza. O músico está deixando a Banda Pretobom.

Fábio volta a fazer carreira solo. No próximo dia 5, lança novo trabalho. O estilo é a “tristência”, como ele classificou, mas sem deixar de fora ritmos que marcam sua carreira até aqui.

Show Boteco do Piaba
Humor e música, com Renato Piaba e Ari PB (Cacau com Leite).
Onde: Centro de Cultura Adonias Filho, Itabuna
Quando: Domingo, dia 30, às 19 horas.
Ingressos: 40,00 / R$ 20,oo (meia), no Pimenta Ingressos ou na Bilheteria do CCAF

EM ITABUNA, PROGRAMAÇÃO CELEBRA CENTENÁRIO DO ESCRITOR ADONIAS FILHO

Nascido em Itajuípe, Adonias Filho foi um dos principais nomes da literatura baiana.

Nascido em Itajuípe, Adonias Filho foi um dos principais nomes da literatura baiana.

Portugal participa de comemorações amanhã (Foto Mateus Pereira).

Portugal participa de comemorações (Foto Mateus Pereira).

As comemorações do centenário de nascimento do escritor Adonias Filho terão atividades especiais em Itabuna, com espetáculo de dança, apresentação musical e panorama para falar da vida e obra do escritor na quinta e sexta-feiras (dias 26 e 27). Adonias Filho nasceu em 27 de novembro de 1915, em Itajuípe. As comemorações

Amanhã, às 19h, no Centro de Cultura Adonias Filho, haverá apresentação da Banda Sinfônica de Itabuna. O secretario de Cultura da Bahia, Jorge Portugal, abrirá as comemorações abordando a importância do escritor para o território de identidade Litoral Sul e para a literatura nacional.

Na sequência, Silmara Oliveira, coordenadora do Memorial Adonias Filho, em Itajuípe, apresenta traçado histórico sobre os cem anos do escritor. Para encerrar a noite, o Balé do Teatro Castro Alves (BTCA) fará a apresentação de seu espetáculo “…Ou isso”, uma montagem inspirada na obra do poeta mato-grossense Manoel de Barros (1916), considerado um dos principais poetas contemporâneos brasileiros.

Na sexta-feira, às 19h30, o BTCA fará nova apresentação do espetáculo “…ou isso”, desta vez, aberta ao público. O ingresso será trocado por 1 kg de alimento não perecível, que será destinado para o Abrigo São Francisco e o Albergue Bezerra de Menezes, em Itabuna.

VIDA E OBRA DE ADONIAS FILHO

Nascido em 1915, na cidade de Itajuípe, Adonias Aguiar Filho foi jornalista, crítico literário, ensaísta e romancista. Foi eleito vice-presidente da Associação Brasileira de Imprensa, membro do Conselho Federal de Cultura, presidente da Associação Brasileira de Imprensa e presidente do Conselho Federal de Cultura.

Suas obras apresentavam fortes características da região cacaueira, das quais se pode destacar Corpo Vivo, Luanda Beira Bahia, O Largo da Palma e As Velhas. Suas obras foram traduzidas para o inglês, o alemão, o espanhol, o francês e o eslovaco. Foi eleito para a cadeira nº 21 da Academia Brasileira de Letras. Em 2 de agosto de 1990, faleceu em sua fazenda Aliança, em Inema, distrito de Ilhéus e vizinho a Itajuípe.

PIABA COMEMORA 20 ANOS DE CARREIRA COM SHOW EM ITABUNA

Piaba se apresenta hoje, amanhã e domingo em Itabuna (Foto Divulgação).

Piaba se apresenta hoje, amanhã e domingo em Itabuna (Foto Divulgação).

O humorista baiano Renato Piaba se apresenta hoje, amanhã e domingo (6 a 8), no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna, com um show para comemorar os 20 anos de carreira.

O espetáculo é uma mistura dos principais sucessos de sua carreira com novidades – que o humorista só revela no palco, claro.

Quem já curtiu shows do artista, a exemplo de Piaba de Verão, Na cama com Piaba, Terapeuta do Riso, Dr. Piaba ou Vida de solteiro, já deve ter uma ideia de como deva ser Renato Piaba – 20 anos de carreira.

As apresentações começarão sempre às 20 horas. Os ingressos podem ser adquiridos no Pimenta Ingressos ou na bilheteria do Centro de Cultura. Confira mais na seção “Serviço”, mais abaixo.

SERVIÇO
Renato Piaba – 20 anos de Carreira
Quando Dias 6,7 e 8
Horário 20 horas
Quanto R$ 50,00 / R$ 25,00, no Pimenta Ingressos (Shopping) e Bilheteria do CCAF.
Classificação 16 anos
Informações (73) 99129-2350

PORTUGAL PROMETE CENTRO DE CULTURA REFORMADO ATÉ JULHO

Centro de Cultura entrou em reforma em 2013, mas obras não foram concluídas.

Centro de Cultura entrou em reforma em 2013, mas obras não foram concluídas.

jorge portugal2O secretário estadual de Cultura, Jorge Portugal, concedeu entrevista ao site Rede Sul Bahia, da jornalista Vera Rabelo. De acordo com o secretário, o Centro de Cultura Adonias Filho (CCAF), em Itabuna, será entregue em duas etapas, a primeira delas em julho. A reforma completa será entregue, de acordo com ele, no final deste ano.

– Iremos entregar o Centro de Cultura, em condições de funcionamento para a comunidade, em julho. Enquanto isso, estamos acelerando o processo de atualização desse equipamento, para chegar ao ponto de ótimo, até o final do ano – disse ele em entrevista ao site.

O centro de cultura leva o nome do escritor itajuipense Adonias Filho, que, se vivo estivesse, completaria cem anos em novembro. As comemorações do centenário de nascimento de Adonias começaram na semana passada.

PEGOU MAL, PORTUGAL

jorge portugalA comunidade artística itabunense – e política, também – está tiririca com o secretário estadual de Cultura, Jorge Portugal. Ele esteve em Itabuna, no final de semana, para uma palestra na Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), no campus Jorge Amado. Proferiu a palestra dele, mas nem tchum para quem tentou ouvi-lo sobre questões de “menos importância”, como a conclusão das obras do Centro de Cultura Adonias Filho.

2015 é o ano do centenário do escritor Adonias Filho. Os 100 anos de nascimento do grapiunense serão completados em novembro. Duvida-se que, até lá, sejam concluídas as obras do centro de cultura batizado com o nome do escritor nascido na Velha Pirangi, hoje Itajuípe.  O centro de cultura foi quase que levado ao chão em uma reforma iniciada – e paralisada – em 2013.

O silêncio de Portugal deixou artistas e profissionais de comunicação aflitos.

Na manhã de sábado (23), o presidente da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (Ficc), Roberto José, conversava com outro secretário estadual, o Josias Gomes, das Relações Institucionais.

Consta que Roberto José e o governo itabunense querem a indicação do diretor do CCAF. Dois nomes são ventilados – o itabunense Fernando Caldas e o escritor paulista Gustavo Felicíssimo, que desenvolve trabalho na cultura regional e por aqui semeia com a Editora Mondrongo.

VEREADOR CRITICA PARALISAÇÃO DE OBRAS DO CENTRO DE CULTURA

Júnior Brandão cobra retomada e conclusão de obras.

Júnior Brandão cobra retomada e conclusão de obras.

O líder do PT na Câmara de Itabuna, Júnior Brandão, cobrou hoje (21) a retomada e conclusão das obras de reforma do Centro de Cultura Adonias Filho. Como denunciado ontem aqui no PIMENTA, as obras foram iniciadas em agosto do ano passado, sem previsão de término (relembre aqui).

Brandão critica a suspensão das obras, o que causou ““enorme prejuízo aos artistas e aos admiradores da arte e da cultura”. O vereador petista disse que nenhuma explicação foi dada à comunidade quanto à paralisação.

– Se houve problema com a empresa que vinha executando a obra, por que, então, não se contratou outra para retomar os serviços? -questiona.

Brandão disse ter apresentado indicação à Câmara para que seja enviado ofício ao governador Jaques Wagner. O documento é para cobrar a retomada e conclusão das obras.

CENTRO DE CULTURA FECHADO HÁ UM ANO

Fachada do Centro de Cultura antes da reforma.

Fachada do Centro de Cultura antes da reforma (Foto Google).

Vergonhoso. Itabuna está há quase um ano sem poder receber espetáculos de médio porte. O governo baiano iniciou as obras de reforma do Centro de Cultura Adonias Filho (CCAF) em agosto do ano passado. E elas seguem a passos lentos, lentíssimos em mais um espetáculo deprimente a revelar como os governos andam tratando a nossa cultura.

Pior: o município não possui espaço semelhante para abrigar produções teatrais. Mais estranho é que há um silêncio (ensurdecedor!) da classe artística quanto ao ritmo (desrespeitoso) da obra.

BABI JAQUES & OS SICILIANOS EM ITABUNA

Babi Jaques & Os Sicilianos agitam a noite de 7 de Setembro em Itabuna (Foto Divulgação).

Babi Jaques & Os Sicilianos agitam a noite de 7 de Setembro em Itabuna (Foto Divulgação).

A banda pernambucana Babi Jaques & Os Sicilianos se apresenta no próximo sábado (7) no Centro de Cultura Adonias Filho, às 19h. O coletivo de artistas traz show que de música com teatro, cinema e artes plásticas em sua primeira vez no Sul da Bahia.

E, junto com Babi & Os Sicilianos, também haverá poesia, dança e mais música com Daniela Galdino, a bailarina Samile Dias e a Banda Manzuá. No domingo, às 14h, a banda pernambucana volta ao CCAF para oficina sobre produção musical independente (“Sim, eu vivo música”).

TPI ESTREIA EM ITABUNA COM “TEODORICO” E “O INSPETOR GERAL”

Teodorico Majestade é um dos sucessos do Teatro Popular de Ilhéus (Foto Karoline Vital).

Teodorico Majestade é um dos sucessos do Teatro Popular de Ilhéus (Foto Karoline Vital).

O segundo final de semana de setembro será recheado de boas atrações teatrais no Centro de Cultura Adonais Filho, em Itabuna. Além do Comício Gargalhada, com o global Rodrigo Sant´anna, o palco do CCAF receberá duas peças do Teatro Popular de Ilhéus (TPI).

Teodorico Majestade – as últimas horas de um prefeito será encenada no dia 13 no palco do centro de cultura. No sábado (14), é a vez d´O Inspetor geral, outra grande criação do Teatro Popular de Ilhéus.

Teodorico… contra as desventuras de um prefeito de vários esquemas, enquanto O Inspetor… traz a saga de um vice-prefeito que ganha o poder com a cassação de Teodorico. As duas peças são inspiradas na crise política vivida em Ilhéus no último período da década passada.

A qualidade do texto, direção, produção e elenco fez com que as produções fossem indicadas a prêmios nacionais como o Braskem. Apesar de grande sucesso em temporadas em outros estados, as peças não tinham entrada em cartaz na vizinha Itabuna.

O “reparo” ocorre justamente no período em que o Teatro Popular de Ilhéus entra na “maioridade”: está completando 18 anos neste mês de agosto. Para comemorar a data, há programação especial na Tenda do TPI sempre de quinta a sábado, a partir das 20h. A partir de hoje e até sábado (15 a 17), a peça em cartaz é 1789, a mais nova produção ilheense.

ATORES DE “GOZADOS” AGRADECEM CASA CHEIA EM DIA DE FINAL DE “AVENIDA BRASIL”

No palco do CCAF, Stella Miranda e Luiz Salém concorreram com final de Avenida Brasil.

Os atores Luiz Salém e Stella Miranda se apresentaram no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna, exatamente na hora em que ia ao ar o último capítulo de Avenida Brasil, na sexta à noite. E a dupla de Gozados não deixou de agradecer à plateia.

Apesar do frisson em torno da novela, o Centro de Cultura ficou cheio para assistir à comédia musical que estreou há dois meses e foi trazida ao município sul-baiano pela Adois Produções, de Célio e Daniel Gomes.

No palco, Salém e Stella brincaram com a situação: “Tenham certeza que vocês vão lucrar muito mais com a gente aqui”. E completaram aos risos: “até por que vocês vão poder ver a p…. da reprise amanhã [ontem]”.

Stella ainda brincou com os nomes de um dos personagens de Avenida… e da novela global que estreia nesta segunda. Disse que Jorginho (Cauã Reymond) ia ser sequestrado no capítulo final e resgatado somente amanhã, 22, em Salve Jorge – ou seria Salve Jorginho?

A dupla falou com o PIMENTA sobre como a final da novela mexeu com o público e até a agenda política da presidente Dilma Rousseff. Salém confessou: “se não tivesse [trabalhando], estava assistindo à novela”. A peça teve apresentação única em Itabuna. Hoje, Gozados encerrada a série de sessão dupla no Teatro Municipal de Ilhéus, às 20h30min.

Peça teve casa cheia mesmo com final de novela em mesmo horário (Fotos Pimenta).

GUERRA NA CULTURA ITABUNENSE

Aldo x Antônio Júnior: enredo que dá filme (Montagem Pimenta).

O coordenador do Centro de Cultura Adonias Filhos (CCAF), Aldo Bastos, disse que ingressará na justiça com ação por danos morais contra o jornalista e escritor Antonio Júnior, seu ex-auxiliar na gestão do CCAF.

Júnior acusa Aldo de promover Caixa 2 e até desviar dinheiro do centro de cultura para a campanha eleitoral da petista Juçara Feitosa em 2008. Diz o jornalista que Aldo criou Caixa 2 para bancar santinhos da então candidata e cafés da manhã da petista com os artistas locais.

O jornalista também acusa o coordenador do CCAF de fazer desaparecer R$ 4.800,00 em novembro do ano passado.

– Estou entrando com uma ação com queixa- crime contra ele. Ele terá de provar, responder por tudo isso. Ele terá de provar tudo e terá de me ressarcir por danos morais – retrucou Aldo Bastos.

O ator e diretor teatral recorre a adjetivos fortes para descrever o ex-auxiliar e o acusa de ter feito de tudo para lhe tomar o cargo na época em que estava no centro cultural administrado pelo governo baiano. “Ele queria ser o titular [o coordenador]. Pensava que ele era um cara íntegro, mas começou a aprontar”.

Ainda segundo Aldo Bastos, seu desafeto caiu porque “fez coisas terríveis [no Centro de Cultura]”.

– Eu tenho como provar tudo. Tenho provas contundentes contra ele – afirmou Aldo Bastos ao Pimenta em resposta a uma nota aqui publicada e ao que foi postado no blog pessoal do escritor e jornalista.

Aldo Bastos ainda afirma que Júnior foi expulso da Espanha devido a plágios e aponta algumas pessoas como testemunhas de quem é o escrito:

– Pergunte a Osmundinho Teixeira, pergunte a Ruy Póvoas, pergunte a Marcel Leal, pergunte ao pessoal da Espanha, de onde ele foi expulso, quem é Antônio Júnior. Mas eu não vou me rebaixar ao nível dele. Irei processá-lo.

SUBIU NO TELHADO, MAS…

Denúncias no Centro de Cultura Adonias Filho (CCAF) colocam em situação delicada seu diretor, Aldo Bastos. O ator e diretor teatral é acusado até mesmo da prática de caixa dois à frente do espaço cultural administrado pelo governo baiano.

Não bastassem as denúncias, quem precisa se apresentar naquele espaço ou até mesmo pretende fazer lançamentos de obra ali sofre quando não reza na cartilha do grupo político do deputado federal Geraldo Simões (PT). Pautas já definidas são remanejadas ou canceladas sem nenhuma explicação, conforme as vítimas.

Que é que é isso, companheiro?

DIRETORA DE “CAPITÃES DA AREIA”, NETA DE JORGE AMADO LAMENTA FALTA DE CINEMA EM ITABUNA

Cecília ladeada pelos jovens que fazem o papel de Professor, Dora e Pedro Bala (Foto Pimenta).

A cineasta Cecília Amado lamentou ontem (7) o fato da centenária Itabuna, do escritor Jorge Amado, seu avô, não contar com sequer uma sala de projeção. A diretora de Capitães da Areia veio ao município participar de uma sessão especial do filme, para convidados no Centro de Cultura Adonias Filho, numa promoção da patrocinadora Bahiagás.

“Não há sala de cinema aqui [em Itabuna], mas no que eu puder, vou estar junto com o poder público para que isso se reverta”, disse, diante do presidente da Bahiagás, o itabunense Davidson Magalhães. O último cinema de Itabuna, o Starplex, fechou em 2010 com as obras de expansão do Shopping Jequitibá. A promessa do centro de compras é que novas salas serão inauguradas ao final do primeiro semestre de 2012.

“Deixar a cultura viva e ativa é a minha missão como herdeira de Jorge Amado”. E foi nessa linha que a diretora e a Bahiagás – principal patrocinadora do filme no estado – definiram pela sessão especial em Itabuna. “Vamos, mesmo improvisando [um espaço de exibição de Capitães…], levar o filme que é um novo olhar sobre Jorge e sua obra e, mais que tudo, estimular jovens artistas em qualquer área e em qualquer lugar da Bahia, principalmente aqui em Itabuna, terra de Jorge, a criar e a olhar o povo da sua terra com o olhar que ele tinha”.

Cecília diz que a diferença não está nas histórias, mas na forma como ela é contada pelo escritor itabunense. “Ele tinha um olhar generoso com o seu povo. Que esse filme e os projetos que virão para homenagear Jorge Amado sirvam para mexer e estimular os jovens a criar e religar as suas origens”.

Foi a primeira vez que Cecília esteve em Itabuna. Emocionada, falou das origens da família Amado, do centenário do escritor itabunense e avô e do processo de seleção dos atores de Capitães da Areia. O elenco foi escolhido entre 1.200 jovens de 22 projetos sociais tocados na região metropolitana de Salvador.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia