unime
grupo galpao
al-ba
agosto 2015
D S T Q Q S S
« jul    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  




:: ‘Coelba’

RENOVAÇÃO DE CONVÊNIO GARANTE R$ 56 MILHÕES AO FUNDO DE CULTURA BAIANO

Assinatura de convênio assegura mais R$ 56 milhões para a cultura (Foto GovBA).

Assinatura de convênio assegura mais R$ 56 milhões para a cultura (Foto GovBA).

O governo baiano e a iniciativa privada renovaram, ontem (14), convênio que assegurará R$ 56 milhões para o Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA), em cerimônia no Palácio Rio Branco, em Salvador. Além da presença do governador Rui Costa e de secretários estaduais, o ato contou com executivos da Coelba e Oi (Telemar), que formalizaram a parceria.

Rui Costa diz que o Fundo de Cultura financiava ações de Estado e isso mudou a partir de 2007, quando as verbas passaram a financiar projetos da sociedade civil. Ele também disse que, para melhorar os índices de segurança pública, “mais do que investir em construção de presídios, é fundamental investir em projetos culturais e educacionais”.

O governador ressaltou que são dez anos de evolução a cada ano, seja no valor, seja na forma de aplicar os recursos. Segundo Rui, o Estado, progressivamente, “foi abrindo mão de ser a maioria no Conselho [de Cultura] e abrindo mão de utilizar esse recurso para financiar as atividades culturais do Estado, para que financie as iniciativas do mundo cultural, das associações de artistas, [entre outras]”.

FOMENTO À CULTURA

Por meio do Fundo de Cultura, o governo estadual abre mão de parte do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), que seria paga pela Coelba e Oi, para o repasse direto ao FCBA. Desta forma, a Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-BA) destinará R$ 56 milhões a ações do FCBA, que comemora uma década de criação em 2015.

Durante o evento, o presidente da Coelba, José Roberto Bezerra de Medeiros, anunciou que vai apoiar o Governo da Bahia na segunda etapa da reforma do Teatro Castro Alves (TCA). De acordo com o governador, outras empresas da iniciativa privada serão convidadas para serem parceiras do Estado.

Diversos projetos culturais desenvolvidos na Bahia só puderam ser viabilizados com o apoio financeiro do Fundo de Cultura, patrocínio cultural do Governo do Estado, através da Secretaria de Cultura (Secult) e a Sefaz-BA. Em dez anos, o fundo evoluiu de 30 projetos, apoiados em 2005, para a média de 280 projetos selecionados anualmente no período de 2007 a 2014, de acordo com o governo.

Entre os grupos musicais apoiados pelo FCBA está o Ganhadeiras de Itapuã, vencedor do 26º Prêmio da Música Popular Brasileira, na categoria Melhor Álbum Regional, lançado em 2014.

A companhia de circo Nariz de Cogumelo, uma das referências em palhaçaria na arte de rua na capital baiana, e a Orquestra Santo Antônio, do município de Conceição do Coité, também foram apoiadas pelo FCBA. Os três se apresentaram no Palácio Rio Branco, durante o evento que marcou a renovação do Fundo de Cultura.

:: LEIA MAIS »

ZONA SUL E CENTRO DE ILHÉUS FICAM SEM ENERGIA ELÉTRICA; COELBA PROMETE SOLUÇÃO ATÉ AS 14H

vela apagãoVárias localidades de Ilhéus estão sem energia elétrica desde as 2h10min desta terça-feira (26). As regiões mais afetadas são a Zona Sul, Avenida Itabuna e Conquista.

Consumidores que acionam a Coelba reclamam da falta de informação dos atendentes. “Eles não sabem dizer o que houve. Apenas informam que existem equipes em campo e não há prazo para voltar”.

COELBA PROMETE SOLUÇÃO ATÉ AS 14H

A Coelba emitiu nota, há pouco, em que reforça que equipes estão trabalhando para restabelecer o fornecimento de energia “na Orla Sul, bairros da Zona Sul e centro de Ilhéus”.

De acordo com a nota, a previsão é de que o serviço seja normalizado até as 14 horas desta terça. “A Coelba lamenta a falta de energia e coloca-se à disposição para esclarecimentos necessários”.

A companhia de eletricidade não informa o que teria interrompido o fornecimento de luz elétrica no município.

SOFRIMENTO NA FILA DA COELBA

Consumidores enfrentam via-crúcis em escritório da Coelba (Foto do Leitor).

Consumidores enfrentam via-crúcis em escritório da Coelba (Foto do Leitor).

Consumidores que estiveram no escritório local da Coelba depararam com uma fila padrão SUS, nesta tarde. Esta fila acima é a da triagem. É grande a reclamação por causa da longa espera. A foto foi enviada por um leitor – e vítima.

MORADORES DO VILA ZARA CRITICAM COELBA

Energia elétrica Vila ZaraUm serviço de manutenção na rede de energia elétrica deixou os moradores do Vila Zara, em Itabuna, por quase cinco horas neste domingo (26). A manutenção na rede começou por volta das 10h30min e terminou às 15h10min, de acordo com as vítimas.

Os moradores reconhecem a necessidade de melhorias na rede, mas a bronca contra a Coelba é por outro motivo: falta de aviso. Sem saber que não o fornecimento de energia seria suspenso, não puderam se precaver.

Fica o alerta para a companhia de eletricidade. Se houve aviso, poucos da Vila Zara souberam. A crítica foi geral, assim como os “elogios” à empresa.

NOVO REAJUSTE DA CONTA DE ENERGIA ELÉTRICA ENTRA EM VIGOR

conta de energia coelbaComeçou a valer hoje (22) o novo reajuste da conta de energia elétrica para consumidores baianos. O reajuste, autorizado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), atinge 10,45% para consumidores residenciais e 13,34% para os consumidores comerciais e industriais.

Outro reajuste – 5,4% na média, havia sido autorizado à Coelba e entrou em vigor em 2 de março, concedido pela Aneel diante de “risco de desequilíbrio” financeiro para as 58 das 63 companhias de eletricidade.

O consumidor que pagava média de R$ 100,00 na conta de energia em fevereiro, passou a R$ 105,40 em abril. Com o novo aumento, a conta ultrapassará os R$ 116,00 em maio, a depender do dia do vencimento da fatura. O valor também pode ser maior ou menor, a depender da bandeira tarifária em vigor (se vermelha, fica ainda mais cara).

COELBA REAJUSTARÁ TARIFA EM 10,4%

conta de energia coelbaDo Correio24h

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta quarta-feira (14) o reajuste para consumidores residenciais de 10,45% na tarifa da Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba). Os novos valores começarão a ser aplicados a partir da quarta-feira (22).

Os novos valores vão atingir 5,5 milhões de unidades consumidoras – entre casas, indústrias e pontos comerciais – em 415 municípios baianos. Para residências e comércio (baixa tensão), o reajuste será de 10,45%. Para a indústria (alta tensão), o aumento será de 13,34%.

O reajuste foi aprovado após cálculo que considerou o aumento do custo de distribuição gerado pela inflação e de outros índices e encargos do setor. O reajuste foi aprovado durante Reunião Pública.

Em março, a conta de luz já havia ficado mais cara após revisão tarifária extraordinária aprovada pela Aneel para 58 concessionárias. Na Bahia, a Coelba teve reajuste de 5,4%.

A revisão extraordinária está prevista nos contratos de concessão das distribuidoras, e permite que a Aneel revise as tarifas para manter o equilíbrio econômico e financeiro do contrato.

CONTA DE LUZ TERÁ REAJUSTE DE 4,6% NA BAHIA

conta de energia coelbaAs contas de energia elétrica terão índice médio de reajuste de 5,4% na Bahia a partir da próxima segunda-feira (2), quando começa a vigorar a revisão extraordinária aprovada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta sexta-feira (27). Ao todo, a Aneel autorizou o reajuste das tarifas de 58 das 63 distribuidoras de energia do país. No Brasil inteiro, o reajuste é de, em média, 23,4%.

De acordo com a Companhia de Eletricidade do Estado da Bahia (Coelba), para os clientes de baixa tensão (residenciais), que representam 99% dos consumidores baianos, o percentual médio de aumento a ser aplicado é de 4,6%. Já os consumidores industriais e comerciais de médio e grande porte terão um reajuste médio nas contas de 6,9%. Do G1.

 

FALTA DE ENERGIA ELÉTRICA DEIXA PARTE DE ILHÉUS SEM ÁGUA

aguatorneiraParte de Ilhéus está sem água nesta manhã de terça-feira (9) por causa da falta de energia elétrica nas estações de captação do Iguape e de tratamento de água (ETAs) no Distrito e no Centro. De acordo com a assessoria da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), 21 bairros e regiões foram afetados do município.

As localidades atingidas são Iguape, Savoia, Barra, Malhado, Alto Nerival, Alto Soledade, São Miguel, São Domingos, centro, Conquista, Pacheco, Oiteiro de São Sebastião, avenida Esperança, avenida Princesa Isabel, Malhado, Alto do Amparo, Alto da Legião, Alto do Coqueiro, Banco da Vitória, Vila Cachoeira e Salobrinho.

A previsão é de que o abastecimento de água seja regularizado em até 24 horas. Apenas consumidores que não têm boa reserva de água ficarão sem o produto, temporariamente.

COM 37%, TELEFONIA LIDERA QUEIXAS NO PROCON EM ITABUNA

boca_no_tromboneAs empresas de telefonia são as campeãs de queixas de consumidores em Itabuna.

De acordo com levantamento do Procon, 37% das 2.412 queixas e reclamações envolvem os serviços de telefonia móvel e fixa e internet.

Bancos e financeiras vêm em seguida, com 18%.

As lojas de móveis e eletroeletrônicos aparecem com 13% e os prestadores de serviço privado representam 8%, enquanto a Coelba é alvo de 6%.

O Procon de Itabuna está funcionando na Praça Olinto Leone, antigo prédio da Justiça Eleitoral.

LUZ PARA TODOS: PROFESSORA LUTA HÁ 4 ANOS PARA TER ENERGIA EM CASA

Deborah ...

Deborah corrige provas com auxílio de lâmpadas fracas (Fotos Emílio Gusmão).

Thiago Dias e Emílio Gusmão | Blog do Gusmão

A professora de biologia Deborah Pizzatto mora na Fazenda Aritaguá, ao lado da Cabana da Empada, no distrito de Ponta do Ramo, em Ilhéus. A casa dela não tem energia elétrica. Nessas condições, exercer a docência, a que se dedica com tanto empenho, é um desafio árduo para essa paranaense de 33 anos.

Formada na Universidade Federal do Paraná (UFPR) e servidora pública concursada do governo estadual, Deborah leciona há 3 anos na Escola Estadual Antônio Cruz, em Serra Grande – Uruçuca, onde trabalha com aproximadamente 300 estudantes do ensino médio.

A professora tem miopia. Recentemente foi submetida a duas cirurgias. À noite, planeja e corrige atividades escolares com o auxílio de uma lâmpada de led de 3 watts, ligada a um sistema de captação de energia solar. Antes, trabalhava à luz de velas.

A casa onde Deborah mora com a filha de 5 anos fica a 1.300 metros da rodovia Ilhéus-Itacaré (BA-001). No local, há mais oito residências sem energia elétrica. A fiação da rede não está distante.

A professora protocolou três pedidos na Coelba para participar do programa “Luz para Todos”, do governo federal. Em 2010, trocaram o protocolo nº 9100134552 pelo o de outra pessoa. No ano seguinte, informaram que foram no local e não encontraram nenhuma casa sem energia (protocolo 9100297190). Há dois anos registrou o pedido de nº 9100322266 que está em andamento.

Leia a íntegra

COELBA MUDA SISTEMA DE EMISSÃO DE CONTA DE ENERGIA

Kit que será usado pelo leiturista, no sul da Bahia, a partir do dia 14 (Foto Divulgação).

Kit que será usado pelo leiturista, no sul da Bahia, a partir do dia 14 (Divulgação).

A fatura de energia elétrica poderá ser entregue imediatamente após a leitura de consumo, na região de Itabuna, a partir do dia 14. A mudança no processo de leitura e faturamento foi anunciado pela Coelba nesta semana.

Além de Itabuna e Ilhéus, a mudança chegará a 41 outros municípios do sul da Bahia, atingindo cerca de 740 mil clientes. A previsão é de que o novo sistema seja implantado em todo o estado até o final deste ano.

De acordo com a Neonergia, o investimento total é de R$ 30 milhões para compra de equipamentos, capacitação de profissionais e implantação do sistema na Coelba.

A mudança faz com que a empresa visite o cliente só uma vez por mês. No sistema atual, são duas idas até o consumidor: medição do consumo e entrega da fatura.

Os leituristas, segundo a coordenação da Coelba em Itabuna, irão utilizar kit com coletor de dados e impressora térmica. Para preservar os dados, o papel utilizado é resistente à água.

“O novo formato da fatura mantém todas as informações contidas na conta anterior”. Os equipamentos, de acordo com a empresa, serão rastreados 24 horas por dia. Se roubado, o equipamento recebe comando de bloqueio que trava o acesso às informações.

PREFEITURA COM EXPEDIENTE NORMAL NESTA SEXTA

A Prefeitura de Itabuna chegou a divulgar a suspensão do expediente no Centro Administrativo Firmino Alves, nesta sexta-feira, 30, devido a uma manutenção na rede de energia elétrica programada pela Coelba. Porém, no início da noite de hoje a    Assessoria de Comunicação informou que a sede do governo funcionará normalmente.

O trabalho da Coelba afetará parte do bairro São Caetano, inclusive a Avenida Princesa Isabel. Mas a Prefeitura estará livre do “apagão”.

COELBA ATENDE EM ENDEREÇO PROVISÓRIO DURANTE REFORMA DO SAC

A Agência de Atendimento da Coelba em Itabuna funcionará em um outro endereço até que as obras de reforma do SAC local sejam concluídas, segundo a gestora local da empresa, Adriana Teodorio.

A agência funciona em um posto de combustível, na Avenida Amélia Amado, em frente à estação rodoviária. Adriana destaca que o horário de atendimento não muda, permanecendo das 8h às 18h30min.

A unidade itabunense do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) foi interditada no mês passado, após parte do forro da recepção desabar (relembre aqui). Os serviços da unidade são oferecidos em uma carreta ao lado do SAC e postos descentralizados. Procedimentos relacionados ao Detran são prestados no próprio órgão, no Jardim Primavera.

COELBA TERÁ QUE PAGAR R$ 5 MILHÕES POR TERCEIRIZAÇÃO ILEGAL

Mão de obra terceirizada e com pouco treinamento em trabalho perigoso é apontada como causa de acidentes

Mão de obra terceirizada e com pouco treinamento em trabalho perigoso é apontada como causa de acidentes

A 4ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 5ª Região condenou a Coelba a pagar uma indenização de R$ 5 milhões a título de danos morais coletivos. A decisão acatou uma ação do Ministério Público do Trabalho, que acusa a empresa de se utilizar de mão de obra terceirizada ilegalmente.

Iniciada m 2012, a ação civil pública contra a Coelba foi a primeira em uma campanha nacional do MPT contra a terceirização de mão de obra em companhias de eletricidade. O processo serviu de base para ações semelhantes em outros Estados, algumas das quais já têm decisão de segunda instância deferindo os pedidos do Ministério Público.

Para o procurador Alberto Balazeiro, “a decisão do TRT é de grande importância para combater a terceirização em um dos setores que mais causam acidentes com trabalhadores terceirizados”. A sentença também determina que a Coelba contrate diretamente e treine trabalhadores.

O MPT alegou na ação que a falta de capacitação, os salários menores e as condições precárias de trabalho ampliam o risco de acidentes, que muitas vezes são fatais.

COELBA TROCA GELADEIRAS NO PEDRO FONTES II

A Coelba realizará a troca de geladeiras velhas por novas no condomínio Pedro Fontes II, que reúne beneficiários do Minha Casa, Minha Vida e de outros programas sociais do Governo Federal, a exemplo do Bolsa Família. O atendimento será feito no local, a partir desta terça-feira, 16, até quinta, 18.

Para ter direito à substituição do eletrodoméstico, o morador precisa estar inscrito na Tarifa Social de Energia Elétrica, ter consumo médio – aferido nos últimos três meses – igual ou superior a 80 kWh/mês, não ter débitos com a Coelba e, naturalmente, possuir a geladeira velha, mas funcionando, para entregar à empresa.

A concessionária informa já ter trocado 117 mil geladeiras de famílias baianas. Segundo a Coelba, uma geladeira em mau estado de conservação pode responder por até 70% do valor da conta de energia.

Além da geladeira nova, a empresa também fornecerá quatro lâmpadas fluorescentes compactas a cada unidade do Pedro Fontes II. Elas também são mais econômicas que as lâmpadas incandescentes.

COELBA RESPONDE

A Coelba emitiu nota em que justifica o desligamento de rede na Rua Maria Olívia Rebouças e Avenida Juracy Magalhães, região central de Itabuna, na última segunda (10). Em resposta à nota Assim não pode…, a empresa afirma que o serviço era “necessário” e que o comunicado aos consumidores afetados foi feito por meio de emissoras de rádio, nos dias 8 e 9 (sábado e domingo passados).

“O desligamento aconteceu das 9h30 às 11h e atingiu 67 consumidores, sendo apenas um estabelecimento comercial da Avenida Juracy Magalhães”, informa a nota.

ASSIM NÃO PODE…

Lojistas e moradores da Avenida Juracy Magalhães, em Itabuna, estão tiriricas com a Coelba. A companhia interrompeu o fornecimento de energia elétrica numa das principais vias da cidade, deixando-os no escuro.

Prejuízo maior para lojistas. Quem abriu o estabelecimento, funcionou precariamente. A maioria reclama que a Coelba não avisou previamente da manutenção na rede.

SITE PERMITE CALCULAR SE DESCONTO EM CONTA DE LUZ ESTÁ SENDO APLICADO

A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) está disponibilizando uma ferramenta que permite que os consumidores verifiquem se os descontos anunciados pelo governo na conta de luz estão sendo aplicados corretamente. Em janeiro deste ano, o governo federal anunciou uma redução na conta de luz dos brasileiros, em média de 18% para as residências e de até 32% para as indústrias, agricultura, comércio e serviços.

O cálculo pode ser feito no site www.energiaaprecojusto.com.br. Para saber o percentual de redução, basta selecionar o estado e a distribuidora, o nível de tensão e o tipo de tarifa (residencial, baixa renda, rural). Também é preciso informar o consumo da unidade em quilowatts-hora. A ferramenta calcula automaticamente qual o percentual de desconto que foi aplicado, o valor atual da tarifa e quanto sairia sem a redução. Também informa o valor e o percentual dos impostos incididos na conta. Informações da Agência Brasil.