WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate






alba








junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: ‘economia’

ITABUNA E ILHÉUS DE OLHO NOS ROYALTIES

As cidades de Ilhéus e Itabuna podem se dar muito bem, caso a emenda do senador Pedro Simon (PMDB), que redistribui os royalties do petróleo, seja sancionada pelo presidente Lula. A proposta aprovada ontem pelo Senado terá que voltar à Câmara dos Deputados e ainda corre o risco de ser vetada pelo governo.

Se virar lei, o projeto garantirá a Itabuna, por exemplo, um incremento de R$ 6.686.800,00 nas receitas no ano que vem. Ilhéus recheia o cofre com mais R$ 6.616.312,00.

A emenda de Simon prevê que a União faça o ressarcimento das perdas dos estados produtores (Rio de Janeiro e Espírito Santo). O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB), já disse que Lula veta…

REDE GLOBO IGNORA MANIFESTAÇÃO PELO PORTO SUL

Grupo ignora ato que reuniu quase 10 mil pessoas

A Rede Globo não concedeu o menor espaço que seja à manifestação em favor do Complexo Intermodal Porto Sul, ontem. Os telejornais noturnos da emissora (Jornal Nacional e o Jornal da Globo) não abriram espaço para o ato público que reuniu milhares de pessoas no centro de Ilhéus.

A mesma tevê, no entanto, abriu os seus principais telejornais para matérias sobre o “abraço” à Lagoa Encantada – que reuniu pouco menos de duas centenas de pessoas – e, semanas depois, para a entrega de um manifesto à ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, em Brasília. O detalhe é que o documento continha assinaturas falsas de várias entidades, como já relatado aqui no Pimenta.

Há quem diga que a Globo se transformou em inimiga de Ilhéus. Primeiro, teve responsabilidade no quase fechamento do aeroporto Jorge Amado, com uma matéria quase fantasiosa no Fantástico. Agora, se posiciona contra o complexo intermodal Porto Sul.

Sem querer colocar lenha na fogueira, lembremos aqui as desconfianças do empresariado sul-baiano que, dia desses, assoprou que Roberto Irineu Marinho, o todo-poderoso da Globo, tem investimentos em Itacaré e não quer ver navios na paisagem, assim como um de seus principais anunciantes, Guilherme Leal, dirigente da Natura Cosméticos e candidato a vice-presidente da República na chapa do PV de Marina Silva.

MANIFESTAÇÃO A FAVOR DO PORTO SUL REÚNE 3 MIL PESSOAS

A manifestação em defesa do Complexo Porto Sul reuniu cerca de três mil pessoas nesta tarde de quinta-feira (10) em Ilhéus. A passeata reuniu políticos regionais, o prefeito Newton Lima, movimentos sociais do sul da Bahia e representantes de várias comunidades rurais integradas ao projeto que prevê investimentos de aproximadamente R$ 4 bilhões.

O Porto Sul é um complexo intermodal que dotará Ilhéus de novos porto e aeroporto e uma ferrovia. A reação dos favoráveis ao projeto acontece em um momento que grupos ligados a grandes conglomerados e ambientalistas se posicionam contra o projeto.

Edvaldo “Picolé” Ferreira, da coordenação do ato pró-Porto Sul, disse que a participação popular foi surpreendente. “Isso mostra que a população de Ilhéus abraçou este projeto. Não esperávamos tanta gente”, disse ele, calculando a multidão em cerca de três mil pessoas, um número mais do que expressivo para manifestações em solo ilheense.

RECONHECIMENTO DA ACI À BAMIN

Clóvis Torres recebe o troféu das mãos do presidente da ACI, Eduardo Fontes

O vice-presidente da Bahia Mineração (Bamin), Clóvis Torres, foi recentemente agraciado com um troféu “Primeiras & Melhores”, prêmio realizado anualmente pela Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, a priori com o objetivo de reconhecer as marcas mais lembradas pela comunidade.

Neste caso, o reconhecimento foi uma decisão inédita da entidade representativa do segmento empresarial, numa demonstração de apoio aos projetos da  Bamin na região. A empresa, que explora minério de ferro em Caetité, vai construir um porto off-shore no litoral norte ilheense para exportar sua produção.

A construção do porto é vista como uma oportunidade de alavancar o desenvolvimento regional.

EM DEFESA DO PORTO

Uma grande mobilização está sendo preparada para esta quinta-feira, 10, em Ilhéus, numa defesa do Complexo Intermodal de Transportes. Diante da ameaça de interrupção do projeto, por conta da intervenção de ambientalistas e de uma ação do Ministério Público Federal, prefeituras da região e diversas entidades encabeçam um movimento que classificam como uma “defesa do desenvolvimento”.

A manifestação sairá da Avenida Osvaldo Cruz, nas imediações do estádio Mário Pessoa, e percorrerá a “Rua da Linha”, Praça Cairu, Calçadão da Jorge Amado, encerrando na Praça Dom Eduardo.

Entre os participantes, estarão o prefeito de Ilhéus, Newton Lima, vereadores da cidade, sindicalistas e estudantes.

BAHIA COM PIB CHINÊS

No programa Conversa com o Governador, desta terça-feira (08), Jaques Wagner destaca a expectativa de crescimento do PIB baiano no primeiro trimestre do ano. Segundo ele, a previsão é de que os números fechem em 9%, desempenho considerado excepcional. No acumulado do ano, a projeção é de elevação em 4,5%.

Wagner fala também sobre a assinatura da ordem de serviço para a construção do Hospital da Chapada, em Seabra, e a respeito da visita de Lula à Bahia. O presidente estará em Salvador e Lauro de Freitas nesta quinta-feira.

FESTIVAL DO CHOCOLATE “BOMBOU”

A edição 2010 do Festival do Chocolate da Bahia está bombando. Aliado à programação de palestras e eventos técnicos, o festival tem atraído um ótimo público com boa grade de shows regionais e nacionais, no centro de convenções de Ilhéus. Hoje, por exemplo, as atrações regionais são Brenna Gonçalves e Itassucy e Banda.

Grande revelação da MPB nos últimos tempos, Ana Cañas é a principal atração musical desta sexta, às 21h. Amanhã, no mesmo horário, quem sobe ao palco é Adriana Calcanhoto (você pode comprar ingresso no site do evento). Secretários e ex-secretários estaduais e outras expressões da política baiana passam por lá, neste final de semana. Quem ri, de orelha a orelha, é o publicitário Marco Lessa, da M21 Eventos.

Agora, um vídeo com Ana Cañas.

CUSTO DA CESTA BÁSICA AUMENTA EM ILHÉUS E CAI EM ITABUNA

O feijão e a manteiga puxaram o custo da cesta básica para cima no mês de maio em Ilhéus, constata pesquisa mensal de preços do curso de Economia da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc).

A cesta básica teve elevação de 0,54% puxada pelo aumento em 16,17% da manteiga e 13,49% do feijão nosso de cada dia, além da carne (5,65% mais cara), pão (3,37%), banana (1,89%), farinha (1,06%), arroz (0,57%) e café (0,38%).

Em Itabuna, a cesta básica ficou 0,49% mais barata. “Culpa” do tomate, que teve redução de preço de 18,45%, segundo a pesquisa. A redução não foi maior pois o feijão (ai, nosso bolso!) ficou 14,89% mais caro. Passou de R$ 2,82 para R$ 3,24, na média.

Conforme a pesquisa mensal, feita em nove estabelecimentos de Itabuna, a cesta passou de R$ 185,17, em abril, para R$ 184,27 em maio. O ilheense não teve igual sorte. Lá, a cesta pulou de R$ 192,67 para R$ 193,71. Por lá, a cesta tem aumentado sucessivamente. Nos últimos 12 meses, ficou 21,52% mais pesada no bolso do ilheense, ante 14,35% em Itabuna em igual período.

O INTERMODAL E O COMBATE AOS EXTREMOS

Manifesto a favor do Porto Sul é entregue ao governador Jaques Wagner (foto Manu Dias)

Se a aceitação ao projeto do Complexo Intermodal de Transportes for medida pelo manifesto entregue no último sábado, 29, ao governador Jaques Wagner, percebe-se que há uma folgada maioria de defensores diante de um pequeno número de contrários, que se auto-intitulam ambientalistas.

No documento entregue ao governador, estão assinaturas de prefeitos e vereadores das principais cidades da região, sindicatos, parlamentares, cooperativas e associações  empresariais, de moradores e de trabalhadores rurais. No total, há mais de 300 entidades, órgãos e instituições subscrevendo o manifesto.

Opositores do projeto também produziram o seu libelo, apresentado no dia 19 de maio, mas “encheram linguiça” com entidades que não autorizaram sua inclusão entre os signatários.

No sábado, ao receber o documento, Wagner demonstrou como vê o debate em torno do tema. Segundo ele, quem apoia o Porto Sul também defende o meio ambiente, mas não como objeto de contemplação e sim como fator que gere desenvolvimento e beneficie a sociedade, reduzindo-se ao máximo o impacto sobre os recursos naturais. Para o governador, a destruição assim como a manutenção da natureza intocada são dois extremos que produzem miséria.

TOP OF MIND GRAPIÚNA

Leahy, Gasparetto, Fontes e Sílvio Roberto: premiar as melhores (Foto Divulgação).

Será amanhã (1º), à noite, a entrega de premiação das sessenta empresas vencedoras do Primeiras e Melhores. Os nomes foram definidos em pesquisa popular feita pelo instituto Sócio-Estatística, que ouviu 1.012 consumidores em áreas do comércio de Itabuna. A Sócio é realizadora do prêmio, ao lado da CDL e Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (Acei).

A premiação também contempla as categorias Jornalismo, Serviço, Indústria e Comércio. A solenidade acontecerá no salão nobre da AABB de Itabuna. “Ganha quem as pessoas escolhem espontaneamente como a melhor”, acentua o sociólogo Agenor Gasparetto, da Sócio-Estatística.

Para o dirigente da Acei, Eduardo Fontes, o prêmio evidencia as melhores marcas. Os últimos detalhes para o evento foram definidos por Carlos Leahy (CDL), Gasparetto, Fontes e o publicitário Sílvio Roberto.

GERALDO QUER ESCLARECIMENTOS SOBRE “TRAVA” NO PAC DO CACAU

Geraldo: esclarecimentos sobre MP do PAC.

O deputado federal Geraldo Simões cobrou esclarecimentos quanto à matéria do Valor Econômico que denunciou equívocos no Senado e no Ministério da Fazenda que deixaram 6,1 mil produtores de fora do PAC do Cacau. O jornal cita os senadores César Borges (PR) e Romero Jucá (PMDB) como os autores da confusão sobre a rolagem da dívida e prazos de pagamento.

Geraldo enfatiza que o senador César Borges apresentou a própria defesa, atribuindo o erro à Câmara dos Deputados. Agora, o parlamentar baiano disse considerar “da maior importância que seja plenamente esclarecido tudo o que aconteceu e porque foi aprovada uma proposição com erros de origem tão graves”.

O petista quer resposta para algumas perguntinhas: “por que propostas conflitantes constavam da Medida Provisória 472, proveniente do Senado? De quem é realmente a responsabilidade?”. Geraldo observa que o senador atribuiu o erro à Câmara dos Deputados. Se foi realmente isso o que disse o senador ao jornal, acrescenta, trata-se de acusação muito grave que tem de ser averiguada”.

FORD ANUNCIA RECALL DE 166 MIL VEÍCULOS NOVO KA

A Ford convocou proprietários de 166,46 mil carros do modelo Novo Ka a comparecer a partir de segunda-feira, 24, a uma concessionária da rede para corrigir problemas envolvendo o chicote elétrico desses veículos.

O “recall” vale para todos os carros dos modelos de 2008 e 2009, além das unidades do modelo 2010 fabricadas até 31 de janeiro.

No comunicado, a Ford diz que, além de inspecionar os carros, fará uma nova fixação do chicote com a instalação de isoladores na carroceria, uma vez que a montadora constatou a possibilidade de atrito dessa peça com pontos da carroceria localizados no compartimento do motor e painel de instrumentos.

Em Itabuna, a única concessionária Ford é a Indiana Veículos. O telefone para agendar o atendimento é o (73) 3214-8704. As informações são do jornal Valor Econômico.

CHINESES TÊM INTERESSE NO SETOR PESQUEIRO BAIANO

A convite do secretário da Agricultura da Bahia, Eduardo Salles, empresários chineses virão ao Estado conhecer as suas potencialidades para investimentos em pesca oceânica, criação e beneficiamento de peixes. A visita foi definida nas rodadas de negócios realizadas nesta quinta-feira, 20, em Shadong, onde se encontra a missão agropecuária baiana à República Popular da China.

Segundo Salles, a comitiva que virá  à Bahia será formada por pesquisadores, empresários e representantes do governo chinês. Ele salientou que o estado terá em breve dois terminais pesqueiros – um em Salvador e outro em Ilhéus, criando condições para o fortalecimento da indústria da pesca.

Em Shadong, o secretário e o superintendente estadual de Política do Agronegócio, Jairo Vaz, apresentaram um painel detalhado sobre a Bahia, abrangendo infraestrutura, vantagens, potencialidades e oportunidades de investimetos específicas em cada cadeia do setor agropecuário.

Além da pesca na Bahia, os chineses tiveram o interesse despertado para os setores de grãos, carnes e algodão.

A CERVEJA TÁ GARANTIDA. E OS INVESTIMENTOS, TAMBÉM

Pra quem gosta da “loura”, a Schin anunciará, amanhã (21), investimentos da ordem de R$ 397 milhões em sua fábrica baiana, instalada em Alagoinhas. A empresa ampliará em 48% a produção de cerveja e em 66% a de refrigerantes.

Os quase R$ 400 milhões serão empregados em máquinas e equipamentos e obras civis. Ao final, a unidade de Alagoinhas vai gerar 173 novos postos de trabalho.

O anúncio será feito numa reunião da direção da Schin com o governador Jaques Wagner, em Salvador, às 9 horas.

O CENTENÁRIO DE ITABUNA

Enquanto Ilhéus inaugura, ainda em 2010, o Atacadão (do francês Carrefour) e o Makro, Itabuna fica só olhando…

Os dois investimentos vão gerar, pelo menos, 600 empregos diretos e terão impacto direto na economia ilheense.

Pergunta-se: há um plano itabunense de atração de investimentos ou nossos tecnocratas querem mais é comprar lenços?

AGROPECUÁRIA GEROU MAIS EMPREGOS EM ABRIL

A Bahia continua tendo o maior saldo de emprego formal do Nordeste, sendo que mais de 10.590 novos postos de trabalho foram preenchidos em abril deste ano. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira, 17 , pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) .

O estado obteve porcentagem positiva de 2,88% em relação ao Nordeste no comparativo com o mesmo período do ano passado. Nos últimos quatro meses, foram gerados 41 mil novos empregos com carteira assinada na Bahia e quem mais se destaca é o setor da agropecuária.

Em ordem decrescente, as maiores contratações estão nos setores agropecuário (3.510 postos), construção civil (2.600 postos), indústria de transformação (2.341 postos) e serviços (1.436 postos). Nos últimos 12 meses, já foram gerados 104.579 novos empregos de carteira assinada em todo o estado.

Clique aqui e veja os números da geração de empregos em Ilhéus e Itabuna no mês de abril.

ITABUNA GERA SÓ 46 EMPREGOS EM ABRIL

Itabuna gerou 46 novos empregos com carteira assinada em abril. Os números foram revelados nesta segunda-feira, 17, pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). A indústria foi o setor que mais abriu novos postos de trabalho, enquanto o de serviços foi quem mais cortou.

De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do MTE, a indústria gerou 89 vagas, resultado direto das 260 contratações e 171 demissões registradas em abril.

A área de serviços caminhou em sentido contrário com a demissão de 489 trabalhadores e a contratação de apenas 415 pessoas. Resultado: corte de 74 postos de trabalho.

Apesar do recorde de obras em Itabuna, a construção civil abriu somente 39 vagas no mês passado. O comércio contratou 331 trabalhadores e demitiu 332 (menos um emprego no setor).

Em 2010, o município consegiu gerar 357 novos empregos. A construção civil é quem mais contrata, com a abertura de 296 postos de trabalho, seguido da indústria (203) e comércio (27).

Reconhecido como polo de serviços, Itabuna registra uma forte queda na contratação neste setor. Nos quatro primeiros meses do ano, foram cortadas 126 vagas na área de serviços. A agropecuária cortou outras 46.

Nos últimos 12 meses, o saldo é positivo, mas um dos mais baixos dos últimos tempos: 884 empregos, numericamente abaixo até do período de forte crise econômica, quando se registrou saldo médio positivo de 1.300 vagas.

ILHÉUS ABRE APENAS 11 VAGAS

Se em Itabuna os números não são lá tão bons, Ilhéus decepciona ainda mais em abril, quando gerou 11 novos empregos. Juntos, comércio e serviços cortaram 55 empregos. A indústria e a construção civil geraram 53 empregos.

Historicamente, Ilhéus contrata bem menos que a economia itabunense. Mas, no acumulado de 2010, há um certo equilíbrio. A Terra de Gabriela registrou a abertura de 341 novos postos de trabalho neste ano.

O maior saldo é o da indústria, que abriu 261 novas vagas nestes primeiros quatro meses de 2010. A administração pública foi responsável por outros 126 novos postos de trabalho, seguida pela construção civil (64).

CRESCIMENTO DAS EXPORTAÇÕES BAIANAS

Celulose produzida no extremo-sul é um dos itens que mais se destacam

As exportações baianas cresceram 52,4% no primeiro trimestre de 2010, na comparação com o mesmo período do ano passado, com as vendas chegando a US$ 2 bilhões. Camaçari, São Francisco do Conde, Mucuri e Dias Dávila continuam sendo os mais fortes exportadores, sendo que Alagoinhas (660%) e São Francisco do Conde (241%) tiveram as maiores altas no período.

Entre os produtos que se destacaram, incrementando a pauta de exportações, estão óleo combustível, celulose, cobre, automóveis, propeno e pneus. Ilhéus, no sul da Bahia, aparece em sexto lugar no Estado em volume de vendas externas.

O EXEMPLO DOS PRODUTORES DE LINHARES

Os produtores de Linhares (ES) colocaram para funcionar uma unidade de processamento de cacau. A fábrica terá capacidade de processamento de 2,5 mil toneladas de liquor de cacau por mês.

A produção de cacau processada na fábrica tem como origem os municípios de Linhares, São Mateus e João Neiva, todos capixabas. Antes, o cacau daquela região era processado em São Paulo ou na Bahia, segundo os dirigentes da unidade de processamento. Cerca de R$ 8 milhões foram investidos no negócio.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia