WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘Edson Pimenta’

EDSON PIMENTA ASSUMIRÁ PHS

Pimenta no controle do PHS

Pimenta no controle do PHS

O ex-deputado federal Edson Pimenta deverá assumir nesta quinta (19) o comando do PHS na Bahia. Quem perdeu a presidência da legenda no estado é Júnior Muniz, ex-assessor do deputado federal Luiz Caetano, que gostou da novidade…

Pimenta aguarda apenas a oficialização da mudança no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

O ex-parlamentar era do PCdoB e, ultimamente, passou pelo PSD e PROS. Agora, terá o PHS sob o seu comando.

OS BAIANOS QUE AJUDARAM A SALVAR DONADON

Pimenta, Brito, Araújo e Cajado se abstiveram, livrando Nadon.

Pimenta, Brito, Araújo e Cajado se abstiveram, livrando Nadon.

Quatro dos deputados baianos estavam presentes na sessão que acabou por livrar  da degola Natan Donadon agiram como Pôncio Pilatos. Lavaram as mãos. Donadon, lembremos, é aquele parlamentar que teve os seus direitos políticos cassados pelo Supremo Tribunal Federal (STF) devido a desfalque de R$ 8,4 milhões na Assembleia Legislativa de Rondônia, no período em que foi diretor financeiro.

Edson Pimenta, José Carlos Araújo e Sérgio Brito – todos do PSD – e Cláudio Cajado (DEM), embora estivessem no plenário, abstiveram-se.

No final, foram 233 votos pela cassação de Donadon, 131 contra e 41 abstenções – é nesse último grupo, o dos seguidores de Pôncio Pilatos, que estão os quatro baianos, conforme os registros eletrônicos da votação da última quarta (28).

Fica, aqui, a pergunta, quanto aos outros cinco deputados que faltaram à sessão, dentre eles Josias Gomes e Alice Portugal: onde estavam, o que faziam na tarde/noite da cassação de Donadon?

ONDE ESTAVAM GERALDO, PIMENTA E ARGÔLO?

Geraldo, Argôlo e Pimenta estavam ausente do plenário ontem (Fotomontagem Pimenta).

Geraldo, Argôlo e Pimenta estavam ausente do plenário ontem (Fotomontagem Pimenta).

Ontem à noite, a Câmara dos Deputados derrubou a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 37, a chamada “PEC da Impunidade”. Conferindo a lista, seis deputados baianos deixaram de votar.

Pelo menos três dos que não votaram possuem ligações com o sul da Bahia, principalmente Itabuna. São eles Geraldo Simões (PT), Edson Pimenta (PSD) e Luiz Argôlo (PP). A PEC 37, que restringiria às polícias civil e federal, acabou rejeitada (relembre aqui).

Clique no leia mais e confira como os deputados baianos votaram.

:: LEIA MAIS »

DELSON MESQUITA DEIXA O PSD

Delson-Mesquita-foto-Pimenta-www.pimenta.blog_.br_O empresário Delson Mesquita solicitou nesta terça-feira (11 ) afastamento da presidência da Comissão Provisória do Partido Social Democrático (PSD), de Itabuna. Na correspondência encaminhada ao deputado federal Edson Pimenta, vice-presidente estadual da legenda,  e ao presidente estadual, o vice-governador Otto Alencar, o empresário alegou ausência de tempo para se dedicar ao partido, em virtude de suas atividades empresariais.

Mesquita agradeceu a confiança depositada nele pela direção estadual da legenda. O empresário enfatizou ter assegurado todo o apoio aos seis candidatos a vereador da legenda que disputaram as eleições de outubro passado em Itabuna.

O ex-dirigente disse que 2013 será um ano muito importante para o PSD, por isso a legenda precisará de alguém que se dedique à sua organização com vistas às eleições de 2014, quando o partido deverá compor a chapa majoritária ao governo estadual.

O deputado Edson Pimenta disse respeitar a posição do empresário e declarou que buscará novos nomes para compor a comissão provisória municipal. Pimenta foi o deputado mais votado pela legenda em Itabuna.

CONVIDADO, DELSON MESQUITA PRESIDIRÁ O PSD EM ITABUNA

– Partido já está presente em 407 municípios

– Legenda espera ter 100 prefeitos filiados

Delson presidirá PSD itabunense.

O empresário Delson Mesquita aceitou convite da direção estadual do PSD e será o presidente da comissão provisória do partido em Itabuna. Ele confirmou ao PIMENTA que aceitou a missão e definiu como prioridade organizar e dar visibilidade à legenda fundada pelo prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, e o vice-governador baiano Otto Alencar.

Um dos maiores empresários do setor gráfico da Bahia, Delson disse que, a princípio, não disputará cargo eletivo em 2012. “Vamos nos preocupar nesse momento com o fortalecimento do partido e a sua participação nas discussões de propostas para Itabuna”. Segundo ele, “o partido vai puxar o debate sobre os problemas da cidade e soluções”.

A comissão provisória é integrada por sete pessoas e foi mesclada com políticos ligados ao diretor do Derba, Saulo Pontes. “A união de forças e a escolha de pessoas com perfis afinados com os conceitos do PSD serão imprescindíveis para começar a discutir saídas para o nosso município”.

O partido terá, pelo menos, 14 candidatos. Dos nomes do partido para disputar vagas na Câmara de Vereadores em Itabuna, alguns são conhecidos, como Solange da Saúde, Sandoval Benevides e Libêncio do Detran.

IDENTIDADE PRÓPRIA

O deputado federal Edson Pimenta disse que o partido busca ter identidade própria e a escolha do empresário Delson Mesquita vai nessa linha. “É um empresário bem conceituado não só em Itabuna e, conversando com o presidente Otto Alencar, definimos por dar prioridade a pessoas assim no comando do PSD nos municípios”.

O deputado federal revela o projeto do PSD de sair das urnas como o primeiro ou segundo maior partido da Bahia em 2012. “Hoje, por meio do nosso mandato, conseguimos atrair 36 prefeitos para o PSD”, assinala. “Vamos passar de 100 prefeitos”, diz Pimenta.

Já o empresário Delson Mesquita chama atenção para a capilaridade do PSD na Bahia, onde está presente em 407 municípios. Delson e Edson Pimenta assinalam que o PSD tem comissões provisórias em quase todos os municípios sulbaianos e fechariam também São José da Vitória e Arataca.

MARCOS DANTAS FECHA COM O PSD

Marcos e Graciela: comando do PSD.

Enquanto espera a legalização do partido, a direção estadual do PSD organiza as comissões provisórias em todo o estado. Em Itajuípe, a legenda terá a família Dantas no controle. O prefeito Marcos Dantas e a vice, Graciela Dantas, fecharam com Otto Alencar e o deputado federal Edson Pimenta e terão o controle do PSD no município. Pelo acordo, o PSD será presidido pela vice-prefeita.

De quebra, também foi assegurado ao empresário Marcelo Dantas o comando da legenda na vizinha Uruçuca. Marcos, no entanto, continuará no PP. Os arranjos políticos selam entrada do gestor itajuipense na base de apoio ao governo de Jaques Wagner.

PSD NAMORA TUCANO AUGUSTO CASTRO

Félix Jr. puxaria Augusto Castro (de amarelo) para o PSD.

Algumas legendas, principalmente de oposição, começam a contabilizar perdas com a fundação do Partido Social Democrático (PSD). No sábado, o PCdoB foi sacudido com a saída do deputado federal Edson Pimenta para a nova legenda e correu para segurar o deputado estadual Jean Fabrício Falcão, que tem base em Vitória da Conquista, no sudoeste baiano.

E as notícias que correm nos bastidores da política sul-baiana apontam para uma deserção no PSDB em nível estadual. Com o apoio do deputado e parceiro Félix Jr., o deputado estadual Augusto Castro estaria deixando o ninho tucano para abrigar-se no PSD, de Otto Alencar.

Os passos do deputado sul-baiano, aliás, apontam para uma saída, embora esteja bem acomodado no PSDB. A mudança teria mais a ver com as possibilidades abertas ao estar, de fato, na base governista – e ao lado do vice-governador Otto Alencar, xerifão do recém-criado PSD.

Félix Jr. negou ao PIMENTA que tenha dialogado com o tucano sobre essa possibilidade. “Com ele [Augusto Castro], não conservei nada”, diz o deputado federal. Pelo sim, pelo não, Félix complementa no Twitter, de forma enigmática: – Partidos querem ser donos dos deputados e eleitos. A Reforma Política deve resolver este assunto! Um eleito não pode ser escravo de partido!

É algo na linha do “para bom entendedor”…

JEAN FABRÍCIO DIZ QUE FICA NO PC DO B

Jean Fabrício fica no PCdoB (Foto Blog do Paulo Nunes).

O deputado estadual Jean Fabrício garantiu a este Pimenta na Muqueca que permanecerá no PCdoB. Fabrício se disse triste e consternado com a “súbita decisão” do deputado federal Edson Pimenta em deixar o partido (confira aqui e aqui). Pimenta foi um dos grandes apoiadores da campanha de Fabrício à Assembleia Legislativa em 2010. O parlmentar estadual fez juras de amor à legenda.

O presidente do PCdoB de Vitória da Conquista, Antônio Marcos Oliveira, disse que Fabrício continuará nas fileiras do PCdoB. Antônio Marcos tece loas ao deputado mais votado do PCdoB, “fruto da melhor tradição comunista, liderança incontestável do partido no município e  também na Bahia, que tem e terá todo apoio do PCdoB nas batalhas de hoje e nas lutas que o futuro nos reserva”.

Fabrício e o presidente do PCdoB conquistense lembram a trajetória quase secular do partido e reforçam que a legenda “já passou por diversas crises e muitas deserções, mas sempre foi maior que os indivíduos e suas ideias permanecem firmes”.

A possibilidade de Fabrício deixar a legenda decorre das suas ligações com o ex-comunista Edson Pimenta. Ontem, o deputado federal oficializou a sua saída do PCdoB e o ingresso no PSD, partido que está sendo fundado neste domingo (20), em Salvador.

Pimenta alegou falta de apoio do partido na sua caminhada em 2010, quando foi eleito deputado federal. Internamente, os motivos da saída seriam outros. O parlamentar teria “mudado o foco” desde quando chegou à Câmara dos Deputados, onde passou a apoiar a bancada ruralista, bem diferente da origem de defesa dos trabalhdores rurais.

Confira:

CÚPULA DO PCdoB SE MOBILIZA PARA EVITAR SAÍDA DE EDSON PIMENTA
PCdoB JOGA A TOLHA; PIMENTA JANTA COM KASSAB E OTTO

PC DO B JOGA A TOLHA; PIMENTA JANTA COM KASSAB E OTTO

É dada como irreversível a saída do deputado federal Edson Pimenta, do PCdoB. Nesta noite, o parlamentar janta com o vice-governador Otto Alencar e o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, em Salvador. Amanhã, ocorrerá, oficialmente, o lançamento do Partido Social Democrata (PSD), legenda que será o destino de Edson Pimenta.

A saída de Pimenta foi lamentada por figuras importantes do PCdoB, como o suplente de deputado estadual e presidente da legenda em Itabuna, Wenceslau Júnior. O deputado federal estava filiado ao partido desde 1986 e detém o comando da Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag-BA).

Como este blog informou mais cedo (reveja aqui), a movimentação da cúpula comunista foi intensa durante todo o sábado para tentar reverter a saída. Pimenta foi enfático em dizer que sai por considerar que o partido não lhe deu o apoio necessário no ano passado. A direção do PCdoB ainda tem a esperança de que as dificuldades na criação do PSD acabem por manter Pimenta onde esteve nos últimos 25 anos.

CÚPULA DO PC DO B SE MOBILIZA PARA EVITAR SAÍDA DE EDSON PIMENTA

Em primeira mão

Pimenta pode ir para o PSD, de Kassab e Otto Alencar.

Há uma intensa movimentação de bastidores no PCdoB baiano para evitar a saída do deputado federal Edson Pimenta. O parlamentar, que obteve 85.458 votos e retornou à Assembleia Estadual em 2007 com a maior votação entre os nomes do campo progressista, há tempos se queixa do tratamento dispensado pela direção do PCdoB.

O deputado é um dos cinco parlamentares federais que ingressariam no PSD, partido que será lançado na Bahia neste domingo, 20, pelo vice-governador Otto Alencar e o prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab.

A insatisfação se cristalizou em 2010 quando Pimenta concorreu a uma vaga à Câmara Federal. Foi eleito, mas alega que o PCdoB o deixou não. Na leitura de Edson Pimenta, o partido priorizou os nomes de Alice Portugal e Daniel Almeida.

Jean: "sondado".

A preocupação da cúpula do PCdoB estadual aumenta quando leva em conta que Pimenta não apenas conseguiu a eleição a deputado federal, mas também tem entre os seus aliados prefeitos eleitos pela sigla e, também, pelo menos um deputado estadual, Jean Fabrício, de Vitória da Conquista.

O sábado tem sido mais do que movimentado para Daniel Almeida, Alice Portugal, Davidson Magalhães e outros nomes da cúpula comunista. Estes, disparam vários telefonemas para as bases a fim de evitar a saída do parlamentar e estancar qualquer outro movimento de comunistas menos “ideológicos”.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia