WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
beergarden sind sefaz


jamile_yamaha

sintesi17

outubro 2017
D S T Q Q S S
« set    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias


:: ‘educação’

uruçuca

FTC PRESTA HOMENAGEM A 22 EDUCADORES SUL-BAIANOS

Durval França Filho, de Canavieiras, é um dos homenageados desta noite

Durval França Filho, de Canavieiras, é um dos homenageados desta noite

Durante solenidade na noite de hoje (17), a FTC Itabuna concederá o Mérito Educacional FTC para 22 professores que contribuíram para o desenvolvimento da Educação no Sul da Bahia. A iniciativa da FTC visa recuperar a história de homens e mulheres que, nas últimas décadas, dedicaram suas vidas a educar gerações “visando transformar para melhor a sociedade”.

A solenidade de entrega de placas acontece a partir das 19 horas, no espaço Terceira Via Hall. Esta é a 5ª edição do Mérito Educacional FTC, que já contemplou 139 professores de Itabuna e de outros nove municípios da área de abrangência da Faculdade no Sul da Bahia.

Muitos dos educadores homenageados trazem em suas biografias histórias de superação de desafios no exercício do magistério que foram trazidas à luz a partir da iniciativa da FTC.

HOMENAGEADOS 2017

1. Aldaci Santos dos Reis
2. Durval França Filho
3. Eliane Nascimento Souza
4. Enedilse Santos de Oliveira
5. Iolanda Maria Guedes
6. Janaína de Souza Almeida
7. Lídia Maria Bomfim Lima
8. Lúcia Vitória Braitte Carmo Kruschewisky Rehem
9. Manuel Pazos Garrido
10. Maria da Conceição Santos de Oliveira
11. Maria Jovelina Oliveira dos Santos
12. Maria Olívia Lisboa Almeida
13. Maria Rita Cerqueira de Oliveira
14. Maria Selma Teixeira
15. Marlinda Monteiro de Araújo
16. Mery Kalid
17. Miriam Ferreira Santos Araújo
18. Norma Lúcia Tavares de Oliveira
19. Ofélia Gomes Campos
20. Sônia Maria Fonseca Santos
21. Valeriano Hora Amaral Júnior
22. Zaíde Magalhães Kalid

CARREIRA DE PROFESSOR DESPERTA CADA VEZ MENOS O INTERESSE DE JOVENS

Carreira de professor cada vez atrai menos jovens || Foto Gidelzo Silva

Carreira de professor cada vez atrai menos jovens || Foto Gidelzo Silva

A falta de reconhecimento e de condições de trabalho tem atraído cada vez menos alunos para uma profissão que já esteve entre as mais valorizadas no país: a de professor. O Dia do Professor é hoje, mas há motivo para comemorar?

A cada 100 jovens que ingressam nos cursos de pedagogia e licenciatura no país, apenas 51 concluem o curso. Entre os que chegam ao final do curso, só 27 manifestam interesse em seguir carreira no magistério. As informações foram levantadas pelo movimento Todos Pela Educação, com base em dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

“Temos um apagão de professores, principalmente pela desvalorização. A gente já atrai pouco e, dos que vão para a formação inicial, poucos permanecem na carreira. E não se consegue ter uma área de atuação que consiga atrair os melhores alunos do ensino médio”, diz a presidente executiva do Todos Pela Educação, Priscila Cruz.

Na opinião de Priscila, entre as políticas de atratividade necessárias para aumentar o interesse na profissão está a melhoria dos salários. Segundo Priscila, atualmente o professor ganha metade do que os profissionais de outras áreas com ensino superior completo. “Realmente fica difícil atrair os melhores alunos do ensino médio para a carreira se a gente não conseguir fazer com que o salário melhore”, acrescenta.

Priscila destaca que é preciso melhorar também as condições de trabalho do professor. A proximidade dos jovens com a profissão faz com que eles vejam de perto a realidade dos professores, que nem sempre é atrativa. “O fato de o jovem verificar no seu dia a dia que os professores não são valorizados, e muitas vezes são atacados pelos próprios jovens, pelas famílias, pela sociedade, pelo governo, isso faz com que o jovem desista da profissão”, lamenta Priscila.

DESMOTIVAÇÃO

Para o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo, a falta de políticas que valorizem os profissionais da educação desmotiva os profissionais. Segundo Heleno, existe atualmente um processo de disputa muito grande com outras profissões, que oferecem melhor remuneração.

“Até os profissionais de pedagogia estão fugindo dessa profissão, porque os salários são diferentes, e vão fazer o seu trabalho em outros espaços, que têm uma valorização maior”.

Ele ressalta que, apesar de alguns avanços nos últimos anos no processo de valorização dos profissionais da educação, como a lei do piso nacional do magistério, ainda há dificuldades, como o descumprimento, em alguns estados e municípios, da legislação que define o mínimo a ser pago a profissionais em início de carreira, além do achatamento da carreira de professor.  “Há estados que pagam o piso para o professor do nível médio e o mesmo valor para nível superior”, diz Heleno Araújo.

De acordo com a CNTE, em 2004 o salário dos professores no país representava cerca de 60% da média salarial de outras profissões – atualmente é 52% da média. “Este é o movimento inverso do Plano Nacional de Educação, que diz que, até 2020, o salário médio dos professores deve ser equiparado ao salário médio de outras profissões”, afirma.

PLANO NACIONAL

O Ministério da Educação (MEC) deve lançar nos próximos dias uma política nacional de formação de professores, já articulada à Base Nacional Comum Curricular, que vai focar na valorização dos profissionais. Segundo o MEC, está em estudo a ampliação das oportunidades das licenciaturas para a nova geração de docentes da educação básica e também para os que já estão em sala de aula.

Para o MEC, a valorização do professor é fundamental para a educação. “Existe a clareza de que o professor tem um papel central no desenvolvimento educacional de nossos estudantes e de que, para exercer essa profissão, ele precisa ser valorizado em todas as suas dimensões”, diz o ministério, em nota. Agência Brasil.

ITABUNA: ROBERTO MENDES E PORTUGAL LEVAM MÚSICA E POESIA AO ESCOLA CULTURAL

Jorge Portugal e Roberto Mendes apresentam O Violão e a Palavra no Modelo, em Itabuna

Jorge Portugal e Roberto Mendes apresentam O Violão e a Palavra no Modelo, em Itabuna

O Colégio Modelo de Itabuna, primeira Escola Cultural do programa Educar para Transformar, do Governo da Bahia, recebeu a aula-show “O Violão e a Palavra”, com a participação do secretário estadual de Cultura e professor de Língua Portuguesa e Literatura, Jorge Portugal, e o cantor e compositor baiano Roberto Mendes. Estudantes e pessoas da comunidade vivenciaram o encontro entre a música e a palavra, em que o violão se uniu à poesia para mostrar a força da arte e da comunicação.

O projeto Escolas Culturais tem o objetivo de fomentar ações que promovam experiências em cultura dentro das unidades da rede pública de ensino e a integração com a comunidade onde a escola está inserida. Nesse sentido, se adequou perfeitamente a apresentação do ‘Violão e a Palavra’, que foi a quarta edição do projeto criado há um ano pela Fundação Pedro Calmon (FPC), entidade vinculada à Secretaria de Cultura do Estado (Secult). :: LEIA MAIS »

OCDE: MAIS DA METADE DOS ADULTOS BRASILEIROS NÃO CHEGA AO ENSINO MÉDIO

educação brasileira2Apesar de ter registrado avanços nos últimos anos, a educação no Brasil ainda apresenta resultados insatisfatórios. É o que mostra o relatório Education at a Glance 2017 (Um olhar sobre a educação, em tradução livre), publicado hoje (12) pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O documento traz amplo panorama sobre a educação em mais de 45 países. – os 35 da OCDE e vários parceiros (Argentina, Brasil, China, Colômbia, Costa Rica, Índia, Indonésia, Lituânia, Federação Russa, Arábia Saudita e África do Sul). O Brasil, inclusive, já pleiteou sua adesão formal à OCDE (veja abaixo).

No cenário da educação brasileira, alguns dados chamam a atenção. Em 2015, mais da metade dos adultos, com idade entre 25 e 64 anos, não tinham acesso ao ensino médio e 17% da população sequer tinham concluído o ensino básico. Os números estão muito abaixo da média dos países da OCDE, que têm 22% de adultos que não chegaram ao ensino médio e 2% que não concluíram o básico.

O relatório, no entanto, mostra um avanço. Entre os adultos de 25 e 34 anos, o percentual de alunos que completou o ensino médio subiu de 53% em 2010 para 64% em 2015.

Considerando que o ensino médio brasileiro tem duração de 3 anos e deveria ser cumprido entre os 15 e os 17 anos de idade, o Brasil também apresenta taxas muito abaixo da média dos outros países analisados no relatório. Apenas 53% dos alunos de 15 anos estão matriculados no ensino médio. Entre os alunos de 16 anos, 67% estão matriculados no ensino médio e, entre os de 17 anos, 55%. Na média dos países da OCDE, pelo menos 90% dos alunos entre 15 e 17 estão no ensino médio.

Dos adolescentes brasileiros que têm acesso ao ensino médio, só a metade conclui os estudos em três anos. Se considerados cinco anos de estudo, com duas reprovações, a taxa sobre para 57%, mas permanece abaixo dos 75% de estudantes que concluem o ensino médio nos países que têm dados disponíveis.

No Brasil, entre os jovens de 18 anos, menos da metade cursa o ensino médio ou superior. A taxa para os países da OCDE é de 75% de alunos de 18 anos, na mesma situação.

Apesar de o Brasil já ter conseguido colocar praticamente todas as crianças de 5 e 6 anos na escola, a participação de crianças menores ainda está abaixo do esperado, segundo o relatório. Apenas 37% das crianças de 2 anos e 60% das de 3 anos estão na educação pré-escolar, dados inferiores aos das médias da OCDE que estão em 39% e 78%, respectivamente.

No Brasil, a Emenda Constitucional 59, de 2009, deu prazo para que até 2016 fosse garantida a matrícula escolar a todos os brasileiros com idade entre 4 e 17 anos. De acordo com a pesquisa, em 2015, 79% das crianças de 4 anos estavam na escola, menos do que 87% da média da OCDE, e abaixo de países como o Chile (86%), México (89%), a Argentina (81%) e Colômbia (81%).

ENSINO SUPERIOR

Apenas 15% dos estudantes brasileiros entre 25 e 34 anos estão no ensino superior, face a 37% na OCDE, 21% na Argentina e a 22% no Chile e na Colômbia. No entanto, se comparado aos países dos Brics (bloco formado pelo Brasil, a Rússia, Índia, China e África do Sul), o Brasil está melhor – a China tem 10%, a Índia, 11%, e a África do Sul, 12%.

No Brasil, 37% das graduações em 2015 eram feitas nas áreas de negócios, administração e direito, índice semelhante ao da maioria dos outros países pesquisados. Em seguida, a preferência dos brasileiros era por pedagogia, com 20% das matrículas – uma das taxas mais altas entre os todos os países. Apenas a Costa Rica e Indonésia têm taxas mais altas de opção por pedagogia (22% e 28%, respectivamente). :: LEIA MAIS »

CIDADE UNIVERSITÁRIA, ITABUNA GANHA POLO DA UNINASSAU

Prédio da Uninassau em Recife

Prédio da Uninassau em Recife

A Uninassau lançará mais um Polo de Ensino a Distância (EAD). Desta vez, o local escolhido foi Itabuna, na Bahia. A unidade oferece 16 cursos na modalidade e as inscrições para o vestibular podem ser feitas no site http://vestibular.uninassau.edu.br.

A unidade possui cursos com mensalidades a partir de R$167,20 e matrículas a R$49,90. Os estudantes que escolherem cursar uma graduação a distância terão à disposição cursos nas áreas de humanas, negócios e exatas.

As opções de curso são Administração, Ciências Aeronáuticas, Ciências Contábeis, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão Hospitalar, Gestão de Qualidade, Gestão de Recursos Humanos, Gestão Financeira, Gestão Pública, Logística, Marketing, Processos Gerenciais, Letras, Letras – Espanhol, Letras – Inglês e Pedagogia.

O coordenador da unidade, José Campos Vieira, destaca a importância da chegada da marca ao local. “Itabuna é um dos principais polos educacionais do interior da Bahia. A instalação da Uninassau é por entender a força que a nossa cidade representa neste segmento e é capaz de oferecer o serviço de educação de qualidade com diferencial”, diz. O Polo EAD Itabuna está localizado na Avenida Amélia Amado, 792, Centro.

ESTUDANTES TÊM AULA DE HISTÓRIA NAS RUAS DO CENTRO DE ILHÉUS

Alunos têm aula de história em excursão em Ilhéus || Fotos Karoline Vital

Alunos têm aula de história em excursão em Ilhéus || Fotos Karoline Vital

A turminha do segundo ano do Ensino Fundamental I da Escola e Brinquedoteca A Casa Amarela teve uma aula de história diferente. Para aprender mais sobre Ilhéus, as crianças participaram de uma breve excursão pelo Centro da cidade, guiada pelo historiador Moisés Alves. A atividade extraclasse, neste semana, proporcionou aos estudantes vários dos principais monumentos da cidade, sob a supervisão da diretora pedagógica Sara Lemos, da diretora administrativa, Gabriela Puentes, e da professora Rossane Sales.

O primeiro ponto de parada da excursão foi o Outeiro de São Sebastião, local onde os colonizadores portugueses fundaram a Vila de São Jorge dos Ilhéus, em 1536. No Mirante do Canhão, as crianças ouviram do professor Moisés Alves como se deu a ocupação do local pelos homens brancos, seus conflitos com os indígenas locais e ataques de piratas franceses.

Os estudantes, na sequência, visitaram a Igreja de São Jorge, construção mais antiga do centro histórico, datada do final do século XVII, e foram a pé ao Palácio Paranaguá, onde viram fotografias antigas e quadros dos ex-prefeitos da cidade, no Salão Nobre. O grupo seguiu para a Praça J.J. Seabra, onde contemplou as esculturas em mármore de Carrara de Sapho e do Inverno.

Excursão leva estudantes a conhecer história e patrimônio de Ilhéus

Excursão leva estudantes a conhecer história e patrimônio de Ilhéus

Com direito à parada para pipoca na Rua Jorge Amado, os alunos da Casa Amarela foram recebidos pelo ator José Delmo, no Teatro Municipal de Ilhéus. O artista contou uma breve história sobre os mitos fundadores da região. Os pequenos curiosos visitaram ainda a I Exposição Filatélica “Viagem no Mundo dos Selos”, realizada pelos Correios e Secretaria Municipal de Cultura. E, após passarem pela Catedral de São Sebastião, os estudantes concluíram o passeio com pose para foto no letreiro turístico de Ilhéus.

Para a diretora pedagógica da Casa Amarela, Sara Lemos, a excursão oportunizou aos alunos a terem uma visão diferente sobre a cidade. “Em sala de aula, buscamos sempre incentivar a curiosidade e a vontade de aprender. Mas, através da interação com os locais e os monumentos, eles puderam vivenciar a história e construir um novo olhar sobre o que Ilhéus representa”.

Excursão ao Centro Histórico Casa Amarela 29-08-17 - foto Karoline Vital (6)

COMO EXIGIR UM PAÍS MELHOR, SE VOCÊ NÃO FAZ A SUA PARTE?

elies haun netoEliés Haun Neto | netohaun@gmail.com

 

Qual seu papel na sociedade? Você está sendo “cidadão” ou cidadão?

 

cidadão
substantivo masculino.

1. habitante da cidade.
2. indivíduo que, como membro de um Estado, usufrui de direitos civis e políticos por este garantidos e desempenha deveres que, nesta condição, lhe são atribuídos.

Uma senhora de 80 anos entra no ônibus na Califórnia em Itabuna, equilibra-se com dificuldade em busca do seu espaço reservado, garantido por Lei e sinalizado por placas, dois jovens estão sentados nesses espaços e fingem estar dormindo.

Um homem bem arrumado e elegante em seu carrão abre o vidro em plena CINQUENTENÁRIO e joga uma embalagem de picolé pela janela, sem no mínimo se preocupar com o exemplo que esta dando ao seu filho que acabou de buscar na escola e que estava no banco de trás do carro que, fecha o vidro e prossegue como se nada tivesse acontecido.

Uma mãe para o carro em fila dupla esperando o filho sair da escola, falando ao celular, enquanto disfarça o estrago que faz no trânsito, ignora as buzinas e o olhar atravessado dos outros motoristas.

Mas nada disso é mais constrangedor e deprimente do que o atitude do “cidadão” que abre a porta de sua casa na AVENIDA ILHÉUS, em Itabuna, atravessa a rua e despeja restos de materiais de construção, resto de móveis e utensílio do lar e nada mais nada menos do que uma carcaça de geladeira. Isso tudo praticamente no CENTRO da cidade.

Entulho descartado na Avenida Ilhéus, região central de Itabuna || Fotos Elies Haun Neto

Entulho descartado na Avenida Ilhéus, região central de Itabuna || Fotos Eliés Haun Neto

Qual o compromisso deste “cidadão” com Itabuna? O que este “cidadão” pode cobrar dos nossos governantes?

Estes “cidadãos” devem pensar que se não jogarem seus dejetos no canteiro central desta tão importante avenida de Itabuna não haverá emprego para os garis, mostrando assim um retrocesso mental e cultural
nos tempos de hoje.

Qual seu papel na sociedade?

Você está sendo “CIDADÃO” ou CIDADÃO?

Elies Haun Neto é administrador e CIDADÃO itabunense.

PRAZO DE INSCRIÇÕES EM CURSOS DO PRONATEC TERMINA NESTA 3ª

Inscrições em cursos oferecidos pelo Pronatec encerram-se hoje.

Inscrições em cursos oferecidos pelo Pronatec encerram-se hoje.

O prazo de inscrição para mais de 500 mil vagas do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) – Oferta Voluntária termina hoje (22). Anteriormente previsto para ser encerrado em 18 de agosto, o prazo foi ampliado para garantir oportunidade aos que não puderam se inscrever em tempo hábil.

As oportunidades são gratuitas e os cursos, de formação inicial e continuada e cursos técnicos, serão realizados tanto em modo presencial quanto a distância. As inscrições devem ser feitas pela internet, na página do Sistema Nacional de Informações da Educação Profissional e Tecnológica.

No total, 570 vagas são para cursos de qualificação profissional, sendo 190 presenciais. Outras 1.412 destinam-se a cursos técnicos, todos presenciais. Os cursos terão duração mínima de 160 horas, sendo oferecidos por instituições privadas de educação profissional e tecnológica, de forma voluntária. As aulas terão início no dia 28 de agosto. AB.

PRESIDENTE DO FNDE LIBERA R$ 200 MIL PARA URUÇUCA E CONHECE PROJETO INOVADOR

O prefeito Moacyr Leite apresenta o projeto da escola ao presidente do FNDE || Foto Divulgação

O prefeito Moacyr Leite apresenta o projeto da escola ao presidente do FNDE || Foto Divulgação

O presidente do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), Sílvio Pinheiro, anunciou a liberação de R$ 200 mil para compra de equipamentos e mobiliário escolar para a rede municipal de ensino de Uruçuca. Sílvio participou da apresentação do projeto da nova escola de Serra Grande, ao lado do deputado federal Paulo Azi (DEM) e do prefeito Moacyr Leite Jr.

O projeto da nova escola é considerado inovador pelo gestor municipal. Ocupando uma área de 28 mil metros quadrados, a escola contará com espaços específicos para a educação infantil e Ensino Fundamental  e espaço para estudantes de todas as idades e para a comunidade.

“Será um campus de educação básica inovador com uma concepção de educação não apenas integral como integrada e sustentável”, observa o prefeito. O projeto, segundo o gestor, é resultado de diálogo da comunidade escolar, gestores públicos e especialistas. :: LEIA MAIS »

GREVE DOS PROFESSORES DE ITAGIMIRIM COMPLETA 28 DIAS

greve educaçãoA greve dos professores municipais da cidade de Itagimirim, no sul da Bahia, completou 28 dias e não há previsão de quando as aulas serão retomadas. Os servidores paralisaram as atividades em 13 de junho, quando pediram para a prefeitura rever um decreto de redução no salário, liberado no mês de maio.

Segundo a presidente Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia (APLB), em Itagimirim, Gilvana Brito, as aulas só foram afetadas durante treze dias, pois a prefeita decretou férias coletivas de 22 de junho até o último dia 7. Segundo a APLB, o caso já está na Justiça.

De acordo com Gilvana, a redução salarial gira em torno de 20 a 25%. Na época, a prefeita Devanir Brillantino disse ao G1 que não houve uma redução de salário, mas sim, uma readequação no plano salarial, que estaria errado desde a antiga gestão.

Como os 119 professores não voltaram às atividades, os cerca de 1.780 alunos seguem sem aulas, nas sete escolas do município. O G1 procurou o secretário de Educação de Itagimirim, Rafael Amaral, mas não conseguiu contato até a publicação desta reportagem.

ESTADO DIVULGA RESULTADO DE PROCESSO SELETIVO DA EDUCAÇÃO

processoseletivoO resultado preliminar do processo seletivo simplificado para a contratação de professores e profissionais da Educação, por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), foi divulgado nesta segunda-feira (29).

As provas foram realizadas no dia 7 de maio, nos 27 territórios de identidade da Bahia. O resultado preliminar está disponível no site da empresa organizadora da seleção. Na página, o candidato deve acessar o menu ‘concurso’ e depois o link referente à função para a qual ele concorreu.

O candidato poderá – dentro do prazo de dois dias, a contar desta segunda (29) – interpor recurso contra o resultado preliminar. A previsão é de que o resultado final deve seja divulgado na primeira semana de junho, enquanto a convocação acontecerá até o início de julho.

VAGAS

A seleção é destinada à contratação de 2.485 professores da Educação Básica, Educação no Campo e mais 215 vagas para professor Indígena. O processo seletivo também envolve 961 vagas para a função de técnico de nível médio/mediador para o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (Emitec).

FERNANDO FECHA DOIS “CULÉGIOS” POR BAIXA DEMANDA

Prefeito durante campanha fez críticas ao fechamento de escolas (Reprodução Pimenta).

FG, quando candidato, criticava fechamento de escolas (Reprodução Pimenta).

Vane do Renascer foi duramente criticado, na campanha de 2016, pelo fechamento de 10 escolas da rede municipal. O reordenamento da rede era necessário devido à baixa demanda de alunos, de acordo com o ex-gestor de Itabuna.

A justificativa foi ignorada na disputa eleitoral. Quem mais explorou o fato durante a peleja, acabou eleito prefeito de Itabuna. “Isso é um crime”, dizia o então candidato Fernando Gomes. Não sabia o que o aguardava.

Ontem, por meio de nota, confirmou-se que a gestão de Fernando fechou duas escolas (Escola Municipal Califórnia e Escola Comunitária Santa Inês, transferindo os alunos, respectivamente, para a 28 de Julho e Grupo Escolar Amélio Cordier).

A secretária de Educação, Anorina Smith Lima, que também fez críticas à decisão de Vane e da então secretária Dinalva Melo, alegou “baixa demanda na procura por vagas” e impossibilidade “de formação de turmas”. Os espaços eram alugados, acrescentou.

Contraria-se o discurso em nome da racionalidade dos recursos públicos, o que é salutar. Mas o vale-tudo eleitoral precisa acabar. E o eleitor, ficar mais atento.

Antes, como agora, os alunos não ficaram sem lugar para estudar. Espaço, antes e agora, não faltava, não falta. A rede municipal cada vez mais perde alunos. Antes, eram 30 mil (anos 2000). Hoje, não chega a 18 mil. Sobram vagas. E professores, também. Um dos motivos para reordenamento na rede.

PRAZO DE INSCRIÇÃO NO ENEM TERMINA NESTA SEXTA

Inscrições no Enem devem ser feitas pela internet (Foto Marcelo Casall Jr./Agência Brasil).

Inscrições no Enem devem ser feitas pela internet (Foto Marcelo Casall Jr./Agência Brasil).

O prazo de inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2017 encerra-se às 23h59min de amanhã (19), no horário de Brasília. Aqueles que já fizeram a inscrição têm até o fim do prazo para fazer alguma alteração no cadastro, como por exemplo, a cidade em que deseja fazer as provas.

Acesse o site do Enem.

Até a noite de ontem (17), segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), 4,8 milhões haviam concluído a inscrição. As provas serão aplicadas em dois domingos consecutivos, nos dias 5 e 12 de novembro.

Para concluir a inscrição, o candidato deve pagar a taxa de R$ 82. O prazo para pagamento vai até o dia 24 deste mês. Pelas regras do edital, estão isentos da taxa os estudantes de escolas públicas que concluirão o ensino médio este ano, os participantes de baixa renda que integram o Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e os que se enquadram na Lei 12.799/2013 que, entre outros critérios, isenta de pagamento aqueles com renda igual ou inferior a um salário mínimo e meio, ou seja, R$ 1.405,50.

:: LEIA MAIS »

UFSB ABRE 280 VAGAS PARA LICENCIATURAS; ESTUDANTE DEVE TER FEITO ENEM

UFSB oferece 280 vagas para Licenciaturas (Foto Gabriel Oliveira).

UFSB oferece 280 vagas para Licenciaturas (Foto Gabriel Oliveira).

A Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) abriu processo seletivo para preencher 280 vagas em Licenciaturas Interdisciplinares (área básica de ingresso). O alunos deve ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2015 ou 2016 para concorrer às vagas em colégios universitários (CUNI) da instituição.

Metade das vagas será para o campus Jorge Amado, em Itabuna. As aulas serão ministradas nos colégios universitários de Itabuna, Ilhéus, Ibicaraí e Coaraci (35 vagas por localidade).

Os campi de Porto Seguro e Teixeira de Freitas terão 70 unidades cada um (veja edital).

As inscrições começam nesta quinta (18) e o prazo encerra-se no dia 23 de maio. De acordo com o edital, a seleção será dividida em duas modalidades de concorrência – vagas reservadas a estudantes oriundos de escolas públicas e as de ampla concorrência.

A inscrição deverá ser feita pelo site http://selecao.ufsb.edu.br/abi/.

Quem for aprovado na seleção, terá de comprovar a conclusão do Ensino Médio no momento da matrícula na UFSB, programada para o período de 7 a 9 de junho, das 14h às 21h.

:: LEIA MAIS »

EM ILHÉUS, ESCOLAS MUNICIPAIS NÃO FUNCIONAM AMANHÃ

Marão Entrevista 29.03.2017

Marão determinou suspensão das aulas nesta sexta (Foto Pimenta).

Não haverá aula nesta sexta-feira (28) na rede municipal de ensino, em Ilhéus. De acordo com a secretária de Educação de Ilhéus, Eliane Oliveira, a decisão foi tomada em função do movimento nacional de paralisação em protesto contra as reformas trabalhista e da Previdência que tramitam na Câmara dos Deputados, em Brasília. A suspensão das aulas foi determinada pelo prefeito Mário Alexandre (Marão).

O cancelamento das aulas, reafirma a secretária, também é uma forma de assegurar a segurança dos 20.500 estudantes e 1.800 trabalhadores em educação que formam a rede nas 119 unidades escolares de Ilhéus. Como segunda-feira, dia 1º de Maio, é feriado nacional, as aulas serão retomadas na terça (2).

A LAVADEIRA, A FILHA E O ANEL DE FORMATURA

Dona Cecília, o anel de formatura e a filha formada.

Dona Cecília, o anel de formatura e a filha formada.

Do Blog do Thame

Uma solenidade de formatura da Unopar Itabuna, na sexta, foi marcada por momento de grande emoção. Durante o Culto de Ação de Graças, Thyara Andrade,  que se graduou em Serviço Social, fez questão de prestar uma homenagem à mãe, dona Cecília,  de 77 anos.

Lavadeira durante 40 anos, dona Cecília criou os sete filhos com seu trabalho árduo e digno. “Mãe, o amor por seus filhos foi maior do que a dor e o sofrimento. Obrigada pelo cuidado, amor e dedicação. Valeu a pena cada gota de suor derramada. Nenhuma delas foi em vão. Te amo”, disse Thyara, a primeira da família a concluir um curso de nível superior.

Durante a homenagem, dona Cecília recebeu uma trouxa de roupas, que simbolizava sua luta na criação dos filhos.

Dentro, estava o Anel de Formatura de Thyara.

CONCURSO DO IF BAIANO OFERECE 80 VAGAS E ATÉ R$ 9,1 MIL DE SALÁRIO

Campus do IF Baiano em Uruçuca, na região sul do Estado.

Campus do IF Baiano em Uruçuca, na região sul do Estado.

O Instituto Federal Baiano (IF Baiano) fará concurso público para preenchimento de 80 vagas para docentes (básico, técnico e tecnológico) e técnicos-administrativos em Educação para os vários campi no estado. As inscrições começam na próxima quinta (9) e serão encerradas em 9 de abril, conforme edital retificado. Os salários variam de R$ 1.834,69 a R$ 9.114,67, a depender do cargo em disputa e titulação.

As inscrições devem ser feitas somente pelo site da fundação (clique aqui) e a taxa foi definida em R$ 100,00 para os cargos de nível E, R$ 80,00 para os de nível D e R$ 60,00 para o C. Para os cargos de professor, está fixada em R$ 150,00.

Das 80 vagas, 43 são reservadas a docentes e 37 para técnicos. O concurso possui cotas para negros e pessoas com deficiência em vários cargos em disputa.

As provas estão previstas para serem aplicadas em 9 de julho pela Fundação Cefet Minas, em Salvador. O candidato terá 6 horas para fazer o exame.

CARGOS

Os cargos oferecidos no concurso para nível E são Analista de Tecnologia da Informação, Economista, Médico Veterinário, Relações Públicas e Bibliotecário-Documentarista, com oferta de R$ 3.868,21 de salário.

Os cargos de nível D, que oferece R$ 2.294,81 de salário, são as de Tecnólogo em Cooperativas, Tecnólogo em Gestão Pública, Assistente em Administração, Revisor de Texto Braile, Técnico em Alimentos e Laticínios, Técnico em Contabilidade, Tradutor e Intérprete de Línguas e Sinais.

Para o nível C, o cargo é o de Assistente de Aluno, com R$ 1.834,69. O IF Baiano oferecerá auxílios transporte, alimentação (R$ 458,00) e plano de saúde para todos os níveis.

DOCENTES

O concurso reserva 43 vagas para professor, sendo 13 vagas para área de Música, 10 para Atendimento Educacional Especializado, 3 para Matemática, 1 para História, 2 para Língua Inglesa, 2 para Agronomia, 1 para Engenharia Química, 1 para Gastronomia, 4 para Meio Ambiente e 2 para Cooperativismo, conforme edital corrigido. O salário base é R$ 4.234,77. A depender da titulação do docente, a remuneração pode chegar a R$ 9.114,67.

O prazo de validade do concurso será de um ano, podendo ser prorrogado pelo mesmo período. Da Redação.

BAHIA LANÇA NOVA SELEÇÃO PARA CONTRATAR 2,4 MIL PROFESSORES

Seleção abre 2,4 mil vagas na Bahia.

Seleção abre 2,4 mil vagas na Bahia.

A Secretaria da Educação do Estado da Bahia lançou, hoje (23), editais para o Processo Seletivo Simplificado visando a contratação de 2.483 professores da Educação Básica, Educação Básica no Campo e mais 215 vagas para professor Indígena. A contratação será por meio do Regime Especial de Direito Administrativo (REDA)

O processo seletivo também envolve 961 vagas para a função de técnico de nível médio/mediador para o Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (EMITEC). As inscrições serão realizadas de 1º a 13 de março,exclusivamente via Internet, no endereço eletrônico (www.ibrae.com.br), ícone concursos. Informações também estão disponíveis no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br).

A seleção acontecerá em uma única etapa, com a prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, aplicada para as funções de professor da Educação Básica, Básica no Campo e Professor Indígena para a Educação Indígena. A abrangência da seleção englobará 415 municípios componentes dos Núcleos Territorias de Educação (NTE).

A aplicação da prova objetiva acontecerá em Salvador, Alagoinhas, Amargosa, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Caetité, Eunápolis, Feira de Santana, Ipirá, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Macaúbas, Paulo Afonso, Ribeira do Pombal, Santa Maria da Vitoria, Santo Antônio de Jesus, Seabra, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença e Vitoria da Conquista.

No caso do técnico de nível médio/mediador para o EMITEC, a seleção englobará 109 municípios e as provas serão aplicadas em Salvador e Alagoinhas, Amargosa, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Caetité, Eunápolis, Feira de Santana, Ibotirama, Ilhéus, Ipirá, Irecê, Itaberaba, Itabuna, Itapetinga, Jacobina, Jequié, Juazeiro, Macaúbas, Paulo Afonso, Porto Seguro, Ribeira do Pombal, Santa Maria da Vitoria, Santo Antônio de Jesus, Seabra, Senhor do Bonfim, Serrinha, Teixeira de Freitas, Valença e Vitoria da Conquista.

INSCRIÇÕES ABERTAS

Também acontecem, até o dia 03 de março, as inscrições para 519 vagas destinadas a professores da Educação Profissional e Tecnológica e  211 vagas iniciais para professor substituto da Educação Básica, conforme editais publicados no dia 11 de fevereiro.

A seleção engloba, ainda, 157 vagas para preceptor de estágio de Enfermagem das unidades da Educação Profissional e Tecnológica da rede estadual e mais 655 vagas da Educação Especial, destinadas a Técnicos de Atendimento Educacional Especializado, Tradutor/Intérprete de Libras, Cuidador Educacional, Braillista e Instrutor de Libras.

NOVO ENSINO MÉDIO COMEÇA A SER IMPLEMENTADO EM DOIS ANOS

Ministro da Educação durante ato de sanção do novo Ensino Médio (Foto Antônio Cruz).

Ministro da Educação durante ato de sanção do novo Ensino Médio (Foto Antônio Cruz).

O ministro da Educação, Mendonça Filho, disse hoje (16) que o novo ensino médio estará implementado em todo o país a partir de 2019. “Há prazos para os estados se adequarem a essa realidade. A base [Base Nacional Comum Curricular] só estará concluída até o final de 2017. Não poderíamos exigir a implementação plena pelos estados em 2018. Então, isso será feito com mais profundidade só em 2019.”

A reforma do ensino médio foi sancionada na manhã de hoje pelo presidente Michel Temer. Entre as principais mudanças estão a flexibilização curricular, a ampliação da carga horária e a formação técnica dentro da grade do ensino médio. O próximo passo é implantar a Base Nacional Comum Curricular que, atualmente, está sendo elaborada por um comitê presidido pelo Ministério da Educação (MEC).

De acordo com o ministro, o ensino médio é diferenciado em cada unidade da Federação e, por isso, a implementação da reforma será discutida com os conselhos e secretarias estaduais, para que cada um faça as adequações necessárias. “A lógica é preservar as peculiaridades e valorizar o protagonismo dos sistemas estaduais”, disse Mendonça, ao falar sobre a distribuição dos conteúdos da base durante os três anos do ensino médio.

Segundo a secretária executiva do MEC, Maria Helena Guimarães, a tendência é que o primeiro ano seja concentrado na base e que, a partir do segundo ano, as escolas comecem a flexibilizar e diversificar o currículo com os chamados itinerários formativos, em que o estudante poderá escolher entre cinco áreas de estudo: linguagens, matemática, ciências da natureza, ciências humanas e formação técnica e profissional. O projeto prevê que os alunos escolham a área na qual vão se aprofundar já no início do ensino médio. :: LEIA MAIS »

alba



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia