WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia






secom bahia








maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

editorias






:: ‘Ensino superior’

CCJ DA CÂMARA APROVA CRIAÇÃO DA UFESBA

Audiência na CCJ aprovou criação da Ufesba. Projeto de lei vai ao Senado (Foto Divulgação).

Audiência na CCJ aprovou criação da Ufesba. Projeto de lei vai ao Senado (Foto Divulgação).

A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados aprovou nesta tarde, 12, o projeto de lei que cria a Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufesba), estabelecendo Itabuna como sede e campi em Porto Seguro e Teixeira de Freitas.

Relator do PL da Ufesba, o deputado federal Geraldo Simões (PT/BA) disse que, encerrada a tramitação na Câmara dos Deputados, agora o projeto segue para o Senado Federal e, depois, vai à sanção da presidente Dilma Rousseff.

Por meio de sua assessoria, Geraldo disse que fará rápida tramitação no Senado. “Para isso, já fiz contato com o líder do Governo no Senado, o senador Walter Pinheiro”, afirmou, acrescentando que a aprovação dentro do prazo na Câmara o faz acreditar, ainda, no início das atividades da Ufesba em 2014.

MATRÍCULA PARA APROVADOS NA PRIMEIRA CHAMADA DO PROUNI VAI ATÉ AMANHÃ

Termina amanhã (31) o prazo para os candidatos pré-selecionado na primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) providenciarem a matrícula nas instituições de ensino. Para garantir o benefício, os estudantes devem entregar os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição.

No site do ProUni estão detalhados os procedimentos necessários para obter a bolsa de estudos do programa. Além de documentos pessoais, o candidato deve apresentar comprovantes de residência, de rendimentos, de conclusão do ensino médio, entre outros.

No dia 8 de fevereiro, será feita a segunda chamada de pré-selecionados. O candidato deve providenciar a matrícula e a apresentação de documentos até o dia 19 do mesmo mês. Quem não for selecionado nas duas chamadas pode aderir à lista de espera na página do ProUni nos dias 24 de 25 de fevereiro. Informações da Agência Brasil.

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA VESTIBULAR DA UNISA

A Unisa, instituição que oferece cursos de ensino superior na modalidade EaD, está com inscrições abertas para o seu primeiro vestibular de 2013. O processo seletivo será no dia 5 de fevereiro e os interessados poderão se inscrever até esta data, pelo site www.unisa.br/unisadigital. O horário de aplicação das provas será às 19 horas (horário de Brasília / 18 horas no horário local).

Em Itabuna, o exame acontece no Polo de Apoio Presencial, que funciona no Colégio Adventista.

A instituição de ensino a distância oferece diversos cursos de graduação com grau de bacharelado, além de licenciaturas e tecnólogos. Entre as áreas com vagas abertas, estão as de Engenharia Ambiental e Engenharia de Produção.

Mais informações pelo telefone 2103-7945.

HOJE É ÚLTIMO DIA DE INSCRIÇÕES NO PROUNI

Termina hoje (21), às 23h59, o prazo para inscrições no Programa Universidade para Todos (ProUni). As incrições são feitas exclusivamente pela internet. O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, em instituições privadas de educação superior. Neste primeiro semestre, estão sendo oferecidas 162.329 bolsas, sendo 108.686 integrais e 53.643 parciais (cobertura de 50% da mensalidade). Até a tarde de ontem (20), 795.466 estudantes tenham feito a inscrição.

A primeira divulgação dos resultados será no dia 24 deste mês e a segunda, no dia 8 de fevereiro. Quem não for pré-selecionado em nenhuma das etapas poderá entrar na lista de espera nos dias 24 e 25 de fevereiro.

Para concorrer à bolsa integral, o candidato deve comprovar renda familiar por pessoa até um salário mínimo e meio (R$ 1.017,00). Para as bolsas parciais, a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034,00) por pessoa. Cada estudante pode optar por até dois cursos. Informações da Agência Brasil.

MEC ABRE INSCRIÇÕES NO PROUNI

Os estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) ano passado, tiveram média acima de 450 pontos e não zeraram a redação já podem se inscrever no Programa Universidade para Todos (Prouni).

A oferta para este primeiro semestre é de 144.639 bolsas em faculdades privadas, sendo 99.223 integrais e 45.416 parciais. A bolsa integral é destinada a candidatos com renda familiar per capita de até um salário mínimo e meio. Acima desse valor e até três salários mínimos, a bolsa é parcial (50%).

No cadastro na página do programa na internet (confira aqui), são exigidos número de inscrição no Enem e a respectiva senha. A previsão é de que o resultado para a primeira chamada seja divulgado no próximo dia 24.

PRAZO DE INSCRIÇÃO NO SISU TERMINA HOJE

Da Agência Brasil

As inscrições para o Sistema de Seleção Unificada (Sisu) terminam às 23h59 de hoje (11). Os candidatos devem se inscrever exclusivamente pela internet e, até o encerramento, pode mudar as opções de instituição e curso. A primeira chamada de selecionados está prevista para a próxima segunda-feira (14).

Até as 20h de ontem (10), cerca de 1,6 milhão de candidatos fizeram a inscrição no Sisu, de acordo com balanço do Ministério da Educação (MEC). Nesse período, o sistema eletrônico registrou 3,2 milhões de inscrições, já que cada candidato pode fazer duas opções de curso.

As inscrições são feitas no endereço eletrônico do Sisu. Na mesma página, há informações detalhadas sobre o processo de inscrição, notas de corte, vagas oferecidas e sobre como recuperar o número de inscrição e senha no Enem 2012.

CURSO DE MEDICINA É O MAIS DISPUTADO NO SISU

Da Agência Brasil

O curso de medicina da Universidade Federal do Ceará (UFC) é o mais disputado do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Até o momento, 9.748 inscritos disputam 140 vagas. A nota de corte no curso nesta terça-feira (8) estava em 781,82. Em seguida, está o curso de medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com 67 vagas disputadas por 7.027 candidatos e nota de corte de 819,27. No terceiro lugar, está o curso de medicina da Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), que oferece 63 vagas disputadas por 6.941, com nota de corte de 791,78. Além de medicina, também estão entre os dez cursos mais concorridos direito e psicologia, da UFRJ.

A primeira edição do Sisu 2013 oferece 129 mil vagas distribuídas em 3.752 cursos de 101 instituições públicas de educação superior. Ao todo, já se inscreveram no Sisu mais de 1,2 milhão de candidatos.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), a nota de corte é apenas uma referência para auxiliar o candidato no monitoramento de sua inscrição, não sendo garantia de seleção para a vaga escolhida. A lista dos cursos mais concorridos ainda pode mudar, já que os candidatos podem alterar a opção de curso que se inscreveram até o dia 11, quando termina o prazo de inscrições.

Leia mais

UFSBA EM 2014

Reitora (de óculos) e comissão apresentam projeto a Wagner (Foto Mateus Pereira).

Reitora (de óculos) e comissão apresentaram projeto a Wagner (Foto Mateus Pereira).

Se tudo caminhar como programado – e prometido!, as primeiras aulas inaugurais da Universidade Federal do Sul da Bahia (Ufsba) devem ocorrer no próximo ano. Essa foi a previsão dada ao governador Jaques Wagner, hoje, 3, pela reitora Dora Leal, da Universidade Federal da Bahia (Ufba), e pelo presidente da comissão de instalação da Ufsba, Naomar Almeida Filho.

Em Itabuna, a comissão de instalação e o novo governo ainda definem o local da Ufsba. O município será sede da reitoria da futura instituição de ensino e foi escolhido para abrigar um dos três campi.

Os demais serão Porto Seguro e Teixeira de Freitas, no extremo-sul do Estado. Clique no “leia mais” e conheça um pouco do projeto pedagógico e formas de acesso aos cursos que serão oferecidos pela Ufsba. :: LEIA MAIS »

MEC DIVULGA NOVAS REGRAS DO PROUNI

Do G1

O Ministério da Educação divulgou nesta segunda-feira (31) as regras de inscrição para o Programa Universidade para Todos (ProUni) de 2013, que oferece bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superior. A portaria nº 27 foi publicada no Diário Oficial da União.

De acordo com a portaria, os prazos de inscrição, seleção e matrícula serão divulgados em um novo edital, previsto para o início de janeiro de 2013. Neste edital também serão divulgadas o número de bolsas.

A principal novidade é a mudança da nota mínima exigida. Agora, os candidatos devem ter atingido a média geral de 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para concorrer à bolsas do ProUni. No ano passado, a exigência era de 400 pontos. Participantes que tiraram nota zero na redação também não poderão participar.

As bolsas serão divididas em duas modalidades: integrais e parciais. A integral custeia todo o valor da mensalidade e é destinada a candidatos que tenham renda familiar de até 1,5 salário mínimo. Já a parcial custeia 50% da mensalidade e é oferecida para quem possui renda familiar entre 1,5 e 3 salários mínimos.

Confira mais

PORTAL DO ENEM TEVE 3,2 MILHÕES DE CONSULTAS A RESULTADOS

enem 2012 2Mais de 3,2 milhões de estudantes que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012 acessaram suas notas no site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) até as 17h de hoje (29). O número representa quase 80% dos 4,1 milhões de alunos que fizeram as provas.

Os candidatos podem visualizar os resultados individuais por área de conhecimento e a nota da redação informando o número de inscrição e a senha usada no ato do cadastro ou ainda o CPF e a senha, informa a Agência Brasil.

Com a nota do Enem, os estudantes podem concorrer a uma das 129,2 mil vagas oferecidas em universidades e nos institutos federais de ensino superior por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O período de inscrições vai de 7 a 11 de janeiro de 2013, exclusivamente pela internet.

SAI RESULTADO DO ENEM 2012

Enem é porta de entrada para a Uesc.

Enem é porta de entrada para a Uesc.

O Ministério da Educação divulgou nesta sexta, 28, as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012. O candidato pode acessar o resultado na página do Enem, bastando informar número de inscrição no exame e a senha ou CPF.

CLIQUE E CONFIRA RESULTADO

As notas habilitam o estudante a concorrer a 129.279 vagas em cursos superiores em instituições federais e estaduais, a exemplo da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), no sul da Bahia, por meio do Sistema de Seleção Unificada (Sisu), cujo período de inscrição será aberto no dia 7 de janeiro.

As notas também são utilizadas para estudante disputar vagas em instituições privadas no Programa Universidade para Todos (Prouni), além de certificação do Ensino Médio e estar apto a concorrer a financiamento do Fies.

Cronograma do Sisu (1º Semestre)

7/01 a 11/01 – Período de inscrições
14/01 – Resultado da primeira chamada
18/01 a 22/01 – Matrícula da primeira chamada
28/01 – Resultado da segunda chamada
28/01 a 08/02 – Prazo para participar da Lista de Espera
01/02 a 05/02 – Matrícula da segunda chamada
18/02 – Convocação dos candidatos em lista de espera pelas instituições

CURSOS DA FTC E UNIME SÃO RECONHECIDOS

O Ministério da Educação (MEC) divulgou nesta quinta, 27, relação de 4.370 cursos de nível superior que tiveram reconhecimento renovado. Na lista, estão cursos de instituições privadas de Itabuna. Os cursos são os de licenciatura em Educação Física, oferecido pela Unime, e de Sistema de Informação, da FTC.

A portaria 286/2012 determina que a FTC pode oferecer até 100 vagas por ano neste curso. Já a Unime, foi autorizada a ofertar o máximo de 400 vagas em Educação Física.

SISU OFERECERÁ 129,2 MIL VAGAS EM 2013

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) vai oferecer 129.279 vagas em 3.751 cursos de 101 instituições públicas de ensino superior. As informações já estão disponíveis aos candidatos no site do sistema. A ferramenta foi criada pelo Ministério da Educação (MEC), em 2009, para unificar o processo de seleção de universidades e institutos federais de ensino.

As vagas serão preenchidas por estudantes que prestaram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e obtiveram nota maior que zero na redação. O sistema entra no ar a partir do dia 7 de janeiro de 2013.

De acordo com o cronograma do Sisu, publicado ontem (26) no Diário Oficial da União, as inscrições vão até as 23 horas e 59 minutos do dia 11 de janeiro de 2013 (horário de Brasília) e devem ser feitas exclusivamente pela internet, no portal do Sisu. Para a seleção do primeiro semestre de 2013 valerá a nota do Enem 2012, cuja divulgação, segundo o MEC, será feita amanhã (28).  Da Agência Brasil.

INSCRIÇÕES NO SISU COMEÇAM NO DIA 7 DE JANEIRO

O Ministério da Educação divulgou nesta quarta, 26, o cronograma de inscrições no Sistema de Seleção Unificada (Sisu). O prazo será aberto no dia 7 de janeiro próximo e será encerrado às 23h59min do dia 11 (Horário de Verão). O cronograma foi divulgado no Diário Oficial da União, hoje.

Podem se inscrever no Sisu candidatos que não zeraram a prova de redação no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012. Os inscritos se habilitam a vagas de graduação em universidades e institutos federais de ensino superior, desde que observadas as notas de corte para o curso desejado.

A inscrição no Sisu também é indispensável para quem deseja vaga na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), no sul da Bahia. As notas utilizadas pelos aluno serão as do Enem 2012, cujo resultado está previsto para ser divulgado na próxima sexta, 28.

MEC DIVULGA LISTA DE CURSOS SUSPENSOS

O Ministério da Educação divulgou nesta quarta, 19, no Diário Oficial da União, a lista dos cursos de nível superior suspensos por baixo rendimento no Conceito Preliminar de Curso (CPC) em 2008 e 2011.

O CPC avalia desde a infraestrutura e o corpo docente do curso ao rendimento dos alunos no Enad. São 200 cursos na lista e mais de 38 mil vagas cortadas por decisão do MEC e do Conselho Nacional de Educação.

A lista de suspensos traz cursos de instituições como Universidade Federal da Bahia (Ufba), Universidade de Salvador (Unifacs) e Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC/Salvador). Confira a lista completa

MEC SUSPENDE 207 CURSOS DE NÍVEL SUPERIOR

Heloisa Cristaldo | Agência Brasil

ensino diplomaO Ministério da Educação anunciou hoje (18) a suspensão do vestibular de 207 cursos de instituições de ensino superior de todo país, nas áreas de engenharia, exatas, tecnologia e licenciatura (formação de professores). A lista dos cursos será divulgada no Diário Oficial da União de amanhã (19).

Os cursos obtiveram notas 1 ou 2 (em uma escala até 5) e foram reprovados duas vezes consecutivas no Conceito Preliminar de Cursos (CPC), que é divulgado anualmente pelo ministério e leva em consideração os resultados do Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade), a qualidade da infraestrutura, do projeto pedagógico e dos professores – como quantidade mínima de um docente em tempo integral.

Do total de 6.083 cursos avaliados (da rede federal e privada), 672 tiveram desempenho insatisfatório no CPC em 2011, sendo 124 de instituições federais e 548 de particulares.

Para as instituições com cursos que tiveram baixo desempenho, o MEC impôs a assinatura de um termo de compromisso para acabar com as deficiências, visitas in loco de especialistas para conferir o cumprimento do acordo e o bloqueio da oferta de mais vagas nos vestibulares.

O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, disse que a medida visa a evitar que estudantes ingressem em cursos sem condições de oferecer preparação para a carreira profissional e coibir o funcionamento de instituições com baixa qualidade. “Seremos cada vez mais rigorosos com o padrão de qualidade”, disse. :: LEIA MAIS »

NENHUMA UNIVERSIDADE BAIANA OBTÉM CONCEITO MÁXIMO NO IGC DO MEC

A sul-baiana Uesc teve bom desempenho no IGC do MEC ao obter conceito 4.

O Ministério da Educação divulgou o índice que mede a qualidade do ensino superior no País, o IGC (Índice Geral de Cursos). Nenhuma universidade baiana conseguiu atingir o conceito máximo, 5, mas quatro delas estão obtiveram conceito 4, considerado bom.

São elas as universidades federais da Bahia (Ufba) e do Recôncavo Baiano (UFRB) e a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), além da Unime, que é privada. A FTC de Itabuna obteve conceito 3, considerado satisfatório pelo MEC. A escala vai de 1 a 5.

Foram avaliados  8.665 cursos em todo o País. Os índices são obtidos por meio de avaliações de estrutura e formação do corpo docente e a média dos alunos dos semestres iniciais e dos finais.

De acordo com análise do ministro da Pasta, Aloizio Mercadante, “houve evolução na qualidade da educação superior brasileira nos últimos anos”.

ENEM AGORA É “PORTA ÚNICA” PARA GRADUAÇÃO NA UESC

Ingresso em cursos de graduação na Uesc agora é só pelo Enem-Sisu.

A Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) aderiu ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) para preencher as 1.600 vagas de graduação oferecidas em 2013. Para ingressar num dos 33 cursos de graduação oferecidos pela instituição de ensino superior classificada como a segunda melhor da Bahia pelo ranking universitário Folha, o candidato não se submeterá mais ao tradicional vestibular feito pela instituição. O funil agora é outro, o Enem.

A maratona de provas começa hoje e vai até amanhã, dias 3 e 4, em todo o país. Após as provas e a depender do rendimento no exame, o aluno se inscreve no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para concorrer a vagas nos cursos da instituição sul-baiana (entenda acessando aqui). Já em 2012, 50% das vagas foram oferecidas a quem fez o exame do Ministéiro da Educação no ano passado.

São quase 5,8 milhões de inscritos no Enem em busca da oportunidade de acesso às vagas nas universidades públicas e em busca das melhores notas para ingresso nas faculdades particulares por meio do ProUni.

PROVA COMEÇA ÀS 12H NA BAHIA

O estudante deve ficar ligado no horário de início do exame. Na Bahia e demais estados fora do Horário e Verão, a peleja começa ao meio-dia (horário local).

O universo de inscritos no estado de Todos os Santos é o terceiro maior do Brasil (421.731), perdendo apenas para São Paulo (932.493) e Minas Gerais (653.074), conforme o Ministério da Educação.

CONSELHO RENOVA RECONHECIMENTO DO CURSO DE AGRONOMIA DA UESC

Uesc obtém renovação de curso de Agronomia por mais cinco anos.

O Conselho Estadual de Educação (CEE) renovou o reconhecimento do curso de bacharelado em Agronomia da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc) por mais cinco anos. De acordo com a comissão do CEE responsável pelo parecer, o curso da Uesc está consolidado e funciona “com padrões satisfatórios de qualidade”.

Conforme relatório, 96,9% do corpo docente tem mestrado ou doutorado, “o que representa taxa muito satisfatória” e fortalece as atividades de pesquisa e de extensão, no entendimento da comissão do conselho estadual.

O parecer do Conselho Estadual de Educação aponta, no entanto, que houve ampliação dos laboratórios, mas parte deles ainda necessita de “equipamentos e principalmente de técnicos de laboratório”.

Outra crítica relacionada à estrutura é a distância entre o campus da Uesc e a fazenda mais próxima para as atividades práticas. A Fazenda Almada está a 58 quilômetros do campus. O conselho também recomendou reforço em projetos de pesquisa e extensão que minimizem os índices de evasão de alunos

POR UMA NOVA UNIVERSIDADE

Felipe de Paula | felipedepaula81@gmail.com

Se nossa nova universidade vai ser uma Universidade Nova, pode ser uma decisão política, mas a instituição vai ser construída de fato a partir da apropriação popular.

Ouvir alguém afirmar que a lógica do vestibular é perversa faz parte do cotidiano de muitos. De fato, a universidade acaba exigindo dos jovens a escolha de um caminho profissional em um momento em que isso ainda não é adequado. Além disso, o processo seletivo acaba historicamente privilegiando uma lógica de ensino/aprendizagem pautada numa reprodução de conceitos que nem sempre são plenamente dominados pelo estudante. Contudo isso está mudando. Hoje se fala em uma nova universidade.

A ideia de reformular o ensino superior brasileiro está longe de ser nova. Na década de 30, o educador baiano Anísio Teixeira propôs uma forma diferenciada de pensamento a respeito da universidade brasileira. Hoje, suas ideias inspiram um novo movimento: a Universidade Nova.

O objetivo básico da Universidade Nova, atrelada ao Reuni, é a reestruturação curricular dos programas de formação universitária. A ideia é a implantação dos Bacharelados Interdisciplinares, com três anos de duração e definidos em quatro áreas básicas: Artes, Ciência e Tecnologia, Humanidades e Saúde. Ou seja: o aluno entra na universidade em um Bacharelado Interdisciplinar da área de Artes.

Durante três anos, ele cursa disciplinas básicas, de formação generalista que o permita obter uma base universitária. Daí por diante, ele tem a opção de seguir para uma área profissionalizante mais específica. Há a chance de migração de setor de estudos já dentro da universidade. Tudo isso realizado com a base interdisciplinar, com o estudante tendo uma amplitude de informações mais variada.

Os críticos a esta proposta apontam que ela contribui para a precarização do ensino superior. O aumento da relação aluno/professor, a pressão pelo alcance de uma meta de aprovações quantitativa e o acréscimo de investimento financeiro incompatível com o aumento de matrículas são alguns dos pontos destacados nas apreciações negativas.

Aqueles que são favoráveis focam seus argumentos na necessidade de se readequar o ensino superior a uma nova realidade contemporânea, sobrepujando problemas de acesso, mobilidade e permanência. Citam também a adoção da interdisciplinaridade com algo positivo para se evitar a fragmentação do ensino e a conseqüente escolha prematura de carreiras.

O que parece ser inquestionável nesse imbróglio é a ideia de que o mundo contemporâneo é marcado pela imprevisibilidade e flexibilidade. A sociedade do conhecimento traz a necessidade de uma relação constantemente atualizada com o saber e os modelos para o ensino superior demandam debates que possibilitem a obtenção de uma prática condizente com a realidade que vivemos.

A futura implantação da Universidade Federal do Sul da Bahia irá adotar esse modelo. Diante disso, os interessados nos encaminhamentos da educação federal superior de nossa região devem buscar se apropriar dessa discussão. Os rumos do desenvolvimento regional, através da formação de milhares de jovens sul baianos, passam diretamente por esse debate. Se nossa nova universidade vai ser uma Universidade Nova, pode ser uma decisão política, mas a instituição vai ser construída de fato a partir da apropriação popular.

Felipe de Paula é professor universitário federal.










WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia