WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘escolas municipais’

ITABUNA: AULAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS COMEÇAM NA PRÓXIMA QUINTA

Imeam atraiu mais alunos e está em reforma || Foto Wilson Oliveira/Arquivo

As aulas nas escolas da rede municipal de Itabuna começam na próxima quinta-feira (16) com pouco mais de 16,6 mil alunos matriculados para o ano letivo de 2019. As atividades preparatórias começaram desde a semana passada, com a realização da pré-jornada e da jornada pedagógica da rede. O início tardio do ano letivo se deve a greves dos educadores no período 2017-2018.

Apesar da grande queda no número de alunos na rede municipal, a Secretaria de Educação de Itabuna aponta que houve aumento no alunado do Instituto Municipal de Educação Aziz Maron (Imeam), que saiu de 700 alunos em 2018 para 1.100 em 2019. O colégio terá 37 turmas neste ano.

O acréscimo se deve, principalmente, ao fim do convênio do município com o Ciso. O convênio foi rompido, unilateralmente, pelo prefeito Fernando Gomes com o colégio por questões político-partidárias. Os alunos tiveram que ser remanejados para o Imeam, que terá como um dos atrativos a adoção do modelo militar.

De acordo com a secretária de Educação, Nilmecy Gonçalves, o número de alunos até agora, na rede, é 16.623, porém as matrículas para o ano letivo estão abertas até 31 de maio. A expectativa, segundo ela, é que a rede alcance 18 mil alunos matriculados. A rede conta com 1.223 professores e 800 funcionários de apoio, conforme dados da Secretaria de Educação de Itabuna.

MATRÍCULAS NAS ESCOLAS MUNICIPAIS EM ITABUNA COMEÇAM NESTA QUARTA-FEIRA

Matrículas nas escolas municipais começam nesta quarta-feira em Itabuna

A Secretaria de Educação de Itabuna inicia, nesta quarta-feira (13), a matrícula nas escolas municipais. Para facilitar o atendimento aos pais e/ou responsáveis, serão instalados nove postos informatizados de matrículas em bairros e no centro da cidade. No período de 13 a 22 de dezembro serão matriculados os alunos da própria rede.

No período de 22 de janeiro a 2 de fevereiro, serão matriculados os novos estudantes ingressantes nas escolas municipais. No ato da matrícula serão exigidos original da Certidão de Registro Civil ou Cédula de Identidade; original do CPF; número do NIS do aluno; comprovante de residência; e cartão do SUS. Para os ingressantes serão exigidos ainda a transferência da escola anterior e uma pasta individual.

LOCAIS DE MATRÍCULAS

Os postos informatizados de matrículas vão funcionar na Escola Lourival Oliveira (Ferradas); Escola Frederico Smith (Urbis IV); Escola João Mangabinha (Mangabinha); Centro de Atenção Integral à Criança e ao Adolescente – CAIC Jorge Amado (Jardim Primavera), e Escola Everaldo Cardoso (São Caetano).

Postos de matrícula serão instalados também na Escola 28 de Julho (Califórnia); Imeam (Centro); Escola Luiz Viana Filho (Santo Antônio); e no Setor de Organização Escolar (Cento Administrativo Municipal). O atendimento será feito no horário de funcionamento das escolas. Para os alunos do noturno, a SEC disponibilizará algumas unidades com horário especial.

FERNANDO FECHA DOIS “CULÉGIOS” POR BAIXA DEMANDA

Prefeito durante campanha fez críticas ao fechamento de escolas (Reprodução Pimenta).

FG, quando candidato, criticava fechamento de escolas (Reprodução Pimenta).

Vane do Renascer foi duramente criticado, na campanha de 2016, pelo fechamento de 10 escolas da rede municipal. O reordenamento da rede era necessário devido à baixa demanda de alunos, de acordo com o ex-gestor de Itabuna.

A justificativa foi ignorada na disputa eleitoral. Quem mais explorou o fato durante a peleja, acabou eleito prefeito de Itabuna. “Isso é um crime”, dizia o então candidato Fernando Gomes. Não sabia o que o aguardava.

Ontem, por meio de nota, confirmou-se que a gestão de Fernando fechou duas escolas (Escola Municipal Califórnia e Escola Comunitária Santa Inês, transferindo os alunos, respectivamente, para a 28 de Julho e Grupo Escolar Amélio Cordier).

A secretária de Educação, Anorina Smith Lima, que também fez críticas à decisão de Vane e da então secretária Dinalva Melo, alegou “baixa demanda na procura por vagas” e impossibilidade “de formação de turmas”. Os espaços eram alugados, acrescentou.

Contraria-se o discurso em nome da racionalidade dos recursos públicos, o que é salutar. Mas o vale-tudo eleitoral precisa acabar. E o eleitor, ficar mais atento.

Antes, como agora, os alunos não ficaram sem lugar para estudar. Espaço, antes e agora, não faltava, não falta. A rede municipal cada vez mais perde alunos. Antes, eram 30 mil (anos 2000). Hoje, não chega a 18 mil. Sobram vagas. E professores, também. Um dos motivos para reordenamento na rede.

COMPUTADORES FURTADOS DE ESCOLA SÃO VENDIDOS EM ITABUNA

O vereador Nadson Monteiro (PPS) denunciou nesta quarta-feira, 25, que microcomputadores e outros equipamentos furtados da Escola Municipal Raimunda Oliveira, no Santo Antonio, estão sendo oferecidos a comerciantes e pessoas do bairro. O também radialista alertou para que ninguém compre os equipamentos e ainda comunique a ação dos bandidos às autoridades policiais.

A escola foi arrombada nesta semana por bandidos que levaram 12 microcomputadores novos e periféricos para o futuro infocentro. Monteiro disse que apresentar Pedido de Providência na Câmara de Vereadores para que a Guarda Civil Municipal reforce a segurança dos imóveis como escolas e postos de saúde.

Segundo ele, os ataques de bandidos ao patrimônio público municipal têm sido frequentes nos últimos dias. Enquanto faltam guardas municipais nas escolas e postos de saúde, efetivo de aproximadamente 20 homens está sendo desviado para dar segurança à Construtora Casa Própria, responsável pela execução das obras do Canal Lava-Pés (Avenida Amélia Amado). Os guardas dão plantão para impedir que os operários parem de trabalhar, já que a categoria está em greve há quase duas semanas.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia