WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba

workshop










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘G Barbosa’

VANE CONFIRMA INTERESSE DO G. BARBOSA EM ITABUNA

O prefeito Claudevane Leite (Vane do Renascer) confirmou hoje, 19, a intenção do grupo Ceconsud de abrir uma filial da rede de supermercados G. Barbosa em Itabuna. Até o início do mês, havia especulação sobre a vinda dos chilenos. Uma das áreas em estudo fica localizada ao lado do Centro Administrativo Firmino Alves, na Avenida Princesa Isabel, Banco Raso.

Vane comemorou a abertura de novos empreendimentos no município. Ontem, ele participou da inauguração de uma loja e da central de distribuição da D&D Home Center, do Grupo Dadalto, investimento de R$ 4 milhões e geração de 100 empregos diretos no município.

Até o início de abril, a multinacional Walmart vai inaugurar em Itabuna o atacadão Maxxi, no quilômetro 25 da BR-415, numa região onde a Construtora Módulo está construindo o condomínio residencial de alto padrão Jardim das Hortênsias (confira aqui).

SAI A LICENÇA DO G BARBOSA

O Conselho Municipal do Meio Ambiente de Ilhéus (Comdema) acaba de aprovar a licença ambiental para a construção do supermercado G Barbosa. O empreendimento será executado no bairro do Pontal, zona sul da cidade.

A licença ambiental foi concedida em reunião extraordinária do Comdema, da qual participaram, além dos membros do conselho, moradores dos bairros do Pontal e Sapetinga, mais diretamente interessados na obra e seus impactos positivos e negativos.

De acordo com o presidente do Comdema, José Nazal, a publicação da licença deverá ocorrer nesta sexta-feira, 2, no Diário Oficial eletrônico do município. O G Barbosa ainda precisa obter o alvará de construção para dar prosseguimento às obras de seu primeiro supermercado no sul da Bahia.

SEGUNDO PRESIDENTE DO COMDEMA, POPULAÇÃO QUER O G BARBOSA

Nazal diz que atraso se dá por culpa da empresa

O presidente do Conselho Municipal de Defesa do Meio Ambiente de Ilhéus (Comdema), José Nazal, entrou em contato com o PIMENTA e atribuiu exclusivamente ao supermercado G Barbosa a responsabilidade pelo atraso no início da construção do supermercado da rede no bairro do Pontal, zona sul de Ilhéus.

Nazal disse que a maioria da população defende a vinda do G Barbosa para a cidade, mas salienta que é preciso obedecer determinados critérios para que o empreendimento possa ser executado. “Não se constroi sem alvará”, exemplificou o presidente.

Segundo Nazal, os questionamentos dos moradores e membros do Comdema têm a ver com aspectos como, por exemplo, o acesso ao supermercado. “Não existe projeto aprovado”, declarou, salientando que um engenheiro do próprio G Barbosa admitiu que o atraso se dá por culpa  do empreendedor.  “Eles deram entrada no processo de licenciamento ambiental em março e só agora apresentaram a documentação”, diz Nazal.

O presidente do Comdema também descartou a possibilidade do G Barbosa deixar de vir para Ilhéus. “Nenhuma empresa vai investir R$ 5 milhões na compra de um terreno para depois abandonar o projeto”, justificou.

E O G BARBOSA VAI FICANDO PELO CAMINHO

Ilhéus corre verdadeiramente o risco de perder a loja do G Barbosa que estaria para ser instalada na Avenida Lomanto Júnior, bairro Pontal. No início desta semana, membros do Conselho do Meio Ambiente se reuniram e o que mais se viu foram petardos lançados contra o empreendimento. De questões ambientais a problemas de mobilidade, muito foi dito.

Argumenta-se que o trânsito naquela área se tornaria ainda mais caótico, até que o sonho de uma nova ponte se torne realidade. Ou seja, é a falta de ação do poder público que ameaça inviabilizar o investimento privado.

Em outra ponta, boicotando nos bastidores, haveria um supermercado de raízes ilheenses. Sem nenhum interesse de ganhar um forte concorrente…

A POLÊMICA EM TORNO DO G BARBOSA

Uma história um tanto complicada tem circulado em Ilhéus em torno da chegada do supermercado G Barbosa na cidade. Após comprar um imóvel para se estabelecer, no bairro do Pontal, a empresa teria empacado e o que se diz é que gente da Prefeitura estaria obtendo “estímulo financeiro” de outro supermercado para criar dificuldades.

O caso foi levantado esta semana pelo radialista Gil Gomes, no programa Alerta Geral (Rádio Santa Cruz). Imediatamente, o chefe de gabinete do prefeito Newton Lima, José Nazal, ligou para a emissora e desmentiu tudo. Segundo Nazal, é o G Barbosa que ainda não providenciou toda a documentação necessária.

“Essa história (de boicote) é uma absoluta inverdade. O projeto do G Barbosa se encontra em estudo e já foi analisado na LOP (Licenciamento de Obras Particulares)”, informou o chefe de gabinete, acrescentando que a empresa já recebeu inclusive autorização para demolir a construção existente no terreno onde irá instalar sua loja.

OPERADOR AGIRIA CONTRA O G. BARBOSA EM ILHÉUS

Um secretário municipal estaria operando contra a instalação do supermercado G Barbosa em Ilhéus, segundo denuncia o blog Agravo. A movimentação do secretário foi detectada pelo governo e esta autoridade estaria agindo em defesa de uma grande rede de supermercado com presença no município, de acordo com a publicação.

O G Barbosa já pediu liberação de alvará para construir a unidade em Ilhéus, de acordo com o secretário de Planejamento, Alisson Mendonça.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia