WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
alba





abril 2018
D S T Q Q S S
« mar    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘golpe’

BANDIDOS USAM NOME DO DETRAN-BA PARA APLICAR GOLPE VIA WHATSAPP

Detran alerta para golpe por meio de aplicativo

O Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran)  informou, nesta segunda-feira (26), que a sua Ouvidoria  registrou denúncias de usuários que receberam mensagens via whatsApp, em nome de pessoas se passando por funcionários públicos. Durante o contato, os bandidos apresentam oferta de vantagens na realização de procedimentos de trânsito, mediante o pagamento em dinheiro.

Segundo a direção do Detran-BA , trata-se de um golpe praticado por uma quadrilha que atua também em outros estados.  A autarquia alerta que não entra em contato com o cidadão por meio das redes sociais, e-mail, whatsApp ou ligação telefônica, para oferecer facilidades em serviços, como a liberação de veículos removidos em blitzen.

O departamento comunicou o crime à Secretaria de Segurança Pública (SSP), que está investigando o caso. O Detran  alerta para que os cidadãos busquem os serviços do órgão somente por meio dos canais de comunicação oficiais.

O usuário tem à disposição o call center, pelo telefone (71) 3535-0888, portal na internet, o aplicativo para smartphones Detran.BA Mobile e WhatsApp, que funciona com respostas automáticas, pelo número (71) 9 9978-4858. Em caso de dúvidas, a pessoa deve se dirigir às unidades de atendimento do órgão, na capital e no interior.

“É CILADA, BINO”: GOLPE NO WHATSAPP PROMETE CUPOM DE DESCONTO NO BURGER KING

Novo golpe pelo WhatsApp promete cupom de desconto no Burger King

Um novo golpe com um cupom de desconto para a rede de fast-food Burger King circula no WhatsApp. A mensagem propagada no aplicativo promete um suposto desconto de 50 reais e leva as pessoas a uma página falsa de cadastro para capturar os dados pessoais das vítimas.

Após o preenchimento do formulário, como em diversos outros golpes semelhantes, uma mensagem aparece pedindo que a promoção falsa seja compartilhada com 10 amigos ou três grupos para que o desconto seja liberado.

Um golpe semelhante a esse já circulou pelas mensagens do WhatsApp em 2016.

De acordo com a companhia de segurança digital PSafe, o golpe já atingiu 350 mil brasileiros.

Se você procura cupons de desconto, vale notar que o próprio Burger King tem um app (Android e iPhone) para isso e outras empresas, como a Cuponeria, oferecem apps com descontos baseados em geolocalização.

Para evitar golpes como esse relacionado ao Burger King, a empresa de segurança digital Eset recomenda o seguinte:

– Use uma solução de segurança no smartphone;
– Não clicar em links estranhos ou suspeitos recebidos por mensagem;
– Não fornecer dados pessoais a fontes não confiáveis;
– Não instalar apps de fontes não oficiais;
– Não compartilhar mensagens suspeitas.

Da Exame

DEPUTADO CHAMA EMBASA DE “EMPRESA 171”

Targino Machado diz que Embasa é "171".

Targino Machado diz que Embasa é “171”.

O deputado estadual Targino Machado (PPS) detonou a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) pela qualidade dos serviços prestados em todo o estado. “É uma empresa “171”. Os recibos chegam todos os meses e tem localidades que, apesar dos recibos chegarem e serem pagos, a água só jorra na torneira a cada 3 ou 4 meses”, disse. O 171 é número de artigo do Código Penal brasileiro que se refere à prática de estelionato ou fraude.

Targino citou como exemplo de golpe da Embasa o município de Candeal, abastecido pela adutora de Ponto Novo. Segundo ele, os povoados de Belo Alto e São João registram cenário desolador. “As pessoas vivem à míngua, esperando ansiosamente a água cair, como se fosse favor. Na verdade, é obrigação do Estado levar água para o povo. Infelizmente, a água é difícil de cair e quando cai é de má qualidade. Esse é o governo da Bahia”, disse. Até agora, a empresa não se pronunciou quanto à acusação feita pelo parlamentar.

NOTÍCIAS DE UM GOLPE

TerencioJosé Augusto Terêncio

 

Confesso que estou feliz pelo que está acontecendo. Não pela miséria da oposição, mas pela força que nasceu do povo, pela nossa democracia.

 

Quando eu digo que sou pecador, é por uma razão bem simples: a desgraça de uma pessoa é o moralismo, e eu não quero ser referência pra ninguém em absolutamente nada.

Eu nunca fui esquerda, nunca fui petista… Na verdade, eu nunca defendi ideologia política nenhuma, mas procurei sempre ser coerente, defender a verdade, procurei a verdade dos fatos, procurei ser justo, honesto etc.

Acompanho politica não é de hoje e conheço as figuras que estão no poder há muitos anos. Já votei em muitos deles, inclusive, e com base nisso me posicionei contra o impeachment. Fui pra rua defender a democracia com convicção, levei minha filha comigo para defendermos a presidenta Dilma, mesmo não sendo de esquerda.

Mas por que fiz isso?

Por uma razão bem simples: quem norteia minha consciência não é a televisão, a revista, o jornal, etc. Quando  digo que leio e me informo, não é pra querer ser melhor que ninguém, mas é para ser justo e coerente nas minhas atitudes e não ser um alienado, um sem noção.

:: LEIA MAIS »

O BURACO É MAIS EMBAIXO

WENCESLAU1Wenceslau Júnior | wenceslauviceprefeito@gmail.com

 

Muitos, a exemplo da Globo, Cunha, Moro, Temer e outros abutres, estão conscientes do desserviço que prestam à Nação, mas alguns pequeno-burgueses desavisados embarcam nessa onda por pura ignorância de não conhecer a história de como se deram os Golpes Militares aqui na América Latina.

 

A tentativa de Golpe, disfarçado num processo de impeachment sem base legal, longe de configurar-se na irresignação das elites derrotadas pela quarta vez consecutiva nas urnas, tem um claro interesse da principal potência internacional em barrar uma alternativa de alteração da correlação de forças na ordem geopolítica mundial.

Se fizermos uma breve análise dos últimos acontecimentos no mundo – as guerras pelo controle da produção de petróleo e controle da economia, a reação política da “nova direita” à consolidação de alternativas de modelos adotados nos países emergentes que destoam da receita neoliberal prescrita pelo FMI e a perspectiva de consolidação dos BRICS como um novo órgão internacional -, perceberemos que a ação do juiz Sergio Moro, da Rede Globo e das elites entreguistas brasileiras faz parte de um novo plano de dominação norte-americana.

Alguns podem afirmar que “isso é discurso de comunista”, mas demorei bastante a escrever esta contribuição para o debate, pois tenho responsabilidade acadêmica e jamais faria um discurso panfletário ante um tema tão importante para o futuro da nação.

O Encontro dos BRICS no ano de 2014, em Fortaleza, é um marco importante para a reação norte-americana. Nele, além de assinar acordos bilaterais sobre cooperação nas áreas cientifico-tecnológica, da educação, militar e comercial, Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul tomaram uma decisão que feriu de morte e ameaçou a hegemonia dos EUA na esfera mundial: a criação do Novo Banco de Desenvolvimento (NBD).

O banco nasceu com capital de US$ 50 bilhões para financiar obras de infraestrutura em países em desenvolvimento, e, mais recentemente, o Arranjo de Contingência de Reservas (ACR), com recursos na ordem de US$ 100 bilhões, com o objetivo de socorrer os países emergentes em “risco de quebrar”.

Essas iniciativas libertariam, de uma vez, esses países das garras do FMI e outros órgãos de financiamento hegemonizados pelos EUA, que impõem aos países que têm negócios como eles uma receita de política macroeconômica que, na maioria das vezes, vão de encontro aos interesses destes próprios países. Como exemplo, o receituário neoliberal e a ideia de estado mínimo imposta por décadas aos países da América Latina e de outros continentes que eles insistem em tratar como colônias.

Outro aspecto importante que moveu a gana dos americanos foi a descoberta do pré-sal. Não tenham dúvidas de que esse ataque destrutivo à imagem da empresa, com o pretexto de combater a corrupção que todos sabem que existe há muito tempo, teve como objetivo real a destruição das grandes empresas brasileiras que desenvolveram expertise nas áreas das engenharias, abrindo mercado para as multinacionais que, inclusive, sofreram derrotas em disputas comerciais com várias empresas genuinamente brasileiras.

Os avanços das ideias conservadoras em vários países da América Latina, a exemplo da Argentina, Equador, Peru, Venezuela, entre outros, as sanções aplicadas pelos EUA à Russia em virtude do caso da Ucrânia e as guerras aparentemente por causa de intolerância religiosa no oriente médio têm, todos esses fatos, o dedo podre e maldito daqueles que hoje representam para o mundo o que já representou o Império Romano, a jornada de Napoleão e o Nazi-fascismo conduzido por Hitler e Mussolini.

Barrar o Golpe travestido de impeachment não significa apenas manter a ordem democrática, o respeito à vontade dos 54 milhões de brasileiros que votaram em Dilma, mas, sobretudo, barrar as garras das ave de rapina norte-americana, que nunca aceitou a ideia de que nós, latino-americanos, temos a capacidade de sermos donos do nosso próprio destino.

Muitos, a exemplo da Globo, Cunha, Moro, Temer e outros abutres, estão conscientes do desserviço que prestam à Nação, mas alguns pequeno-burgueses desavisados embarcam nessa onda por pura ignorância de não conhecer a história de como se deram os Golpes Militares aqui na América Latina.

O buraco é muito mais embaixo do que os inocentes, massa de manobra, que induzidos pela mídia, pensam que combatem a corrupção, mas se aliam ao maior corrupto que a República já viu, para derrubar uma presidenta que nunca cometeu crime ou respondeu a um processo sequer.

Não vai ter golpe!

Wenceslau Júnior é vice-prefeito de Itabuna e professor de Direito da Uesb.

DEFENSORES DO GOVERNO PROVOCAM OPOSICIONISTAS

Alguns manifestantes que participaram do ato contra o impeachment da presidente Dilma Rousseff voltaram ontem (31), de Brasília para a Bahia, no mesmo voo dos deputados federais Lúcio Vieira Lima (PMDB) e José Carlos Aleluia (DEM), ambos da oposição.

Lúcio é um dos mais ardorosos defensores do afastamento da petista, assim como trabalhou fortemente pelo desembarque do PMDB da base do governo. Aleluia também apoia o impeachment e no mês passado participou de manifestação contra Dilma em Salvador, na qual acabou levando vaia dos próprios manifestantes contrários ao governo.

Em seus assentos, Lúcio e Aleluia ficaram calados e fingiram que não ouviam os gritos de “Não vai ter golpe”. Lúcio, como se não bastasse, está tentando se curar de sua notória fobia de avião… Desse jeito, fica difícil.

PRF PRENDE QUADRILHA DE ESTELIONATÁRIOS

Corolla e Duster apreendidos com uma quadrilha eram de locadora (Foto PRF-BA).

Corolla e Duster apreendidos com uma quadrilha eram de locadora (Foto PRF-BA).

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) deteve, neste final de semana, uma quadrilha suspeita de estelionato. O esquema foi desvendado a partir de denúncia de que pessoas suspeitas e armadas estavam circulando em dois veículos em Ipiaú. Um Renault Duster e um Toyota Corolla foram abordados no quilômetro 746 da BR-330, em Jequié.

O Renault Duster estava com quatro ocupantes e, durante a fiscalização, foram encontrados uma pistola, marca Taurus, calibre 380, com 28 munições intactas, e dois revolveres da mesma marca, calibre 38, carregados com seis munições cada, além de 09 munições soltas.

Questionado pelos policias sobre o Toyota/Corolla, os três homens e uma mulher que foram detidos com as armas, informaram que ele se encontrava em uma casa em Ipiaú.

Equipes da PRF foram até o local e encontraram o veículo, o qual havia sido repassado para uma vítima dos estelionatários. Após verificação, constatou-se que as placas usadas eram clonadas e os outros elementos de identificação estavam adulterados, com informações que pertenciam a outro de mesmas características, sendo que o carro original possuía ocorrência de roubo desde janeiro deste ano, em Salvador.

Mais dois envolvidos, que estavam hospedados em uma pousada em Ipiaú, foram detidos, com apoio da Polícia Civil e Polícia Militar, por participação no esquema criminoso. O veículo Duster pertence a uma locadora de veículo, a qual informou, após contato, que o carro havia sido alugado para o período de 25/08/2015 a 19/09/2015, porém encontrava-se apropriado pelos indivíduos a quase sete meses.

Todos os seis envolvidos foram encaminhados junto com os materiais dos crimes para a Delegacia da Polícia Civil de Jequié, onde poderão responder pelos crimes de receptação, estelionato/fraude, porte ilegal de armas de fogo e apropriação indébita.

TAXISTA CAI EM GOLPE

Um taxista de Ilhéus acabou perdendo o seu veículo na madrugada desta quinta-feira (03), após atender duas passageiras que lhe solicitaram uma corrida para Itabuna. Na verdade, eram bandidas que levaram o homem para uma armadilha.

Ao chegar a Itabuna, as mulheres pediram que o motorista seguisse para o bairro Santo Antônio, nas imediações da pedreira J. Macedo. Foi neste ponto que o dono do táxi parou e foi abordado por dois assaltantes, que tomaram o carro, um Gol branco, placa de Ilhéus.

O motorista registrou ocorrência no plantão do Complexo Policial de Itabuna.

PRESO GOLPISTA QUE INTERCEPTAVA CARTAS

Golpista Edivaldo Manoel interceptava cartas.

Golpista Edivaldo Manoel interceptava cartas.

O estelionatário Edivaldo Manoel dos Santos Filho, de 46 anos, foi flagrado com dez cartões de crédito, além de carteiras de identidade e de habilitação em nome de diversas pessoas,  ontem (5), por investigadores da 16ª Delegacia Territorial (DT), da Pituba, em Salvador. Ele foi preso quando tentava receber uma entrega dos Correios destinada a uma moradora de um edifício localizado na Rua Florentino Silva, no Itaigara.

Edivaldo foi apresentado à imprensa, nesta quarta-feira (6), pela titular da 16ª DT, Maria Selma Lima, que contou detalhes sobre a prisão. Segundo a delegada, ele era investigado há cerca de um mês, quando os primeiros registros de ocorrências sobre encomendas não entregues a moradores da Pituba começaram a ser feitos na unidade.

A delegada disse que Edivaldo costumava ficar nas proximidades de edifícios residenciais, numa Honda CB-30, de placa PIK-2950, e já apreendida, aguardando que o carteiro chegasse para fazer alguma entrega. “Ele se apresentava como conhecido ou empregado do destinatário e recebia a encomenda”, explicou a titular da DT/Pituba.

A polícia investiga agora o envolvimento de outras pessoas no golpe e se Edivaldo recebia informações sobre o roteiro das entregas por parte de servidores dos Correios. Autuado em flagrante por estelionato, ele será encaminhado ainda hoje ao Núcleo de Prisão em Flagrante (NPF), na Mata Escura. O material apreendido e a motocicleta serão encaminhados para perícia.

EMPRESÁRIO APLICA GOLPE DE R$ 94 MILHÕES NO LITORAL NORTE DA BAHIA

José Miguel foi preso em operação da Polícia Civil (Foto PC-BA).

José Miguel foi preso em operação da Polícia Civil (Foto PC-BA).

Um golpe de R$ 94 milhões aplicado pelo empresário português José Miguel Tavares Roque Martins, que vendeu 470 lotes de um empreendimento imobiliário, na região da Linha Verde, foi descoberto pela Delegacia de Defesa do Consumidor (Decon). Ontem (30), a polícia civil cumpriu um mandado de prisão preventiva do falsário.

José Miguel é dono da Resort Empreendimentos Imobiliários, que vendeu lotes entre R$ 140 mil e R$ 200 mil, onde seriam construídos os condomínio residenciais Jardim Litoral I, II e II, com entrega das unidades previstas até o segundo semestre de 2015.

Os compradores pagariam neste mês a última parcela pela compra dos imóveis de luxo, mas nada foi construído nos terrenos. A delegada Carla Ramos, titular da Decon, apurou que José Miguel aplicou um golpe semelhante no estado de Minas Gerais, onde os imóveis vendidos teriam até um heliponto.

– Ele estava em Salvador há dois anos e já se preparava para fugir para Sergipe depois de receber o restante do pagamento das vítimas – salientou a delegada.

Indiciado por estelionato, José Miguel já foi encaminhado ao sistema prisional.

DILMA: “USAR A CRISE PARA CHEGAR AO PODER É VERSÃO MODERNA DO GOLPE”

Dilma considera golpe caminho tomado pela oposição (Foto Wilson Dias/Agência Brasil).

Dilma considera golpe caminho tomado pela oposição (Foto Wilson Dias/Agência Brasil).

A presidente Dilma Rousseff disse hoje (16) que querer usar a crise econômica que o país atravessa como instrumento para chegar ao poder é “uma versão moderna do golpe”. Segundo Dilma, vários países passaram por crises nos últimos anos e, em nenhum, a “ruptura democrática” foi proposta como solução.

“Em todos esses países que passaram por dificuldades, você não viu nenhum país propondo a ruptura democrática como forma de saída da crise. Esse método que é querer utilizar a crise como um mecanismo para chegar ao poder é uma versão moderna do golpe”, comparou Dilma, em entrevista para a Rádio Comercial AM, de Presidente Prudente, antes de viajar para um compromisso na cidade do interior paulista.

Dilma disse que há pessoas “que não se conformam” com o fato de o Brasil ser uma democracia sólida, baseada na legitimidade do voto popular. “Essas pessoas geralmente torcem para o quanto pior, melhor. E aí é em todas as áreas, quanto pior, melhor na economia, quanto pior, melhor na área política; todas elas esperando uma oportunidade para pescar em águas turvas”.

Para a presidente, o Brasil “tem uma solidez institucional” e voltou a pedir união das forças políticas para fazer o país voltar a crescer. “O que temos de fazer é o seguinte, nos unirmos, todos juntos o mais rapidamente, independente das nossas posições e interesses pessoais ou partidários, e tomarmos o partido do Brasil, o partido que leva à mudança da nossa situação”.

Dilma considera “fundamental muita calma nesta hora, muita tranquilidade e a certeza que eu posso garantir: o governo trabalha diuturnamente, incansavelmente para garantir a estabilidade econômica e política do país.”

Standard&Poor’s

Na entrevista, Dilma comentou o rebaixamento da nota de crédito do Brasil pela agência de classificação de riscos Standard&Poor’s, mas disse que a economia brasileira não tem problemas de crédito internacional nem dificuldades para atrair investimento estrangeiros.

:: LEIA MAIS »

O PATINHO FEIO E O GOLPE

marco wense1Marco Wense

 

O Brasil vai sair dessa grave crise, mais política e ética do que econômica. Os bons políticos querem. Todos nós queremos. Só os idiotas e imbecis torcem pelo “quanto pior, melhor”.

 

O quarteto tucaniano, composto por Fernando Henrique Cardoso, Aécio Neves, José Serra e Geraldo Alckmin, não tem um ponto de equilíbrio em relação ao impeachment da presidente Dilma Rousseff.

FHC e Aécio defendem dois caminhos: o da renúncia de Dilma, que é um ato unilateral, e o do Tribunal Superior Eleitoral, que vai julgar se houve abuso de poder e financiamento irregular na campanha de 2014.

O posicionamento pela renúncia, que leva o vice a assumir a presidência da República, é de mentirinha. Querem um desfecho contra Dilma e Temer. Ou seja, via TSE, que, julgando procedente a ação do PSDB, poderia definir por novas eleições, no prazo de até 90 dias, ou pela posse de Aécio Neves, segundo colocado no processo sucessório. O comando do Palácio do Planalto ficaria, interinamente, com o incendiário Eduardo Cunha, presidente da Câmara dos Deputados. É bom lembrar que Cunha pode virar réu a qualquer momento. O evangélico parlamentar é investigado pela Lava Jato, acusado de ter recebido uma propina de cinco milhões de dólares no esquema do petrolão.

O senador José Serra concorda com a renúncia de Dilma, mas não quer nem ouvir falar do TSE. Torce por uma decisão do TCU condenando as chamadas “pedaladas fiscais”. Por mais estranho que pareça, Serra é um pró-Temer. Trabalha, sorrateiramente, contra o “companheiro” Aécio. Serra quer ser uma espécie de super-ministro em um eventual governo peemedebista. Com Aécio Neves no poder, o tucano-temista seria impiedosamente isolado, tratado com desdém, defenestrado. O roqueiro e doidão Lobão, cotado para ser o titular do ministério da Cultura, teria mais prestígio do que Serra.

Uma decisão desfavorável a Dilma no Tribunal de Contas da União abriria as portas do Congresso para um processo de impeachment por crime de responsabilidade. Temer assumiria o comando do País se o afastamento fosse concretizado.

Sobre as “pedaladas”, escrevi, em 31 de julho, que os governos de FHC (1995-2002) e o de Lula (2003-2010) maquiaram as contas públicas para garantir o pagamento do seguro desemprego. O TCU não tomou nenhuma providência. O que antes era aceitável é agora crime contra a Lei de Responsabilidade Fiscal. Bastou um piscar de olhos na direção do impeachment.

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, com o corpo, a alma e o espírito voltados para a eleição de 2018, é contra o impeachment. É outro que vem rifando Aécio Neves. Para que o projeto seja aberto pela Câmara, é preciso o apoio de 342 deputados. Seguindo para o Senado, o aval tem que ser dado por 54 senadores.

Parabéns a Renan Calheiros, presidente do Senado, que, juntamente com os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e do Planejamento, Nelson Barbosa, trabalham na criação de uma agenda positiva, suprapartidária, de interesse nacional. O Brasil acima da politicagem.

Quando questionado sobre a grave crise, o senhor Aécio Neves, até hoje inconformado com o inquestionável resultado das urnas, diz, com aquele inerente deboche, que “cabe ao governo, e não à oposição, buscar soluções”.

Ora, o PSDB não aponta soluções porque não tem competência para apontá-las. A sinceridade parte do próprio tucanato, do vice-presidente nacional da legenda e ex-governador de São Paulo Alberto Goldman: “o PSDB não tem projeto de País”. Finaliza dizendo que “a legenda não é capaz de dizer o que faria se tivesse vencido as eleições do ano passado”.

Setores da chamada “grande imprensa” e importantes lideranças políticas de oposição começam a perceber que o impeachment é o pior dos cenários. João Roberto Marinho, um dos três sócios majoritários das Organizações Globo, diz que “o sucessor da presidente Dilma será quem vencer as eleições de 2018”. Editorial da Folha de São Paulo que “a ala aecista não pode subordinar os meios jurídicos a seus fins eleitorais, vergando as regras da democracia para encurtar o caminho até o poder”.

Clique no link abaixo para ler o artigo na íntegra.

:: LEIA MAIS »

“JAMAIS COGITO RENUNCIAR”, AFIRMA DILMA

A presidente Dilma Rousseff disse hoje em entrevista ao jornalista Kennedy Alencar, do SBT, que o Brasil vive uma tentativa “artificial” de golpe. Ao ser questionada sobre renúncia, foi enfática: “Jamais cogito renunciar”.

Dilma lembrou ter sido “legitimamente eleita” e até citou Carlos Lacerda ao relembrar pensamento de que, se eleita, não tomaria posse, se tomasse, não governadoria, e se governasse, seria destituído. Ainda na entrevista, Dilma diz que o passado de golpe não coaduna com os novos tempos, apesar de ainda existir uma cultura do golpe no país.

Confira íntegra da entrevista no vídeo abaixo:

GUARDA MUNICIPAL É PRESO ACUSADO DE APLICAR GOLPES EM ITABUNA

Bom de papo, Jackson ludibriou mais de 40 vítimas.

Bom de papo, Jackson ludibriou mais de 40 vítimas.

O guarda municipal Jackson Celestino do Amaral, de 41 anos, foi preso em flagrante, hoje (2), ao tentar dar golpe em uma pessoa que pretende retirar carteira de motorista. A vítima desconfiou da proposta de Jackson de retirar a carteira sem fazer nada e acionou a polícia.

Jackson acabou preso em flagrante. Com ele, a polícia encontrou vários certificados falsos de conclusão do Ensino Médio. O guarda municipal é bastante conhecido em Itabuna.

De acordo com o chefe da 5ª Ciretran em Itabuna, Gilson Nascimento, pelo menos 40 pessoas foram vítimas do estelionatário, que se encontra preso no Complexo Policial de Itabuna.

O guarda municipal se apresentava como policial militar e funcionário do Detran, o que ajudou no golpe. As vítimas, inicialmente, recebiam a garantia de que teriam o laudo para retirar a carteira, mas o documento nunca era entregue pelo falsário.

JUSTIÇA BLOQUEIA BENS DE MULHER QUE LESOU IDOSA EM R$ 360 MIL

Investigação da Delegacia Especial de Atendimento ao Idoso (Deati) levou a Justiça a decretar, na quarta-feira (20), o sequestro dos bens da doceira Pedrina Guimarães Brito, de 65 anos. De acordo com a polícia, ao longo de 12 meses, Pedrina movimentou a quantia de R$ 360 mil da conta bancária de uma idosa de 84 anos, sem o conhecimento dela. O delegado Nilton José Costa, responsável pela investigação, já solicitou a prisão preventiva da doceira.   
Apontados como cúmplices da doceira no golpe, que fazia empréstimos, saques e transferências utilizando a conta, o marido de Pedrina, identificado como Raimundo de Brito Costa Filho, e o gerente do banco onde o casal possui contas, Ranielli da Silva Santos, foram indiciados. As investigações revelaram que o gerente estava ciente das transações irregulares e que Raimundo teve parte do dinheiro da idosa depositado em sua conta corrente.   
Há cerca de um ano, a doceira alugou para a idosa um apartamento de quarto e sala, localizado no Itaigara, por R$ 3 mil mensais, mas cujo valor de mercado é de aproximadamente R$ 1,5 mil. Conhecidas há mais de 15 anos, Pedrina convenceu a vítima a entregar-lhe o cartão bancário e a senha alegando que, assim,  a ajudaria a controlar os gastos. A idosa recebe uma pensão mensal de R$ 20 mil e possuía uma poupança no valor de R$ 320 mil.

:: LEIA MAIS »

ESTELIONATÁRIOS USAM DADOS DE CLIENTES DA OI PARA APLICAR GOLPE

oi lupaO cliente pede a instalação de uma linha telefônica e dias depois recebe ligações oferecendo instalação de antivírus e informando sobre descontos na fatura desde que debitada em cartão de crédito ou débito. É o que vem ocorrendo com clientes da Oi ao solicitar serviços de telefonia fixa e internet banda larga (Velox).

Pelo menos três casos assim foram relatados ao blog em um intervalo de duas semanas. Os contatos dos golpistas são feitos na própria linha após instalada ou por meio de telefone usado pelo cliente para solicitação à operadora. A tentativa de golpe parte sempre de uma central ou de números de outros estados. Um dos últimos golpes ocorreu a partir de telefonema originado no Ceará.

O GOLPE: “ANTIVÍRUS E DÉBITO NO CARTÃO”

A cliente em Itabuna pediu a instalação de uma linha no sábado e, ontem, recebeu três ligações, sempre de Fortaleza. Na primeira e terceira ligações, o golpista informava que estava ligando da “Central de Soluções em Internet”. Eram vozes masculinas, oferecendo antivírus do UOL, sendo que a própria Oi oferece o dispositivo contra vírus em internet Wi-Fi.

A segunda ligação, voz feminina, dizia ser funcionária da Oi. Apresentava os dados do cliente (pedido de instalação e até o CPF) e informava que a primeira fatura viria com desconto de 80%, desde que fosse fornecido um cartão de débito ou crédito para lançar o débito. A ligação foi interrompida, quando a cliente perguntou se a mulher ao telefone era mesmo da operadora de telefonia.

OI ORIENTA CLIENTE

A Oi informou que o modem Wi-Fi oferecido pela operadora já vem com antivírus, o que descarta a necessidade de contratação de serviço de outras empresas. Outra informação importante é que a empresa de telefonia não oferece o lançamento do valor da fatura em cartão de débito ou crédito. O pagamento deve ser feito sempre em agências bancárias, internet banking ou casas lotéricas com a fatura em mãos.

GOLPISTAS USAM ENEM PARA ROUBAR DADOS DE ESTUDANTES

Mensagem falsa enviada por email: objetivo é roubar dados.

Mensagem falsa enviada por email: objetivo é roubar dados.

Mais um e-mail criado por golpistas circula na internet com o provável intuito de roubar dados das pessoas ou instalar programas maliciosos nos computadores. Os golpistas, desta vez, procuram, prioritariamente, enganar os inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

“Identificamos que ocorreu um erro na emissão do cartão de inscrição do candidato com o email @radiobras.gov.br cadastrado em nosso sistema, podendo resultar no cancelamento de sua inscrição em até 48 horas. Evite o bloqueio do seu cadastro pois o Enem é a única forma de ingresso para 2015 em faculdades públicas, requisições para ProUni, Fies e outros programas aos quais o Governo Federal oferece a população”, consta no e-mail.

No caso em questão, algumas divergências podem causar estranhamento ao destinatário do e-mail, como o uso do endereço eletrônico da Radiobrás, empresa extinta que deu lugar à Empresa Brasil de Comunicação (EBC) em 2007. Além disso, a assessoria do Ministério da Educação negou que tenha enviado a nota oficial nº 12838-2014, como consta na mensagem, e confirmou que trata-se de um e-mail falso.

Como em diversos e-mails, cujo objetivo é se apropriar de dados de terceiros, os golpistas pedem que as pessoas preencham um formulário com seus dados ou de parentes. O texto mostra isso claramente: “Preencha manualmente o recadastramento passo a passo e normalize já sua situação (repare que algum parente pode ter usado seu email para cadastro de informações). Segue abaixo o link para consulta e regularização do seu cadastro.”

Golpes parecidos como esse são frequentes na internet, principalmente pela curiosidade que essas mensagens despertam nas pessoas. O ideal é ficar atento, instalar antivírus no computador e não abra e-mails considerados suspeitos.

ESTELIONATÁRIOS USAVAM NOMES DE MORTOS PARA FINANCIAR CARROS

Antônio e Ailton foram autuados em flagrante por estelionato (Foto Polícia Civil).

Antônio e Ailton foram autuados em flagrante por estelionato (Foto Polícia Civil).

A Tarde

Antônio Carlos Ferraz Rodrigues, de 52 anos, e Ailton Alves de França, 39, foram presos na quinta-feira, 13, na Avenida ACM, em Salvador, suspeitos de integrar uma quadrilha que utiliza documentos falsos com o nome de pessoas mortas para financiar veículos.

A dupla foi apresentada à imprensa, nesta sexta, 14, na 6ª Delegacia Territorial (DT/Brotas).

Eles foram capturados quando estavam dentro de uma concessionária e, de acordo com a Polícia Civil, foram flagrados quando buscavam um veículo financiado por meio do golpe.

Conforme a delegada Maria Dail Sá Barreto, este seria o sétimo golpe, em um ano, aplicado pela dupla. Eles vinham sendo investigados há um mês, depois que a viúva de um homem que teve o nome envolvido no esquema fraudulento, contatada pela empresa financiadora, registrou queixa na polícia.

Com eles, os policiais encontraram um documento com o nome do morto e a foto do estelionatário Antonio Carlos. Na delegacia, os dois disseram que o veículo seria entregue a um homem identificado pelo prenome Roberto, para ser revendido posteriormente.

Para isso, Antônio disse que receberia R$ 2 mil, enquanto Ailton levaria R$ 1 mil. Eles afirmaram, ainda, que Roberto é o líder do bando, sendo também o responsável por fornecer os documentos usados nos golpes.

PF CAÇA QUADRILHA QUE DESVIOU R$ 73 MILHÕES DA CAIXA

A Polícia Federal prendeu neste sábado, 18, em Estreito (MA), o suplente de deputado federal Ernesto Vieira Carvalho Neto, suspeito de integrar uma quadrilha que teria desviado R$ 73 milhões da Mega Sena, jogo de loteria da Caixa Econômica Federal. Uma operação contra o suposto esquema foi deflagrada pela Polícia Federal.

O banco relatou à PF que se trata da maior fraude já sofrida em toda sua história.O dinheiro do “falso prêmio” foi depositado em uma conta bancária aberta no fim do ano passado em Tocantinópolis (TO) no nome de uma pessoa fictícia. Em seguida, o dinheiro foi transferido para diversas contas.

Ernesto Vieira Carvalho Neto disputou a vaga de deputado em 2010 pelo PMDB do Maranhão na chapa da governadora Roseana Sarney (PMDB).

Segundo os investigadores relataram ao Estado, ele teria comprado um avião com o dinheiro desviado da Caixa e teria a intenção de usá-lo numa fuga. A PF não informou os nomes de nenhum dos envolvidos.

Leia mais


GOLPE NA PRAÇA

Moradores de condomínios em Itabuna devem ficar atentos a golpistas que andam aprontando na área. Os larápios, que esta semana passaram em prédios do bairro Castália, costumam chegar de carro e bem vestidos, anunciando que estão no local para visitar ou fazer serviço solicitado pelo dono de um dos apartamentos. Quando algum incauto libera a entrada, é estrago na certa. 

Todo cuidado é pouco.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia