WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘Ibicuí’

REVELAÇÃO DO TICO MIA E TRIO DA HUANNA AGITAM O ENCONTRÃO DAS CASAS DE IBICUÍ

Trio da Huanna é a principal atração do Encontrão, em Itabuna

Neste sábado (13), no Terceira Via Hall, será realizado em Itabuna o terceiro Encontrão das Casas de Ibicuí, com a Banda Trio da Huanna e Leo Fera, um dos grandes destaques do Tico Mia deste ano. No ano passado, o Encontrão reuniu mais de 1,2 mil pessoas em Itabuna.

Na opinião dos organizadores, a combinação de ritmos deste ano é perfeita para matar a saudade do melhor “clima” de São João, curtindo desde o forrozão até a famosa bregadeira. Presença confirmada, também, do Paredão Lupe, que promete estender a festa com muita animação.

Uma das novidades do encontrão deste ano está sendo o cadastro das repúblicas pelo site www.encontraodascasas.com.br para que recebam benefícios exclusivos. “Vale ressaltar, contudo, que a festa não é fechada só para este público e recebe pessoas de todas as idades, locais, classes e estilos”, afirma Fernanda Sepúlveda, uma das idealizadoras do projeto.

Para ela, a festa é ideal também para quem ainda não foi ao São João de Ibicuí poder sentir a vibe das casas.”Sem contar que o Encontrão é a Ressaca Oficial do Forró em nossa Região, portanto é feito para todos que querem reencontrar a sua turma”.

INGRESSOS

Os ingressos para o Encontrão estão sendo vendidos a R$ 50,00 na loja Leo Umbigo do São Caetano, Colcci do Shopping Jequitibá, Cadê Ingressos, na Praça Camacã, em Itabuna. Já em Ilhéus, podem ser adquiridos no Stand do Karioka. Também é possível comprar Online pelo site www.encontraodascasas.com.br.

PF FAZ OPERAÇÃO CONTRA FRAUDE DO SEGURO-DESEMPREGO EM IBICUÍ; PREJUÍZO PODE CHEGAR A R$ 20 MILHÕES

Polícia Federal deflagra operação em Ibicuí e cidades de outros estados

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã desta segunda-feira (15), nas cidades de São Paulo (SP), Mauá (SP), Porangatu (GO) e Ibicuí (BA), a segunda fase da Pperação Mendacium, para desarticular organização criminosa especializada na prática de fraudes diversas para recebimento indevido de seguro-desemprego.

A PF cumpre 21 mandados de prisão preventiva e 12 mandados de busca e apreensão, expedidos pela 8º Vara Federal de São Paulo/SP, em razão de representação penal feita pela Polícia Federal.

A investigação começou em outubro de 2017, com base em denúncia de um trabalhador na qual pessoa não identificada estaria recebendo seguro-desemprego em seu nome. Diante da informação prestada, foram identificadas 408 empresas inexistentes de fato, cuja grande parte a organização criminosa havia feito uso para o recebimento fraudulento de benefícios de seguro-desemprego.

Na primeira fase da investigação foram cumpridos 4 mandados de busca e apreensão, nas cidades de São Paulo/SP e Taboão da Serra/SP, ocasião em que os líderes da organização criminosa foram encontrados em um escritório, localizado no bairro Penha de Franca na cidade de São Paulo, na posse de inúmeros documentos falsos, apetrechos para a falsificação de documentos, material de informática e aproximadamente R$ 420 mil em espécie. Na oportunidade, os líderes foram presos em flagrante pela prática dos delitos previstos no artigo 2º da Lei 12.850/2013 e no artigo 333 do Código Penal. :: LEIA MAIS »

COMEÇA EM MAIO A BIOMETRIA DOS ELEITORES DE CAMACAN, SANTA LUZIA E PAU BRASIL

Biometria começa dia 16 de maio em mais de 280 municípios baianos

A partir do próximo dia 13 de maio, 281 municípios baianos, muitos dos quais no sul e extremo-sul do estado, vão iniciar a revisão biométrica obrigatória. O anúncio foi feito pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), desembargador Jatahy Júnior, na tarde desta quinta-feira (11).

No sul da Bahia, a biometria será obrigatória para os eleitores dos municípios de Almadina, Barro Preto, Coaraci, Camacan, Mascote, Firmino Alves, Gandu, Floresta Azul, Itapitanga, Itaju do Colônia, Ibicuí, Iguaí, Itacaré, Itajuípe, Santa Luzia, Pau Brasil e Uruçuca.

Dentre as principais novidades desta etapa, que deverá ser a última fase da revisão extraordinária no estado, o destaque é a priorização do serviço de agendamento, que garante maior comodidade ao eleitor. Com o processo de agendamento, o eleitor poderá realizar o procedimento em data e hora previamente marcadas.

:: LEIA MAIS »

HOMEM OFERECE VAGA DE EMPREGO E SEQUESTRA ADOLESCENTE EM IBICUÍ

Clodoaldo: sequestro e cárcere privado

Com diversas passagens pela polícia por estelionato, Clodoaldo da Silva Aquino foi preso, na terça-feira (14), durante uma ação conjunta das unidades da Polícia Civil de Ibicuí e Jequié, depois de sequestrar e manter em cárcere privado um adolescente, a quem havia abordado horas antes, com uma promessa de emprego.

A polícia apurou que Clodoaldo parou o adolescente na rua, nas imediações de uma farmácia, na cidade de Ibicuí, distante 551 quilômetros de Salvador, e ofereceu-lhe um emprego na cidade vizinha de Dário Meira. Os dois seguiram para a casa do garoto para pedir autorização à mãe dele, que negou o pedido ao saber que o trabalho seria em outra cidade.

Mesmo sem autorização da mãe do adolescente, Clodoaldo o colocou em seu veículo e o levou até a cidade de Jequié, onde hospedaram-se numa pousada. A vítima aproveitou-se de um descuido do sequestrador e ligou para a mãe, que acionou a Polícia Civil.

Os investigadores de Ibicuí acionaram a equipe da DT/Jequié que foram até a pousada, próxima ao Terminal Rodoviário de Jequié, e efetuaram a prisão de Clodoaldo em flagrante. Ele vai responder pelos crimes de sequestro e cárcere privado.

BREGA LIGHT REBATE O ECAD E DIZ QUE NÃO HÁ LIMINAR CONTRA A FESTA

Produção do Brega Light nega que haja impedimento contra a festa || Foto Irimar Silva

A produção da Brega Light, festa junina privada em Ibicuí, emitiu nota na qual desmente o Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad) e nega a existência de liminar que impeça a reprodução de música durante o evento. O Brega Light está marcado para os dias 22 e 24 de junho.

Ao Bocão News, diretor da representação baiana do Ecad afirmou haver liminar que proibia tanto o Brega Light como o Ticomia, ambos em Ibicuí, e o São João do Allanbick, em Barreiras, de tocarem música por causa de dívida milionária relativa aos direitos autorais. “Existe uma decisão judicial a favor do pagamento dos direitos autorais aos compositores”, manifestou-se a representação do Ecad na Bahia.

Abaixo, a nota emitida pela empresa produtora do Brega Light:

A Produção do Brega Light informa que não existe qualquer decisão judicial impedindo a realização do evento marcado para os dias 22 e 24 deste mês, bem como, a reprodução das músicas pelos artistas contratados para participar do evento. As providências estão sendo tomadas para que seja dado o direito de resposta ao evento pelos veículos de imprensa que divulgaram as informações inverídicas.

Ibicuí, 07 de Junho de 2018

IBGE: ITABUNA ATINGE 221 MIL HABITANTES; ILHÉUS REGISTRA NOVA QUEDA

Itabuna tem mais de 221 mil habitantes; Ilhéus cai para 176 mil moradores

Itabuna tem mais de 221 mil habitantes; Ilhéus cai para 176 mil moradores

Maior município do sul da Bahia em número de habitantes, Itabuna manteve ritmo de crescimento populacional nos últimos 12 meses. Já Ilhéus, continua em queda acentuada, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

O órgão federal divulgou hoje (30) as novas estimativas populacionais. Os números são utilizados para definir políticas públicas e repasses constitucionais, a exemplo do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principal fonte de receita da maioria dos municípios brasileiros.

Segundo o IBGE, Itabuna chega a 221.046 habitantes. Eram 220.386 no ano passado. Com esse ritmo, caiu da quinta para a sexta posição dentre os mais populosos do Estado, superado por Juazeiro (220.253 ano passado e 221.773 agora). Localizado no Vale do São Francisco, o município sempre aparece entre os campões de geração de empregos no Brasil nos últimos anos.

ILHÉUS EM QUEDA

Panorâmica de Coaraci, no sul da Bahia || Imagem Infosaj

Coaraci, no sul da Bahia || Imagem Infosaj

Ilhéus tinha 180.213 habitantes em 2015, caiu para 178.210 no ano passado. E manteve ritmo de queda populacional, chegando a 176.341 moradores em 2017, conforme cruzamento de dados feito pelo PIMENTA.

Mais da metade dos municípios do centro-sul e do extremo-sul da Bahia acompanhou Ilhéus e registrou decréscimo populacional, conforme as estimativas oficiais.

Santa Luzia está entre as quedas significativas na região. Caiu de 13.508 para 13.398 habitantes entre 2016 e 2017. Coaraci está à frente, no quesito, com redução de 19.383 para 19.022 agora.

SALVADOR É 4ª MAIS POPULOSA

Salvador é quarta cidade mais populosa do país || Foto GovBA

Salvador é quarta cidade mais populosa do país || Foto GovBA

A estimativa do IBGE também aponta que Salvador se mantém como a quarta capital mais populosa do país, com 2.953.986 habitantes. Feira de Santana é o segundo município baiano (627.477). Vitória da Conquista 346.069 saltou de para 348.718. Quarta maior, Camaçari saiu de 292.074 para 296.893 moradores.

Ainda segundo o IBGE, o Brasil superou a marca de 207,6 milhões de habitantes em 2017. A Bahia chegou a 15.344.447 moradores ante 15.276.566 em 2016.

OS MAIS POPULOSOS DA BAHIA*

1º Salvador – 2.953.986
2º Feira de Santana – 627.477
3º Vitória da Conquista – 348.718
4º Camaçari – 296.893
5º Juazeiro – 221.773
6º Itabuna – 221.046
7º Lauro de Freitas – 197.636
8º Ilhéus – 176.341
9º Jequié – 162.209
10º Teixeira de Freitas – 161.690
11º Barreiras – 157.638
12º Porto Seguro – 149.324
13º Simões Filho – 136.050
14º Paulo Afonso – 120.706
15º Eunápolis – 115.290
16º Santo Antônio de Jesus – 103.342

_______________________________________
* Fonte: IBGE (Estimativa populacional)
Ubaitaba é dos municípios que tiveram decréscimo populacional || Foto Aleilton Oliveira

Ubaitaba é dos municípios que tiveram decréscimo populacional || Foto Aleilton Oliveira

POPULAÇÃO (CENTRO-SUL E EXTREMO-SUL)

Almadina – 6.062 (2016) | 5.985 (2017) –
Arataca – 11.697 | 11.661 –
Aurelino Leal – 12.891 | 12.706 –
Barra do Rocha – 6.338 | 6.258 –
Barro Preto – 6.367 | 6.251 –
Belmonte – 23.891 | 24.013 +
Buerarema – 19.269 | 19.256 –
Camacan – 33.257 | 33.310 +
Camamu – 36.543 | 36.644 +
Canavieiras – 33.130 | 33.002 –
Caravelas – 22.646 | 22.740 +
Coaraci – 19.383 | 19.022 –
Dário Meira – 11.864 | 11.716 –
Eunápolis – 114.275 | 115.290 +
Firmino Alves – 5.804 | 5.822 –
Floresta Azul – 11.279 | 11.244 –

Clique no leia mais e confira os dados dos demais municípios :: LEIA MAIS »

EX-PREFEITOS DE 10 MUNICÍPIOS DO SUL DA BAHIA ENTRAM NA MIRA DO MP

Alba, Fernanda, Gilnay, Vera, Bêda,

Alba, Fernanda, Gilnay, Vera, Bêda, Jarbas, Jorjão, Valnio, Jackson e João na mira do MP-BA

Ex-prefeitos de dez municípios do sul e centro-sul da Bahia deixaram de prestar contas do exercício de 2016 no prazo previsto em lei, segundo o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM). Todos devem sofrer punição por parte da corte de contas e serem denunciados pelo Ministério Público Estadual (MP-BA), por crime de improbidade administrativa.

De acordo com o TCM, os ex-prefeitos sul-baianos que deixaram de prestar contas foram Jarbas Barbosa (Itacaré), Jorge Rodrigues, o Jorjão (Itajuípe), Alba Gleide (Almadina), Valnio Muniz (Jussari), Gilnay Santana (Ibicuí), Vera Franco (Barra do Rocha), Jackson Bomfim (Santa Cruz da Vitória), Fernanda Silva (Uruçuca), Asclepíades de Almeida, o Beda (Ubaitaba) e João Sampaio (Dário Meira).

Além dos ex-prefeitos, os ex-presidentes das câmaras de vereadores de Itacaré (Edson Arantes, o Nego) e Ubatã (Fernando Fernandes) deixaram de fazer a prestação de contas atá o dia 31 de maio, prazo final.

De acordo com o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), em todo o estado, 39 ex-prefeitos, nove ex-presidentes de câmaras de vereadores e dois dirigentes de autarquias não cumpriram o que determina a lei.

O presidente do TCM, conselheiro Francisco de Souza Andrade Netto, alerta que, mesmo com atraso, os gestores ainda devem fazer a prestação de contas. Os gestores que não entregarem a documentação também serão punidos com a rejeição e multados depois da tomada de contas.

FORRÓ DO TICOMIA CHEGA AOS 30 ANOS

Ticomia reúne milhares de pessoas a cada ano em Ibicuí.

Ticomia reúne milhares de pessoas a cada ano em Ibicuí.

O Forró Ticomia, a mais tradicional festa de camisa do São João da Bahia, completa 30 anos. O arrasta-pé deste ano será especial e contará com oito bandas, no dia 24, a partir do meio-dia, na Fazenda Eldorado, localizada a quatro quilômetros do centro de Ibicuí.

A celebração terá Saia Rodada, Mastruz com Leite, Cavaleiros do Forró, Lordão, Gabriel Diniz, Luan Estilizado e as duplas sertanejas Maiara & Maraísa e César Menotti & Fabiano. A promessa é de 12 horas de produção musical nos palcos montados na Eldorado.

A festa Ticomia começou em 1987, quando um grupo de estudantes de Agronomia e Veterinária da UFBA (Universidade Federal da Bahia) vinha passar férias em Ibicuí, a convite de colegas dos cursos, e resolveu ao lado dos anfitriões e moradores animados da cidade criar o que seria o primeiro Bloco “Ticomia”.

O evento deu certo e se tornou o ponto alto do São João de Ibicuí, com grande sucesso na Bahia e ganhando dimensão nacional com a vinda de pessoas de outros estados, atraídas pela tradição da cultura junina e a repercussão da qualidade dos serviços oferecidos.

O produtor Lourival Dourado Filho, mais conhecido como Douradinho, destaca que o Ticomia tem como compromisso valorizar o forró e as raízes da cultura nordestina. Lembra que a ideia da festa surgiu com a intenção de manter a tradição junina e evitar que outros ritmos – como o ‘fricote’, à época – invadissem a temporada do São João na Bahia. E em Ibicuí, município que há 62 anos promove o São João mais original do estado, a festa encontrou o espaço ideal para celebrar a integração das pessoas que amam o ritmo forró, em clima de paz e alegria.

A FORÇA DAS FESTAS JUNINAS NA BAHIA

Douradinho salienta que, durante o Encontro Nacional do Forró, realizado este ano na cidade de Cruz das Almas, foram apresentados dados que comprovam que as festas juninas se tornaram mais importantes economicamente para a Bahia do que o carnaval.

Ele diz que a cultura junina se estende por todo o Estado e é uma comemoração marcante para a população da zona rural, que representa nossas raízes. “Em todo o mundo, quem for buscar suas raízes irá encontrá-las numa fazenda, num sítio, na zona interiorana. Por mais alta que a seja a árvore e sua grande copa, o seu sustentáculo será a sempre as raízes”, afirma o agrônomo Douradinho. :: LEIA MAIS »

DJ ALOK É CONFIRMADO NO BREGA LIGHT

DJ Alok é uma das atrações do Brega Light deste ano (Foto Divulgação).

DJ Alok é uma das atrações do Brega Light deste ano (Foto Divulgação).

Considerado o melhor DJ do Brasil, com reconhecimento internacional, Alok é a grande novidade Do Brega Light de 2017. O DJ é hoje um dos ícones que mais se destaca no meio eletrônico do Brasil. Em 2015 recebeu o prêmio como Melhor DJ do país pela DJ Magazine e em 2016 foi o único brasileiro a constar entre os 25 melhores do mundo.

Alok tem mais de 1 milhão de plays no Soundcloud e é autor de diversos hits, como Snoop sings, o recente We are underground, com videoclipe bastante comentado, e Puro êxtase, este em parceria com Icy Sasaki.

Além do DJ Alok, o Brega Light tem na grade de atrações o cantor Gustavo Lima, Wesley Safadão, Dorgival Dantas, Solange Almeida, Harmonia, Marília Mendonça, Bell Marques, Aviões, Léo Santana e Trio da Huanna.

Quem curte a festa pode comprar passaportes na loja oficial instalada no primeiro piso do Salvador Shopping e nos pontos de venda instalados em diversas cidades da Bahia (Vitória da Conquista, Itabuna, Feira de Santana, Ilhéus, Itapetinga, Ibicuí, Jequié, Eunápolis, Poções, Barreiras, Ibicaraí, Iguaí, Itororó e Brumado) ou pelo site www.bregalight.com.br e aproveitar os preços promocionais.

SERVIÇO
Brega Light 2017

Onde: Fazenda Brega Light, Ibicuí.
Quando: 23 (a partir de 20h) e 25 de junho (a partir de 12h).
Classificação: 18 anos (no dia 23, Open Bar) e 16 anos (no dia 25).
Valores: R$ 380,00

FARINHA POUCA…

Gilnay Santana não conseguiu reeleição.

Gilnay Santana não conseguiu reeleição.

Parte dos servidores municipais de Ibicuí recebeu salário de setembro somente no final de outubro. Após a eleição, houve greve por causa do atraso de salário. A fúria dos servidores aumentou após uma espiada na prestação de contas enviada pelo município ao Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Dirigentes sindicais viram, no sistema eletrônico do tribunal, provas de que o salário da prefeita Gilnay Santana vem sendo pago em dia. O salário de agosto, por exemplo, caiu na conta dia 9 de setembro, enquanto os servidores faziam greve e pressão para receber o devido.

O espaço está aberto para que a prefeita, querendo, se pronuncie.

SERVIDORES DE IBICUÍ ENTRAM EM GREVE

Servidores fazem manifestação na feira de Ibicuí (Foto Sindibicuí).

Servidores fazem manifestação na feira de Ibicuí (Foto Sindibicuí).

Os servidores da Prefeitura de Ibicuí, no centro-sul baiana, entraram em greve por tempo indeterminado, nesta quarta-feira (19). O funcionalismo cobra o salário de setembro e a programação de pagamento para os três últimos salários do ano. A prefeita Gilnay Santana não foi reeleita.

Ontem (18), o Ministério Público Estadual (MP-BA), por meio do promotor José Junqueira, mediou reunião entre representantes da prefeitura e dos servidores. O município não forneceu os dados financeiros ao Sindibicuí nem à comissão de servidores, conforme acordado em reunião com o MP, ontem, segundo sindicalistas.

De acordo com a presidente do Sindibicuí, Marta Valéria Nascimento, a greve foi decidida em assembleia realizada no último dia 14. Durante a reunião com o MP, houve proposta de suspender a paralisação. A ideia foi rejeitada durante nova assembleia, ontem. De acordo com o sindicato, o município tem cerca de 800 servidores.

IBICUÍ ENFRENTA VENDAVAL COM CHUVA DE GRANIZO

Parte da cobertura de restaurante foi destruída, ferindo uma mulher.

Parte da cobertura de restaurante foi destruída, ferindo uma mulher.

Cidade teve chuva de granizo.

Cidade teve chuva de granizo.

Um vendaval com chuva de granizo causou estragos e deixou, pelo menos, uma pessoa ferida, nesta sexta (7), em Ibicuí, no centro-sul do Estado.

A forte ventania derrubou um poste metálico e arrancou estrutura de toldo montada na Praça Régis Pacheco, região central da cidade famosa pelos festejos juninos.

O vendaval começou pouco depois das 17h e surpreendeu pela força. Moradores novamente registraram uma chuva de granizos, como ocorrida em setembro do ano passado.

Pelo menos uma pessoa ficou ferida com a destruição parcial do teto de um restaurante. A vítima não corre risco de morte.

Vendaval derrubou poste e arrancou estrutura de toldo na Régis Pacheco.

Vendaval derrubou poste e arrancou estrutura de toldo na Régis Pacheco.

IBICUÍ: SERVIDORES PROTESTAM POR SALÁRIO DE DEZEMBRO E 13º

Servidores municipais cobram pagamento de salário (Foto Divulgação).

Servidores municipais cobram pagamento de salário (Foto Facebook).

Servidores municipais de Ibicuí participaram de mobilizações para cobrar o pagamento do salário de dezembro e do 13º salário. A prefeita Gilnay Santana ainda não sinalizou quando deverá quitar o salário e o restante do décimo terceiro. O salário de dezembro deveria ser depositado até dia 8.

Segundo a presidente do Sindicato dos Servidores Municipais de Ibicuí (SindIbicuí), Marta Valéria, o município pagou apenas o relativo ao salário base do 13º, sem as vantagens, o que representa até metade do valor devido. Também não há calendário de pagamento no município situado no centro-sul do Estado.

TJ DESATIVARÁ COMARCAS NO SUL DA BAHIA

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) terá até 120 dias para desativar 25 comarcas do interior do Estado, algumas delas localizadas em municípios sul-baianos. O tribunal havia anunciado a decisão no ano passado, mas sofreu questionamentos, no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), por parte da Associação dos Magistrados da Bahia (Amab).

A contestação foi arquivada pelo CNJ há menos de dez dias. O conselho deu prazo de quatro meses para o TJ-BA concluir estudos da desativação das comarcas. A relação atinge diretamente os municípios de Aurelino Leal, Ibicuí, Ibirapitanga, Itapebi, Itapitanga, Nova Canaã, Pau Brasil e Santa Luzia, todos localizados no centro-sul do Estado.

A comarca de Aurelino Leal, conforme a decisão do TJ, será absorvida por Ubaitaba. Iguaí responderá por Ibicuí e Nova Canaã, enquanto Ibirapitanga terá de recorrer a Ubatã. A comarca de Itapebi será incorporada pela Comarca de Itagimirim. Já a de Itapitanga, terá os processos assumidos pela comarca coaraciense. Camacan absorverá processos de Pau Brasil e Santa Luzia.

A decisão leva em conta que as comarcas desativadas movimentam menos de 600 processos ao ano, segundo o Tribunal de Justiça baiano em resposta ao diário A Tarde.

ADAB FECHA MATADOURO CLANDESTINO EM FIRMINO ALVES

Matadouro clandestino é flagrado em distrito de Ibicuí (Foto Divulgação).

Matadouro clandestino é flagrado em distrito de Firmino Alves (Foto Divulgação).

A Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (Adab) fechou um matadouro clandestino em Firmino Alves, no centro-sul da Bahia, e apreendeu 1,5 mil quilos de carne bovina sem inspeção sanitária. A apreensão ocorreu no último dia 27, contando com o reforço da Polícia Militar.

De acordo com o gerente técnico da Adab de Ibicuí, o médico veterinário Carlos Augusto Chaves, a operação flagrou abate clandestino no momento em que chegava a uma propriedade em Itaiá, distrito de Firmino Alves. “O abate acontecia de forma irregular e em precárias condições de higiene”, disse. Conforme ele, o material apreendido na operação foi encaminhado e destruído no aterro sanitário de Itapetinga.

Já o coordenador regional da Adab em Itapetinga, Roberto Cardoso Rocha, esclarece que a sociedade pode contribuir na ação contra abate clandestino, com denúncia e informações. A denúncia pode ser feita em uma unidade da Adab. Cardoso Rocha não informou telefone para denúncias.

BOMBA

Agência foi destruída em assalto ocorrido no sábado (3).

Agência foi destruída em assalto ocorrido no sábado (3).

Investigações sobre o assalto ao Banco do Brasil em Ibicuí, na madrugada de sábado (3), apontam para uma relação entre a fuga no Presídio de Itabuna e a explosão da agência no município do Médio Sudoeste baiano. 

No final de semana, bandidos interceptaram um ônibus com funcionários da Azaleia, fazendo-os reféns, enquanto detonavam explosivos e faziam “limpeza” na agência.

QUADRAS ABANDONADAS EM IBICUÍ

É lamentável a situação dos poucos espaços destinados ao lazer e à prática de esportes em Ibicuí, no sudoeste baiano. Em visita realizada a quadras poliesportivas da cidade, o vereador Renildo Santos, o “Legá” (PV), constatou cenário de abandono, com direito a matagal e lixo, banheiros inutilizados e muitos indícios de que local vem sendo mais utilizado não para o esporte, mas para o consumo de drogas.

O vereador diz que já fez indicação, pedido de providências e até reunião com a Coordenadoria de Esportes do Município, da qual participaram outros vereadores. Um zelado foi solicitado para a quadra Luciano Ravel (antiga quadra do colégio), mas o governo da prefeita Gilnay Santana (PTN) não deu nenhuma resposta.

Triste!

VEREADORA PODE PERDER MANDATO

As investidas da prefeitura de Ibicuí, Gilnay Santana (PTN) para ampliar sua base legislativa, poderão custar caro para uma cooptada. A vereadora Ermínia Pereira (Tata) corre o risco de perder o mandato por infidelidade partidária.

Caindo na tentação de Gilnay, Tata deixou o PT, partido pelo qual foi eleita, e pretende se filiar ao PTN, a legenda da gestora. Segundo informações, esta teria dito à vereadora que ela poderia mudar de partido “sem medo de ser feliz”, pois não haveria qualquer problema.

Porém, para infelicidade da ex-petista, o Ministério Público Eleitoral não entendeu assim e pediu a cassação da vereadora. O entendimento é de que ela não está amparada por nenhuma das exceções que permitem ao político mudar de partido no exercício do mandato.

Resta saber se a prefeita, que convenceu a vereadora a deixar o partido,  cuidará agora de sua defesa.

PREFEITA ADMITE “ARRUMAÇÃO CONTÁBIL” COM VERBA DO EJA

Prefeita precisa explica onde foi parar a verba do Programa de Educação de Jovens e Adultos

Gilnay comparou operação a um empréstimo entre irmãos

Quase um mês após publicação de nota sobre a transferência de verba de conta específica do programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA), a prefeita de Ibicuí, Ginay Santana, comentou o assunto em entrevista concedida à FM Vida Nova, daquela cidade.

Para relembrar, no dia 19 de junho, dois dias após a morte do então prefeito Cornélio Morais, sua sucessora autorizou a transferência de R$ 120 mil da conta  do programa. A verba, proveniente do Ministério da Educação, deveria ser destinada à formação de novas turmas do EJA. Parte já havia sido usada no início do ano para a contratação de uma empresa que faria o treinamento dos professores.

Na entrevista concedida à rádio, neste sábado, 5, Gilnay disse que o dinheiro do programa educacional foi utilizado para cobrir despesas com a folha de pagamento. Segundo ela, a folha de junho já estava sendo paga com o comprometimento da receita do mês seguinte.

A prefeita comparou a transferência de recursos a um empréstimo entre irmãos e disse que se tratou de uma arrumação contábil para atender uma necessidade específica. “Todos os prefeitos, contadores e pessoas esclarecidas sabem (como isso funciona)”, disse Gilnay. Segundo ela, esse tipo de manipulação de verbas ocorre em “todas as prefeituras”.

Em setembro, uma professora observou ao PIMENTA que os recursos destinados aos programas da área de educação ficam em uma conta específica para que haja maior transparência e controle na forma como são aplicados. O uso feito em Ibicuí é considerado irregular, mas a Prefeita se defende, alegando que os recursos já foram devolvidos à conta de origem.

 

MISTÉRIO COM VERBA FEDERAL EM IBICUÍ

Prefeita deve explicar aonde foi parar a verba da Educação de Jovens e Adultos

A população e principalmente os trabalhadores da educação estão intrigados em Ibicuí. Tudo por causa do mistério em torno da destinação dada a uma verba do Fundo Nacional de Desenvolvimento do Ensino (FNDE), que deveria bancar a formação de novas turmas do Programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Os recursos,  no montante de R$ 167 mil, chegaram a Ibicuí em dezembro de 2012, ainda no governo do prefeito Cláudio Dourado (PTB). Como não havia mais tempo para realizar o objeto do convênio, a execução ficou para a gestão seguinte, de Cornélio Morais (PDT).

O novo prefeito faleceu no dia 17 de junho, após firmar contrato com o Instituto Brasileiro de Cultura e Turismo Ltda. (Ibec), que tem sede em Ilhéus, para a capacitação de professores envolvidos no EJA. O valor do contrato foi de R$ 33.400,00.

O que despertou a atenção de educadores do município, no entanto, foi uma transferência de R$ 120 mil da conta específica do programa para a conta da Prefeitura. A movimentação se deu no dia 19 de junho, dois dias após a morte de Cornélio e já sob o governo da prefeita Gilnay Santana (PTN).

“Esses recursos deveriam ficar na conta específica do programa, para que haja controle de sua aplicação”, afirma uma professora que prefere não ser identificada. O receio é de que, na conta comum do município a verba seja destinada a outras ações, diferentes daquelas a que deve atender.

A preocupação aumenta ainda mais na medida em que, segundo educadores de Ibicuí, não foi criada nenhuma nova turma do EJA na cidade, apesar de o dinheiro ter sumido da conta do programa. A pergunta que mais se faz hoje à prefeita Gilnay Santana, à secretária municipal da Educação, Nilza Bidu, e ao tesoureiro do município, Ronaldo Moraes, é: “onde está o dinheiro?”.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia