WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia




alba



bahiagas





novembro 2019
D S T Q Q S S
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

editorias






:: ‘infraestrutura’

ITABUNA: COMEÇAM AS OBRAS DE RECUPERAÇÃO DO SEMIANEL RODOVIÁRIO

Começam obras de repavimentação do Semianel Rodoviário de Itabuna

Rosemberg (à direita) reivindicou a obra ao governador Rui Costa

O governo da Bahia, por meio da Secretaria Estadual de Infraestrutura (Seinfra), deu início às obras de recuperação do semianel rodoviário de Itabuna, trecho entre a Churrascaria Los Pampas, na BR-415, até o Posto da Polícia Rodoviária Federal, na BR-101.

A reconstrução do trecho de 7,2 quilômetros foi um pleito feito pelo deputado Rosemberg Pinto (PT) e atendido pelo governador Rui Costa (PT). Desde a sua inauguração, na década de 90, o semianel só recebeu ações emergenciais, como tapa-buracos.

O trecho, além de interligar duas das principais rodovias federais no Estado, também atende a moradores de bairros dos mais populosos de Itabuna – Califórnia, Fátima, Nova Califórnia – e grandes conjuntos habitacionais – Jardim América e Pedro Fontes I e II. O total investido pelo governo da Bahia será de quase R$ 10 milhões.

Rosemberg agradeceu ao governador Rui Costa pela atenção dada a Itabuna e ao Litoral Sul. “Temos muito mais a contribuir para o desenvolvimento dessa importante cidade, como Itabuna é”, comemorou o petista. O parlamentar é líder do Governo na Assembleia Legislativa da Bahia e das principais lideranças políticas do Território do Litoral Sul e principal interlocutor da região junto ao governo do Estado.

ILHÉUS: PONTE ESTAIADA COMEÇA A GANHAR FORMA E DEVE SER CONCLUÍDA ATÉ JANEIRO

Com colocação de 12 estais, ponte começa a ganhar forma || Foto José Nazal

A nova ponte que ligará o Centro e os bairros da zona sul de Ilhéus começa a ganhar forma com a colocação de mais um par de cabos de sustentação (estais) da estrutura. O sexto par foi instalado neste sábado (27), num total de 23 pares. Pelo cronograma, a inauguração da primeira ponte estaiada na Bahia deve ocorrer no próximo verão.

O governador Rui Costa quer a obra pronta até dezembro, mas admite entrega em janeiro de 2020 (veja mais abaixo). A obra, executada pela OAS e orçada em cerca de R$ 95 milhões, é considerada essencial para acabar com o engarrafamentos em horários de pico e principais períodos do turismo com a ponte hoje existente, a Lomanto Júnior.

Fotógrafo, vice-prefeito de Ilhéus e membro da comissão que acompanha a obra, José Nazal disse ao PIMENTA que o último estai deve ser colocado em dezembro, ligando os dois extremos, quando a ponte ganha a forma definitiva. No final do ano, observa, ficaria faltando colocar as mãos francesas e o piso. Já os acessos à ponte, nas duas extremidades, serão concluídos, simultaneamente, às obras de engenharia.

Ponte ligará a região central à zona sul de Ilhéus || Foto José Nazal

CONCLUÍDA ATÉ JANEIRO

Durante coletiva em Itabuna, na sexta (26), o governador Rui Costa se mostrou resignado quanto ao prazo de entrega da obra. Queria dezembro, mas poderá ser janeiro de 2020, com inauguração em fevereiro. “Eles se comprometeram a entregar a obra pronta, no máximo, em janeiro. Agora não há muito que correr na obra, porque há prazo mínimo para colocar concreto e esperar que o concreto fique maduro. Há intervalo mínimo de horas entre [a colocação] um cabo e outro”.

Ponte terá 46 cabos de sustentação e 533 metros de comprimento

Concluída, a primeira ponte estaiada baiana deverá ter 533 metros de comprimento e 24,6 metros de largura. Deverá ter passeio, canteiro central, pista dupla nos dois sentidos e ciclovia. Os acessos viários terão, no total, 2,7 quilômetros, ligando a Avenida Soares Lopes e a 2 de Julho com a via na beira-mar da Nova Brasília e Pontal até a região do Hotel Opaba.

BLOQUEIOS JUDICIAIS CONTRA A OAS ATRASAM OBRA DA NOVA PONTE DE ILHÉUS

Nova ponte pode não ser entregue em 2019 || Foto José Nazal/Reprodução Instagram

Nesta segunda-feira (17) vence o prazo dado pelo governador Rui Costa para que a OAS entregue o cronograma final de execução das obras da ponte estaiada de Ilhéus. Segundo ele, caso a obra não seja concluída ainda em 2019, o contrato com a construtora será rompido. “Eles chegaram cogitando a possibilidade de não entregar neste ano. Se eles não entregarem cronograma até dia 17, não ficarão na obra”, disse Rui.

O governador deseja inaugurar a nova ponte ainda neste ano. “O povo está ansioso e não podemos ter mais um verão sem a ponte de Ilhéus estar funcionando”, afirmou. Ao ser questionado pelo PIMENTA durante visita ao sul da Bahia, o governador baiano disse que a questão não é financeira. “Ao contrário, eles não estão conseguindo produzir o suficiente para eu pagar. Dinheiro tem”, assinalou.

Rui, porém revelou a origem do problema, na OAS: bloqueios judiciais. “Eles têm problemas judiciais [empresa está em recuperação judicial]. Às vezes, não conseguem receber porque tem ordem judicial de sequestro de dinheiro na conta deles. Então, nunca foi problema de pagamento do governo do estado. Às vezes, é problema porque eles não podem receber o dinheiro por questões judiciais”, afirmou.

No último levantamento divulgado pela engenharia da OAS, 65% do projeto havia sido executado até o final de maio. Até agora, dois cabos de estaio que darão sustentação à estrutura da nova ponte foram instalados. A previsão é de que os mais de 40 cabos devem ser instalados até agostou ou setembro. Além disso, ainda existem as obras viárias nas duas extremidades da ponte, na região central de Ilhéus e na zona sul, onde ainda serão desapropriados vários imóveis. Atualizado às 12h03min.

PREFEITURA DE URUÇUCA INVESTE EM URBANIZAÇÃO DE SERRA GRANDE

Obras de urbanização beneficiam moradores de várias ruas de Serra Grande

A Prefeitura de Uruçuca está pavimentando mais de 2,7 mil metros de ruas de Serra Grande, balneário que atrai milhares de turistas todos os anos. As obras são executadas pela Secretaria de Infraestrutura e estão beneficiando, diretamente, moradores das ruas Osmar Simões, do Céu (trechos 1 e 2), da Alegria (trechos 1 e 2) e Travessa Itacaré (trechos 1, 2, 3 e 4). De acordo com a secretário da Pasta, Luciana Ferreira, conhecida como Lalu, as obras agora se encontram em fase de acabamento das calçadas, totalizando 2.765 m de ruas com o calcetamento concluído.

Segundo o administrador de Serra Grande, Duda Porfírio,  ainda no primeiro semestre de 2019 serão entregues mais de 10,8 mil metros de ruas calçadas no distrito. Em várias das ruas, já há meio-fio e logo começa a fase de calcetamento, a exemplo das ruas Nossa Senhora de Fátima e São João.

“Mais do que um novo visual, as obras trarão mais qualidade de vida aos cidadãos, colocando um fim ao convívio diário com a poeira e a lama na frente das suas casas. Há, ainda, o ganho econômico, uma vez que os imóveis passarão a ser mais valorizados”, observou o prefeito Moacyr Leite Júnior, que tem acompanhado com frequência as melhorias em todo município.

MANIFESTANTES COBRAM PAVIMENTAÇÃO DE ACESSO AO JARDIM AMÉRICA

Moradores interditaram rua de acesso ao condomínio Jardim América

Moradores interditaram rua de acesso ao condomínio Jardim América

Moradores do Condomínio Jardim América, na região da Califórnia, em Itabuna, fazem protesto para cobrar a pavimentação do acesso à localidade. A rua de acesso ao residencial fica praticamente intransitável em dias chuvosos, como já mostrou uma internauta (reveja aqui).

A manifestação começou nesta manhã. Os moradores do residencial bloquearam a rua ateando fogo em barricada. A promessa é de que o tráfego será liberado somente após a chegada do secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna, Patrick Olbeda. Cerca de 5 mil pessoas moram no Jardim América.

Ponto de ônibus fica no lamaçal em dias chuvosos

Ponto de ônibus fica no lamaçal em dias chuvosos

AUDIÊNCIA DISCUTE NOVA PONTE EM ILHÉUS

Obras da nova ponte são executadas pela OAS (Foto José Nazal).

Obras da nova ponte são executadas pela OAS (Foto José Nazal).

A construção da nova ponte de Ilhéus será tema de audiência pública, nesta quinta (1º), na Câmara de Vereadores de Ilhéus, às 15h. A ponte está sendo construída pelo Governo do Estado. A obra é executada pela OAS.

De acordo com o vereador Ivo Evangelista, moradores da zona sul de Ilhéus possuem dúvidas relacionadas à obra. Donos de imóveis afetados pela obra cobram pagamento de indenização.

A previsão é de que participem da audiência pública o superintendente estadual de Infraestrutura de Transportes, Saulo Pontes, e o secretário de Urbanismo, Antônio Vieira, além do vice-prefeito eleito de Ilhéus, José Nazal.

ANEEL FAZ LEILÃO DE LINHAS DE TRANSMISSÃO DE ENERGIA EM 20 ESTADOS

energia_marcelo_casalA Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) promove hoje (13), na BM&F Bovespa, na capital paulista, leilão para contratação de serviço de transmissão de energia elétrica em 20 estados do país.

Serão licitados 24 lotes de empreendimentos, com 6,5 mil quilômetros de linhas de transmissão, localizados nos estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Goiás, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pará, Paraná, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, São Paulo e Tocantins.

A expectativa de investimentos é de R$ 12,2 bilhões. As instalações devem entrar em operação comercial no prazo de 36 a 60 meses a partir da data de assinatura dos contratos. A soma das Receitas Anuais Permitidas (RAP) máximas dos lotes é de R$ 2,5 bilhões. O concessionário vencedor terá direito ao recebimento, por 30 anos, da RAP pela prestação do serviço. A estimativa é que sejam gerados 27.640 empregos diretos. Da Agência Brasil

RUI ENTREGA UNIDADE DE SAÚDE E RODOVIA PAVIMENTADA EM CARAVELAS

Rui estará em Caravelas.

Rui estará em Caravelas.

As obras de pavimentação da BR-418, em Caravelas, no extremo-sul da Bahia, serão entregues nesta sexta (1º), pelo governador Rui Costa. A solenidade está programada para as 10h, no Bairro Ponta de Areia.

A rodovia tem 84,5 quilômetros de extensão. Segundo o governo, foram investidos R$ 130,5 milhões na obra, recursos oriundos do Ministério dos Transportes.

Para a gestão estadual, a pavimentação da rodovia fomentará a produção agropecuária, além de alavancar o turismo na região de Caravelas, ponto de embarque para o arquipélago de Abrolhos.

De acordo com a agenda do governador, também haverá inauguração de uma unidade do Programa Saúde da Família (PSF) no bairro.

RUI VOLTA DA CHINA ANIMADO E DIZ QUE AGORA O PORTO SUL SAI DO PAPEL

Governador fechou acordos com empresários chineses

Governador fechou acordos com empresários chineses

A construção do Porto Sul, em Ilhéus, e do trecho da Ferrovia Oeste-Leste (Fiol), ligando este município a Caetité, no Sudoeste do estado, deve sair do papel. Pelo menos é o que anunciou o governador Rui Costa em seu retorno da China.

No país asiático, o petista firmou acordos com empresários que, segundo ele, permitirão o aprofundamento de estudos técnicos e o andamento de obras de infraestrutura. Além do Porto Sul, o governador incluiu no pacote o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que ligará o Subúrbio Ferroviário ao Comércio, e o novo Centro de Convenções da Bahia, ambos em Salvador.

A construção e operação do Porto Sul e da Fiol foi objeto de um acordo assinado entre o gestor baiano e a China Railway Engineering Group e o Fundo Chinês para Investimento na América Latina. O projeto envolve ainda a empresa Bahia Mineração (Bamin), que explora minério de ferro em Caetité.

SHOWS E INAUGURAÇÕES ENCERRAM PROGRAMAÇÃO DE 62 ANOS DE COARACI

Maria Gabriela ganhou unidade moderna de saúde (Foto Marcos Japu).

Maria Gabriela ganhou unidade moderna de saúde (Foto Marcos Japu).

A 8ª Marcha para Cristo e shows musicais de Lordão, Bete Balanço e Wanderley Novaes encerraram neste final de semana a programação de 62 anos de Coaraci, no sul da Bahia.

Na sexta, a prefeita Josefina Castro inaugurou obras de infraestrutura e saúde, a exemplo de ruas pavimentadas e a Unidade de Saúde da Família Celsina Castro, no Bairro Maria Gabriela, acompanhada do vice-prefeito Sérgio Fraiffe e do deputado estadual Rosemberg Pinto.

Ruas como a do Estádio ou Santa Isabel, no Bairro Berimbau, foram urbanizadas. “Agora os moradores têm orgulho de viver em um lugar que não será mais chamado de Rua da Lama”, diz o policial Amado Sobrinho, da agora “Rua do Estádio”.

O secretário de Obras, Rosalvo Borges, diz que o município já urbanizou mais de 18 mil metros quadrados de ruas, seja com recursos próprios ou em parceria com os governos federal e estadual.

A principal obra entregue na programação de aniversário foi a unidade de Saúde da Família do Maria Gabriela, um investimento de R$ 407.891,00 e das mais modernas do sul do Estado. A obra, segundo a secretária de Saúde, Alessandra Borges, era esperada há mais de 15 anos.

MORADORES DO JARDIM AMÉRICA NA BRONCA

Jardim América bronca

(Foto Pimenta).

Moradores dos condomínios Jardim América I e II, no bairro Nova Califórnia, reclamam das péssimas condições de tráfego em um trecho do acesso aos imóveis. Eles afirmam que a prefeitura até pavimentou o trecho, que liga o bairro ao Califórnia, no ano passado, mas o trabalho, mal feito, não durou 6 meses.

De acordo com os moradores dos condomínios, a prefeitura não colocou meio fio na rua e não preparou bem a base para receber o asfalto. Além dos condomínios onde moram mil famílias beneficiadas no ano passado pelo programa Minha Casa, Minha Vida, a rua é um dos principais acessos ao bairro Nova Califórnia.

Os moradores afirmam que, como é um corredor de ônibus, o trabalho precisa ser feito com mais qualidade. Eles dizem que é necessário colocar meio fio, como a prefeitura tinha prometido, e fazer o recapeamento com uma camada mais grossa de asfalto. Com a palavra o secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna, Marcos Monteiro.

MINISTRO DIZ QUE FIOL SERÁ CONCLUÍDA EM 2015

Ministrio diz que duplicação da Ilhéus - Itabuna também começa em breve (foto Manu Dias)

Ministrio diz que duplicação da Ilhéus – Itabuna também começa em breve (foto Manu Dias)

Em visita a Ilhéus, onde se reuniu com o prefeito Jabes Ribeiro (PP) e com o presidente da Associação Comercial, Nilton Cruz, o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, afirmou haver todas as condições para que a construção da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol) seja concluída em 2015.

Segundo o ministro, as maiores dificuldades para a execução do projeto já foram superadas. “Já vencemos grandes obstáculos, como as desapropriações, questões ambientais, e concluímos o projeto executivo”, ressaltou Passos. Ele afirma que “tudo isso permite acreditar que as obras vão andar em um ritmo mais acelerado”.

Durante a visita, o ministro falou também sobre o projeto de duplicação da rodovia BR-415 no trecho Ilhéus – Itabuna.  Ele declarou que o governo trabalha para iniciar as obras “o mais rápido possível”.

NOVA PONTE EM ILHÉUS

A previsão do governo baiano é de que as obras de construção da ponte estaiada ligando o centro de Ilhéus à zona sul comecem em março, após a conclusão do processo licitatório. O mesmo prazo vale para as obras de recuperação de rodovias estaduais, como a que liga a BR-415 ao município sul-baiano de Barro Preto.

As obras foram anunciadas pelo governador Jaques Wagner na visita a Ilhéus, dia 29 de novembro. O prazo de conclusão da ponte é de 18 meses. Claro, se tudo andar “nos conformes”.

PONTE E RODOVIA PODEM SAIR DO PAPEL EM 2013

Passos promete início de obra em 2013 (Foto Manu Dias).

Ontem, o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, disse que a obra de duplicação da BR-415, no trecho Ilhéus-Itabuna, deverá começar somente no segundo semestre de 2013.

O governo federal ainda conclui o projeto executivo da obra e o processo de licenciamento ambiental para licitar e dar inicio à obra. A promessa do ministro baiano nascido em Muritiba foi feita durante homenagens na festa do centenário da Associação Comercial de Ilhéus.

Também durante os festejos, o governador Jaques Wagner anunciou a abertura de licitação para construir a ponte interligando o centro à zona sul de Ilhéus (Ilhéus-Pontal), em um investimento de R$ 120 milhões. A promessa é de que a ponte fique pronta entre setembro e outubro de 2014.

MOTORISTAS E EMPRESAS RECLAMAM DE PREJUÍZOS COM “BURACOLÂNDIA” NA BR-415

Pista vira “piscina” e motoristas são obrigados a trafegar pelo acostamento (Foto Pimenta).

“Aqui nem de jegue dá para andar”, reclama Robenaldo Cardoso (Foto Pimenta)

Congestionamentos, muitos buracos e prejuízos. Quem trafega diariamente pelo trecho da BR-415 em frente ao Parque de Exposições Antônio Setenta, em Itabuna, tem sempre uma história para contar: seja por testemunhar um acidente ou ser vítima de prejuízos causados pela pista cada vez mais precária. Cerca de 2,5 mil veículos passam pela rodovia e o tráfego de caminhões e ônibus é intenso.

Justamente no pior trecho da rodovia, estão sediadas empresas como a Delfi-Nestlé e o poliduto da Petrobras e a estação da Bahiagás, o que atrai grande volume de veículos pesados. Transportadoras e motoristas autônomos reclamam dos quase três quilômetros de buracos.

Caminhoneiro há 18 anos, Agenor da Silva afirma que nunca viu a rodovia em “tão péssimas condições” como agora. “Do tempo que eu trabalho, nunca vi essa estrada desse jeito. Não tem condições, tem de sair na primeira [marcha]. Esse está entre os piores trechos na Bahia”, disse ao PIMENTA.

“Aqui nem de jegue dá para andar, senão [o animal] quebra a pata”, diz o caminhoneiro Robenaldo Olavo Cardoso. Ele teve que desembolsar R$ 150,00 hoje pela manhã para trocar uma peça do caminhão. A quebra ocorreu após passar pela buraqueira da rodovia.

Silvio Andrade, da Potência Express, reclama da precariedade da rodovia e lembra que milhares de veículos (e pessoas) passam pelo trecho da BR-415. “Sem contar que é uma das principais entradas da nossa cidade”, enfatiza. Confira vídeo que mostra as condições da pista e traz relato de motoristas.

PROMESSA DO DNIT: PISTA SERÁ RECAPEADA

O coordenador da unidade local do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (Dnit) em Itabuna, Valter Cardoso, assegurou ao PIMENTA que o recapeamento do trecho da rodovia deve começar em até 15 dias.

Segundo ele, será o tempo de montagem da usina asfáltica. O serviço será executado pela Construtora Mazza. O recapeamento também incluirá a Rodovia Ilhéus-Itabuna, no trecho entre a zona urbana de Itabuna e o posto da Polícia Rodoviária Estadual, no Banco da Vitória, em Ilhéus.

GABRIELLI NA UESC

Gabrielli falará do novo aeroporto em Ilhéus.

O secretário de Planejamento do Estado, José Sérgio Gabrielli, vai proferir palestra sobre o desempenho da economia brasileira e baiana, nesta segunda, 3, às 19h, no auditório principal da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC).

Gabrielli também falará das obras de logística e infraestrutura no sul da Bahia, a exemplo da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol) e o Porto Sul. A palestra do economista e ex-presidente da Petrobras será aberta à comunidade regional.

TRAGÉDIA INOMINÁVEL NAS TERRAS DO CACAU

Ricardo Ribeiro | ricardo.ribeiro10@gmail.com

É impossível assistir ao filme sem ficar permanentemente com um nó na garganta e um embrulho no estômago, além do sentimento de impotência diante da crueldade.

A dispersão da praga da vassoura-de-bruxa na região cacaueira não foi algo natural e isso ficou totalmente comprovado em inquérito conduzido pela Polícia Federal há alguns anos. As investigações não conseguiram apontar os autores, mas concluíram que a forma como a doença se instalou denuncia um “modus operandi” todo especial, um plano macabro e destruidor, um ato humano deliberado, como sugere o excelente e fundamentado documentário produzido por Dilson Araújo.

O filme traz uma série de depoimentos e documentos oficiais, além de histórias de perdas financeiras, familiares e humanas ocorridas nessas terras a partir do fim dos anos 80 do século passado. Foi o fim de uma era, e é impossível traduzir em palavras a tragédia que se deu nessa região, onde mais de 250 mil trabalhadores perderam seus empregos nas fazendas de cacau e o êxodo para as cidades chegou a 800 mil pessoas.

Pesquisadores ouvidos no documentário atestam que o inchaço das favelas e todos os problemas sociais que vieram a reboque, como a falta de infraestrutura e a violência, têm relação direta com a bruxa que assombrou a região. Suas consequências foram também ambientais, com a destruição do sistema da cabruca em 600 mil hectares de fazendas. Muitas áreas onde a Mata Atlântica permanecia intacta, em uma convivência produtiva e ecológica de mais de dois séculos, foram transformadas em pastagens e a madeira nativa foi alimentar as serrarias.

Tragédia. Crime. Holocausto. Genocídio. Qual a palavra certa para descrever o que se deu nessa região? O Nó apresenta várias, sem deixar de mostrar que os cacauicultores foram vítimas duas vezes. Uma quando a vassoura se instalou, com galhos amarrados diligentemente por mãos assassinas; a outra quando a Ceplac recomendou providências equivocadas, que levaram os produtores a assumir dívidas que lhes atormentam até hoje. Os bancos exigem que eles paguem pelo que não surtiu efeito e o governo não assume o ônus pela falha.

É impossível assistir ao filme sem ficar permanentemente com um nó na garganta e um embrulho no estômago, além do sentimento de impotência diante da crueldade. São histórias destruídas, vidas destroçadas, uma cultura secular que deixou de existir por obra e graça de alguma ideia psicótica. De quem? A polícia diz que não sabe.

Não por acaso, O Nó é narrado quase num sussurro, por uma voz que parece ser de alguém que fala em meio a um velório. O tom é triste, o filme fala de morte.

Ricardo Ribeiro é editor do Cenabahiana.

PORTO SUL: 1.200 PARTICIPAM DE AUDIÊNCIA

Representantes de Ibama, governo baiano, município e Bamin participaram da audiência.

Ontem, 1.272 pessoas participaram da audiência pública em Uruçuca para discutir o relatório ambiental e o projeto de construção do Porto Sul em Ilhéus. A primeira da série de seis novas audiências teve a presença de representantes do governo baiano, Ibama e da Bahia Mineração.

Hoje, dia 29, as discussões envolvem a população de Itacaré, a partir das 18h, na Escola Manoel Castro. Amanhã, 30, será a vez da audiência em Itabuna, na AABB, também às 18h. Ontem, a maioria dos participantes no estádio Ferreirão posicionou-se favorável ao empreendimento. Aproximadamente 200 pessoas se inscreveram para fazer questionamentos ontem, conforme o governo baiano.

Comunidade se manifesta em Uruçuca (Foto Carla Ornelas).

Grupo de manifestantes da Universidade Estadual de Santa Cruz fazia críticas ao projeto. Jovens participaram da audiência para ter detalhes e saber como participar do projeto, a exemplo de Priscila Nascimento, 26 anos, do Comitê de Entidades Sociais (Coeso).

As audiências são oportunidade para a população discutir o projeto e avaliar o impacto ambiental do Porto Sul, que prevê construção de porto público e o terminal privado de uso da Bahia Mineração (Bamin) no litoral norte de Ilhéus. Coordenador de Acompanhamento de Políticas de Infraestrutura da Casa Civil da Bahia, Eracy Lafuente, diz que sugestões da comunidade estão sendo incorporadas ao projeto.

A comunidade pode solicitar cópia do Relatório de Impacto Ambiental nas prefeituras dos municípios onde ocorrerem as audiências (Uruçuca, Itacaré, Itabuna, Coaraci, Itajuípe e Barro Preto). A primeira audiência pública ocorreu em outubro do ano passado, em Ilhéus.

PAVIMENTADO O ACESSO A SÃO MIGUEL DAS MATAS

Os moradores de São Miguel das Matas, a 224 quilômetros de Salvador, foram beneficiados no sábado, 17, com a entrega da recuperação do trecho da BA-539, que liga o entroncamento da BA-026 ao município. A inauguração contou com a presença do governador Jaques Wagner e do vice-governador e secretário de Infraestrutura, Otto Alencar.

Foram pavimentados nove quilômetros de extensão da rodovia, beneficiando uma população de 26 mil pessoas das cidades de Laje, Varzedo, Mutuípe, Jequiriçá, Ubaíra e Elísio Medrado. O investimento na obra chegou a R$ 2 milhões.

Além da segurança, a estrada agora proporciona melhores condições para o escoamento da produção, baseada na agricultura e pecuária. Otto Alencar afirma que o governo já recuperou 4 mil quilômetros de estradas e no momento mais 2 mil quilômetros estão sendo revitalizados.

BURACOS TOMAM CONTA DA BA-130

Buracos na rodovia são tapados com cascalho ou barro.

A rodovia que liga Ipiaú a Dário Meira, no sul da Bahia, a BA-130, mais parece tábua de pirulito devido à quantidade de buracos. Motoristas que trafegam pela estrada que também serve de acesso a Itagibá apelam à proteção Divina para chegar ao destino.

Moradores da região sugerem que o Estado aproveite da receita gerada pela exploração de níquel em Itagibá para aplicar uns “centavos” na recuperação da rodovia. Por lá, o asfalto é só lembrança – e dificulta a vida de quem produz e tem pressa.

E o Derba, o que diz?

OBRAS DE REPAVIMENTAÇÃO DA BR-415 AVANÇAM

Trecho de 28,5 quilômetros será repavimentado pelo Derba (Fotos Antônio Lima).

As obras de repavimentação da BR-415, trecho Itabuna-Ibicaraí, avançaram nos últimos dias. A obra executada pela Paviservice deve ser concluída em dezembro e custará aproximadamente R$ 19,5 milhões aos cofres estaduais.

Na primeira fase da obra, está sendo aplicada camada de asfalto para nivelamento, seguida de camada de pedra, brita e pó de brita e, na fase final, camada de asfalto. A obra é supervisionada pelo Departamento de Infraestrutura de Transporte da Bahia (Derba). O trecho a ser recuperado tem 28,5 quilômetros de extensão.

GOVERNOS INVESTEM R$ 16 MILHÕES EM BAIRROS

Os governos federal e municipal iniciam nesta semana a segunda etapa das obras de infraestrutura, urbanização e habitação dos bairros Maria Pinheiro e Daniel Gomes, em Itabuna. Os investimentos somam R$ 16 milhões, dos quais R$ 1,2 milhão em contrapartida do município. O prazo de execução das obras, segundo a prefeitura, é de 12 meses.

Por meio do Ministério das Cidades e recursos liberados pela Caixa Econômica Federal, são construídas 280 moradias na região, uma das mais pobres de Itabuna. O prefeito Capitão Azevedo diz que as obras representam “efetiva melhoria da qualidade de vida” para as duas comunidades.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia