WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate


alba










julho 2019
D S T Q Q S S
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

editorias






:: ‘Joselito Reis’

JOSELITO REIS LANÇA “GRITO SEM ECO”

Joselito Reis lança livro de poesias

Joselito Reis lança livro de poesias

Com prefácio do professor Raimundo Galvão e apresentação do jornalista Nilson Andrade, ambos já não mais entre nós, o poeta e jornalista Joselito dos Reis lança o seu primeiro livro de pensamentos e poesias, Grito Sem Eco, nesta quinta (27), às 19h, no Centro de Cultura Adonias Filho, em Itabuna.

O livro conta com as participações dos jornalistas Rosi Barreto, Waldyr Montenegro, Odilon Pinto e Paulo Lima e da professora Zélia Possidônio, que também é poeta e atriz, aparecendo com uma reflexão e um grito existencial num mundo perdido pelo individualismo e pelo consumismo.

O poeta diz que o livro tem esse título – Grito Sem Eco, porque, no passado, cada pessoa no campo ouvia o eco do seu próprio grito transpirando nos vales e montanhas, “o que não acontece nos dias de hoje devido à poluição que impregnou nossas ruas ou até mesmo o nosso espaço sideral infestado de gadgets e equipamentos dos mais diversos”.

“Ao leitor, cabe adquirir o livro e descobrir muitos outros conceitos que transcendem aos limites de uma poesia lírica, romântica, social, sempre numa linguagem clara e direta, que perpassa de forma transversal o campo das metáforas, para, com certeza, sensibilizar mais ainda aqueles que buscam a essência das coisas e são sensíveis ao universo que nos cerca”, diz o jornalista e poeta.

APOIO

Com tiragem de mil exemplares, numa produção independente, o poeta que esperou 36 anos para lançá-lo, diz que a publicação do livro só foi possível devido à sensibilidade e à colaboração direta do empresário Delson Mesquita, da Editora e Gráfica Mesquita. Delson ofereceu o apoio decisivo e embarcou de cabeça no projeto editorial, cuidando dos detalhes e da arte final.

EXPOSIÇÃO RESGATA 105 ANOS DE HISTÓRIA DA ACI

Joselito Reis e Waldyr Montenegro coordenam pesquisa (Foto Viviane Cabral).

Joselito Reis e Waldyr Montenegro coordenam pesquisa (Fotos Viviane Cabral).

A Associação Comercial e Empresarial de Itabuna está resgatando a sua própria história com uma ampla pesquisa no Arquivo Público de Itabuna José Dantas de Andrade e no Centro de Documentação e Memória Regional (CEDOC) da Uesc. O objetivo é promover exposição para contar aos itabunenses os 105 anos da associação que é mais antiga que a própria cidade.

A pesquisa é comandada pelos jornalistas Waldyr Montenegro e Joselito Reis e conta com apoio dos profissionais do Cedoc da Uesc e do Arquivo Municipal.

A partir desta pesquisa, sabe-se que a ACI nasceu durante uma mobilização de empresários contra o arrocho fiscal. Era 14 de junho de 1908.

–  A ideia é promover uma semana de exposição de fotos e documentos do arquivo da entidade e, em seguida reunir esses fatos em um livro para ser distribuído nas escolas de Itabuna, de modo que a sua história continue viva – diz o presidente da entidade, Luiz Ribeiro.

Além das consultas aos arquivos públicos, a entidade também está contando com a colaboração de interessados, que podem sugerir documentos históricos  – também valem fotografias e recortes de jornais. As sugestões podem ser feitas por meio de telefone – 73-3613.1171 – ou por emial (aceitabuna@gmail.com).








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia