WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia





maio 2018
D S T Q Q S S
« abr    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: ‘Manoel Chaves Neto’

A MAIORIDADE DO SHOPPING JEQUITIBÁ

Manoel Chaves Neto

 

Por fim, o maior significado de todos é o que aprendi e continuo a aprender com meu pai, Helenilson Chaves, de que vale a pena sonhar e realizar os sonhos, acreditar no potencial de Itabuna, Ilhéus e em todo sul da Bahia, acreditar nas pessoas, formar equipe, empreender a longo prazo, se arriscar e gerar empregos.

O que significa 18 anos de idade?

Significa a Maioridade. Maioridade é a idade mínima estabelecida por lei que determina quando um indivíduo passa a ser responsável por seus atos, tendo também obrigações e direitos civis completos. A maioria dos países ocidentais adotam a idade cronológica de 18 anos como limite entre a menoridade e maioridade.

PARA NÓS DO SHOPPING JEQUITIBÁ, significa maturidade, responsabilidade e respeito, além de nos assegurar da certeza que estamos no caminho certo, para fazer do Shopping Jequitibá, uma referência, em um shopping regional dominante do Sul da Bahia.

Ao longo deste início de trajetória, houveram acertos e erros, sobreponhamos os acertos, nos quais hoje temos contemplado rico acervo de conhecimento e experiência, consolidando todo nosso trabalho na gestão de condomínio e Shopping Center, elaborado no presente para mantermos atualizados no futuro.

É flagrante, fica nítido, após 18 anos, que para o alcance e superação das expectativas e objetivos estratégicos que o Shopping Center traz para uma região, nos obriga, o quanto antes, à entrega de um Empreendimento completo, correspondendo aos anseios e demandas regionais. É provável que possíveis expectativas não foram correspondidas a contento até então, entretanto estamos todos unidos, trabalhando duro e focados, para atendê-los com brevidade nesta perspectiva.

Por fim, o maior significado de todos é o que aprendi e continuo a aprender com meu pai, Helenilson Chaves, de que vale a pena sonhar e realizar os sonhos, acreditar no potencial de Itabuna, Ilhéus e em todo sul da Bahia, acreditar nas pessoas, formar equipe, empreender a longo prazo, se arriscar e gerar empregos. PARABÉNS pela iniciativa isolada de iniciar a construção em 1998 e inaugurar o Shopping Jequitibá em 5 de maio de 2000. Que venham mais 18, 36, 72 anos de progresso da nossa região.

FELIZ ANIVERSÁRIO SHOPPING JEQUITIBÁ.

Manoel Chaves Neto é diretor do Shopping Jequitibá

SHOPPING JEQUITIBÁ COBRARÁ ESTACIONAMENTO EM BREVE, AFIRMA NETO

Shopping Jequitibá iniciará cobrança de estacionamento|| Foto TripAd

Manoel Chaves Neto, do Shopping Jequitibá.

O Shopping Jequitibá iniciará, em breve, a cobrança de estacionamento. De acordo com o diretor Manoel Chaves Neto, o valor da tarifa será de R$ 5,00 por 4 horas. A hora adicional custará R$ 1,00. O sistema será operado pela empresa Indigo e deverá gerar, segundo Neto, 13 empregos diretos.

A cobrança por estacionamento havia sido anunciada em 2016. Ao PIMENTA, Neto disse que a decisão pode impactar no movimento e operações do shopping em um primeiro momento, “pela quebra de padigma e cultura, apesar de já ser uma atividade já em prática” no município. Ele cita como exemplos a cobrança da Zona Azul e de estacionamento em locais como terminal rodoviário e hospitais da Santa Casa de Misericórdia. Confira.

Já foram iniciadas as montagens das cancelas na entrada e na saída dos estacionamentos. Vai iniciar a cobrança quando? Qual será o valor?

Manoel Chaves Neto – O estacionamento do Shopping Jequitibá será cobrado, sim, e em breve. O valor da tarifa será de R$5,00 por 4 horas, sendo R$1,00 a hora adicional.

Acredita que esta decisão terá impacto no movimento e operações do shopping?

Pode ser que tenha impacto no primeiro mês, diante da quebra de paradigma e cultura, apesar de ser uma atividade já em prática na cidade.

Qual a geração de emprego?

13 empregos diretos.

Por que a iniciativa de cobrar o estacionamento no início de 2018?

Porque fomos prudentes e cautelosos, pensamos nos nossos clientes e lojistas. Nos últimos 3 anos, tivemos muitas incertezas e uma grande oscilação na macroeconomia que prejudicou o varejista de forma acentuada. No último semestre de 2017, constatamos melhoras significativas na macroeconomia, nos indicadores econômicos e o retorno dos consumidores ao mercado.

O estacionamento será administrado pelo próprio Shopping?

Operação de estacionamento não faz parte do nosso core bussines. Buscamos no mercado nacional identificar as melhores empresas. Fizemos a seleção e optamos pela Indigo. A Indigo é uma empresa francesa, líder mundial em administração de estacionamentos, com mais de cinco décadas de experiência, atuando em 17 países, mais de 750 cidades, mais de 5.300 estacionamentos sob gestão, contendo 2 milhões de vagas, através de 19.000 colaboradores. No Brasil, a Indigo está presente em 17 estados, mais de 40 cidades, com amis de 190 estacionamentos sob gestão, com 192 mil vagas, através de 3.000 colaboradores genuinamente brasileiros.

Quais os benefícios que a cobrança do estacionamento trará para os clientes?

Maior disponibilidade de vagas para clientes em compras, maior e mais detalhado controle e segurança, monitoramento do estacionamento 100% com cobertura por CFTV e estacionamento assegurado por seguro RC Garagista.

Quantos shoppings no Brasil e Bahia cobram estacionamento?

98% dos shoppings inaugurados no Brasil antes de 2012 cobram estacionamento há mais de uma década. No estado da Bahia, a cobrança iniciou-se em todos os shoppings da capital em 2015. No interior da Bahia, acompanhou a mesma data, exceto Vitória da Conquista, motivado pela concorrência da implantação de um novo shopping vs localização descentralizada do centro do atual.

O sr. concorda com a Zona Azul e cobrança do estacionamento na Rodoviária e na Santa Casa de Misericórdia de Itabuna?

Quem somos nós para julgar ou opinar sobre a gestão de terceiros. Entretanto, utilizo todos os estacionamentos mencionados. Por sinal, acho que os mesmos são de qualidade e prestam um bom serviço. Sobre a Zona Azul, acho que houve uma melhora significativa nas disponibilidades de vagas para clientes em compras.

JEQUITIBÁ PARTICIPA DO MAIOR EVENTO DE VAREJO DA AMÉRICA LATINA

Chaves Neto, Jorge Lizan, do ICSC, Vera Guimarães (Jequitibá) e Luiz Alberto Marinho, diretor da GS&Malls || Divulgação

Chaves Neto, Jorge Lizan, do ICSC, Vera Guimarães (Jequitibá) e Luiz Marinho, da GS&Malls

Vera e Neto, do Shopping Jequitibá.

Vera Guimarães e Neto, do Shopping Jequitibá.

Maior evento de varejo, shoppings centers, franchising e e-comerce da América Latina, o Congresso Latam Retail, em São Paulo, teve a participação de diretores do Shopping Jequitibá, de Itabuna. O evento, realizado de 29 a 31 de agosto neste ano, conta com área ampla de exposição de fornecedores, produtos e serviços.

Para o empresário Manoel Chaves Neto, diretor da Jesci, empresa que administra o Shopping Jequitibá, sua participação no Congresso ratifica e aprimora o conhecimento, dando novas perspectivas para o setor no sul da Bahia. “Podemos comprovar que estamos no caminho certo para tornar nosso Shopping Jequitibá um shopping regional, dominante no sul da Bahia”, ressalta.

Vários painéis abordam temas como ações inovadoras em shoppings da América Latina, consumidor empoderado digital, experiências, entretenimento, varejo baseado em serviços; conveniência e hospitalidade.

O evento é um grande momento para a comunidade de profissionais de shoppings centers compartilhar conhecimento, fazer network e repensar novas estratégias para o varejo no Brasil.

FILIAL DA RENNER EM ITABUNA É A 2ª EM VENDAS NO PAÍS

Renner de Itabuna é a segunda em vendas na estreia (Foto Divulgação).

Renner de Itabuna é a segunda em vendas na estreia (Foto Divulgação).

A loja da Renner em Itabuna terminou o seu primeiro dia como a segunda em faturamento, no país, dentre as mais de 300 unidades da rede. O pico foi atingido na última sexta (16), quando a loja foi inaugurada.

A filial da rede ocupa área total de 2,3 mil metros quadrados no Shopping Jequitibá, distribuída em dois pisos. De origem gaúcha, a empresa investiu R$ 7 milhões para abertura da loja em Itabuna, onde serão gerados até 70 empregos até o final deste ano. Outros R$ 5 milhões foram investidos pelo Jequitibá para construção de estrutura física para receber a loja.

Na sexta, a loja reuniu autoridades municipais e representantes dos lojistas em um happy hour numa das áreas do segundo piso. Representante da Renner no evento, Liane Dórea disse que a chegada ao sul da Bahia era um desejo antigo da marca.

Ainda durante o evento, o empresário Manoel Chaves Neto, do Shopping Jequitibá, falou da chegada da Renner, principal rede varejista de moda do país, e destacou a movimentação de clientes. De acordo com ele, com outras lojas-âncora, como a Richuelo e C&A, e os demais empreendimentos, o centro de compras se torna ícone da moda no sul da Bahia.

NETO: “A RENNER AJUDA A POSICIONAR O JEQUITIBÁ COMO ÍCONE DE MODA NO SUL DA BAHIA”

 

Manoel Chaves Neto, do Shopping Jequitibá.

Manoel Chaves Neto, do Shopping Jequitibá.

As perspectivas para a economia do Brasil nos próximos anos e os planos de investimentos para tornar o Shopping Jequitibá completo foram temas abordados na entrevista com o empresário Manoel Chaves Neto. O diretor do centro de compras do sul da Bahia mostra-se otimista com os números recentes da economia. 

Neto ainda aborda a polêmica envolvendo a CineSercla, que anunciou a inauguração de salas de cinema no shopping em 2018. “Fui pego de surpresa. Não temos contrato assinado com ninguém”, disse.

O diretor do Shopping Jequitibá também abordou o peso da chegada das Lojas Renner. Para ele, o empreendimento ajuda a posicionar o centro de compras como referência de moda na região. A filial da Renner será inaugurada na próxima sexta (16).

Neto ainda fala de família. Empresário pioneiro em várias áreas, Helenilson Chaves submeteu-se a cirurgias e se recupera em Salvador. Confira. 

Qual a perspectiva para o varejo nos próximos anos?

Resposta dificílima, pois no Brasil está quase impossível prever algum tipo de conjuntura econômica, política, etc. O que podemos afirmar é sobre o agora. Vemos, nos últimos meses, declínio da inflação ao patamar de 4% , abaixo da meta se 4,5%, com perspectiva de manutenção, em paralelo a taxa de juros Selic, antes 14,25% ao ano, hoje 10,25%, mas com prognóstico de estar abaixo dos 2 dígitos, na casa de 8,5% ao ano em dezembro. Estes fatores nos animam e fazem acreditar que o país entrará numa estabilidade em breve, pois quanto menor inflação e juros, mais sobra para consumo, que puxa a indústria e que gera emprego, situação está que se reverterá lentamente, com retorno dos investimentos e consumo.

______________

Temos seguido nosso plano estratégico. Chegaremos no final de 2018 com um Shopping Regional Dominante.

______________

Como o Shopping Jequitibá se encaixa neste cenário?

Não resta dúvida que o cenário é e continuará sendo bastante desafiador, motivo pelo qual temos focado nossos esforços na redução dos custos operacionais e despesas. Por outro lado, no complemento de mix do shopping, trazendo novidades e lojas que agreguem produtos e serviços para nossos clientes. Temos seguido nosso plano estratégico. Chegaremos no final de 2018 com um Shopping Regional Dominante.

E a inauguração da Renner?

A inauguração da Renner vem nos abrilhantar, nos fortalecer e ajudar a posicionar ainda mais o Shopping Jequitibá como ícone de moda no sul da Bahia , além de potencializar o poder de atratividade e vendas do nosso empreendimento. A loja Renner do Shopping Jequitibá terá 2.200 metros quadrados em 2 andares, térreo e primeiro andar, interligados por uma enorme escada rolante, elevadores e escada fixa com objetivo de proporcionar maior conforto e comodidade para nosso cliente. Realmente está linda. Não deixem de visitar, na próximo sexta (16), a partir das 10 horas.

______________

As vendas vão bem. Estamos com 3% de crescimento nas lojas âncoras e megalojas e 15,98% nas lojas satélites.

______________

Como estão as vendas no Shopping Jequitibá?

Graças ao bom Deus, ao trabalho assertivo do marketing, ao atendimento gentil da nossa equipe, ao treinamento contínuo dos vendedores e aos nossos empreendedores lojistas, as vendas vão bem… Gostaríamos sempre que estivessem melhores, mas, diante de toda circunstância, estamos com 3% de crescimento nas lojas âncoras e megalojas e 15,98% nas lojas satélites.

Além da Renner, o que mais foi realizado?

Nesta etapa de investimento, além de termos construído o shell da Renner e Ricardo Eletro, construímos em cima da Renner uma laje com 1.350 metros quadrados que permite, no futuro, ter 55 novas vagas de estacionamento. Além disto, no L1, destelhamos 1.700 metros quadrados, onde conseguimos implantar mais 68 novas vagas de estacionamento para uso imediato.

______________

O nosso complemento de mix contempla um multiplex com salas de cinema, academia, Centro Médico de última geração e ampliação da área de lazer e restaurantes

______________

O que tem mais por vir no complemento de mix, deste projeto de shopping completo, dominante?

O nosso complemento de mix contempla um multiplex com salas de cinema, academia, Centro Médico de última geração e ampliação da área de lazer e restaurantes.

Qual a previsão de inauguração?

Tenham certeza: quem mais está ansioso para entregar estes projetos e complemento de mix somos nós, empreendedores, juntamente com toda nossa equipe. Entretanto, por ainda não ter dada certa e nenhum contrato já assinado, preferimos agir com cautela para que, no momento certo, façamos o pronunciamento com dia e hora para data de inauguração.

______________

Sobre a CineSercla – Fui pego de surpresa. Não temos contrato assinado com ninguém. O escritório de advocacia que nos assessora está tratando dos assunto.

______________

A Cine Sercla confirma que vai inaugurar 5 salas de cinema no Jequitibá em 2018. Como ficou isso?

Assunto que me entristece, frustra nossos clientes, desgasta nossa imagem e prejudica outras negociações. Fui pego de surpresa. Não temos contrato assinado com ninguém. O escritório de advocacia que nos assessora está tratando dos assunto.

Referência de empreendedorismo no sul da Bahia, Helenilson Chaves fez 70 anos na última semana. Como ele está?

Meu grande pai, minha mãe, grandes exemplos para mim. Eles vão muito bem, pois têm estado bastante colados em todas as horas e momentos. Recentemente, meu pai passou por uma cirurgia em São Paulo. Está fazendo tratamento em Salvador, onde acredito que até o Natal ele estará de volta a sua amada cidade de Itabuna. Na verdade, chego até dizer que parte dele está aqui presente nos meus movimentos e ações, como também dos meus irmãos, pois tivemos uma criação muito próxima no qual seus ensinamentos e a sua forma de ser, pensar, agir, seu caráter e postura, guardando as devidas proporções e particularidade, estão incutidos em nós.

Como o senhor tem analisado a política de Itabuna?

Política deixo para ser comentada por políticos. Agora, queremos cada dia mais o melhor para Itabuna, Ilhéus e todas os 41 municípios do sul da Bahia. Por fim, agradeço aos meus sócios, toda minha equipe do Shopping Jequitibá e da JPS, a todos mesmos, pelo empenho e dedicação que contribuem de forma significativa para fazer do Shopping Jequitibá cada dia melhor, maior e mais feliz.

RENNER INAUGURA LOJA NO SHOPPING JEQUITIBÁ EM JUNHO

Lojas Renner inaugura filial em Itabuna no dia 16 (Foto Pimenta).

Lojas Renner inaugura filial em Itabuna no dia 16 (Foto Pimenta).

Maior rede varejista de moda do Brasil em faturamento, a Renner inaugurará sua primeira loja no sul da Bahia. As obras da filial no Shopping Jequitibá, em Itabuna, estão em fase conclusão. A unidade será inaugurada em 16 de junho, às 9h, informou Manoel Chaves Neto, do Grupo Chaves.

A filial itabunense da rede de lojas de vestuário no Jequitibá ocupa 2.100 metros quadrados, com dois andares, interligados por escadas fixas e rolantes e elevadores. Começa gerando cerca de 70 empregos.

Os investimentos para ampliar espaço de lojas âncora e megastores com a chegada da Renner também levaram o Jequitibá a criar estrutura para novos estacionamentos, deck park e salas de cinema. O empreendimento trabalha para consolidar-se como shopping completo até 2018.

AÇÃO DO JEQUITIBÁ BENEFICIA IDOSAS DO ABRIGO SÃO FRANCISCO DE ASSIS

O Shopping Jequitibá promoveu, neste Mês da Mulher, o Dia da Beleza, ação que envolveu mulheres do Abrigo São Francisco de Assis, em Itabuna. “Mostra um pouco do que podemos fazer com simples gestos ou ações”, disse Manoel Chaves Netto, diretor do Shopping Jequitibá.

Segundo ele, o Dia de Beleza com as idosas do Abrigo São Francisco só pôde acontecer, porque reuniu parceiros. “[Eles] entenderam o nosso desejo: proporcionar um momento de felicidade fora da rotina delas, abraçar, mostrar o quanto são úteis, o quanto são importantes para o nosso aprendizado e o quanto são e devem ser amadas”, disse Neto.

ANÚNCIO DE EMPREGO NA RENNER É FALSO

Anúncio falso que circula em WhatsApp.

“Anúncio” circula no “Zap”.

Bastante compartilhado no WhatsApp, é falso o anúncio de seleção de vagas na filial das Lojas Renner em Itabuna.

O anúncio cita vagas para cargos como fiscal de loja, auxiliares de expedição e de estoque e caixa.

– A informação é falsa – disse Ivan Souza, das Lojas Renner, ao PIMENTA.

A empresa ainda divulgará a data de seleção de profissionais para a loja no Shopping Jequitibá.

A previsão é de que a inauguração ocorra antes do Dia das Mães, como afirmou o diretor do Grupo Chaves, Manoel Chaves Neto.

NETO: JEQUITIBÁ BUSCA SE CONSOLIDAR, ATÉ 2018, COMO SHOPPING COMPLETO

Neto diz que missão é consolidação como shopping completo até 2018 (Foto FEmpresarial).

Neto diz que missão é consolidação como shopping completo até 2018 (Foto FEmpresarial).

O Jequitibá trabalha para consolidar-se como shopping center completo até 2018, revela o diretor do Grupo Chaves, Manoel Chaves Neto, nesta entrevista. “Para que isso aconteça, temos que ter um shopping com cinema, academia, restaurantes, espaço para medicina e laboratório etc”, completa.

O executivo do Grupo Chaves também aborda, nesta entrevista, a crise econômica nacional e emite opinião quanto ao futuro da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa).

Neto fala, ainda, das obras de construção da primeira unidade de uma das principais redes de loja de departamentos, a Renner, no sul da Bahia. A previsão é de que a inauguração ocorra antes do Dia das Mães. Confira.

Estrutura sendo edificada para abrigar loja e mais operações do shopping.

Montagem da estrutura da Renner e – em breve – cinema e estacionamento.

As obras estão dentro do prazo?

Sim. Iniciamos as obras da Renner em 13 de novembro. Ontem (sábado, 14), finalizamos toda a montagem estrutural – pilares, vigas e lajes – faltando apenas fechamento lateral e impermeabilização.

Toda esta obra foi para Renner?

A Renner terá uma loja de 2.100 metros quadrados em 2 andares, ligados internamente por escadas rolantes, escadas fixas e elevadores. Acima da Renner, no L3, já fizemos investimentos para que, num futuro próximo, utilizemos como estacionamento. Aproveitamos esta intervenção para fazer fundações e colocar pilares que suportem construção de deck park, prédio comercial, cinema…

A fase de fundação e montagem foi bem rápida. O que permitiu essa agilidade?

Optamos pelo método construtivo com pré-moldados, método este que nos dá mais velocidade, diante da necessidade da Renner de inaugurar a loja antes dos Dia das Mães. As equipes do shopping e da obra, afinadas com os objetivos comuns, foram também fundamentais para este êxito.

Estrutura terá capacidade para várias operações do shopping, incluindo academia e espaço para medicina e laboratório.

Estrutura terá capacidade para várias operações do shopping, incluindo academia e espaço para medicina e laboratório.

Qual a estimativa de geração de empregos com a Renner?

Nós acreditamos que uma loja deste porte deva gerar, inicialmente, 80 postos de trabalhos, sendo ao longo do tempo readequados para a realidade, entre 50 a 70 empregos.

A crise econômica tem afetado o movimento do Jequitibá?

Seríamos irresponsáveis se disséssemos que não, pois a crise atinge toda a população, de A a Z, quem consome, quem faz o varejo. Falando da crise no shopping, asseguro que atinge numa proporção bem pequena, sendo certo que são problemas pontuais. O que mais me preocupa é a falta de chuva, falta de água em nossa região.

Clique no “leia mais” e confira a íntegra da entrevista. :: LEIA MAIS »

JEQUITIBÁ TERÁ LOJAS RENNER

Renner terá loja no Shopping Jequitibá.

Renner terá loja no Shopping Jequitibá.

Manoel Chaves Neto, do Jequitibá Plaza.

Neto, do Jequitibá.

O Shopping Jequitibá terá mais uma loja âncora com a chegada da Renner, segundo o empresário Manoel Chaves Neto antecipou ao PIMENTA.

A loja da Renner No centro de compras itabunense será inaugurada em abril de 2017, de acordo com o diretor do Grupo Chaves.

De origem gaúcha, a Renner é uma das maiores redes de roupas e acessórios do país. Neto também disse que outros dois assuntos estão bem encaminhados: estacionamento e cinema.

– Tenham certeza que estamos focados na [busca da] melhor solução para implantar os cinemas e mais vagas de estacionamento no Jequitibá.

CINEMA VIROU NOVELA

Chaves Neto diz que conversas estão avançadas, mas recua quanto à data de inauguração (Foto Pimenta).

Chaves Neto diz que conversas estão avançadas, mas recua quanto à data de inauguração (Foto Pimenta/Arquivo).

Manoel Chaves Neto, diretor do Grupo Chaves, informou que avançaram as conversas para definir qual operadora irá assumir o cinema do Shopping Jequitibá. Segundo ele, o centro de compras “aguarda as melhores condições” para anunciar a empresa vencedora.

Ainda de acordo com Neto, a escolha da operadora “requer estudos profundos para que o shopping possa oferecer o melhor em termos de projeção, lançamentos e conforto para o público”.

O diretor do grupo empresarial ainda não definiu, oficialmente, a data de inauguração do cinema. Há menos de uma semana, Neto adiantou a um político itabunense que as salas deverão ser inauguradas entre dezembro deste ano e fevereiro de 2016, como revelou o site Bahia 24 Horas. Ele, no entanto, recuou.

CINEMA DO JEQUITIBÁ SERÁ INAUGURADO EM OUTUBRO DE 2013

Neto anuncia data de inauguração de cinema e novos shoppings (Foto Pimenta).

A direção do Jequitibá anunciou para 12 de outubro de 2013 a data de inauguração do cinema do shopping. Manoel Chaves Neto, do Grupo Chaves, disse que ainda está sendo definida a empresa que administrará as seis salas de projeção, uma delas com 3D.

A promessa de Manoel Neto é de oferecer cinema moderno, com alta tecnologia e adequado à demanda regional. O projeto inicial do shopping previa a inauguração do cinema em 2012. “Quando for inaugurado, a comunidade vai ver que valeu à pena esperar. Teremos a visão de operadora profissional e salas de alto padrão”, disse.

Chaves justificou que os investimentos do grupo na segunda expansão do Jequitibá, em 2011, consumiram entre 15% e 20% além do planejado, o que forçou o adiamento do novo projeto. “Precisamos de um tempo para iniciar a construção do novo cinema”.

As seis salas serão construídas no segundo piso, numa área de 2 mil metros quadrados. O investimento total será de aproximadamente R$ 10 milhões, sendo R$ 4,5 milhões do grupo e R$ 6 milhões aplicados pela empresa que vencer a concorrência para construir o cinema.

A tendência é de que a mexicana Cinépolis seja a escolhida. Ao PIMENTA, Manoel Chaves disse que a empresa foi a que apresentou a proposta mais ousada para o empreendimento. Cada sala terá 70 lugares e possibilidade de segmentar o uso de acordo com a demanda (com filmes e ações para terceira idade, crianças e exibições de filmes para empresários, por exemplo).

EXPANSÃO AUMENTOU EM 55% VOLUME DE VENDAS DE SHOPPING

O executivo do Grupo Chaves afirmou que a expansão do Jequitibá, no segundo semestre do ano passado, deu bons resultados. “O retorno foi fantástico. Houve aumento de 70% no fluxo de consumidores e de 55% nas vendas”, afirmou. O fluxo diário é de 30 mil pessoas (aproximadamente 900 mil por mês).

Manoel Neto também anunciou que o Grupo Chaves construirá três shoppings em municípios do interior baiano. Além do Jequitibá em Teixeira de Freitas, serão construídos shoppings em Barreiras e Alagoinhas. Os projetos mais avançados, afirmou, são os de Teixeira de Freitas e Alagoinhas. Cada um deles terá investimento de aproximadamente R$ 70 milhões.

O empresário também afirmou que o centro empresarial que está sendo construído pelo Grupo Brasileiro no estacionamento principal do shopping em Itabuna terá 15 andares. O Jequitibá Trade Center abrigará a superintendência regional da Caixa Econômica e oferecerá estacionamento no seu próprio espaço.

GRUPO CHAVES INVESTIRÁ R$ 70 MILHÕES NO SHOPPING JEQUITIBÁ DE TEIXEIRA DE FREITAS

Projeto de fachada do shopping, que será horizontal, como o de Itabuna.

O Grupo Chaves já definiu as datas de início da obra e de inauguração do Shopping Jequitibá Teixeira de Freitas, no extremo-sul da Bahia. De acordo com Manoel Chaves Neto, as obras começam em novembro deste ano e a inauguração está prevista para 5 de maio de 2014.

Neto: R$ 70 milhões de investimento em novo shopping (Foto Pimenta).

Serão investidos R$ 70 milhões no empreendimento que terá 105 lojas, dentre satélites, âncoras, praça de alimentação, megastores e cinema.

O shopping será construído numa área de 72 mil metros quadrados, na BR-101, em frente à Faculdade Pitágoras. O grupo aguarda o licenciamento ambiental do projeto.

Manoel Chaves Neto apresentou o projeto do shopping nesta semana, acompanhado de Leandro Chaves, também executivo do grupo, e representantes de parceiros do novo empreendimento,  como o diretor da Aliannsce para as regiões Norte e Nordeste, Ewerton Visco, e David Lee, diretor de expansão da Le Biscuit.

O projeto arquitetônico do shopping é assinado por Jean Gaston. O empreendimento terá foco no público regional, atraindo consumidor do extremo-sul baiano e de municípios de Minas Gerais e Espírito Santo próximos de Teixeira de Freitas.

Segundo Chaves Neto, a decisão pelo nome Jequitibá também no segundo shopping do grupo tem a ver com a possibilidade de campanhas cooperadas entre os dois centros de compras – o de Itabuna e o de Teixeira de Freitas – e cobertura da mídia regional, principalmente televisão.

Uma das economias que mais crescem na Bahia, Teixeira de Freitas poderá ter, em pouco tempo, dois shoppings de médio porte. Além do investimento do Grupo Chaves, grupo de empresários cariocas planejam construir, no município, o Shopping Pátio Mix Teixeira de Freitas, também numa área às margens da BR-101.

GRUPO CHAVES ANUNCIA SEGUNDA EXPANSÃO DO JEQUITIBÁ E NOVO SHOPPING

A aposta do Grupo Chaves na área do consumo não se restringirá ao shopping itabunense. Hoje, o grupo anunciou que construirá também um centro de compras em Teixeira de Freitas, no sul da Bahia.

Manoel Chaves Neto, executivo do grupo, disse que o empreendimento terá 20 lojas-satélites e uma âncora. Neto concedeu entrevista exclusiva ao PIMENTA e explicou o andamento deste novo projeto.

Sobre o Jequitibá, ele antecipou que já trabalha no projeto de uma segunda expansão do shopping, que viria acompanhada do novo cinema. Pesquisas indicariam que há espaço para mais um lance ousado do empreendimento.

Confira.

Qual é o cronograma desse novo projeto, a construção de um shopping em Teixeira de Freitas?
O terreno já foi comprado em Teixeira de Freitas, já temos o projeto do shopping. Ainda tá faltando irmos ao município para conversarmos com o prefeito… Eu acredito que estejamos lançando o shopping em setembro, outubro deste ano com expectativa de inauguração entre novembro do próximo ano e março de 2013.

Já há uma idéia de qual vai ser o formato desse projeto?
Continua sendo um shopping regional com uma característica diferente por ser um shopping de estrada, a um quilômetro da BR-101 e do centro da cidade. O projeto está em fase de concepção, estamos contratando lojas âncora e satélites e temos certeza de que será um shopping adequado à realidade regional.

O grupo projetava uma expansão do Jequitibá como esta, que praticamente dobra o tamanho do empreendimento?
Sendo franco, nós esperávamos. Eu acreditava muito na expansão. Essa expansão era para ter ocorrido, parcialmente, há três, quatro anos. A gente viu agora essa nova oportunidade. Dobramos o shopping e deu tanto certo que nós temos lojistas em fila de espera, tanto para âncora como lojas-satélites.

Isso significa que o grupo já pensa em outra ampliação?
Justamente, no segundo piso. A nossa idéia é trabalhar nessa outra expansão com um segundo piso com umas 20 lojas-satélites e uma âncora.

Todo investimento que a gente tem feito é em cima de pesquisa. Nós contratamos a melhor empresa do mercado no segmento shopping center.

As pesquisas das quais o grupo dispõe indicam que há mercado para uma segunda expansão?
Acomodando esta expansão de agora, a gente vai analisar, mas acredito que há mercado sim, porque todo investimento que a gente tem feito é em cima de pesquisa. Nós contratamos a melhor empresa do mercado no segmento shopping center. Tudo está sendo feito com total consciência, responsabilidade e a nossa região tem essa demanda.

Agora estão sendo criadas 320 vagas de estacionamento. E como seria numa segunda expansão?
Nós faremos um deck park, com 800 a 1000 vagas de estacionamento.

A primeira expansão será entregue mesmo em 15 de maio?
Fechamos a data e a inauguração será mesmo no dia 2 de junho.

HELENILSON: “NÃO PODEMOS NOS ACOVARDAR”

Helenilson defende empreendedorismo (Foto Pimenta).

O Grupo Chaves bateu o martelo e vai inaugurar as obras de expansão do Jequitibá Plaza Shopping no dia 2 de junho.  O anúncio foi feito na tarde deste sábado pelos empresários Helenilson Chaves e Manoel Chaves Neto, durante encontro com empresários e políticos sul-baianos no canteiro de obras.

O grupo investe R$ 20 milhões na expansão que contará com 27 novas marcas, num total de 50 operações (lojas). O shopping ganhará mais 7,2 mil metros quadrados de área construída e ganhará outras 320 vagas de estacionamento, de acordo com o projeto apresentado.

Helenilson Chaves abriu a apresentação com uma homenagem aos pais. E lembrou que o pai, Manoel Chaves, sempre incutiu na família a cultura empreendedora. Ele também falou de “risco, ousadia e esperança” e completou: “não podemos nos acovardar”.

A plateia era formada, além de empresários, por políticos como o prefeito Capitão Azevedo (DEM), o deputado federal Josias Gomes (PT) e o presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães. Quando abordou a necessidade de ousar e a crença numa nova era, Helenilson observou que “investir é olhar também para o seu próximo como merecedor de oportunidades”.

O evento também teve uma palestra sobre varejo, tendências de mercado e relações de consumo com o publicitário Luiz Alberto Marinho, sócio da Brandworks e especialista em marketing no segmento shoppings centers. Marinho destacou o poder de compra da classe C (C1 e C2), que hoje corresponde a 53% da população brasileira e, segundo estudos, tem uma média de R$ 1 mil de “sobra” para gastar, todo mês.

Luiz Marinho ainda chamou a atenção dos empresários na palestra ao destacar a necessidade de valorização dos vendedores. E o recado para os lojistas: “o vendedor é o nosso principal cliente”, disse ao explicar que o comerciário é quem faz a abordagem à clientela e, por isso mesmo, deve ser bem tratado.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia