WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias






:: ‘negócios’

VENDAS DE SUPERMERCADOS CRESCEM 4,3% EM OUTUBRO, SEGUNDA A ABRAS

Vendas de supermercados crescem mais de 4% em outubro || Imagem EBC

As vendas do setor supermercadista aumentaram 4,3% no mês de outubro em comparação a setembro. Em relação ao mesmo mês do ano passado, o resultado de outubro atingiu elevação de 5,78%.

No acumulado de 2019, de janeiro a outubro, em comparação ao mesmo período de 2018, as vendas do setor apresentaram alta de 3,48%, conforme os dados divulgados pela Associação Brasileira de Supermercados (Abras).

“O consumo das famílias, que seguiu lento desde o início do ano, devido às incertezas políticas e econômicas, ganhou um ritmo melhor de crescimento a partir do segundo semestre, principalmente pelo aumento do crédito à pessoa física, impulsionado pela liberação dos saques do FGTS e do PIS/Pasep, além da queda de juros e a recuperação gradual do mercado de trabalho”, destacou o presidente da Abras, João Sanzovo Neto.

Segundo a entidade, o resultado do acumulado até outubro indica que as vendas de 2019 poderão fechar o ano superando a projeção inicial de 3%. “Estamos otimistas em relação ao encerramento do ano, que ainda se somará aos resultados da Black Friday e das compras de natal e réveillon. Espero estar errado em relação à nossa projeção inicial, e que os supermercados vendam ainda mais”, ressaltou Sanzovo.

SICOMÉRCIO FAZ 30 ANOS E PRESTA HOMENAGEM A GILENO ARAÚJO E RODRIGO PAIVA

Ponto Chic, de Gileno Araújo, está aberta há quase 70 anos

Costa: homenagem ao mais antigo comerciante e ao empresário do ano

O Sindicato do Comércio Varejista de Ilhéus (Sicomércio) completa 30 anos neste mês e a data será marcada por homenagens a dois dos mais famosos nomes do empresariado ilheense.

A solenidade, nesta sexta (29), às 19h, na sede da ACI, na Praça J.J. Seabra, também terá a presença do presidente da Federação do Comércio do Estado da Bahia (Fecomércio), Carlos Andrade.

Segundo o presidente do Sicomércio, Antonio Costa, a entidade entregará placa ao empresário Gileno Alves Araújo, de 93 anos, da Sorveteria Ponto Chic, como o Comerciante Mais Antigo em atividade.

A outra homenagem será dirigida ao empresário Rodrigo Paiva, da Blocolar Materiais de Construção, escolhido como Comerciante do Ano 2019.

BRADESCO PLANEJA FECHAR 450 AGÊNCIAS ATÉ 2020

Bradesco prevê fechamento de 450 agências até 2020

O Bradesco deverá fechará 10% das suas agências em todo o Brasil até 2020. O plano representa o fechamento de 450 agências para fazer frente à despesa acima da meta e à pressão dos bancos digitais, de acordo com o Valor Econômico. Segundo a publicação, é o maior fechamento de agências desde a compra do HSBC, em 2016, quando foram fechadas 565 unidades.

Das 450 agências, 150 serão fechadas até o final de dezembro. Em 2020, outras 300 encerram as atividades, conforme o planejamento divulgado pelo Valor. O banco fechou 50 até setembro mais 100 até o final deste ano. O banco segue caminho adotado por Itaú e Banco do Brasil. O Itaú fechou 195 no primeiro semestre. O Banco do Brasil prevê fechar 242.

CONSTRUÇÃO CIVIL: REDE CASA MAIS FÁCIL INAUGURA LOJA EM ITABUNA NESTA SEXTA

Casa Mais Fácil inaugura loja em Itabuna nesta sexta || Fotos Andreyver Lima/Pimenta

Um ano após chegar a Ilhéus, a Casa Mais Fácil vai abrir a primeira loja no maior polo comercial do sul da Bahia, o município de Itabuna, nesta sexta (1º). A unidade será inaugurada às 9h, na Avenida Juracy Magalhães, 721, no Fátima.

Toni, da Casa Mais Fácil: da fundação ao acabamento

Com 47 anos de mercado e 13 lojas nas regiões sul, baixo-sul e sudoeste da Bahia, a rede de lojas Casa Mais Fácil traz para Itabuna centenas de marcas conhecidas nacionalmente. Uma das apostas da rede é a facilidade para o consumidor regional parcelar as compras até em 36 vezes no crediário próprio. Outra opção de pagamento de compras é o parcelamento em até 10 vezes, sem juros, no cartão de crédito.

Segundo o diretor comercial da Casa Mais Fácil, Antônio André (Toni), o consumidor encontrará de tudo para sua construção e contará com serviço de entrega com menor prazo. “Além disso, temos o maior mix de produtos para construção na Bahia, preços competitivos e um excelente serviço de pronta entrega de todos os produtos expostos na loja”, disse Toni.

POTENCIAL DE DESENVOLVIMENTO

A empresa, afirma Toni, acredita no potencial de desenvolvimento de Itabuna.“É um município com uma grande história, com um povo que acredita no crescimento econômico e social. Por isso, que estamos vindo para contribuir com esse desenvolvimento e, também, fazer parte da história de Itabuna”.

Profissionais da arquitetura e da engenharia conhecem mix da rede || Andreyver Lima/Pimenta

Para Lorena Santos Dias, gerente da loja em Itabuna, por ser uma grande rede, a Casa Mais Fácil oferece uma série de vantagens exclusivas ao consumidor. Ela cita como diferencial, por exemplo, o prazo para o pagamento no crediário próprio e o mix de produtos. “O cliente pode buscar aqui produtos para todas as etapas da obra”.

Embora trabalhe com todos os produtos para a construção, afirma Lorena, um dos carros-chefes da rede de lojas são os pisos. “Temos 300 mil metros quadrados de pisos para pronta-entrega, com quase 250 modelos diferentes. Outra vantagem é que trabalhamos com as melhores marcas do Brasil”.

Loja abrirá com 300 mil m² de piso para pronta-entrega || Foto Andreyver Lima/Pimenta

APROVAÇÃO DOS PROFISSIONAIS DA ÁREA

Na terça-feira (29), a rede de lojas do setor de construção ofereceu um coquetel para que os engenheiros, decoradores e arquitetos conhecessem a filosofia de trabalho e o mix de produtos da unidade de Itabuna.  “A chegada de um concorrente representa sempre mais opções de produtos e mercas no mercado. Isso é muito bom para o consumidor”, avalia o engenheiro civil Noival Neto.

Outra profissional que aponta vantagens para o consumidor e elogia a grande variedade de produtos e marcas conhecidas nacionalmente é a engenheira civil Ananda Justino. “É uma loja completa. Aqui podemos observar a alta qualidade dos produtos que serão ofertados para os clientes. Acredito que, com a chegada desse empreendimento, Itabuna só tem a ganhar”.

Toni, da Casa Mais Fácil, com equipe que atuará na filial de Itabuna || Andreyver Lima/Pimenta

Nesta quarta-feira (30) será a vez dos pedreiros, pintores e eletricistas conhecerem o mix de produtos da Casa Mais Fácil e o atendimento diferenciado da rede de lojas. O coquetel exclusivo para estes profissionais da construção civil será a partir das 19h30min.

A rede Casa Mais Fácil pertence ao grupo Ramiro Campelo e possui lojas em Valença, Ituberá, Camamu, Ipiaú, Gandu, Jequié, Tancredo Neves, Ubaitaba, Santo Antônio de Jesus, Nazaré e Ilhéus e, a partir de sexta-feira, Itabuna. Com mais de 20 funcionários, a loja de Itabuna ocupará espaço de 520 metros quadrados. Atualizado às 15h20min.

KALUNGA PREVÊ FATURAR R$ 1 MILHÃO POR MÊS EM LOJA NO SHOPPING JEQUITIBÁ

Kalunga vai inaugurar em Itabuna a quinta loja na Bahia || Foto Reprodução

A Kalunga inaugura sua quinta loja na Bahia, desta vez no município de Itabuna. A partir desta sexta-feira (1º), os frequentadores do Shopping Jequitibá, um dos principais polos de negócios da região, podem conhecer as novidades do novo estabelecimento.

A loja em Itabuna funcionará em espaço de 500 metros quadrados. Por Itabuna ser caracterizado como polo universitário regional, os estudantes e demais clientes poderão encontrar um mix de mais de 11 mil produtos da maior varejista do segmento de papelaria, material escolar, suprimentos para escritório e informática do país.

Quando o novo estabelecimento atingir o nível de maturação, a Kalunga estima faturamento entre R$ 800 mil e R$ 1 milhão por mês. “A abertura de mais uma loja na Bahia reforça a liderança nacional da rede em seu segmento, além de confirmar a importância da região para a conquista de melhores resultados”.

A rede possui mais de 200 lojas em todo o país e espera chegar a 250 unidades em 2020. Além das cinco lojas na Bahia, a Kalunga está presente em São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Espírito Santo, Bahia, Ceará, Pernambuco, Goiás, Rio Grande do Norte, Sergipe, Paraíba, Alagoas, Rondônia, Mato Grosso, Maranhão, Pará e Piauí e no Distrito Federal.

EXPANSÃO DO SHOPPING JEQUITIBÁ

Já nesta quinta (31), o Shopping Jequitibá promove evento para convidados para a inauguração da segunda expansão do centro de compras onde funcionará a Kalunga. Cerca de R$ 25 milhões estão sendo investidos pelo Jequitibá para abrigar novas lojas e serviços, além das salas de projeção da Cinemark, previsto para inaugurar até dezembro.

COOPERATIVA DOS SERVIDORES DA CEPLAC INAUGURA POSTO DE ATENDIMENTO EM ITABUNA

Itabuna ganha posto de atendimento da Coopec

Itabuna ganhou um Posto de Atendimento da Cooperativa de Economia e Crédito Mútuo dos Funcionários da Ceplac (Sicoob-Coopec).A inauguração da unidade no município, na Avenida do Cinquentenário, na última segunda-feira (21), vai facilitar o acesso dos associados aos serviços oferecidos pela entidade.

Durante a cerimônia, o presidente da Sicoob-Coopec, Edwaldo Pinheiro de Santana, fez uma viagem no passado para destacar a criação da Coopec em 2 de maio de 1988. “É importante ressaltar o pioneirismo daqueles nossos colegas, que já não estão entre nós”. Ele acrescentou que o Posto de Atendimento em Itabuna oferece produtos e serviços adequados às necessidades de seus associados, com atendimento humanizado.

CRESCIMENTO DO SICOOB

Representante dos servidores da Ceplac, Roberto Setubal disse que a decisão da Coopec significa um momento construtivo para o sul do estado e para o cooperativismo da Bahia. Já o presidente da CDL Itabuna, Carlos Leahy,  afirmou que o seu desejo é que o cooperativismo se desenvolva cada vez mais. “É bom para o comércio de Itabuna”.

Noite de festa na unidade da Coopec

O presidente do Sicoob Central-Bahia, Ivo Brito, destacou o crescimento da entidade, que possui  13 cooperativas e mais de 153 mil associados. Segundo ele, são 81 pontos de atendimento espalhados em 59 municípios da Bahia e sete em outros estados.

Já o presidente do Sicredi-Sul da Bahia, o médico Silvio Porto, avaliou que é muito importante a chegada da Sicoob-Coopec para o município de Itabuna. Segundo Porto, a nova unidade disponibiliza mais opções e melhor acolhimento aos seus cooperados.

O presidente da Organização das Cooperativas do Estado da Bahia (OCEB), Cergio Tecchio, falou  sobre os programas sociais desenvolvidos pela OCEB e que sempre contaram com o apoio da cooperativa. “Mais do que um movimento financeiro, somos um movimento de pessoas”, disse.

SHOPPINGS PREVEEM AUMENTO DE 6% NAS VENDAS PARA O DIA DAS CRIANÇAS

Shoppings esperam aumento de 6% nas vendas para o Dia das Crianças || Foto Ilheus24h

Pesquisa da Associação Brasileira de Shopping Centers (Abrasce) aponta uma expectativa de crescimento de 6% nas vendas para o Dia das Crianças neste ano em relação ao apurado em 2018. O otimismo do setor durante a semana que antecede a data comemorativa é de 83%, o que demostra também a confiança dos lojistas.

Para a maioria dos shoppings, o fluxo de visitantes deverá aumentar até 10% no dia 12 de outubro. Os empreendimentos investirão em atrações de recreação infantil, brinquedos e apresentações musicais e teatrais.

Brinquedos, roupas e calçados continuam sendo os produtos com maior expectativa de venda. Por outro lado, em comparação com 2018, os empreendimentos também esperam alta em itens de informática (17 pontos percentuais a mais), de cultura, como livros, CDs e DVDs (9 p.p) e telefonia (8 p.p). Outro destaque é com relação ao ticket médio, que deve ser entre R$ 100 e R$ 200, o que confirma o otimismo do setor.

Para o presidente da Abrasce, Glauco Humai, a expectativa é positiva e acompanha o desempenho dos últimos meses. “A queda nos preços, que contribui para a melhora do poder de compra das famílias, ao lado do aumento, ainda que discreto, da geração de novas vagas de trabalho e um maior volume de crédito afetam positivamente a decisão de compra do consumidor”, apontando eventos de lazer e entretenimento para a data como atrativos para reforçar as vendas.

DESENBAHIA DOBRA LIMITE DE CONTRATAÇÃO DO MICROCRÉDITO PARA R$ 20 MIL

Márcia Fonseca é gerente de Microfinanças da Desenbahia || Foto Fernando Vivas/GovBA

A Agência de Fomento do Estado (Desenbahia) dobrou o limite de contratação do Programa de Microcrédito do Estado (CrediBahia) de R$ 10 mil para R$ 20 mil. Segundo a gerente de Microfinanças da Desenbahia, Márcia Fonseca, a ampliação de limite busca melhorar os índices de desemprego e dar maior força ao empreendedorismo no estado. “É um crédito voltado a pequenos empreendimentos, sejam eles formalizados ou não”, explica.

O comerciante Robson Barreto conseguiu financiamento do CrediBahia para a loja de materiais elétricos que abriu quando ainda estava na universidade. Com o financiamento, o empreendimento cresceu. “Esse crédito ajuda muito o microempresário com capital de giro para comprar e casar o ciclo de compra com o de venda. O valor nos dá chance de sonhar um pouco mais alto, de pensar em novos produtos com valor agregado mais caro e evoluir”, afirma.

A contratação pode ser feita nos postos de atendimento do CrediBahia. A expectativa da Desenbahia é aplicar R$ 56 milhões em volume de empréstimos na modalidade até o fim de 2019. “Os empreendedores podem procurar as unidades que estão disponíveis nos municípios ou as prefeituras para tomar conhecimento do local. É preciso apresentar documento de identificação ao agente de crédito, que irá visitar o empreendimento para levantar as informações e encaminhar a proposta para a sede, em Salvador”, acrescenta Márcia Fonseca.

CRÉDITO

Atualmente, o CrediBahia mantém na carteira ativa 12,5 mil contratos e já liberou, desde 2002, mais de R$ 500 milhões. O programa de microcrédito financia capital de giro para compra de mercadorias e matérias-primas; investimentos fixos para aquisição ou conserto de máquinas ou equipamentos; reforma ou ampliação de instalações. A taxa de juros é de 2% ao mês, com prazo de até 24 meses para investimentos fixo ou misto. Mais informações estão disponíveis no site da Desenbahia (www.desenbahia.ba.gov.br).

MINERADORA AMPLIA EM 25% PRODUÇÃO DE VANÁDIO EM MARACÁS, NA BAHIA

Paulo Misk fala da expansão da Vanádio Maracás || Foto Allan Christian

Única mineradora de vanádio das Américas e considerada a melhor mineradora desse produto do mundo, a Vanádio Maracás anunciou a ampliação de sua produção, que passa de 800 toneladas para mil toneladas por mês. O projeto de expansão, que teve início no ano passado, atende a uma demanda do mercado e teve investimentos de R$ 82,7 milhões, segundo a empresa. A mudança nas operações também aumentou a geração de empregos diretos na planta, alcançando atualmente 800 colaboradores.

“Nossa empresa é um exemplo de mineração mundial, com uma das operações mais responsáveis e sustentáveis. Utilizamos apenas 3,6% da nossa área total para mineração e processamento. Somos também grandes contribuintes para a geração de riqueza e melhoria de qualidade de vida na região, além dos empregos diretos geramos quase 10 mil postos de trabalhos indiretos e movimentamos a economia local. Há muito para comemorar!”, afirmou o CEO da Largo Resources Vanádio de Maracás, Paulo Misk, durante o evento de comemoração da nova fase da empresa, nesta quarta (18).

Para comemorar os resultados, a Vanádio de Maracás reuniu executivos e colaboradores da empresa, autoridades, representantes da comunidade e imprensa na sua unidade minero-industrial, em Maracás, no sudoeste baiano. A ação está alinhada com a prática já desenvolvida pela VMSA de promover visitas da comunidade nas suas instalações, através do Programa “Portas Abertas”, com o objetivo de consolidar a política de transparência da empresa.

EMPREGOS

A chegada da mineradora, em 2014, transformou a pequena Maracás, município a 354 quilômetros de Salvador, com pouco mais de 24 mil habitantes e conhecida também como a Cidade das Flores. Com a economia baseada na agricultura, pecuária e produção de flores, a cidade viu chegar novos investimentos que dinamizaram a economia local, gerando novas oportunidades.

Desde a sua implantação, a VMSA contribui para o aquecimento da economia local através da massa salarial paga aos seus 800 colaboradores diretos – grande parte deles moradores de Maracás e região, além de fortalecer o poder de investimentos do município por meio de recolhimento de impostos e compras locais. A Vanádio de Maracás realiza 70% de suas compras e contratações de serviços na Bahia, sendo 47% destes no município de Maracás. Como estratégia para a região, a empresa procura privilegiar as pequenas e médias empresas locais, que faturaram até R$ 100.000,00 em 2018. :: LEIA MAIS »

BOTE FÉ EM ITACARÉ!

Manuela Berbert || manuelaberbert@yahoo.com.br

 

 

 

E a cada post nas redes, não somente sobre a festa em si, mas sobre a “virada de chave” na terrinha, o mote da campanha que já ganhou o país: Bote Fé em Itacaré!

 

Se alguém me contasse, há dez anos, que a catraca do mundo iria girar e transformar Itacaré em uma cidade turística tão movimentada e pujante, confesso que, particularmente, duvidaria. Aquele lugarzinho (sempre bonito por natureza, claro!) que abrigava uma turma um tanto alternativa e apreciadora do surf e esportes radiciais se transformou em um dos roteiros mais procurados do mundo. E não decepciona!

Do natural ao modernoso no atendimento e serviços. Do simples ao luxuoso, sem perder a ternura. Dos pés na areia à calçada da famosa Pituba. Itacaré é hoje cenário de um vai e vem dos mais animados, com pessoas de todas as idades e classes sociais, roteiros para todos os gostos e uma noite aconchegante acontecendo de segunda a segunda.

Pôr-do-sol na Ponta do Xaréu é um dos mais bonitos do litoral baiano || Foto Andrade

Para deleite, um dos maiores réveillons do país acontece, nesta virada de 2019/2020, na cidade turística próximo de Ilhéus. Ivete Sangalo, Jorge e Matheus, Durval, Alok e mais uma seleção imensa de DJs conhecidos mundialmente farão a festa por lá, em cinco dias pensados e realizados por Victor Oliva e equipes, time de produtores de eventos dos melhores do país.

Na dúvida, há um boato de que eles estão orientando a logística completa também do município para a recepção de um público tão grande e conhecedor de um turismo, digamos, mais luxuoso. E a cada post nas redes, não somente sobre a festa em si, mas sobre a “virada de chave” na terrinha, o mote da campanha que já ganhou o país: Bote Fé em Itacaré! Aqui para nós, tem que ir lá para acreditar no que está acontecendo, tão pertinho (e, ao mesmo tempo, tão distante da nossa realidade)!

Manuela Berbert é publicitária.

GRUPO LIDERADO POR BARRICHELLO QUER CONSTRUIR COMPLEXO AUTOMOBILÍSTICO EM SALVADOR

Rui acompanha apresentação de projeto feita por Barrichello || Foto Paula Fróes/GovBA

Na manhã desta terça-feira (10), o governador Rui Costa recebeu um grupo de empresários, liderado pelo ex-piloto de Fórmula 1 Rubens Barrichello para discutir a implantação de um complexo de automobilismo no entorno da Arena Fonte Nova.

Durante o encontro, que ocorreu na Governadoria, em Salvador, foi assinada uma carta de intenções para a construção do empreendimento, que prevê um kartódromo com potencial para sediar competições internacionais, um museu da história do automobilismo, com objetos utilizados por Rubinho – veículos, capacetes, troféus e macacões –, além de centro comercial.

Também presente na reunião, o secretário estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre), Davidson Magalhães, explicou que, em até 120 dias, serão iniciados os estudos de viabilidade econômica para a implantação do complexo, no mesmo modelo da concessão da Arena Fonte Nova.

“Estamos abertos a receber, com muita alegria, a sugestão proposta pelos próprios empresários. Essa é a oportunidade da Bahia criar mais um empreendimento que atrai turistas e gera emprego e renda para a população. O local é privilegiado pela mobilidade urbana, e o acesso é fácil por meio do metrô”, ressaltou.

“Nós temos aqui uma carta de intenção para trazer algo novo para Salvador. Em nossos estudos, nós analisamos que a Arena Fonte Nova, após o legado da Copa do Mundo, é um case de muito sucesso. E esse sucesso já será o ponto de partida para a implantação da pista de kart, com uma área de shopping center, local de alimentação e todo o resto. Temos um grupo muito bom por trás disso, além de um projeto enorme para ser analisado. Estou muito feliz de ter vindo para cá e, quem sabe implantar isso aqui”, afirmou o ex-piloto Barrichello. :: LEIA MAIS »

PENALTY JUSTIFICA DEMISSÕES EM ITABUNA, MAS GARANTE FÁBRICAS NO SUL DA BAHIA

Penalty justifica demissões, mas garante continuidade de fábricas no sul da Bahia

A Cambuci, detentora da marca Penalty, informou que as demissões na fábrica de Itabuna, no sul da Bahia, no último final de semana, ocorreram em virtude de “adequação momentânea” e se comprometeu a fazer novas contratações. Como informou o PIMENTA em primeira mão, ontem (19), as mais de 100 demissões foram justificadas pelo cenário econômico e baixo faturamento da empresa (“alto estoque e baixas vendas”).

A Cambuci tem incentivos fiscais até 2020 nas unidades de Itabuna e de Itajuípe e a prorrogação por mais 10 anos está sendo negociada. No diálogo com o sindicato da categoria, no entanto a empresa informou que os incentivos já tinham sido prorrogados, o que não foi confirmado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico da Bahia (SDE-BA).

A Penalty se comprometeu com o governo baiano a manter os 450 empregos em Itabuna e os 250 em Itajuípe, onde, segundo sinalizou à SDE-BA, não haverá demissões. A empresa fabrica materiais esportivos nas duas fábricas instaladas no sul da Bahia

Em nota, a SDE informou que “a permanência da Penalty na Bahia é estratégica para os municípios de Itabuna e Itajuípe e para a geração de emprego e renda em benefício de todo o povo baiano”. A Cambuci informou ter investido cerca de R$ 5,6 milhões no sul da Bahia nos últimos cinco anos.

COMÉRCIO: SEBRAE DÁ DICAS PARA AUMENTAR AS VENDAS DO DIA DOS PAIS

Dia dos Pais está entre as principais datas do comércio no Brasil

O Dias dos Pais, comemorado no dia 11 de agosto deste ano, é uma das cinco principais datas para o varejo no país. Preparar-se para aproveitar essa oportunidade é praticamente uma obrigação para qualquer empresário, destaca o canal do Sebrae.

As datas comemorativas funcionam como um incentivo principalmente para o setor do comércio. É importante estar atento a todos os detalhes, desde a promoção de ofertas até a qualidade do atendimento. Além de impulsionar as vendas do período, um planejamento bem executado contribui para a fidelização de clientes que podem voltar a procurar o negócio em outras ocasiões.

Definir uma estratégia voltada para a data, produzir pacotes e kits promocionais, mexer na vitrine para torná-la mais atraente aos olhares dos consumidores e criar uma identidade visual são algumas iniciativas que podem esquentar as vendas e dar uma maior visibilidade ao empreendimento. As redes sociais também são uma alternativa importante para esse período.

O Sebrae separou cinco dicas para que os empreendedores possam se organizar para a data, confira no leia mais, a seguir. :: LEIA MAIS »

SUPERBAHIA É APOSTA DE NOVOS NEGÓCIOS PARA A AGRICULTURA FAMILIAR, AFIRMA JOSIAS

SuperBahia abre espaço para a agricultura familiar e cooperativas do Estado || Foto Divulgação

Associações e cooperativas da agricultura familiar participam de mais uma edição da SuperBahia, a maior feira do varejo de alimentos do Norte-Nordeste do Brasil, com a expectativa de gerar negócios para o segmento e, consequentemente, renda para agricultores familiares do interior da Bahia. O evento teve início nesta terça-feira (23), na Arena Fonte Nova, em Salvador.

Participam do evento 17 organizações produtivas, que apresentam suas cartelas de produtos e negociarão com supermercadistas e demais empresários do setor de alimentos que visitarem o estande Aqui Tem Agricultura Familiar da Bahia, espaço de 76 metros quadrados, montado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), por meio do projeto Bahia Produtiva.

Josias, da SDR, ressalta força da agricultura familiar baiana

Entre os produtos que poderão ser encontrados estão mel, doces, geleias e compotas de umbu, goiaba e maracujá da caatinga, chocolates, nibs de cacau, iogurtes, castanhas de caju, flocão de milho não transgênico, cafés especiais, barras de cereais, palmito, bananas chips, derivados da mandioca e polpas de frutas.

O secretário de Desenvolvimento Rural, Josias Gomes, destacou que essa é a quarta vez que a agricultura familiar participa da SuperBahia. “Um evento que felizmente nos colocou em uma situação de igualdade com as grandes marcas do País. Para a nossa felicidade, nesta edição estamos com 16 cooperativas. isso não é pouco para quem há tão pouco tempo não tinha espaço tão significativo quanto esse para vender seus produtos”.

Segundo o diretor-presidente da CAR, Wilson Dias, o crescimento do setor, que também é acompanhado da maturação das cooperativas, que a cada ano tem novas marcas, novos rótulos e novas embalagens, alcançam a condição dos produtos estarem presentes nas prateleiras dos supermercados. “Em um evento como esse, aproximar potenciais compradores das nossas cooperativas é fundamental para a gente gerar negócios, contratos, prospectar vendas desses empreendimentos e fazer o que nós queremos, que é o grande fim nosso, o de gerar renda para agricultura familiar da Bahia”.

A Cooperativa de Produção Agropecuária de Giló (Coopag), do município de Várzea Nova, já colhe os frutos da participação da SuperBahia do ano passado e está fornecendo três mil litros de iogurte para a Rede Mix, gerando um lucro de R$20 mil por mês para o empreendimento.

De acordo com o presidente da Coopag, a expectativa é grande para este ano: “Queremos introduzir outros produtos nessa rede e garimpar novos clientes e o Centro de Distribuição da Agricultura Familiar vai nos ajudar muito, pois vai ser possível montar uma câmara fria, para poder armazenar nossos produtos e montarmos uma logística para vender em delicatessens e mercadinhos, por exemplo”.

O Centro de Distribuição, localizado em Itapuã, é mais uma estratégia de comercialização dos produtos da agricultura familiar, do Governo do Estado, por meio da SDR, que beneficia produtores do setor, no escoamento e armazenamento de produtos. :: LEIA MAIS »

SEBRAE OFERECE ATÉ 70% DE SUBSÍDIO PARA EMPRESA INVESTIR EM INOVAÇÃO E TECNOLOGIA

Unidade do Sebrae na Paulino Vieira, Centro de Itabuna || Foto Maurício Maron

As empresas baianas que desejam investir em inovação e tecnologia com subsídio financeiro de até 70% já podem participar do Sebraetec. A solução do Sebrae é voltada para quem pretende aumentar a eficiência, inovar em produtos, processos, marketing e gestão e automatizar processos e atuar em e-commerce.

Direcionado a microempreendedores individuais (MEI), microempresas (ME) e empresas de pequeno porte (EPP), o Sebraetec oferece subsídio financeiro para serviços em sete áreas – Design, Produtividades, Propriedade Intelectual, Qualidade, Inovação, Sustentabilidade e Serviços Digitais. A empresa contará com orientação para explorar diferenciais e alcançar um novo posicionamento no mercado, acesso a fornecedores especializados, serviços tecnológicos e soluções de inovação.

O Sebraetec disponibiliza um portfólio com mais de 120 soluções. Para participar, os empreendedores devem acessar o site http://www.sebraetec.com. As informações completas sobre o programa podem ser obtidas também na agência do Sebrae em Ilhéus, localizada na avenida Osvaldo Cruz, 74, Edifício Premier Business Center, no bairro Cidade Nova. Já em Itabuna, a entidade fica na rua Paulino Vieira, 175, Edifício Lizete Mendonça, Centro.

CHOCOLAT BAHIA MOVIMENTOU R$ 15 MILHÕES EM NEGÓCIOS, AFIRMA ORGANIZAÇÃO

Festival do Chocolate movimenta mais de R$ 15 milhões e atrai 60 mil pessoas

A 11ª edição do Chocolat Bahia – Festival Internacional do Chocolate e Cacau da Bahia chegou ao fim na noite deste domingo (21) com números ainda mais robustos que os da edição de 2018. De acordo com a MVU, empresa detentora da marca Chocolat Bahia e organizadora do evento, o festival atraiu mais de 60 mil pessoas nos quatro dias e movimentou R$ 15 milhões em negócios, com 170 expositores e 70 marcas de chocolate.

Segundo o coordenador do Festival, Marco Lessa, os resultados superaram todas as expectativas, numa demonstração de que os consumidores passam a valorizar o chocolate de origem. “Tivemos muitos lançamentos de produtos, com diversidade e inovação, que atraíram pessoas da região e de outros estados”.

Para ele, é importante conscientizar os 30 mil produtores de cacau, que sustentaram a economia sul-baiana por décadas, de que eles podem se restabelecer dentro de um novo conceito, o do chocolate de origem. “Dessa maneira, iremos retomar, em bases sólidas e sustentáveis, o caminho do desenvolvimento”.

NOVOS NEGÓCIOS

Gerson Marques, da Fazenda Yrerê, produz chocolates e atua no turismo rural. A Fazenda Yrerê é referência no sul da Bahia com a produção de chocolates de origem e na atração de turistas de várias partes do país e do mundo. Ele participou do festival, assim como nas edições anteriores.

– As vendas diretas aumentaram e também os acordos comerciais com parceiros da Bahia e de outros estados, consolidando a qualidade e o potencial do chocolate, além de criar um novo atrativo para o setor turístico – disse ele, que também participou de festivais de promoção da marca do chocolate sul-baiano em outras praças, como São Paulo.

Para Leo Maia, que aproveitou o evento para lançar o chocolate branco com nibs de cacau, esse é um mercado que exige sempre inovações capazes de cativar e atrair novos consumidores. “As vendas foram ótimas”.

Fernando Botelho, da Modaka, é um dos pioneiros na produção de chocolate de origem. Para ele, o momento é de colheita. “Esse movimento que estamos vivendo no Sul da Bahia é fantástico. Agrega valor ao nosso principal produto, o cacau, tornando a região conhecida pelo chocolate de qualidade”.

A difusão de novas tecnologias também tem sido uma das tônicas do festival. O diretor executivo do Centro de Inovação do Cacau, da Universidade Estadual de Santa Cruz, Cristiano Vilela, vê um processo de modernização e valorização do cacau e na qualidade do chocolate da região. :: LEIA MAIS »








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia