WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias






:: ‘pastor’

VANE PARA UM LADO, O PRB PARA O OUTRO

Prefeito apoia pré-candidato do PCdoB, mas seu partido busca outros caminhos

Prefeito apoia pré-candidato do PCdoB, mas seu partido busca outros caminhos

Após a solicitação do prefeito de Itabuna para que os cargos de confiança sejam desocupados por aqueles que não apoiam a pré-candidatura do deputado federal Davidson Magalhães (PCdoB), aguarda-se com expectativa as próximas edições do Diário Oficial do Município.

Pelas movimentações de grande parte dos servidores indicados politicamente, haverá uma debandada geral. Curiosamente, a rejeição ao comunista se dá com maior força entre os aliados mais próximos do prefeito, e especialmente de seu partido, o PRB.

O Pastor Francisco Edes, que comanda a Secretaria de Assistência Social, é um que deverá pedir o boné para reassumir sua cadeira na Câmara de Vereadores. Francisco não só rejeita a candidatura de Davidson, como já tem mantido conversas com outros pré-candidatos. Por ele, o nome pode ser o do apresentador Tom Ribeiro, do professor Roberto José e até do deputado Augusto Castro. Seu cardápio só não inclui antepasto de cururu.

Não é de hoje que o prefeito tem enfrentado rebelião em sua cozinha. Há alguns meses, o vereador Manoel Júnior (PRB), suplente do Pastor Francisco, assinou requerimento para abertura de uma Comissão Especial de Inquérito com o objetivo de investigar um caso de plágio na produção do Plano Municipal de Saneamento. A CEI não vingou, mas por esse episódio Claudevane já teve uma ideia de que possui correligionários de comportamento pior que o dos adversários.

Possível pré-candidato pelo PRB, Tom Ribeiro tem feito críticas duras ao governo e acusado o prefeito de não saber comandar. “Existem erros na administração, pois o prefeito não tomou a iniciativa como deveria ter feito e a caneta ficou o tempo todo na mão do vice (Wenceslau Júnior, do PCdoB)”, dispara Ribeiro. Ou seja, com uma cajadada só, o apresentador bateu no “irmão” Claudevane e no comunista.

Alguns analistas acreditam que o apoio pessoal de Claudevane, em um governo sem coesão, é pouco significativo para Davidson. Aliás, a situação faz lembrar um episódio relado por Lira Neto na biografia do ex-presidente Getúlio Vargas, quando este venceu as eleições de 1950 com apoio do velho PSD. Detalhe: o PSD tinha candidato oficial, o mineiro Cristiano Machado, porém as alas mais influentes do partido eram ligadas a Getúlio.

Segundo Lira Neto, surgiu daí na política brasileira um novo sentido para o verbo “cristianizar”, quando uma legenda declara apoio formal a determinado candidato, enquanto na prática seus correligionários passam a trabalhar por outro. No caso de Davidson, não há sequer apoio da legenda, apenas do prefeito, mas ele corre o sério risco de ser “cristianizado”.

PASTOR É PRESO POR MALTRATAR IDOSA

Um pastor da igreja Assembleia de Deus foi preso nesta terça-feira, 19, em Salvador, sob acusação de maltratar uma mulher de 93 anos. Segundo reportagem do jornal A Tarde, Raimundo Pereira, 67, mantinha a madrasta Josefina Pereira em cárcere privado.

Após receber denúncia, policiais militares foram ao local onde idosa estava presa, uma casa no bairro da Liberdade, e tiveram que arrombar uma porta trancada a cadeado para retirar a vítima. Um dos policiais que participaram da ação disse que a mulher estava muito abalada e com as roupas sujas de fezes.

Ângela Silva, ex-cuidadora de Josefina Pereira, confirmou à polícia que o pastor maltratava a madrasta. “Ele a maltratava, xingava. Cansei de tomar a frente para ele não bater nela”, contou a testemunha.

O suspeito foi detido assim que chegou ao local e negou os maus-tratos. Segundo ele, a idosa é que é “muito violenta”.

ACIDENTE NA BR-101 MATA PASTOR EVANGÉLICO

O pastor Luiz Assis Brandão foi uma das vítimas fatais de um acidente envolvendo um caminhão baú e dois veículos de pequeno porte, hoje pela manhã, no quilômetro 547 da BR-101, próximo a Camacan, no sul da Bahia. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, a pista molhada teria provocado o acidente.

O carro em que o pastor viajava bateu em um caminhão e outro veículo leve. O condutor do terceiro veículo também morreu na colisão. A segunda vítima fatal ainda não foi identificada pela PRF. O motorista do caminhão saiu sem qualquer lesão do acidente. Antônio Bezerra Neto e Raimundo Amaral sofreram ferimentos.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia