WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia





maio 2018
D S T Q Q S S
« abr    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: ‘Paulo Roberto Costa’

JANOT DIVERGE DE MORO EM AÇÃO CONTRA DILMA

Janot diverge de Moro (Foto Marcelo Camargo/AB).

Rodrigo Janot (Marcelo Camargo/AB).

Do Blog do Kennedy

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e o juiz federal Sergio Moro pensam diferente a respeito de uma ação que o PSDB move no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) pedindo a cassação dos mandatos da presidente Dilma Rousseff e do vice Michel Temer.

No documento ao TSE, Moro diz que já deu uma sentença em primeira instância considerando que houve desvio de recursos da Petrobras para o PT por meio de doações eleitorais. Ou seja, houve uma tentativa de legalizar a propina.

É uma decisão que afeta o PT, mas o juiz federal recomenda que o TSE ouça delatores como Alberto Yousseff, Paulo Roberto Costa e Ricardo Pessoa para averiguar se o mesmo esquema contaminou a campanha presidencial. Moro insinua que a campanha de Dilma e Temer possa ter recebido recursos ilegais. O governo já negou que a campanha da presidente e do vice tenha sido irrigada com recursos sujos.

Na avaliação do procurador-geral da República, a ação do PSDB contra Dilma e Temer não deveria seguir adiante. Janot considera que só acusações gravíssimas justificariam uma cassação dos mandatos da presidente e do vice. Para Janot, não há provas nesse sentido. Ele recomendou ao tribunal que rejeite a ação tucana.

O TSE deverá dar a palavra final sobre a ação ainda neste semestre.

AÉCIO RECEBEU PROPINA DE FURNAS, REAFIRMA DOLEIRO

Senador e presidente do PSDB é acusado de receber propina de Furnas (Foto Orlando Brito).

Senador e presidente do PSDB é acusado de receber propina de Furnas (Foto Orlando Brito).

Da Tribuna da Bahia

O presidente dos PSDB, o senador Aécio Neves (MG), teria recebido dinheiro de propina de contratos de Furnas, afirmou Alberto Youssef, nesta terça-feira (25), em depoimento na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Petrobras. O doleiro falou a parlamentares durante a acareação com Paulo Roberto Costa, ex-diretor de abastecimento da estatal, que também citou irregularidades entre os tucanos, mais especificamente em relação a uma de suas ex-lideranças.

“Fui procurado pelo na época senador Sérgio Guerra e pelo deputado Eduardo da Fonte”, disse Costa, citando o ex-presidente tucano, morto em 2014, que teria recebido dinheiro para abafar investigação da estatal em 2009. “Tiveram, se não me engano, três reuniões, e depois foi pago pela Queiroz Galvão esses R$ 10 milhões para que a CPI naquela época não prosseguisse.”

Youssef, por sua vez, reafirmou o que já dissera antes sobre a suposta propina paga a Aécio. “A questão de Furnas, eu fiz anexo e está lá”, acusou ele. O deputado Jorge Solla insistiu. “Confirmo por conta do que escutava do deputado José Janene, que era meu compadre e eu era operador dele”, enfatizou o doleiro.

Em nota, o PSDB disse que “as referências feitas ao senador Aécio Neves são improcedentes e carecem de quaisquer elementos que possam minimamente confirmá-las”.

Em nota, o PSDB disse que “as referências feitas ao senador Aécio Neves são improcedentes e carecem de quaisquer elementos que possam minimamente confirmá-las”.

ACAREAÇÃO NA CPI

Do Correio Braziliense

Integrantes do Comissão Parlamentar Mista de Inquérito da Petrobras preparam os questionários para apertar os ex-diretores da estatal na acareação de hoje no Senado. Na avaliação do deputado federal responsável pela convocação de Paulo Roberto Costa e Nestor Cerveró, Ênio Bacci (PDT-RS), o silêncio de Costa não deve comprometer o rumo das investigações.

0 Ele não vai falar, mas vai ouvir”, criticou Bacci. “É um direito constitucional, mas ele só usa porque tem culpa. Ele tem medo de enfrentar os poderosos. É neste momento que tenho saudades do Roberto Jefferson, que teve coragem de enfrentar Dirceu – comparou Bacci, referindo-se ao mensalão revelado pelo delator com detalhes.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia