WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba








outubro 2019
D S T Q Q S S
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

editorias






:: ‘polícia’

PF REFORÇA PRESENÇA NO SUL DA BAHIA

Tropas do Comando de Operações Táticas da Polícia Federal foram enviadas para as regiões de conflito entre índios e fazendeiros no sul da Bahia. De acordo com o delegado Rodrigo Reis, da PF, 30 homens das forças especiais da corporação foram convocados para avaliar a atual situação das terras invadidas.

Nas vistorias será considerada a necessidade de mais reforços para pacificar a região. Os policiais devem calcular o total de áreas tomadas, a quantidade de homens que participam das ocupações e identificar os principais envolvidos. Entre os crimes que a polícia irá apurar, estão posse ilegal de armas e formação de quadrilha.

Nas ocupações recentes de 74 fazendas nos municípios de Pau Brasil, Camacan e Itaju do Colônia, índios teriam contado com suporte de grupos armados e feito reféns, além da expulsão de fazendeiros e empregados.

HOMEM EXECUTADO PRÓXIMO AO SÍTIO DO MENOR

A polícia encontrou na noite deste sábado, 21, em Itabuna, o corpo do trabalhador rural Nildo de Oliveira, de 38 anos. Ele estava em um matagal, próximo à unidade do antigo Sítio do Menor (hoje Fundação Marimbeta), no bairro São Pedro.  Ao lado do corpo, a polícia encontrou uma sacola com um revólver calibre 38 e cartuchos de espingarda.

Um irmão da vítima contou à polícia que Nildo costumava andar armado porque vinha recebendo ameaças de morte.

MENOR TRAFICANTE MORRE EM TROCA DE TIROS

Uma troca de tiros entre policiais militares e jovens acusados de homicídio e envolvimento com o tráfico, ocorrida na noite de ontem (14) em Itabuna, terminou com a morte de Jefferson Cláudio Santana Damasceno, o Jefinho, que tinha 17 anos. Seu comparsa, Tiago Santiago Simões, o Tchuca, de 21 anos, saiu do confronto com ferimento a bala na perna.

Segundo o site Agora na Rede, a ação se deu no bairro São Roque, depois que a polícia foi acionada por moradores. Estes identificaram Jefinho como autor do homicídio de  Caio Felipe Souza Santos, de apenas 12 anos, crime cometido em novembro de 2010.

Tchuca, o traficante ferido na perna, tentou fugir dos policiais e se jogou em um canal que corta o bairro. Acabou sendo levado para o Hospital de Base, em estado grave. Jefinho tinha em seu poder um revólver calibre 38 e uma barra de maconha prensada.

PARA FAZER A CABEÇA: TRAFICANTE LEVAVA DROGAS EM FRASCOS DE XAMPU

Dois frascos de xampu foram utilizados por um traficante em Alagoinhas para realizar o transporte de maconha e 47 pedras de crack. De acordo com o site Aragão Notícias, a polícia descobriu a droga ao abordar o motociclista Leone Santos da Silva, 32, juntamente com o carona David Pereira dos Santos, 25.

Os dois foram levados para a delegacia, mas apenas David acabou autuado por tráfico e está detido na 2ª Coorpin (Coordenadoria de Polícia do Interior). Leone alegou que é só um mototaxista que estava transportando um cliente, e foi liberado.

MOTOTAXISTA ASSASSINADO NO GOGÓ DA EMA

O mototaxista William Souza Silva, 24 anos, foi morto a tiros na manhã desta terça-feira,10, quando passava pela favela do Gogó da Ema, região do São Caetano, em Itabuna. O autor dos disparos não foi identificado.

William foi socorrido por uma equipe do Samu e chegou a dar entrada no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem), mas morreu a caminho do centro cirúrgico.

Não há informações sobre motivação do crime.

TRAFICANTE QUE TENTOU SUBORNAR POLICIAIS É CONDENADO A 11 ANOS DE PRISÃO

Weslei, no destaque, e o material apreendido: 11 anos de xilindró (Fotomontagem A Região).

O juiz da 2ª Vara Crime da comarca de Itabuna, Antonio Carlos Rodrigues de Moraes, condenou a 11 anos de prisão em regime fechado o traficante Weslei Sales de Camargo, que mantinha lava a jato na Beira-Rio, centro de Itabuna, como fachada para laboratório e tráfico de drogas.

Weslei foi preso em dezembro do ano passado por policiais militares e tentou livrar-se do flagrante oferecendo R$ 30 mil e um Fiat Pálio aos soldados.

Os policiais encontraram no lava a jato 5,8 quilos de cocaína, produtos químicos para refino de cocaína, munição e uma prensa hidráulica. A ação da polícia foi gravada e Weslei aparecia confessando que a droga produzida tinha como “público-alvo” a classe média itabunense. Informações d´A Região.

ILHÉUS: JUSTIÇA OUVE ACUSADOS DE HOMICÍDIO

Acusados de matar o estudante Elves Brito serão ouvidos nesta segunda

A Vara do Júri de Ilhéus inicia nesta segunda-feira, 9, a instrução do processo no qual Danilo Silva Santos e Israel Ambrósio Reis Oliveira (Netinho) são acusados de matar o estudante Elves Brito Nascimento. O crime ocorreu em maio do ano passado, em  plena luz do dia, na Praça Cairu, um dos pontos mais movimentados do centro de Ilhéus.

Quando foi assassinado, Elves estava em companhia de um amigo chamado Murilo, que também foi atingido por tiros, mas sobreviveu. A polícia apurou que os assassinos tinham uma rixa com Murilo e também ameaçavam Elves por ser amigo dele e andarem juntos frequentemente. A vítima era descrita como um jovem pacato, que cursava o ensino médio no Colégio Status e trabalhava no estabelecimento comercial de sua mãe, Silmara Assunção Brito.

Além de Netinho e Danilo, o crime também teve a participação de um menor, que foi encaminhado para a Vara da Infância e Juventude. A audiência dos dois maiores, na Vara do Júri, está marcada para as 13h30min.

SUSPEITO DE LATROCÍNIO É PRESO EM JEQUIÉ

Funcionário da cervejaria foi vítima do latrocínio (arquivo pessoal)

A Polícia Militar prendeu no final da tarde de ontem (5), em Jequié, dois suspeitos de ter cometido, no mesmo dia, latrocínio (matar para roubar) contra David Vidal Laceda, 33 anos, funcionário de uma cervejaria local. O crime ocorreu por volta de 14h30min e a prisão de um dos possíveis autores se deu às 17 horas, graças a denúncia anônima.

Lacerda não reagiu ao assalto. Ele já tinha entregado a carteira e o celular aos bandidos, mas, quando pediu que eles lhe deixassem pelo menos com o chip do aparelho, os assaltantes se irritaram e um deles atirou na cabeça do comerciário.

Segundo testemunhas, o latrocínio foi cometido por Iago Martins Santos, 18 anos, e um homem identificado como Lambão. O primeiro foi detido  num local onde a polícia também apreendeu um revólver calibre 38. Em companhia de Iago, estava um elemento de iniciais A.H.S., 19 anos, que foi conduzido para o Complexo Policial de Jequié para averiguações. Lambão continua foragido.

 

DEPUTADO BAIANO INVESTIGADO PELA FEDERAL

A Tarde Online

A Polícia Federal realiza operação na Assembleia Legislativa da Bahia, nesta terça-feira (3). De acordo com o presidente da Casa, Marcelo Nilo, agentes encontram-se no gabinete do deputado Roberto Carlos (PDT).

A ação também estaria acontecendo na cidade de Juazeiro, onde o deputado é presidente do clube de futebol Juazeirense. A imprensa não tem acesso às instalações da Assembleia e não há movimentação de agentes na área externa. Segundo policiais militares que estão no local, a operação começou por volta das 5h.

Também há informações de que policiais federais estariam no departamento de Recursos Humanos da Casa. Segundo a assessoria da PF, detalhes da ação serão divulgados ainda nesta manhã e uma coletiva de imprensa será realizada à tarde.

DEZ PRISÕES NO BAIRRO SÃO LOURENÇO

Após três meses de investigações, a polícia desarticulou neste sábado, 31, uma quadrilha de traficantes que atuava no bairro São Lourenço, periferia de Itabuna. Maconha, cocaína,  uma balança de precisão, dinheiro e armas foram apreendidos com o bando.

A Companhia Independente de Polícia Especializada da PM (Cipe Cacaueira) cumpriu dez mandados de prisão no bairro. Foram detidos Salatiel Vieira de Brito, conhecido como Joãozinho, de 19 anos; Flávio Rodrigues da Silva, 31; Diego Vasconcelos de Carvalho, 21; os irmãos Laércio e Joalace Araújo de Jesus, de 23 e 21 anos; além de Kaleb Ferreira Alves, de 19. Salatiel portava uma pistola 765.

Todos os integrantes da quadrilha foram levados para o Complexo Policial de Itabuna. A polícia também apreendeu menores que faziam parte do grupo. No momento da prisão, os traficantes estavam reunido em uma casa, fazendo a contabilidade do dinheiro obtido com a venda de droga. Um total de R$ 3.330,00 foi apreendido.

POLICIAL BALEADO EM ITABUNA

Um soldado da Polícia Militar foi baleado há poucos instantes, durante troca de tiros com marginais no bairro Monte Cristo, em Itabuna. O fato ocorreu nos fundos do Centro de Controle de Zoonoses.

O PM atingido pelos bandidos foi identificado como Clécio Brandão. Ainda não há informações sobre seu estado de saúde. Clécio foi encaminhado para o Hospital Calixto Midlej Filho.

HOMICÍDIO NO BAIRRO SÃO ROQUE

Vítima estava em companhia de dois travestis, que saíram feridos (foto Oziel Aragão)

Foi identificado como Jorge Bernardes o homem assassinado por volta do meio dia de hoje (28) no interior de um Volkswagen Fox prata que trafegava pela Avenida Bionor Rebouças, bairro São Roque. Dois travestis identificados como Célio Roberto Silva Dantas, conhecido como Denise, residente na Mangabinha, e Ivan Fonseca Nascimento, Evans, saíram feridos levemente e já tiveram alta do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães. Outro rapaz, Madson Santos Silva, de 20 anos, saiu ileso e deverá prestar depoimento à polícia.

As vítimas foram aingidas por tiros disparados feitos por um homem cuja identidade ainda é desconhecida. O autor dos tiros estava na garupa de uma motocicleta.

A motivação do crime contra os travestis e o rapaz que os acompanhava ainda não foi divulgada, mas duas linhas de investigação são seguidas pela polícia: vingança ou crime de homofobia.

PRESO POR TORTURAR OS PRÓPRIOS FILHOS

Criança quebrou o braço após ter sido empurrada de um barranco pelo pai

José Roberto Santana, de 51 anos, foi preso em Itabuna e responderá a inquérito por maus-tratos e lesões corporais gravíssimas. As vítimas do monstro eram seus próprios filhos – um menino e cinco meninas – com idades entre 6 e 14 anos.

De acordo com o repórter Oziel Aragão, do Agora na Rede, José Roberto espancava frequentemente as crianças, que eram obrigadas a ficar de joelhos enquanto levavam tapas no rosto. A prisão se deu após o suspeito jogar a menina L., de apenas oito anos, do alto de um barranco. A criança sofreu fratura no braço esquerdo e lesões por todo o corpo.

Uma vizinha do monstro confirmou à polícia que os menores eram vítimas de agressões cotidianas. A polícia não autorizou a divulgação do local onde os fatos ocorriam, alegando necessidade de proteger as crianças. O Conselho Tutelar encaminhou ofício ao Ministério Público, solicitando que elas sejam abrigadas em uma casa de passagem.

QUADRILHA DEU GOLPE DE R$ 170 MIL EM ITABUNA

Cartões de crédito com altos limites e uma farra de compras no comércio de Itabuna. Esse festival de consumo desenfreado foi promovido por uma quadrilha formada por seis golpistas, que utilizavam cartões de crédito de terceiros.

Segundo reportagem do jornal Diário Bahia, o grupo era integrado por Sérgio Leal Reis (conhecido como “Sérgio Mala”), Cristiano Souza Santos, Silvestre Souza Dias, Ednaldo Santos Souza, Nelson Almeida Santos e Paulo Sérgio Silva.

O delegado Moisés Damasceno revelou que outras pessoas cediam voluntariamente os cartões de crédito utilizados no esquema e depois telefonavam para as operadoras, informando que o meio de pagamento havia sido clonado. Damasceno também descobriu que o bando usava algum artifício para conseguir aumentar o limite dos cartões, o que permitia gastos maiores. Representantes das operadoras serão ouvidos a respeito.

Os suspeitos foram levados para o Complexo Policial de Itabuna, onde prestaram depoimento. Eles deverão responder por formação de quadrilha e estelionato. Parte do grupo é da própria cidade e outra é originária de Vitória da Conquista, no sudoeste baiano.

Com os envolvidos, a polícia apreendeu  cinco televisores LCD de 42 polegadas, celulares, notebooks e duas motos, que foram comprados com os cartões de crédito. Dois carros que eram usados pelos estelionatários também foram apreendidos.

CAPITÃO DA PM É ATROPELADO E MORTO EM ILHÉUS

Oficial chegou de uma pescaria minutos antes de morrer atropelado (reprodução Oziel Aragão)

Um acidente ocorrido na tarde deste sábado, 24, matou o capitão da PM Carlos Antônio Cerqueira dos Santos, de 55 anos. Segundo o site Agora na Rede, Cerqueira – que era oficial reformado – tinha acabado de chegar em casa, no Alto da Conquista, imediações do Hospital Geral Luiz Viana Filho. Ele vinha de uma pescaria.

O site relata que o oficial se sentou numa cadeira na calçada em frente de casa e acabou se desequilibrando e caindo na rua. Nesse momento, um caminhão que passava pelo local atropelou o PM, que teve a cabeça esmagada. O motorista disse que não teve como evitar o acidente.

O Capitão Cerqueira deixou esposa e um filho de 12 anos. Seu corpo foi levado para o Departamento de Polícia Técnica de Itabuna.

ILHÉUS: CLANDESTINOS AFRICANOS SÃO DESCOBERTOS EM NAVIO

Um navio que veio da Costa do Marfim para Ilhéus, destinado ao transporte de cacau, trouxe dois cidadãos de Gana, que viajaram clandestinos nos porões da embarcação, durante sete dias. A aventura começou na Costa do Marfim, onde os africanos embarcaram.

De acordo com reportagem da TV Santa Cruz, uma fonte do porto informou que são três e não dois clandestinos, mas a Polícia Federal não confirmou a informação.  A Vara Única da Justiça Federal de Ilhéus já iniciou os procedimentos para a deportação dos africanos.

MENOR APRENDIZ (DO CRIME)

Imagens registradas pelo circuito interno de TV de uma ótica no bairro São Caetano, em Itabuna, confirmam a tragédia social que a cidade enfrenta. Reconhecida oficialmente como a cidade com um dos maiores índices de vulnerabilidade do jovem à violência, Itabuna é também um lugar onde crianças estreiam cedo na atividade criminosa.

O vídeo, postado no site Agora na Rede (veja aqui), mostra um menino de 11 ou 12 anos, de arma em punho, assaltando o estabelecimento comercial e ameaçando atirar em funcionários. Tem direito até à narração das vítimas, que revelam espanto com a pouca idade do pequeno crimin… Ops, infrator!

Isso não é só caso de polícia. É uma situação que serve de alerta para a sociedade local acordar diante da necessidade de providências concretas que deem perspectiva às milhares de famílias que hoje criam seus filhos sem acesso a uma educação de qualidade (quando têm alguma). Meninos cuja expectativa mais palpável é muitas vezes a de ser recrutado como “aviãozinho” do tráfico.

É quase igual às licitações manipuladas em órgãos públicos. Todos sabem que elas acontecem, mas quando se tem a imagem diante dos olhos, experimentamos o paradoxo do espanto com algo que é quase uma rotina em prefeituras e câmaras de vereadores Brasil afora. Aliás, o que os irresponsáveis roubam daria de sobra para desenvolver ações sociais e reduzir o fosso social que empura crianças para o crime.

O pequeno infrator não passa de uma consequência do que os grandes bandidos de colarinho branco fazem com o dinheiro público. Eles, sim, são eminentemente um caso de polícia.

FAMÍLIAS DE POLICIAIS FARÃO NOVA PASSEATA

Revoltados com a prisão dos seis policiais militares ilheenses, punidos por participar da greve da categoria, em fevereiro, familiares dos PMs farão nova passeata de protesto.

Na semana passada, o juiz Paulo Roberto Santos de Oliveira, da Auditoria da Justiça Militar da Bahia, negou os pedidos de habeas corpus impetrados pela defesa dos policiais, que chegaram a fazer greve de fome. Eles estão detidos no batalhão-escola, na Barra.

A passeata sairá da Praça Guadalajara, ao lado do estádio Mário Pessoa, às 10 horas da manhã. De lá, prossegue em direção ao Palácio Paranaguá, sede do governo municipal. Sindicatos de várias categorias vão estar presentes na manifestação.

 

ESTELIONATÁRIO “ESQUECIDO” RETORNA A CASA DE VÍTIMA E ACABA PRESO

Barbosa está preso (Foto Leandro Barreto).

O estelionatário identificado como Barbosa Leal Júnior foi preso ao final desta manhã de quinta (15) ao tentar aplicar golpe numa dona de casa na Vila Anália, em Itabuna. O estelionatário sai de porta em porta pedindo ajuda para uma suposta viagem a Salvador e aproveita momentos de desatenção da vítima para praticar o furto. A dona de casa reconheceu “Barbosa” e acionou o marido, que deteve o estelionatário. Barbosa retornou ao local do crime cometido há alguns meses.

A polícia já sabe que Barbosa possui várias identidades falsas. De acordo com cinco das vítimas que o reconheceram no Complexo Policial de Itabuna, o estelionatário sempre se apresenta dizendo que a esposa morreu em Salvador e pede dinheiro para que ele e três filhos possam ir à capital para o sepultamento.

“Barbosa” é conhecido na região do São Caetano por vários furtos. Barbosa já possui quatro entradas no complexo policial pelo mesmo crime. Ele ficou detido na Delegacia de Furtos e Roubos. Agentes pedem a possíveis vítimas que compareçam ao complexo para fazer reconhecimento do estelionatário esquecido.

DONO DE DESMANCHE TERIA LIGAÇÃO COM O CRIME ORGANIZADO

Delegado Moisés Damasceno comandou a operação

Roberto de Oliveira Rocha, o “Caxixe”, era dono do desmanche de veículos estourado pela Polícia Civil, em Itabuna, na última terça-feira, 13. Segundo reportagem de Ana Cristina (Jornal A Tarde), a polícia suspeita de que Caxixe tenha ligações com o crime organizado.

No desmanche, instalado numa casa no bairro Nova Itabuna, foram encontrados, além de carros roubados (inclusive nove caminhões basculantes, alguns avaliados em R$ 200 mil), vários galões com combustível. O delegado Moisés Damasceno, que comandou a operação, afirma que o combustível era trazido por caminhoneiros que abastecem postos de Itabuna. No esquema, parte do conteúdo dos caminhões-tanque era retirado no desmanche e os reservatórios dos veículos eram completados com água antes de seguir para os postos.

A polícia encontrou o desmanche após rastrear uma caminhonete Mitsubishi, modelo L-200 Triton, com placa de Lauro de Freitas. Caxixe e outros elementos que o auxiliavam conseguiram fugir.

CRIANÇA É ASSASSINADA EM ITABUNA

Uma criança de 12 anos foi vítima de homicídio na noite de ontem (12), em Itabuna. O crime aconteceu no bairro Califórnia, de acordo com o site Agora na rede.

Lucas Rocha dos Santos, a vítima, foi levado para o Hospital Manoel Novaes, mas não resistiu. O tiro o atingiu na altura do queixo.

O menor morava no bairro Novo Horizonte.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia