WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
secom bahia





maio 2019
D S T Q Q S S
« abr    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

editorias






:: ‘queimadura’

ITABUNA: DONA DE CLÍNICA DE BRONZEAMENTO É INDICIADA POR LESÃO CORPORAL

Bronzeamento artificial com fita deixou sequela em mais de 10 clientes

A Polícia Civil concluiu o inquérito e indiciou por lesão corporal culposa (quando não existe a intenção de cometer o crime) a mulher responsável pelos procedimentos de bronzeamento de fitas em uma clínica que teve clientes queimadas após o serviço, no bairro São Caetano, em Itabuna, no sul da Bahia.

De acordo com informações da polícia, o inquérito contra Lorena Fonseca, que é filha da dona do estabelecimento, será encaminhado para o Ministério Público da Bahia (MP-BA).Doze mulheres denunciaram a clínica de estética Divas Bronze por causa de queimaduras após o procedimento.

A mulher disse, em depoimento, que não sabe o que aconteceu e informou que sempre usou os mesmo produtos e as mesmas técnicas e que nunca houve casos de clientes queimadas durante ou após o procedimento.

Segundo a polícia, as primeiras vítimas começaram a registrar o caso na Delegacia da Mulher de Itabuna 12 dias depois de fazerem o bronzeamento na clínica Divas Bronze, que fica no bairro São Caetano. O estabelecimento está fechada desde março.

:: LEIA MAIS »

MULHER É PRESA APÓS JOGAR ÁGUA QUENTE EM SOBRINHO DE 8 ANOS

Menino sofreu queimadura no ombro, pescoço e orelha (Foto Viviane Moreira/O Povo News).

Menino sofreu queimadura no ombro, pescoço e orelha (Foto Viviane Moreira/O Povo News).

Do G1

Uma mulher foi presa em Teixeira de Freitas, no sul da Bahia, por jogar água quente e provocar queimaduras no sobrinho de oito anos. De acordo com informações da 8ª Coordenadoria Regional de Polícia (Coorpin) de Teixeira de Freitas, Rosemaria Sacramento dos Santos, de 32 anos, foi autuada por lesão corporal grave depois de ser encontrada pela polícia ao tentar fugir pela BA-290, que liga os municípios de Alcobaça e Teixeira de Freitas.

O crime ocorreu no sábado (22), na casa do pai da criança, na cidade de Alcobaça, mas a mulher foi levada para a delegacia de Teixeira de Freitas, a 55 km de distância. O garoto sofreu queimaduras de segundo grau na orelha, no pescoço e nos ombros.

Ferido, o menino foi encaminhado para o Hospital Municipal de Alcobaça e continua internado nesta segunda-feira (24) em estado estável.

De acordo com Gean Nascimento, titular da 8ª Coorpin, a mulher suspeita do crime contou que estava na casa do irmão – que é pai da criança queimada -, e outras pessoas. Após uma noite de sono, disse ter percebido que foi abusada sexualmente enquanto dormia. Desconfiada de quem era agressor, ferveu a água com intuito de atingi-lo, mas acabou ferindo a criança.

De acordo com Gean Nascimento, a polícia ouviu parentes que contestam a versão de Rosemaria e dizem que ela tem um temperamento instável. “Dizem que o menino teria feito qualquer coisa que a desagradou e ela decidiu fazer isso”, diz o delegado.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia