dezembro 2014
D S T Q Q S S
« nov    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  



american park

:: ‘Reda’

PREFEITURA ABRE SELEÇÃO PARA CONTRATAR 83 PROFESSORES PELO REDA

A Prefeitura de Itabuna anunciou, hoje, a abertura de mais um processo seletivo. Desta vez, a Seleção Pública visa a contratação de 83 professores. Os salários variam de R$ 877,78 a R$ 2.025,68 e o contrato tem duração de seis meses.

CONFIRA EDITAL CLICANDO AQUI

Pelo edital divulgado no Diário Oficial eletrônico, hoje, serão contratados quatro profissionais especialistas em Linguagem Brasileira de Sinais (Libras) e 53 vagas para Educação Infantil e Ensino Fundamental I, sendo 37 vagas para 20 horas semanais e 16 para 40 horas.

São ainda oferecidas 25 vagas para professor do Ensino Fundamental II – professor de História (6 vagas), Geografia (5), Letras (8) e Matemática (6). A contratação será pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda).

A seleção será feita por meio de análise de currículo, entrevistas e, no caso dos intérpretes de Libras, aula interpretativa. O período de inscrição vai de 3 a 7 de junho, das 8h às 15h, na Usemi, na Avenida Manoel Chaves (em frente à Vila Olímpica).

SAC PRORROGA INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO

O Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) prorrogou o período de inscrições para o processo seletivo destinado a preencher 121 vagas nas unidades do interior do estado. A ficha de inscrição poderá ser preenchida e encaminhada até esta quinta-feira, 22, exclusivamente via internet. O endereço é www.selecao.uneb.br/sac2012.

Os candidatos classificados dentro do número de vagas serão contratados sob o Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) e distribuídos em 17 cidades. A remuneração é de R$ 1.049,76 para uma jornada de oito horas diárias, sendo que 5% das vagas estão reservadas a portadores de necessidades especiais.

A prorrogação do prazo de inscrições foi publicada nesta terça-feira, 20, no Diário Oficial do Estado, em portaria da Secretaria da Administração (Saeb).

GOVERNO ABRE 160 VAGAS NO REDA DA SEAP

O governo do estado lança mais um edital para contratar pessoal via Reda. Desta vez,  a Secretaria de Administração Penitenciária e Ressocialização  (Seap) vai contratar temporariamente 170 profissionais da área de saúde.

As vagas são distribuídas em nove municípios baianos, incluindo Salvador, e são para: assistente social (16); técnico de enfermagem (35); enfermeiro (10); farmacêutico (5); odontólogo (2); médico clínico (8); infectologista (5); psiquiatra (20); ginecologista (4); auxiliar de saúde bucal (8); psicólogo (25); nutricionista (18); fisioterapeuta (3); terapeuta ocupacional (3); técnico em radiologia (2) e técnico em laboratório (6). Os salários vão de R$ 1,4 mil a R$ 3,6 mil. Inscrição: www.indexus.com.br, até dia 26. Confira mais

“POR FALTAS”, EDUCAÇÃO DEMITE 57 PROFESSORES CONTRATADOS PELO REDA

A Secretaria da Educação (SEC) e a Secretaria da Administração do Estado da Bahia (Saeb) rescindiram o contrato de 57 professores do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda). A rescisão foi publicada no Diário Oficial do Estado.

Segundo o corregedor do estado, Adriano Chagas, o motivo foi o não comparecimento à convocação do governo estadual para o cadastramento e treinamento no plano de reposição de aulas para o 3º ano. “O Reda é para atender o estado emergencial. Se eles não estão atendendo, não tem por que estarem contratados”, explica Chagas. Informações do Correio.

AÇÃO CIVIL PEDE FIM DO REDA E DE CONTRATAÇÕES TEMPORÁRIAS EM JEQUIÉ

O Ministério Público estadual pediu ao Judiciário, em caráter liminar, que a Prefeitura de Jequié, a 358 km de Salvador, anule as contratações realizadas sem concurso público, em desacordo com Constituição de 88. A ação civil pública foi ajuizada pelo promotor de Justiça Marcos Santos Alves Peixoto, titular da 4ª Promotoria de Justiça de Jequié.

A ação também exige que seja suspensa a seleção pública para provimento de vagas no quadro municipal, sob o Regime Especial de Direito Administrativo (Reda).

A seleção pública teve edital publicado no Diário Oficial do Município, dia 2, disponibilizando 228 vagas para cargos que deveriam ser providos por concurso público de provas e títulos, segundo o promotor. Os cargos são de advogado, assistente social, enfermeiro, psicólogo e fonoaudiólogo.

Caso a solicitação seja acatada pela Justiça, o município terá ainda que restituir aos candidatos os valores pagos a título de taxa de inscrição e realizar concurso público para o preenchimento dos cargos ou empregos públicos que estejam vagos.

Inquérito civil público do MP constatou que o município vem descumprindo o dever constitucional de realizar concurso público para a contratação de servidores, mantendo trabalhadores em situação irregular. Antes de ajuizar a ação, o MP expediu recomendação administrativa para que o prefeito Luiz Carlos Souza Amaral promovesse, num prazo de 240 dias, a realização de concurso público.

Caso a solicitação do MP venha a ser acatada e o Município não a cumpra, o prefeito terá que pagar multa diária de R$ 5.000,00.

EDUCAÇÃO DIVULGA RESULTADO DO REDA

A Secretaria Estadual de Educação divulgou hoje a relação dos aprovados para 3.302 vagas na seleção pública do Regime Especial de Direito Administrativo (Reda). O resultado está publicado no Diário Oficial do Estado, edição de hoje.

A seleção pública teve 105.419 inscritos em todo o estado. Das vagas oferecidas, 2.209 são para assistente administrativo e 1.093 para professor. A previsão do governo baiano é que a convocação saia no próximo mês.

UESC ANUNCIA SELEÇÃO

A Universidade Estadual de Santa Cruz realizará seleção, via Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), a fim de contratar pessoal de nível médio para a função de assistente de atividade administrativa. As inscrições serão abertas no próximo dia 20 e encerradas às 16 horas do dia 30 de junho.

Mais informações podem ser obtidas no site da Uesc.

SEC CHAMA APROVADOS NO REDA. JÁ OS CONCURSADOS…

Os professores concursados e não convocados pelo governo estadual vão ficar (ainda mais!) mordidos. Hoje foi publicada convocação de 294 professores aprovados em seleção pública do Reda realizada no ano passado (confira no Diário Oficial).
Outros 900 educadores devem ser chamados para trabalhar na capital e no interior. Os 294 que foram chamados agora têm de se apresentar entre os dias 31 de maio e dois de junho em Salvador, no Centro Múltiplo Oscar Cordeiro.
Neste ano, foi grande o número de manifestações de concursados para a área de educação. O secretário Oswaldo Barreto alega, no entanto, que a validade do concurso público, realizado no governo passado, expirou em março deste ano. O Tribunal de Justiça da Bahia tomou decisão que obrigava o governo a chamar os concursados, o que não ocorreu. Barretão preferiu o Reda.

ESTADO TERÁ DE CHAMAR PROFESSORES CONCURSADOS

O Tribunal de Justiça da Bahia decidiu nesta quinta, por unanimidade, reconhecer o direito de os professores Classe III e coordenadores pedagógicos aprovados em concurso do Estado em 2006 serem nomeados para os cargos até maio de 2010, prazo de validade do certame.

Com o entendimento do TJ-BA, ao julgar dois mandados de segurança movidos pela bancada de oposição na Assembleia Legislativa, a Secretaria Estadual da Educação, que vinha optando por contratar pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), terá de convocar todos os 800 coordenadores pedagógicos aprovados no concurso e, dos 3.769 professores selecionados, nomear 2.469 docentes, segundo Leilane Silva, professora de biologia que aguarda ser convocada pela secretaria.

A secretaria contesta o número, dizendo que já foram contratados 3.445 professores, faltando convocar 324, portanto. Na prática, a decisão significa que quando um concursado for ocupar a vaga para a qual foi aprovado e houver funcionário do Reda no lugar, este terá de ser substituído por quem prestou concurso público.

Leia mais

GOVERNO CONVOCA ‘REDAS’ DO INTERIOR

O governo do estado está chamando para recadastramento os cerca de 7,8 mil servidores contratados sob o Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) e lotados em 409 cidades do interior.  O prazo se inicia segunda-feira (28) e vai até o dia 30 de outubro.

Essa é a terceira e última etapa de verificação funcional dos Reda realizada pela Corregedoria Geral da Secretaria da Administração (CGR-Saeb). A primeira atingiu cerca de 7,5 mil da capital, e a segunda, 3,5 mil lotados nas sete cidades do interior que mais empregam sob o regime (Ilhéus, Itabuna, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Jequié, Barreiras e Guanambi).

O recadastramento será realizado por meio do envio postal (via Correios, com Aviso de Recebimento) do formulário “Recadastramento Reda – 3ª fase interior”. O formulário está disponível no Portal do Servidor (www.portaldoservidor.ba.gov.br) e na página eletrônica da Corregedoria Geral no site da Saeb (www.saeb.ba.gov.br/cgr).

Os servidores que não se apresentarem no prazo estabelecido terão o pagamento dos seus vencimentos suspensos a partir do mês de novembro, até que regularizem a sua situação na Corregedoria Geral da Saeb. Caso o não comparecimento ultrapasse 90 dias, os contratos serão automaticamente rescindidos.