WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate






alba










junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: ‘reforma administrativa’

RUI DIZ QUE DIRES RETIRAVAM 200 MÉDICOS DE HOSPITAIS

Costa defende novo modelo administrativo (Foto Mateus Pereira).

Costa defende modelo administrativo (Foto Mateus Pereira).

O governador Rui Costa voltou a defender a reforma administrativa que resultou em extinção das diretorias regionais de Saúde (Dires) e de Educação (Direcs). Segundo ele, as mudanças permitirão que 2 mil profissionais em saúde deixem de “cuidar de papéis” e voltem a atender a população.

O princípio a ser adotado nestas áreas, disse ele, será o mesmo da segurança pública. Pelos cálculos do governo, cerca de 4 mil policiais militares cumprem funções administrativas nos quartéis em vez de estar atuando nas ruas.

Dentre os 2 mil funcionários, segundo Rui, estão 150 médicos, sendo mais de 20 obstetras. “Determinei que os médicos possam ir para a assistência [à população]”. As diretorias regionais foram substituídas por Núcleos Regionais de Saúde e, também núcleos de Educação.

Rui citou exemplos de profissionais médicos, enfermeiros e dentistas trabalhando em funções burocráticas nas Diretorias Regionais de Saúde (Dires) sem atender a população. “Em vez de 60 dentistas cuidando de papéis nas Dires, teremos dentistas atendendo a população”, justificou. Confira o áudio de entrevista.

RUI COSTA EXTINGUE 3 SECRETARIAS E 1.700 CARGOS DE CONFIANÇA

Rui Costa durante apresentação da proposta de reforma administrativa (Foto Carla Ornelas-Gov/BA).

Rui Costa durante apresentação da proposta de reforma administrativa (Foto Carla Ornelas-Gov/BA).

A reforma administrativa proposta pelo governador eleito, Rui Costa, extinguirá três secretarias e cortará 1,7 mil cargos de confiança. O projeto, que ainda será encaminhado ao legislativo, foi apresentado há pouco pelo petista. A previsão é de que seja votado ainda neste ano e sancionado pelo atual governador, Jaques Wagner, também do PT.

– Todas as secretarias terão um departamento de controle interno e um núcleo de planejamento e gestão para acompanhar o cumprimento de metas. A proposta da reforma administrativa foi pautada para gerar uma melhor qualidade de vida à população – disse Rui Costa.

As secretarias de Assuntos Estratégicos; de Indústria Naval e Portuária (Seinp); e de Assuntos da Copa 2014 (Secopa) deixarão de existir. A extinção da Secopa já estava prevista, anteriormente, para dezembro deste ano, após a realização da Copa do Mundo de Futebol. As funções da Seinp serão executadas pela Secretaria de Infraestrutura e as ações da Pasta de Assuntos Estratégicos serão englobadas pela Serin (Relações Institucionais).

A reforma atinge também as secretaria de Desenvolvimento e Integração Regional (Sedir); de Justiça, Cidadania e Direitos Humanos; e de Combate à Pobreza. As três darão lugar às secretarias de Desenvolvimento Rural; e de Direitos Humano e Desenvolvimento Social. Rui ainda cria a Secretaria de Infraestrutura Hídrica e Saneamento.

EBDA, BAHIATURSA E DERBA

A proposta formulada pela equipe de técnicos do governo prevê a readequação da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), da Empresa de Turismo da Bahia S.A (Bahiatursa) e do Departamento de Infraestrutura de Transportes da Bahia (Derba).

De acordo com o governo, as duas empresas e o Derba serão transformados em órgãos em regime especial, com vinculações, respectivamente, à nova SDR, à Secretaria de Turismo (Setur) e à Seinfra. A EBDA passa a se chamar Bahiater.

PRIVATIZAÇÃO DA EBAL?

O Estado propõe a alienação das suas cotas na constituição societária da Empresa Baiana de Alimentos S.A (Ebal), mediante realização de estudo técnico que demonstre o modelo e a forma para viabilizar a proposição. A Superintendência de Construções Administrativas da Bahia (Sucab) será extinta, tendo funções absorvidas pela Conder e por secretarias estaduais.

RUI DEVE ECONOMIZAR R$ 200 MILHÕES AO ANO COM EXTINÇÃO DE 5 SECRETARIAS

rui costa transiçãoO governador eleito, Rui Costa, anuncia hoje a sua proposta de reforma da estrutura administrativa do Estado. A ideia é economizar até R$ 200 milhões, por ano, com a extinção de, pelo menos, três ou quatro secretarias, antecipou o diário soteropolitano A Tarde.  O governo baiano possui 27 secretarias.

O anúncio está programado para as 14h30min, na Governadoria, no Centro Administrativo da Bahia. Uma reunião está programada para esta manhã de segunda, quando Rui antecipa a deputados estaduais da base aliada detalhes da proposta.

“Rui deve reduzir em cinco secretarias, provavelmente, e se reuniu com a equipe para fechar. Ele discute muito também  essa coisa de agrupar em uma mesma secretaria”, afirmou o presidente do PT baiano, Everaldo Anunciação.

Outro ponto importante da proposta é a extinção da Cesta do Povo, que deixaria de existir dentro dos moldes atuais. A venda de filiais da Cesta está na pauta.

RUI COSTA DEVE EXTINGUIR 3 SECRETARIAS

rui costa transiçãoRui Costa, governador eleito, pretende extinguir três secretarias e alguns órgãos estaduais, segundo noticia o jornalista Levi Vasconcelos na sua coluna Tempo Presente, d´A Tarde desta quarta (19).

Costa chegou de viagem de férias no sábado e se reuniu com a equipe de transição na última segunda-feira, quando recebeu estudos preliminares com o quadro administrativo e financeiro do Estado.

As conversas com os partidos aliados ocorrerão até o início de dezembro, quando será o secretariado do novo governo será anunciado.

O “TREM DA ALEGRIA” DE VANE

Vane turbina secretaria de governo.

Vane turbina secretaria de Governo.

O projeto de reforma administrativa encaminhado pelo prefeito Claudevane Leite (PRB) em dezembro vai ser votado amanhã (21), às 14h. A novidade é que vai sair melhor do que o prefeito e sua equipe pensaram.

A Pasta do Governo pode se tornar um legítimo trem da alegria com até oito cargos de diretoria (CC-1), com salário de R$ 4,5 mil. Um mimo com dinheiro público para atender projetos, digamos, eleitorais. E terá oito cargos de direção mesmo após o desmembramento da área de comunicação, cuja diretoria será transformada em Secretaria de Comunicação Social.

A Agência de Regulação dos Serviços Públicos Municipais (Arsepi) deveria ser extinta, conforme o projeto encaminhado à Casa. Não será mais. Os vereadores decidiram mantê-la, à espera do Plano Municipal de Saneamento Básico.

Vane começa 2014 pilotando o seu trenzinho da alegria. Com as bênçãos da Câmara de Vereadores.

PEEMEDEBISTAS ATACAM REFORMA PROPOSTA POR WAGNER

Deputados estaduais peemedebistas atacaram a reforma administrativa proposta pelo governo baiano. A reforma deverá ser votada nesta semana e cria novas secretarias e mais de 170 cargos comissionados. As críticas foram expostas em nota tornada pública há pouco.

O partido considera a reforma contraditória para o momento de cortes orçamentários superiores a R$ 1,1 bilhão. Os parlamentares considerariam a proposta do governo um amontoado de “mudanças desarticuladas” que “resultará em inchaço da estrutura do Estado com novas secretarias” e teria a finalidade de apenas “acomodar aliados políticos”.

O PMDB ainda critica a falta de reuniões do governador Jaques Wagner com o secretariado estadual e vê incoerência no fato de o Estado criar novos cargos e, ao mesmo tempo, promover arrocho salarial dos professores universitários e não convocar aprovados em concurso. Confira a íntegra da nota clicando no “leia mais”.

:: LEIA MAIS »

TOMA LÁ DÁ CÁ

O vereador Jailson Nascimento, presidente da Câmara de Ilhéus, surpreende de novo. Após fazer aprovar o projeto Lata Velha (relembre aqui), ameaça entrar com ação alegando a inconstitucionalidade da reforma administrativa promovida pelo ex-amigo Newton Lima.

A reforma foi aprovada por unanimidade no primeiro semestre e contou – claro! – com o voto do presidente.

Toda a pressão do “jurista” Nascimento tem preço: cinco importantes cargos pedidos por ele para os seus familiares e cabos eleitorais, mas negados – até agora – pelo prefeito. Um dos cargos exigidos pelo presidente é o de corregedor da Guarda Municipal, para o qual deseja indicar um dos seus irmãos.

Cabra guloso.

LANDIM FORA

O projeto de reforma administrativa da prefeitura de Ilhéus será encaminhado à Câmara de Vereadores até o início do próximo mês. Uma certeza é que o empresário Alfredo Landim não resistirá à mexida na máquina municipal.

A pasta que Landim ocupa, a do Desenvolvimento Econômico, será extinta e ‘acoplada’ à do Planejamento, hoje comandada pelo petista Alisson Mendonça. Além de Landim, também deixam o governo os secretários Sebastião Maciel (Educação) e Ana Mathilde (Turismo).

APERTEM OS CINTOS: NEWTON ASSUME COMANDO!

O prefeito de Ilhéus, Newton Lima (PSB), resolveu assumir pessoalmente o comando da reforma administrativa que tenta, desde o início de janeiro, implementar em seu governo.

O mandatário não gostou da minuta da reforma que seus assessores lhe apresentaram, por isso decidiu assumir a frente da coisa.

Resultado: mais atraso na tal reforma, que sequer conseguiu chegar ao papel. Veja essa história completa no Bahia Online.

LENTO (E FURIOSO)

O prefeito Newton Lima (PSB), de Ilhéus, iniciou janeiro promovendo uma ‘vassourada’ no Palácio Paranaguá, quando exonerou 13 dos 15 secretários municipais, além de outros 240 ocupantes de cargos confiança.

A canetada foi seguida de várias explicações e a afirmação de que a reforma administrativa seria concluída antes que janeiro acabasse. Pois é. Noite de sábado, dia 30 de janeiro, e nada…

Inspirado nessa lentidão palaciana, o blog do Gusmão sacou essa da cartola. Pela esquerda de quem vê, Jorge Bahia, chefe de gabinete. À direita, Alcides Kruschewsky, cotado para a Secretaria de Governo. E lá pelo meio, ele…

Gusmão e a divertida crítica aos 'velozes' palacianos.

Os velozes palacianos, na visão de Emilio Gusmão.

DATAPIMENTA INFORMA

Newton: reforma lentíssima.

Newton: reforma lentíssima.

O Pimenta encerra enquete sobre a “canetada” do prefeito Newton Lima, no início do mês, quando exonerou o secretariado e dava a impressão de que faria uma grande reforma em seu governo.

Passados mais de vinte dias, o prefeito ainda “arruma” a casa – e naquela lentidão que marcou 2009. Dos 15 cargos de secretário, foram preenchidos Saúde, Turismo, Assistência Social, Serviços Urbanos e Planejamento.

Indo direto à enquete, confira a opinião dos votantes:

– 27% acreditam que a “canetada” de “El Loco” foi factoide.

– 28% opinaram que Newton mostrou quem manda no galinheiro

– 20% disseram que quase todos vão continuar em seus cargos

(quem apostou nessa opção, não errou de todo!)

– 25% disseram que a ameaça do prefeito em demitir também efetivos se tratava de terrorismo contra o servidor.

VAI DAR CERTO?

O prefeito Newton Lima parece ter definido a sua fórmula para recompor o governo municipal. O que vazou até agora é que o prefeito deixou nas mãos da deputada estadual Ângela Souza, do vice Mário Alexandre e dos vereadores da base governista as indicações dos novos secretários.

Se essa geleia geral vai dar certo, só Deus sabe.

PREFEITOS… SATISFEITOS

Os prefeitos Newton Lima (Ilhéus) e José Nilton Azevedo (Itabuna) entram o ano de 2010 sem qualquer alteração quando se compara as equipes com as quais iniciaram 2009. Será que, realmente, eles estão satisfeitos com os seus colaboradores?

Em Itabuna, Azevedo havia prometido reforma para dezembro. Um dos alvos seria o secretário de Saúde, Antônio Vieira. Outro nome que rolava na bolsa de apostas era o do todo-poderoso Carlos Burgos (Fazenda). Nada mudou. Já o colega de Ilhéus, Newton Lima, atribui à crise econômica a paralisia da sua equipe. E preservou todo mundo.

Por aqui, uma nova máxima: “em time que está perdendo, não se mexe”.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia