skip to Main Content
16 de fevereiro de 2020 | 04:18 pm

COMERCIÁRIOS APRESENTAM REIVINDICAÇÕES

Tempo de leitura: < 1 minuto

queda-de-braço-g-20120713-1Está prestes a começar a queda de braço entre comerciários e comerciantes de Itabuna em torno da campanha salarial. A data-base dos trabalhadores é próxima ao período de funcionamento especial do comércio, por ocasião das festas de fim de ano, o que serve como moeda de troca e costuma aumentar a tensão das negociações.

O Sindicato dos Comerciários já apresentou sua pauta de reivindicações ao Sindicom (Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista), incluindo entre os principais itens um reajuste com base no INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) acumulado, mais 10% de ganho real, piso inicial de R$ 730,00 e valor da hora extra 70% maior que a hora normal.

A pauta será discutida pelo patronato nesta quarta-feira, 16, a partir das 18 horas, no auditório do Sindicom. Após a apresentação de contraproposta, terão início as rodadas de negociações.

GREVE CONTINUA EM ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

greveios

A greve dos servidores públicos municipais de Ilhéus entra na terceira semana, sem sinal de acordo à vista. Nesta segunda-feira, 29, os cinco sindicatos que representam categorias diferentes do funcionalismo anunciaram que a paralisação das atividades continua por tempo indeterminado.

Os servidores questionam números apresentados pelo governo sobre a folha de pagamento e denunciam excessos na contratação de servidores comissionados e terceirização de serviços. Em assembleia na manhã desta segunda, servidores também reclamaram de “ameaças” que teriam sido feitas pelo prefeito Jabes Ribeiro e por secretários municipais.

Enquanto durar a greve, os representantes do funcionalismo prometem se concentrar todos os dias, a partir das 8 horas, em frente à sede do governo. Nesta terça, 30, no mesmo horário, haverá assembleia de professores no plenário da Câmara Municipal.

O MEDO DO DOIS DE JULHO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Samuel Celestino | Bahia Notícias
O governador Jaques Wagner disse que não vai mudar a sua agenda para o Dois de Julho, e não deve mudar mesmo, nem o prefeito ACM Neto, na medida em que são, pelos cargos que ocupam, presenças obrigatórias no festejo da Independência, que, há pouco, por decisão da presidente Dilma, se tornou uma data nacional. Até lá, se o pacote anunciado pela presidente na noite de ontem tiver boa acolhida dos manifestantes e da população de maneira geral, como é muito provável que tenha porque, em cinco itens, o pacote abrange todas as reivindicações das ruas, não há o que temer. Caso contrário, o Dois de Julho será magro de políticos que estão na berlinda, de rabo entre as pernas, tanto eles quanto seus partidos que são desdenhados pela população de maneira geral, conforme revelaram as pesquisas.
Leia mais

MOVIMENTO PRETENDE APRESENTAR REIVINDICAÇÕES A LULA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Complexo Porto Sul é, por enquanto, apenas uma "imagem meramente ilustrativa". O Coeso quer celeridade na execução

Um movimento intitulado Coeso (Comitê de Entidades Sociais em Defesa dos Interesses de Ilhéus e Região) elaborou uma pequena pauta de reivindicações para apresentar ao presidente Lula em sua estada em Ilhéus, nesta sexta-feira, 10.
A proposta é cobrar celeridade na execução das obras de duplicação da BR-415, manutenção e dragagem do Porto de Ilhéus e construção do Complexo Intermodal Porto Sul.
A lista foi fechada em uma reunião na manhã desta segunda-feira, 06, na sede do Sindicato dos Estivadores de Ilhéus. Representantes de sindicatos, associações de moradores, parlamentares e governo municipal estão engajados na causa e só falta mesmo articular a entrega das demandas diretamente às mãos do presidente.

Back To Top