WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate






alba










junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: ‘Rondon’

RONDON REGIONAL INICIA OPERAÇÃO JUPATI

Projeto vai atender comunidades dos municípios de Maraú e Pau Brasil

Projeto vai atender comunidades dos municípios de Maraú e Pau Brasil

O Núcleo Rondon Uesc iniciou nesta segunda-feira (21) a Operação Jupati, com o objetivo de atender os municípios de Pau Brasil e Maraú. As localidades foram escolhidas em função da presença de comunidades tradicionais, indígenas e quilombolas.

Na operação, serão prestados serviços nas áreas de saúde, educação, promoção dos direitos humanos e acesso à justiça, além de ações ligadas à preservação ambiental, entre outras. Serão duas semanas de atividades.  De acordo com os coordenadores do projeto, um dos principais objetivos é fortalecer cada vez mais a relação entre universidade e sociedade.

O Projeto Rondon é a mais antiga atividade de extensão universitária em curso no país, levando estudantes universitários a vivenciar a situação das comunidades e aplicar junto às populações atendidas o aprendizado da sala de aula. Nacionalmente, é coordenada pelo Ministério da Defesa, que estimula as universidades a implantarem operações regionais nas suas áreas de influência geográfica. O Núcleo Rondon UESC foi formalizado em 2013 e realizou sua primeira Operação (chamada Capicongo) em janeiro de 2014.

As operações regionais são realizadas em parceria com as prefeituras, Colegiado Territorial, Amurc, Seplan/Ba e com outras instituições de ensino superior ou tecnológico. Da Operação Jupati, participarão alunos da Uesc, FTC, Unime, Faculdade de Ilhéus e Faculdade Madre Thaís, além de uma estudante da Universidade Federal de Pernambuco. Para o pró-reitor de Extensão da Uesc, Alessandro Fernandes, “a universidade cumpre uma função estratégica de interação com as comunidades de seu entorno e também com as instituições parceiras”, pensamento compartilhado por Luciano Veiga, representando a Amurc, Carlos Alberto (Garotinho), coordenador do Colegiado Territorial e Marcos de Souza um dos coordenadores do projeto e representante da Seplan/Ba.

Para os coordenadores do Núcleo, professores Guilhardes Júnior e Amarildo Morett, o Rondon tem a grande possibilidade de transformação de vidas, tanto dos estudantes quanto das pessoas atendidas.  Nos municípios de Pau Brasil e Maraú, as atividades serão coordenadas pelas professoras Kelly Bomfim, Lara Kauark, Viviane Cerqueira e pelo professor Rodrigo Cardoso.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia