WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias






:: ‘Sandra Cardoso’

MP PEDE CASSAÇÃO DE PREFEITA E VICE DE FLORESTA AZUL

MP pede a cassação de Dra. Sandra.

MP pede a cassação de Dra. Sandra.

A promotora eleitoral Cinthia Portela Lopes pediu a cassação dos mandatos da prefeita de Floresta Azul, Sandra Cardoso (Dra. Sandra), e do vice-prefeito Jaconias Gusmão de Aguiar. A chapa é acusada de “captação e uso ilícito de recursos” na campanha do ano passado. Dra. Sandra foi reeleita em outubro do ano passado.

A recomendação de cassação do mandato consta das alegações finais da promotoria, apresentadas na última segunda-feira (30), em ação na qual também é citado Geraldino dos Santos, esposo da prefeita, e George Cardoso Maciel. Cinthia Portela recorre a depoimentos de eleitores que dizem ter recebido dinheiro em espécie (alguns falam em R$ 500,00) ou material de construção ao prometer votar em Dra. Sandra.

Uma das testemunhas acusa um funcionário da prefeitura, de prenome Rodrigo, de oferecer R$ 100,00 pelo voto em Dra. Sandra. Metade seria paga na hora e os outros R$ 50,00 após a votação. Porém, o voto teria que ser filmado com celular.

Na ação, a promotoria lembra que a prefeita reeleita “arrecadou recursos e efetuou despesas, para fins eleitorais, em desacordo com as normas da Lei n. 9.504/ 1997 e de Resoluçäo do TSE e teve suas contas reprovadas (autos n. 4525620126()50029).

A ação da promotoria eleitoral é desdobramento de representação oferecida pelo adversário de Sandra na disputa eleitoral, Carlos Amilton, o Garrafão (PSB). A ação será analisada pela Justiça Eleitoral em Ibicaraí. O PIMENTA não conseguiu contato com a prefeita de Floresta Azul.

GESTORAS DÃO EXEMPLO AOS “MACHOS”

Josefina, Neone, Ângela e Sandra: exemplo aos colegas sulbaianos (Montagem Pimenta).

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou as contas de 120 prefeituras baianas, dentre elas as de Ilhéus e Itabuna, administradas por Newton Lima e Capitão Azevedo, respectivamente.  

Um detalhe que chama a atenção é que na área da 4ª Inspetoria do TCM, sediada em Itabuna, nenhuma das prefeituras administradas por mulheres levou “bomba” na análise das contas feita pelo tribunal. São bons exemplos Coaraci (Josefina Castro), Floresta Azul (Sandra Cardoso), Camacan (Ângela Castro) e Jussari (Neone Cordeiro). Todas foram aprovadas, embora com ressalvas, pelo tribunal.

Das 24 prefeituras administradas por homens, metade teve a prestação de contas rejeitada pelo tribunal. Dentre os nomes na “lista suja” do TCM estão os prefeitos Moacyr Leite (Uruçuca), Dejair Birschner (Una), Mardes Monteiro (Buerarema) e Jackson Rezende (Itapé).

Na lista dos aprovados, aparecem nomes como Raimundo Laudano (Almadina), Lenildo Santana (Ibicaraí) e Marcos Dantas (Itajuípe).

NÃO CONTAVAM COM A MINHA ASTÚCIA?

Augusto, mas pode chamar de Chapolin...

A reconstrução do trecho Itabuna-Ibicaraí da BR-415 é obra que ainda não saiu do papel, mas tem vários pais. O último deles é o deputado estadual Augusto Castro. O tucano integra a bancada de oposição ao governo e inundou as principais ruas e avenidas de Itabuna, hoje, com faixas em que diz ter garantido a recuperação da rodovia.

Ou seja, “registrou” e deu “um a zero” nos outros “pais”, estes mais antigos: os prefeitos de Ibicaraí e Floresta Azul, Lenildo Santana e Sandra Cardoso, e os deputados Geraldo Simões e Rosemberg Pinto.

Não à toa, nos bastidores Augusto já é chamado de “Chapolin Colorado”, aquele personagem que fechava as participações no seriado de tevê homônimo com a frase que dá título a esta nota…

TCM REJEITA CONTAS DA PREFEITA DE FLORESTA AZUL

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou as contas da prefeita Sandra Cardoso (DEM), de Floresta Azul, relativas ao exercício de 2009. De acordo com o conselheiro substituto Evânio Cardoso, a prefeita executou mais de R$ 1 milhão e 374 mil sem licitação, alem de fragmentar despesas, num montante de R$ 218 mil, para fugir de processo licitatório.

Sandra também é acusada de gastar mais do que arrecada e não respeitar os limites com pagamento de folha de pessoal. 56,6% do orçamento foi gasto com pessoal, quando o máximo estipulado pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) é 54%.

Sandra levou multa de R$ 12 mil, além de ressarcimento de R$ 5.860,00 aos cofres públicos. A prefeita ainda pode recorrer da decisão. Já as contas da Câmara de Vereadores foram aprovadas, mas com ressalvas porque o presidente da Casa, Fidelcino Sampaio, encaminhou as informações das contas fora do prazo.

ROBERTO DE SOUZA FEZ ESCOLA

Como se sabe, o futuro presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna será o vereador Roberto de Souza (PR). Ele foi eleito antecipadamente, no ano passado, após uma eficiente manobra urdida com a ajuda da dupla dinâmica Alisson Cerqueira – Kleber Ferreira. Assume o comando em janeiro de 2011.

Ocorre que Roberto fez escola. Em Floresta Azul, foi eleita ontem a mesa diretora que comandará a Câmara a partir do ano que vem. Quem tocou para os edis dançarem foi a prefeita Sandra Cardoso, que elegeu Benedito Haroldo de Sena (PSB) para a presidência. O vice será Pedro Alberto do Nascimento (PPS) e a primeira-secretaria será ocupada por Fidelcino Sampaio (PMN).

A eleição teve bate-chapa, saindo derrotado o grupo do vereador Jaconias Gusmão (PMDB).






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia