WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


conlar

banner-site-150x300px

jamile_yamaha

sintesi17

setembro 2017
D S T Q Q S S
« ago    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

editorias


:: ‘Sedur’

O SUPER SECRETÁRIO

Dinailson acumulará as secretarias de Administração e de Desenvolvimento Urbano.

Dinailson acumulará as secretarias de Administração e de Desenvolvimento Urbano.

Titular da Administração, Dinailson Oliveira também vai responder pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur). A decisão foi tomada pelo prefeito Fernando Gomes.

Dinailson responderá pelas duas pastas até que seja definido o titular da Sedur. Fernando arranjou solução caseira e não tem pressa de encontrar outro nome. O PMDB deverá pressionar para abocanhar o cargo.

O comando da área de Desenvolvimento Urbano ficou acéfalo na última segunda (20), quando o engenheiro civil Francisco França pediu exoneração do cargo. Chico, como é mais conhecido, teve forte discussão com o vice-prefeito Fernando Vita no mesmo dia em que bateu em retirada do governo.

CHICO FRANÇA PEDE EXONERAÇÃO; GOVERNO FG SOFRE TRÊS BAIXAS EM 80 DIAS

Chico França deixa Secretaria de Viação e Obras (Foto NaChapa).

Chico França deixa Secretaria de Viação e Obras (Foto NaChapa).

O engenheiro civil Francisco França entregou, ao final da tarde de hoje (20), a carta de exoneração e não é mais secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna. Profissional de renome, “Chico” deixa o governo menos de três meses após assumir o cargo.

A saída do engenheiro é a terceira baixa no Governo Fernando Gomes nos seus primeiros 80 dias. Ainda em janeiro, Sérgio Gomes deixou o comando da Secretaria de Transporte e Trânsito por causa da repercussão nacional do nepotismo. Logo após, José Leopoldo deixou o comando da Fundação de Atenção à Saúde de Itabuna, mantenedora do Hospital de Base, que é municipal. A saída de Leopoldo até agora não foi explicada.

As passagens de França pela prefeitura têm sido quase meteórica. Durante o governo de Capitão Azevedo (2009-2012), o engenheiro ficou menos de 30 dias no comando da Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa). De estilo forte e considerado ético, França não é dado a fazer concessões. Em janeiro, ele não gostou de ver o contrato dos serviços de limpeza pública ser gerido pela Secretaria de Administração. Fez divulgar nota pública deixando claro que nada tinha a ver com o negócio milionário.

“CASA FÁCIL” EM ITABUNA

A Prefeitura de Itabuna e a Faculdade Unime devem lançar o Programa Casa Fácil. Famílias de baixa renda terão projeto de construção de moradias – planta e arquitetura – elaborados sem custos. O programa envolve o curso de Arquitetura e Urbanismo da Unime e a Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur).

Secretário de Desenvolvimento Urbano, Francisco França explica que o projeto vem sendo discutido de forma preliminar com a coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Unime, Laís Ribeiro Silva. O programa ainda está na fase de estudos, mas, segundo França, a coordenadora se mostrou sensibilizada com a importância e dimensão do projeto que vai beneficiar a famílias carentes na construção de moradias populares.

RUI, OTTO E A SUCESSÃO ESTADUAL

marco wense1Marco Wense

 

Se o alcaide soteropolitano não disputar a sucessão de Rui Costa, a candidatura do senador passa a ser uma exigência da cúpula nacional do PSD. ACM Neto apoiaria Otto em uma coligação envolvendo o DEM, PSDB, PMDB, PPS e alguns partidos de menor expressão.

 

 

O governador Rui Costa vem fazendo de tudo para tirar da cabeça do senador Otto Alencar qualquer pensamento em relação à sucessão de 2018.

Rui sabe que Otto mantém acesa a possibilidade de disputar o governo do Estado, principalmente depois do bom desempenho do PSD nas eleições municipais, conquistando 82 prefeituras. O PT foi quem mais perdeu, saiu de 93 para 39, uma redução de quase 60%.

“A gente vai decidir isso lá em março de 2018”, diz o presidente do PSD da Bahia quando questionado sobre sua possível candidatura. Finaliza dizendo que “a pretensão é continuar na aliança com o governador Rui Costa e com os aliados”.

O PSD passa a ser prioridade na mudança que o chefe do Executivo pretende fazer no alto escalão. O afilhado político de Otto, José Muniz Rebouças, deve assumir a secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur). O comando da Conder pode também ir para o Partido Social Democrático.

A nomeação para cargos sempre foi o melhor caminho para evitar a rebeldia dos parceiros do poder. A sabedoria popular costuma dizer que nada melhor do que uma “boquinha” para colocar cada um no seu devido lugar.

Vale ressaltar que a conjuntura política e a situação econômica, em ano eminentemente politico-eleitoral, podem fortalecer ou enfraquecer algumas candidaturas. Outro aspecto, considerado como explosivo, é o desenrolar da Operação Lava Jato. Os petistas, por exemplo, torcem para que ACM Neto apareça na delação da Odebrecht.

Outro detalhe, por enquanto restrito aos bastidores, longe dos holofotes e do povão de Deus, é que os governistas, pelo menos os mais lúcidos, sonham com ACM Neto candidato em 2018.

Se o alcaide soteropolitano não disputar a sucessão de Rui Costa, a candidatura do senador passa a ser uma exigência da cúpula nacional do PSD. ACM Neto apoiaria Otto em uma coligação envolvendo o DEM, PSDB, PMDB, PPS e alguns partidos de menor expressão.

ACM Neto só sairá candidato se enxergar alguma chance de ser eleito. Não vai arriscar deixar o Centro Administrativo de Salvador para ir atrás de uma aventura que lhe pode causar desgastes.

Rui Costa, candidatíssimo a um segundo mandato, está bem avaliado na capital. ACM Neto é prefeito só de Salvador, enquanto o petista é uma espécie de, digamos, “prefeito” de todas as cidades da Bahia.

Tem também o fator Lula. Se não barrarem a elegibilidade do ex-presidente, aí complica, o caldo engrossa. Sua popularidade volta à tona e, com ela, o poder da transferência do voto, principalmente no Nordeste e, mais especificamente, na Bahia.

Portanto, é bom torcer para que ACM Neto saia candidato a governador na eleição de 2018, sob pena de Otto Alencar disputar o comando do cobiçado Palácio de Ondina como o candidato da oposição ao petismo.

Não tenho a menor dúvida de que Otto Alencar é mais adversário para Rui Costa do que o democrata (ou demista) ACM Neto.

Marco Wense é articulista do Diário Bahia.

TITULAR DA SEDUR, MONTEIRO ACUMULARÁ PASTA DA AGRICULTURA

Titular da Sedur, Monteiro responderá também pela Agricultura (Foto Pedro Augusto).

Titular da Sedur, Monteiro responderá também pela Agricultura (Foto Pedro Augusto).

O engenheiro civil Marcos Monteiro vai acumular, temporariamente, a função de secretário de Desenvolvimento Urbano com a de titular da Pasta da Agricultura e Meio Ambiente de Itabuna.

O ato de nomeação foi publicado na última edição do Diário Oficial do município.

O cargo de secretário da Agricultura e Meio Ambiente estava vago desde a saída de Lanns Almeida, que deixou a pasta, em fevereiro, para assumir o Instituto Biofábrica de Cacau, ligado à Secretaria Estadual de Agricultura.

ÔNIBUS SÃO RETIDOS EM PROTESTO NO SANTA INÊS

Ônibus foram retidos por moradores da Rua de Mutuns.

Ônibus foram retidos por moradores da Rua de Mutuns.

Desde as primeiras horas da manhã desta terça (22), a Rua de Mutuns está bloqueada e, pelo menos dois ônibus foram retidos. Os moradores da localidade reivindicam o asfaltamento da via que liga a região da Califórnia ao semianel rodoviário e a Mutuns.

O secretário de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Marcos Monteiro, era esperado no local para negociar com os moradores. A maior queixa é com os transtornos causados pela falta de pavimentação. Em dias de sol, muita poeira. Quando a chuva pinta, o sofrimento é com a lama.

Os moradores estão cobrando o asfaltamento da rua. “Não queremos mais paliativo, queremos algo que resolva. Encascalhamento é dor de cabeça, transtorno pra nós”, diz um dos manifestantes. Atualizado às 21h

PREFEITURA EMBARGA CONTORNO DO MAXXI

Obra foi embargada pela prefeitura (Foto Pimenta).

Poste será remanejado e muro de concreto protegerá torre de alta tensão (Foto Pimenta).

marcos monteiro foto pedro augusto

Monteiro: embargo (Foto Pedro Augusto).

A construção de um contorno entre um poste e uma torre de linha de transmissão de energia elétrica na Rodovia Ilhéus-Itabuna foi embargada, segundo o secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur), Marcos Monteiro. O absurdo havia sido denunciado na última segunda neste blog (reveja aqui).

Contratada pelo Maxxi Atacado, a empresa que executa a obra se comprometeu a construir muro de concreto para evitar acidentes na área da torre de alta tensão. A Coelba remanejará o poste na área do contorno. Após o acordo, a obra foi novamente liberada, parcialmente, segundo Monteiro.

LIXO ELEITORAL E A HORA DE MUDAR

Sujeirada nas ruas em dia de eleições causa prejuízos (Foto Adriana Vieira/Pimenta).

Sujeirada nas ruas em dia de eleições causa prejuízos (Foto Adriana Vieira/Pimenta).

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) estima que, pelo menos, 27 toneladas de panfletos e santinhos tenham sido recolhidos das ruas de Itabuna desde a madrugada de segunda (6) e o início da manhã desta terça (7). Os santinhos e panfletos foram jogados entre as 23h do dia 4 e a manhã do dia das eleições, transformando as ruas da cidade em lixão.

Esta sujeirada toda reforça a necessidade de modificar a legislação eleitoral. Uma empresária itabunense estava acompanhada de uma amiga dinamarquesa no dia das eleições no município. A europeia ficou assustada com a sujeira nas ruas. Lá, é algo proibido…

PISTA DE AEROPORTO VIRA DEPÓSITO DE ENTULHO

Caminhões de construtora descarregavam entulho no aeroporto

Caminhões de construtora descarregavam entulho no aeroporto

Material despejado irregularmente ameaça assorear um córrego

Material despejado irregularmente ameaça assorear um córrego

O finado aeroporto de Itabuna, que um grupo luta para ressuscitar, vem sendo usado como depósito de entulho por uma construtora da cidade. Caminhões foram flagrados esta semana descarregando material indevidamente na pista e às margens de um córrego situado nas imediações.

A diretoria do Aeroclube de Itabuna denunciou o fato à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) e aguarda providências para que a irregularidade seja combatida. Sete dos 23 hectares da ocupados pelo terminal desativado pertencem ao aeroclube,enquanto o restante da área ainda é objeto de disputa entre Prefeitura e Derba.

O aeroclube trabalha para viabilizar o aeroporto, que seria destinado à aviação executiva e serviço de UTI aérea.

MORADORES DA FÉLIX MENDONÇA CRITICAM OBRA “INTERMINÁVEL”

Calçada virou "passarela" de chão batido, complicando vida de idosos.

Calçada virou “passarela” de chão batido, complicando vida de idosos.

Moradores e pedestres que transitam pelas avenidas Aziz Maron e Félix Mendonça estão irritados com a demora da Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) para concluir as obras de recomposição de calçadas da praça e das avenidas. O serviço de “maquiagem” começou na segunda quinzena de julho, sendo interrompido logo em seguida.

As pedras portuguesas não foram reassentadas e, no local, o que se vê é um monte de entulhos. O areal misturado com terra impede idosos de caminharem pela praça e atrapalha, também, as atividades de grupos que praticam exercícios físicos na praça Félix Mendonça. Virou lamaçal. Os moradores até colocaram uma plaquinha no local em que cobram a conclusão da obra. Um aviso ao prefeito.

Pedras portuguesas foram retiradas de canteiro da Aziz Maron.

Pedras portuguesas foram retiradas de canteiro da Aziz Maron.

Por meio da Assessoria de Comunicação, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur) informa que a paralisação nas obras se deve a um projeto de requalificação do trecho desde o Shopping Jequitibá até a praça Félix Mendonça. Uma segunda pista será construída na área da praça. O contorno entre o centro de compras e a praça seria eliminado. A avaliação é de que os contornos acabavam gerando engarrafamentos em horários de pico. O projeto, no entanto, ainda não está concluído.

ATÉ QUE ENFIM: PREFEITURA RETOMA PAVIMENTAÇÃO DA AMÉLIA AMADO

Asfaltamento foi retomado nesta quarta-feira (foto Gabriel de Oliveira)

Asfaltamento foi retomado nesta quarta-feira (foto Gabriel de Oliveira)

Para quem não aguentava mais a buraqueira e o poeirão na Avenida Amélia Amado, particularmente no trecho próximo ao cruzamento com a Cinquentenário, eis aqui um motivo para comemorar: a Secretaria do Desenvolvimento Urbano da Prefeitura de Itabuna iniciou nesta quarta-feira, 7, a pavimentação da pista interna da via.

O secretário Marcos Monteiro disse que os serviços começaram somente agora porque o governo aguardava condições para comprar o asfalto à vista, além de contar com as máquinas, recentemente adquiridas. Segundo ele, além de pavimentar toda a pista interna, também será feita a recomposição da pista principal.

A intervenção alivia quem trafega pelo centro da cidade, mas ainda não significa que as obras na Amélia Amado serão concluídas. Para isso, o município continua a aguardar o repasse de R$ 1,9 milhão do Governo Federal.

As obras de macrodrenagem e revitalização da Amélia Amado foram iniciadas no governo Azevedo, que não as concluiu, mas fez questão de inaugurar a “meia sola” no apagar das luzes de sua gestão.

BAIXA NA SEDUR

Alfred Melo2O engenheiro ambiental Alfredo Melo decidiu deixar a Diretoria de Planejamento da Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna (Sedur). Melo retornará para a Empresa Municipal de Águas e Saneamento (Emasa). Ele é funcionário concursado da empresa.

A Sedur tem a segunda baixa de um nome oriundo dos quadros do governo do ex-prefeito Capitão Azevedo. No início do ano, o ex-titular da Sedur, José de Alencar, foi exonerado. De acordo com fontes, outras baixas são aguardadas na pasta.

UM DIA APRENDEM…

Um buraco no final da Avenida Félix Mendonça, no Conceição, tem “desafiado” a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Urbano de Itabuna. A jornalista Lorena Pio contou as vezes em que – só neste governo e em três meses – fizeram um remendo no cruzamento da avenida com a rua do Itabuna Esporte Clube. Foram três “tapa-buracos”, dando média de um por mês.

Pior, a equipe terá que retornar ao local. O motivo está explícito na foto abaixo. Diante do desperdício com dinheiro público, a jornalista conclama: “Se alguém conhecer o prefeito, passa o recado. Quem sabe fazem um serviço que preste…”.

Buraco é desafio à equipe de engenharia da Pasta de Desenvolvimento Urbano (Foto Lorena Pio).

Buraco é desafio à equipe de engenharia da Pasta de Desenvolvimento Urbano (Foto Lorena Pio).

(FALTA DE) LIMPEZA E CAOS

Lixo na 25 de Dezembro vem sendo recolhido por particulares. Custo: R$ 3 a R$ 5...

Lixo na 25 de Dezembro vem sendo recolhido por particulares. Custo: R$ 3 a R$ 5…

Moradores do São Caetano estão pagando entre R$ 3,00 e R$ 5,00 para terem o lixo recolhido, diariamente. Queixam-se que estão sem a coleta regular – aquela da prefeitura, há seis dias. As vítimas residem em travessas e ruas como a 25 de Dezembro.

O que é paliativo para os residentes na rua natalina tornou-se pesadelo para quem trabalha na Feira do São Caetano. É que o lixo recolhido por particulares em carros de mão nessas ruas estão sendo lançados na feira livre, formando o cenário que se vê abaixo.

... E o lixo recolhido na 25 de Dezembro é lançado nas conchas próximas à feira livre.

… E destino dos resíduos vem sendo as conchas próximas à feira livre (Fotos Pimenta).

O secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna, Marcos Monteiro, estipula que até domingo, 10, a coleta de lixo seja regularizada. O município locou 10 caminhões compactadores de lixo para empregar na coleta. As dificuldades na limpeza aumentaram após a prefeitura rescindir contrato com a Marquise, acusada de cobrar acima dos preços de mercado para executar o serviço.

CIDADE AMANHECE COBERTA DE LIXO

A empresa Marquise, responsável pela coleta de lixo em Itabuna, parece realmente ter decidido “pagar pra ver” na queda de braço que trava com a Prefeitura.

No final de janeiro, a empresa chegou a suspender a coleta, alegando que a Secretaria Municipal do Desenvolvimento Urbano (Sedur) havia retirado o trator que faz o manejo dos resíduos no “lixão”. Ontem (13), o secretário Marcos Monteiro informou não haver necessidade de que o equipamento opere todos os dias da semana e acusou a empresa de não ter compromisso com a cidade. O PIMENTA observou que a briga teve início há dois anos, quando a Marquise alegou suposta dívida do município (confira aqui).

Hoje, em mais um round dessa batalha, a Marquise não realizou a coleta e a cidade amanheceu coberta do lixo que os moradores acumularam no feriadão. Em diversos bairros, a situação de sujeira e mau cheiro é absurda.

GUERRA DO LIXO: SECRETÁRIO DIZ QUE MARQUISE NÃO TEM COMPROMISSO COM ITABUNA

Empresa assumiu coleta do lixo em Itabuna em 2009.

Empresa assumiu coleta do lixo em Itabuna em 2009.

A Prefeitura de Itabuna endureceu o jogo contra a Construtora Marquise, responsável pela coleta de lixo no município sul-baiano. Numa nota distribuída à imprensa, há pouco, o secretário de Desenvolvimento Urbano, Marcos Monteiro, acusou a empresa de não ter compromisso com Itabuna.

Monteiro revelou suposta sabotagem da Marquise no sistema de coleta, provocando manobras para travar o lixão e paralisar a coleta no município.

Segundo ele, caminhões da empresa, “propositadamente, ao chegar ao aterro para descarga, depositam o lixo de maneira desordenada, impedindo o aproveitamento dos espaços criados”. A direção da Marquise vem, desde o ano passado, exigindo que um trator fique no local, diariamente.

Após explicar a manobra da Marquise no lixão, o secretário foi ainda mais duro:

– Atitudes como a adotada pela Marquise acontecem em virtude da falta de parceria e compromisso da empresa com a nova administração municipal e, principalmente, com a população de Itabuna – disse, ressaltando que um fiscal será designado pelo município para acompanhar as operações da Marquise na área do lixão.

A guerra entre município e construtora começou há mais de dois anos, quando a Marquise revelou dívida milionária da gestão do ex-prefeito Capitão Azevedo. À época, o débito atingiu R$ 4,9 milhões (relembre aqui). Atualizada, a dívida supera a casa dos R$ 9 milhões e passa por auditoria determinada pelo novo prefeito, Claudevane Leite.

ABELARDO NA MIRA

abelardo filhoO itabunense Abelardo Filho, presidente da Embasa, chega ao sul da Bahia, neste sábado, 2, com a cabeça a prêmio no projeto de minirreforma administrativa anunciada – e repensada – pelo governador Jaques Wagner.

Nos meios políticos, é dado como certo que Abelardo deixa o cargo como forma de Wagner acomodar Cícero Monteiro, hoje na Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur).

O remanejamento de Cícero teria a finalidade de abrigar um nome político na Sedur. Certo é que o governador vem enfrentando dificuldades para montar o quebra-cabeças político para fechar o ciclo do segundo mandato.

MARQUISE REDUZ COLETA DE LIXO

A empresa Marquise reduziu o número de caminhões compactadores que fariam a coleta de lixo esta noite em Itabuna, situação que deixou bairros como Fátima, Califórnia, São Roque e Santa Inês com grande volume de resíduos acumulados. Segundo fonte ligada à empresa, apenas dois veículos estão circulando e há possíbilidade de que o serviço pare nesta quinta-feira, 31.

O blog apurou que o problema tem a ver com a retirada do trator mantido pela Prefeitura no “lixão” para realizar o manejo do material depositado diariamente no local. Com a falta do equipamento, os caminhões da Marquise ficaram sem espaço para depositar o lixo.

Por meio da assessoria de imprensa da Prefeitura, o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Marcos Monteiro, informou que de fato o trator foi retirado em função de uma emergência, mas já retornou ao lixão e estará operando normalmente a partir das 5 horas da manhã desta quinta-feira.  O titular da Sedur declarou que haverá condições plenas para a Marquise realizar a coleta.

MARCOS ALAN NA EQUIPE DE VANE

Ex-secretário de Desenvolvimento Urbano na gestão de FG, Alan integrará equipe de Vane.

Ex-secretário de Desenvolvimento Urbano na gestão de FG, Alan integrará equipe de Vane.

O prefeito Vane do Renascer recrutará mais um quadro do governo do ex-prefeito Capitão Azevedo (DEM). Será o ex-diretor de Projetos e Engenharia da Sedur (Secretaria de Desenvolvimento Urbano), Marcos Alan Farias.

Farias também foi titular da Sedur no governo do ex-prefeito Fernando Gomes. Ele ocupará cargo também na área de projetos neste novo governo. A favor do “recrutado”, pesa o fato de ser reconhecido como eminentemente técnico.

alba



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia