WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










dezembro 2019
D S T Q Q S S
« nov    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

editorias






:: ‘Tays Reis’

“HORA DA VENENOSA” NO BALANÇO GERAL

Silmara estreia a Hora da Venenosa no Balanço Geral (Reprodução TV Cabrália/Rede Record).

Silmara estreia a Hora da Venenosa no Balanço Geral (Reprodução TV Cabrália/Rede Record).

Após o sucesso na apresentação do Balanço Geral (TV Cabrália/Rede Record) durante as férias de Tom Ribeiro, Silmara Sousa ganhou quadro exclusivo no programa, o “Hora da Venenosa”. A estreia foi nesta segunda pós-carnaval antecipado de Itabuna.

Silmara abordou o sucesso da folia deste ano e falou de uma das principais atrações da festa, Tays Reis, vocalista da Banda Vingadora. A apresentadora sugeriu humildade à cantora grapiúna. No ar, Silmara diz que Tays esnobou na avenida. E logo em casa…

CARNAVAL DE ITABUNA TERÁ ALINE ROSA E VINGADORA

Tays Reis será uma das atrações do Antecipado deste ano (Foto Divulgação).

Tays Reis será uma das atrações do Antecipado deste ano (Foto Divulgação).

A programação do Carnaval Antecipado de Itabuna será anunciada na próxima sexta (27) pelo prefeito Fernando Gomes, na Avenida Aziz Maron, às 20h. Serão 50 atrações entre bandas e trios elétricos na festa que começa com a Lavagem do Beco do Fuxico, dia 10 de fevereiro. As principais atrações da festa serão a cantora Aline Rosa e a Banda Vingadora, da vocalista Tays Reis.

O município ainda não informou quanto gastará com a folia, mas antecipou que será um carnaval regional. A estimativa dos organizadores é de que a folia atraia em torno de 100 mil pessoas em três noites de festa. O Carnaval Antecipado, de 10 a 12 de fevereiro, será organizado pela Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (Ficc) em parceria com a iniciativa privada.

VINGADORA DISPUTA PRÊMIO MULTISHOW DE MELHOR CLIPE

A ilheense Tays Reis é vocalista da Banda Vingadora, que disputa prêmio nacional (Foto Divulgação).

Tays Reis, vocalista da Banda Vingadora, que disputa prêmio nacional (Foto Divulgação).

A banda Vingadora está entre os indicados ao Prêmio Multishow 2016 com o clipe Paredão Metralhadora. A produção audiovisual, que ultrapassou 170 milhões de visualizações no Youtube e foi eleita a música do Carnaval, está disputando o prêmio com Bang, de Anita, Porque eu sinto falta, de Lexa, e Essa é a hora, de Mc Marcelly.

A votação dessa primeira fase será finalizada na próxima sexta-feira (26) e conta com a votação popular que está sendo realizada por meio de hashtags no Twitter.

– Estou muito feliz em ser uma das indicadas deste prêmio do Multishow. Estamos contado com o apoio dos fãs e do Brasil inteiro que curtiu bastante a nossa proposta – comemora Tays Reis, vocalista do grupo.

O clipe possui diversas referências ao filme Mad Max: Estrada da fúria, que tem a personagem Imperatriz Furiosa. As imagens mostram um campo de batalha. A cantora, ao lado de outras “companheiras”, duela com um violonista e seus músicos. Confira link para votação.

Relembre o clipe.

GENÉRICO DA VINGADORA VIRA CASO DE POLÍCIA

Banda genérica já havia marcado show também em Vila Velha (ES).

Banda genérica já havia marcado show também em Vila Velha (ES).

Reportagem da Revista Quem traz um fato inusitado, mas já previsível. Na noite do último sábado (5), duas bandas foram conduzidas à delegacia por plagiarem a Vingadora, de Tays Reis.

Um dos grupos envolvidos tem como vocalista a ilheense Verônica Pocahontas, conhecida como Verycat, famosa por participar de concursos de beleza na região.

A ilheense usava o nome da banda Vingadora e cantava as músicas do grupo num show na cidade de São Francisco de Itabapoana, interior do Rio de Janeiro, quando foi abordada ainda no palco.

Denunciada, a banda prestou depoimento sobre o uso da identidade visual do grupo musical original, informou a reportagem.

Nos últimos dias, empresários e advogados da banda original têm empreendido uma verdadeira caçada aos plagiadores.

IVETE, BELL E VINGADORA LIDERAM RANKING DE EXPOSIÇÃO NAS TVs

Ivete liderou em tempo de exposição nas TVs (Foto Divulgação).

Ivete liderou em tempo de exposição nas TVs (Foto Divulgação).

Pesquisa da MidiaClip, no período de 4 a 10 de fevereiro, mostra que Ivete Sangalo foi a campeã em tempo de exposição nas emissoras de TV durante o carnaval baiano. Ela ocupou 24h34min, seguida por Bell Marques, com 14h34min, e a novata Banda Vingadora (Tays Reis), com 13h02min.

O levantamento foi feito em 17 emissoras que cobriram a festa, segundo a MidiaClip, e considera o nome mais citado e visto nas reportagens e transmissões do carnaval num conjunto de 2.354 matérias e 241 horas 07 minutos e 46 segundos de pesquisa.

Ano passado, o líder em exposição foi Psirico, que passou por cirurgia em pleno carnaval. Agora, Ivete recupera a liderança.

PAREDÃO DERRUBA OPONENTES

No quesito música, Paredão metralhadora teve 157 execuções durante o período de transmissão em TVs, enquanto Minha deusa (Chapinha), de Bell Marques, obteve 47 citações/execuções. A pesquisa também aferiu citações a blocos (Coruja liberou com 10h34min) e camarotes (Expresso 2222 liderou com 8h39min). Confira o tempo de exposição de cada artista ou banda.

POSIÇÃO ARTISTAS/BANDAS TEMPO
Ivete Sangalo 24:34:52
Bell Marques 14:34:08
Banda Vingadora 13:02:19
Psirico 12:01:59
Saulo Fernandes 11:27:54
Armandinho Dodô e Osmar 10:32:39
Daniela Mercury 09:45:20
Olodum 09:17:28
Claudia Leitte 08:23:05
10° É O Tchan 07:23:42

COMO UMA ANÔNIMA EMPODERADA METRALHOU A CHAPINHA DE BELL MARQUES

Tays Reis, da Vingadora, metralha sucesso - também de gosto duvidoso - de Bell Marques.

Tays Reis, da Vingadora, metralha sucesso – também de gosto duvidoso – de Bell Marques.

O jornalista baiano João Pedro Pitombo é dos bons nomes da nova geração. Da redação d´A Tarde, migrou para a Folha, sendo repórter da sucursal do diário dos Frias. Neste carnaval, entre uma matéria e outra, escreveu o texto abaixo, falando da dor de cotovelo de Bell Marques ao sentir que sua chapinha estava sendo metralhada pela Vingadora. Confira o texto abaixo.

João Pedro Pitombo | Blog Alalaô Folha

Um vácuo se abriu com a crise dos blocos e do axé, mas o espaço foi ocupado por novas atitudes e discursos que criaram um contraponto ao velho esquema do Carnaval de Salvador.

Foram várias lutas em diferentes ringues. Num deles, a demanda venceu a oferta, e os onipresentes blocos perderam espaço para os trios sem cordas e sem segregação.

Noutros ringues, as manifestações populares ganharam mais espaço, e o axé se oxigenou com novas influências. Um marco: Saulo Fernandes, no Campo Grande, cantando o dub “Playsom”, da Baiana System.

Mas a principal das lutas acabou por nocaute, ungida pelos foliões. De um lado, a música “Paredão Metralhadora”, da banda Vingadora, pela primeira vez na folia. Do outro, Bell Marques, com mais de 30 carnavais, e seu “cabelo de chapinha”.

A “arrochadeira” da Vingadora fala de embates entre “paredões de caixa de som”, mas prega o empoderamento das mulheres. Logo, foi adotada por outras cantoras, como Ivete Sangalo.

Não é um discurso político, vá lá. Mas cantar que “as que comandam vão no trá” está a anos-luz da música oponente de Bell, cuja letra original dizia para a mulher ir ao salão de beleza ficar “do jeito que seu nego gosta”.

A polêmica foi enorme, e a música teve a letra alterada depois de acusações de racismo, com intervenção do Ministério Público. Mesmo assim, não perdeu a essência.

Em desfile na Barra, Bell chegou a dizer que “se não ganhar [o prêmio de melhor música], tem alguma coisa errada”. Isso num Carnaval em que foram registrados mais de 500 casos de violência contra a mulher e mais de cem de racismo.

De fato, tem alguma coisa errada, Bell. Mas que, de forma lúdica, começa a ser metralhada. Trá-trá-trá!

Confira mais aqui








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia