dezembro 2014
D S T Q Q S S
« nov    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  



american park

:: ‘tráfico de drogas’

ENXUGANDO GELO

Marlos Macedo, da Homicídios (Foto Diário Bahia).

Macedo, da Homicídios (Foto Diário Bahia).

Titular da Delegacia de Homicídios, Marlos Macedo recentemente comparou a tarefa de combate ao crime em Itabuna a “enxugar gelo”. Sábado, este blog revelou que a escalada do crime no município avançava e tínhamos, ao final de novembro, mais homicídios em 2014 do que no ano anterior (relembre aqui).

Hoje, o delegado falou ao repórter Oziel Aragão, da Rádio Difusora e do Plantão Itabuna, que a polícia tem combatido o tráfico de drogas e prendido mais rápido os assassinos para tentar evitar tragédia ainda maior. A preocupação com o tráfico é maior, pois, segundo a polícia, cerca de 80% dos homicídios têm relação com as drogas.

JOVENS SÃO PRESOS COM 4,7 QUILOS DE MACONHA E COCAÍNA NO CASTÁLIA

Samuel e Mariana foram presos por tráfico (Foto PM).

Samuel e Mariana foram autuados por tráfico (Foto PM).

Drogas, arma e objetos apreendidos.

Drogas, arma e objetos apreendidos.

Policiais militares prenderam quatro jovens acusados de tráfico e associação ao tráfico de drogas, por volta das 6h30min desta segunda-feira (24), no Castália, bairro nobre de Itabuna.

A “boca” funcionava na Rua Major Dórea, onde foram apreendidos 4 quilos e 750 gramas de maconha e cocaína, R$ 1.556,00 em espécie, uma pistola 380 e caderneta com nomes de clientes.

No imóvel, também foram encontrados documentos de habilitação e de veículos em nome de terceiros. A casa foi alugada há pouco mais de um mês, segundo investigação da polícia.

Samuel Carvalho Luna Neto e Mariana Vila Nova Costa, Patrick Ferraz e Leandro da Silva Souza foram presos pelos militares e encaminhados para o Complexo Policial de Itabuna.

Samuel e Mariana serão indiciados por tráfico de drogas. Já Patrick e Leandro, poderão ser indiciados por associação ao tráfico. Os quatro foram autuados em flagrante pela delegada Ana Paula Fontes. Samuel e Mariana ficaram presos e os outros dois foram liberados após depoimentos.

De acordo com os policiais que efetuaram a prisão, Samuel estava armado com a pistola 380 e correu para a residência. No imóvel, a polícia encontrou a droga e os objetos, além de Mariana Vila Nova. Os outros dois jovens conversavam com Samuel no momento em que a PM chegou ao local.

 

CASAL DE TRAFICANTES É PRESO COM 360 QUILOS DE DROGAS

Ricardo e Priscila foram presos com 360 quilos de drogas (Foto Divulgação).

Ricardo e Priscila foram presos com 360 quilos de drogas (Foto Divulgação).

Uma operação conjunta do Departamento de Narcóticos (Denarc) e Polícia Federal resultou na apreensão de 350 quilos de maconha e 9,5 quilos de cocaína, transportados numa caminhonete, do município de Irecê para Salvador, pelo casal Ricardo Barbosa, de 34 anos, e Priscila Carvalho dos Santos, 23. O flagrante ocorreu na madrugada de segunda-feira (17), no bairro de Valéria, onde a droga seria distribuída para outros traficantes.

O casal foi apresentado à imprensa, na manhã desta terça-feira (18), no auditório do Departamento de Homicídios, na Pituba, pelo diretor do Denarc, delegado André Viana, e pelos delegados, Maurício Moradillo, da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), e André Rocha, da Polícia Federal. Durante a entrevista coletiva, os delegados forneceram detalhes da operação de apreensão da droga, avaliada em R$ 500 mil.

Ricardo e Priscila carregaram a picape Ford Ranger, de placa JQQ-6300, em Irecê, com 323 tabletes de maconha prensada e mais nove tabletes de cocaína, acondicionadas em sete sacos de aniagem. Investigadores da DTE/Feira passaram a acompanhar o deslocamento do casal de traficantes a partir da cidade de João Dourado, até o bairro de Valéria.

Conduzidos para a sede da DTE, no Complexo dos Barris, Priscila e Ricardo foram autuados em flagrante por tráfico de drogas pelo delegado Omar Leal. Ricardo tem passagem pela polícia por tráfico e chegou a cumprir três anos e meio de prisão. Já Priscila foi presa em 2010, por roubo. Os dois traficantes já estão sistema prisional.

TRAFICANTE É MORTO NA FRENTE DA ESPOSA E DA FILHA EM ITACARÉ

Um homem foi morto dentro de casa na cidade de Itacaré, no sul do estado, durante a madrugada desta quarta-feira (8). Romário Batista da Silva, 26 anos, estava no imóvel acompanhado da mulher e da filha de 29 dias de idade. Segundo a delegacia do município, o homicídio tem relação com o tráfico de drogas.

O crime aconteceu por volta de 3h30min, na rua Pedro Longo. Quatro homens invadiram a quitinete no bairro da Pituba e atiraram contra a vítima. A mulher e a criança não ficaram feridas. “Eles estavam deitados na mesma cama, por pouco os três não morreram”, relata o delegado titular da cidade Emanuel Matos.

Segundo o Delegado, quando os invasores derrubaram a porta do imóvel Romário reagiu e ainda baleou um dos criminosos. Dois suspeitos foram detidos ainda durante a madrugada pela 72ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) e tiveram prisão em flagrante decretada ainda hoje.

Jairo Neves do Nascimento, atingido na perna pelo tiro disparado por Romário, foi encaminhado para o Hospital Geral de Ilhéus. Leonardo Silva dos Santos, 19 anos foi ouvido pelo delegado Emanuel na tarde de hoje e segue detido na carceragem da delegacia de Itacaré, apesar de ter negado participação no crime. “Encontramos ele logo depois do caso e com a arma que foi usada no crime”, argumenta Matos. A dupla deve ser transferida para o Presídio de Ilhéus.

De acordo com o delegado, Romário já foi preso por tráfico de drogas e o crime foi motivado por uma briga por pontos de venda de drogas na cidade. Do Correio.

TRAFICANTES DE DROGAS AMEAÇAM DE MORTE PROFESSORES DE COLÉGIO ILHEENSE

Torpedos com ameaças são enviados para celulares dos professores.

“Torpedos” são enviados para celulares dos professores.

Professores de uma escola rede estadual no Malhado, em Ilhéus, estão sendo ameaçados de morte por supostos traficantes. Vários profissionais receberam mensagens em telefones celulares com números identificados, segundo a direção da Associação dos Professores Profissionais de Ilhéus (APPI/APLB-Sindicato).

Os traficantes ameaçam matar os educadores porque estes teriam acabado com supostas bocas de fumo no Centro Estadual de Educação Profissional (Colégio Estadual de Ilhéus). Os educadores também são xingados nas mensagens, de acordo com a direção do sindicato da categoria.

A direção da APPI informou que encaminhará denúncia à Secretaria Estadual de Educação, Ministério Público Estadual e Procuradoria Geral do Estado da Bahia. As vítimas das ameaças prestaram queixa na 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (7ª Corpin).

Os professores dizem desconhecer a existência de boca de fumo no colégio estadual.

ILHÉUS: MP DENUNCIA DEZ ACUSADOS DE TRÁFICO DE DROGAS

De Goiânia, Marcelo Bola comandava o tráfico em Ilhéus (Foto PC-BA)

De Goiânia, Marcelo Bola comandava o tráfico em Ilhéus (Foto PC-BA)

Dez integrantes de uma organização criminosa que atuava no tráfico de drogas no município de Ilhéus foram denunciadas pelo Ministério Público estadual à Justiça. A denúncia, oferecida pelo promotor de Justiça Maurício Pessoa Godim de Matos, foi encaminhada à 1ª Vara Criminal de Ilhéus na última segunda-feira, dia 31.

Os denunciados são Marcelo do Nascimento, conhecido como “Marcelo Bola”, que liderava a quadrilha; Mônica Almeida Nascimento, sua companheira; e mais Edenilson Pinheiro Santos, conhecido como “Riquinho”; Nelilda Santos de Santana, a “Néa”; Mário Sérgio Santos Lima, o “Cê”; Júlio César dos Santos Roiz, e o “Sérgio”.

A lista é completada por Edjaldo Oliveira do Nascimento, o “Jal”; Anselmo Oliveira Souza Filho, o “Minho”; Rafael Oliveira da Conceição, o “Rato”; e Ricardo Ferreira Costa, o “Pingo”. Eles tiveram a prisão preventiva decretada no último dia 25 de março e encontram-se custodiados no Conjunto Penal de Ilhéus.

As investigações que desbarataram a quadrilha foram realizadas entre julho de 2013 e fevereiro deste ano pela Polícia Civil de Ilhéus, através da Coordenadoria Regional de Polícia do Interior com o apoio da Superintendência de Inteligência da Polícia Civil da Bahia.

Armas de fogo, munições, drogas, balanças de precisão, celulares e farta documentação foram apreendidos em operações realizadas em agosto de 2013 e fevereiro deste ano nas residências dos denunciados. Foi apurado que o líder “Marcelo Bola”, que à época residia na cidade de Goiânia (GO), comandava os demais integrantes da quadrilha através de ligações telefônicas.

“Bola” era o responsável pela aquisição de armas de fogo e munições, que ficavam armazenadas na casa da sua companheira Mônica, e também intermediava a aquisição de drogas para o bando. Os demais tinham funções específicas de gerência financeira, armazenagem, aquisição, distribuição e comercialização da droga. Todos foram denunciados por associação ao tráfico de drogas.

TRAFICANTE USAVA CAMISA COM BRASÃO DA PM EM ILHÉUS

Drogas, armas e dinheiro apreendidos com Erisson Aquino.

Drogas, armas e dinheiro apreendidos com Erisson Aquino Salomão.

Moto aprendida com Erisson ontem à noite.

Moto aprendida com Erisson ontem à noite.

A polícia militar prendeu ontem à noite em Ilhéus um traficante com 350 gramas de cocaína, duas balanças de precisão, revólver calibre 38, uma pistola PT 380 e R$ 1.380,00 em espécie.

Erisson Luiz de Aquino Salomão foi preso em flagrante, na Avenida Princesa Isabel. Ele estava usando camisa preta com brasão da Polícia Militar, segundo o Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto) que realizou a abordagem.

Com o traficante ainda foram encontrados uma moto Honda Bros 150, vermelha, placa OKN-4442 e uma Honda Fan preta, placa NTM-2580, que teve a numeração adulterada para 2588. Erisson foi encaminhado para a sede regional da Polícia Civil e deve responder por tráfico de drogas, dentre outros crimes.

OPERAÇÃO EM MORROS DE ILHÉUS PRENDE QUADRILHAS COM ARSENAL, DROGAS E DINHEIRO

Drogas, dinheiro e armas apreendidos na operação em Ilhéus.

Drogas, dinheiro e armas apreendidos na operação em Ilhéus.

Uma operação comandada pela 70ª Companhia Independente da PM resultou na apreensão de arsenal, drogas, dinheiro e três menores e na prisão de quatro bandidos em Ilhéus. Dentre os presos estão Jailson Conceição dos Santos e Leonardo Santos de Oliveira que possuem várias passagens pela polícia, segundo o comandante da 70ª CIPM, Wesley Simões, afirmou ao PIMENTA. A operação em quatro localidades de Ilhéus ocorreu após tiroteios e invasões promovidas por gangues rivais.

Jailson Conceição dos Santos (blusa vermelha) e Leonardo Santos de Oliveira foram presos na operação com rifles e armas na cintura.

Jailson Conceição dos Santos (blusa vermelha) e Leonardo Santos de Oliveira foram presos na operação com rifles e armas na cintura, acompanhados de menores.

A operação contou com reforço do Peto da 68ª CIPM e apreendeu dois rifles, seis revólveres e uma pistola calibres 38 e uma espingarda calibre 32, além de grande quantidade de munições, cinquenta trouxas de maconha, onze papelotes de cocaína, 20 pedras de crack e balança de precisão.

De acordo com o comandante da companhia, também foram apreendidos celulares e R$ 500 em dinheiro com os traficantes. Sob o comando do major Daniel Riccio, a operação foi desenvolvida nos altos do Carvalho, do Basílio e da Esperança, além do Teotônio Vilela, sendo uma resposta às invasões e tiroteios promovidos pelas gangues rivais.

TRAFICANTE MANTINHA COMPANHEIRA EM CÁRCERE PRIVADO HÁ DOIS MESES

Um traficante foi preso acusado de manter uma mulher em cárcere privado em Eunápolis, no sul do estado, segundo informações da delegacia da cidade. Gideon Gomes Ribeiro, 19 anos, ainda é suspeito por pelo menos cinco homicídios, todos com ligação com o tráfico de drogas da cidade, segundo a Polícia Civil. Gideon foi autuado por estupro e cárcere privado.

A vítima, de 21 anos, que está tendo o nome preservado, era companheira de Gideon e contou que não saia do lugar há 2 meses. Ela foi encontrada pela Polícia Militar bastante debilitada em uma casa no bairro Alecrim II.

O delegado Élvio Brandão disse que na casa foram apreendidos materiais que teriam sido usados para provocar lesões na vítima, como fios de TV, chaves de fenda e pé de cabra. “Ela também relatou que sofria violência sexual, era obrigada a ter relação sexuais com ele”, disse Brandão ao Radar64.

O delegado falou sobre os homicídios que Gideon é suspeito, que tiveram muita crueldade na execução. “Como é o caso do Rafael, que teve os olhos arrancados. Uma moça que há pouco tempo foi encontrada com a cabeça esmagada. Um outro indivíduo que teve o braço decepado”, explica Brandão. Cada morte é investigada por um inquérito diferente. Informações do Correio.

TRAFICANTE “MÁRCIO BOMBA” MORRE EM CONFRONTO COM A POLÍCIA EM JEQUIÉ

Drogas, arma,munição e dinheiro apreendidos na casa de "Bomba".

Apreensão feita na casa do traficante “Márcio Bomba”, morto em confronto.

Apontado como líder do tráfico em Jequié, Márcio Barros Santos, o Márcio Bomba, morreu em confronto com policiais militares no Bairro Jequiezinho, por volta das 5h30min deste domingo (4). A ação reuniu equipes das Missões Especiais, Ceto e Abutres do 19º Batalhão da Polícia Militar.

Os policiais cercaram o imóvel onde estava Márcio Bomba e, segundo o comando, foram recebidos a bala. O traficante conseguiu furar o cerco, segundo a polícia, e foi atingido no tórax ao atirar novamente contra policiais, que cumpriam mandados de busca e apreensão e prisão.

Ferido, Bomba foi levado para o Hospital Geral Prado Valadares, em Jequié, mas não resistiu. O corpo acabou encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT). Segundo a PM, Bomba era de Itapetinga e tentava também liderar o tráfico em Jequié.

A polícia encontrou na mochila do traficante documentos de identidade falsificados emnome de Leandro da Silva Oliveira e Eliomar Oliveira Silva, munição de diversos calires e caderno com anotações, supostamente, de dívidas do tráfico. Márcio estava armado com um revólver calibre 38.

Ao fazer revista na casa do traficante, foram encontrados crack, uma moto Honda CB 300 e dinheiro. Segundo a polícia, Naiane de Jesus Silva, companheira de Bomba, assumiu ser dona de uma grande quantidade de crack.

SALÃO ERA FACHADA PARA O TRÁFICO DE DROGAS

Adeilton usava salão de beleza como fachada para o tráfico (Foto Divulgação).

Adeilton usava salão de beleza como fachada para o tráfico (Foto Divulgação).

Um salão de beleza no distrito de São João do Paraíso, em Mascote, era usado como ponto para o tráfico de drogas, segundo o comando da Polícia Militar em Camacan, no sul da Bahia. O ex-guarda municipal Adeilton Grigório dos Santos Filho foi autuado em flagrante por tráfico.

A polícia encontrou no imóvel do ex-servidor público seis papelotes de cocaína, 183 gramas de maconha distribuída em catorze tabletes e cinco blocos, além de uma balança de precisão e um rifle Diamond. A polícia iniciou a investigação após receber denúncia anônima. Quando chegou ao salão, na Rua Camacan, em Mascote, Adeilton negou que fosse traficante e apenas possuía um rifle de ar-comprimido.

Segundo o comandante da 69ª Companhia da PM, major Rodrigues Castro, Adeilton autorizou uma busca no estabelecimento. Na “geral” no estabelecimento, os policiais encontraram drogas, arma e dinheiro. A polícia promete intensificar as ações contra o tráfico em Mascote. Nesta semana, a comunidade interditou a BR-101 por mais de três horas (relembre aqui) em protesto contra a onda de violência no distrito de Paraíso.

JOVENS DE CLASSE MÉDIA PRESOS POR TRÁFICO FAZEM CHACOTA EM DELEGACIA

Jovens presos acusados de tráfico de drogas em Salvador (Foto Almiro Lopes/Correio da Bahia).

Jovens presos acusados de tráfico de drogas em Salvador (Foto Almiro Lopes/Correio da Bahia).

Seis jovens de classe média foram presos, ontem de madrugada, na Pituba, Costa Azul, Stiep e Imbuí acusados de tráfico de drogas. Dois deles são filhos de policiais. O grupo é acusado de vender maconha, cocaína e drogas sintéticas em boates e festas de música eletrônica em bairros como Rio  Vermelho e Barra.

As prisões de Rafael Motta Cabral, 31 anos, João Carlos Montenegro de Oliveira, 28, Rafael Matos Ramos da Silva, 30, Igor da Silva Neto, 32, Roberto Wallace Carvalho Pinto, 24, e Estiven Anderson Silva Gonçalves, 36, foram resultado de uma operação conjunta dos departamentos de Narcóticos (Denarc) e de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da Polícia Civil, com apoio da Polícia Militar.

Durante a apresentação, os seis acusados se recusaram a mostrar o rosto, mas riram e questionaram se a “sessão de fotos” não iria acabar. “O processo na Justiça vai esclarecer tudo”, disse Roberto Wallace. Quando questionado se a droga apreendida pertencia a ele, se esquivou: “Não quero falar agora, não”. Informações do Correio.

MÃE ACREDITA QUE PROMOTER ITABUNENSE PODE TER SIDO INFLUENCIADA POR MÁS COMPANHIAS

Sendy é itabunense e  foi presa com carro roubado na capital baiana (Foto Facebook).

Sendy é itabunense e foi presa com carro roubado na capital baiana (Foto Facebook).

A itabunense Sendy Gabrielle Gomes, presa na noite da última terça, 9, em Salvador, pode ter sofrido influência de más companhias, na opinião da mãe dela em entrevista à Rede Bahia. A mãe não teve revelado o próprio nome pela equipe da TV Bahia e vai a Salvador encontrar a filha.

Sendy é suspeita de tráfico de drogas e assaltos em Salvador e foi presa junto com Débora Carvalho de Menezes, 19 anos. As duas estavam em um Fiat Pálio roubado e com placa clonada, além de cachimbo e 15 gramas de maconha, segundo a polícia (relembre aqui).

A mãe da itabunense disse que a filha frequentava a igreja, sempre foi uma pessoa tranquila e estudou até a 6ª série, quando então decidiu morar em Salvador, já aos 18 anos. Sendy morava na Califórnia, em Itabuna.

POLÍCIA PRENDE TRAFICANTES COM 3 MIL PEDRAS DE CRACK EM FEIRA

Traficantes de 19 e 20 anos foram apreendidos com 3 mil pedras de crack (Foto PC).

Traficantes de 19 e 20 anos foram apreendidos com 3 mil pedras de crack (Foto PC).

Uma operação das polícias Civil e Militar apreendeu mais de três mil pedras de crack, hoje, 28, no Bairro George Américo, em Feira de Santana. Os traficantes Bruno Wesley Souza Santana, Daniel Carvalho dos Santos e Franklin de Jesus Lima, de 19 anos, e Jossimar Araújo Santos, de 20, foram presos.

A polícia prendeu os traficantes após denúncia anônima. A droga era vendida em dois pontos de tráfico no George Américo, localizados nas ruas D1 e U1. Segundo o delegado Mateus Souza Lima, da Tóxicos e Entorpecentes, também foi apreendida pequena quantidade de maconha.

POLÍCIA FAZ OPERAÇÃO CONTRA O TRÁFICO

Policiais comandam uma mega-operação, denominada Batendo de Frente, na manhã desta quarta feira (13), em Itabuna. O objetivo é combater o tráfico de drogas e diminuir a violência na cidade. Diversas viaturas estão em ações em diferentes bairros e uma revista geral foi realizada no Presídio de Itabuna. Um pelotão de Choque da PM, policiais do Centro de Operações Especiais (COE), Polícia Rodoviária Federal, Civil e Militar participam da operação.

Os serviços dos Complexo Policial e Detran estão suspensos. Cerca de vinte detentos, dentre eles, Fábio dos Santos Posidônio (Binho Posidônio), Bartolomeu Mangabeira (Bartô), Jack Bombom, Boleta e Diego -da chamada linha de frente do tráfico de drogas e considerados os comandantes dos raios A e B, foram levados do presídio para o Complexo Policial. O motivo ainda é desconhecido. As informações são do Rede Brasil de Notícias.

R$ 500 MIL EM DROGAS: QUADRILHA É PRESA COM 5,5 QUILOS DE COCAÍNA E MACONHA

Quadrilha comandada por Mouzart tinha mais de R$ 500 mil em drogas (Foto PC).

Quadrilha comandada por Mouzart tinha mais de R$ 500 mil em drogas (Foto PC).

A Polícia Civil prendeu quadrilha com quatro quilos de cocaína e um quilo e meio de maconha, ontem, em Lauro de Freitas. As drogas apreendidas estão avaliadas em R$ 500 mil. O bando era integrado por seis homens e tinha como líder Ricardo Mouzart, traficante famoso no município da Região Metropolitana de Salvador.

Além de Mouzart, foram presos Marcos Bastos dos Santos, o “Barriado”, de 26 anos, Daniela Almeida de Souza, 18, Bruno Carvalho Régis, 25, Tiago Carvalho Régis, 24, Ricardo Conceição dos Santos, 22, e Vanildo Silva de Lima, 20.

De acordo com a Polícia Civil, além de cocaína e maconha, o grupo estava com sete quilos de ácido bórico e material para embalar drogas. Foram apreendidas, também duas pistolas – ponto 40 e 380 -, um revólver calibre 38 e um veículo Golf, de cor prata, placa JPK – 2308. A quadrilha foi apresentada hoje, 28, pelo delegado Cláudio Meireles.

OPERAÇÃO COMBATE TRÁFICO DE DROGAS EM ITABUNA

Cerca de 330 policiais civis e militares cumprem mais de uma centena de mandados de busca e apreensão e de prisão contra o tráfico de drogas em Itabuna. A mega operação conta com reforço de um helicóptero do Grupamento Aéreo da polícia militar, o Graer, que sobrevoa a cidade e transfere para o Complexo Policial local dezenas de presos na operação.

A operação tem ainda reforço da Polícia Rodoviária Federal e do Ministério Público estadual. Balanço da operação será divulgado até o início da tarde desta sexta, 31. Esta é a maior operação já desenvolvida em Itabuna nos últimos anos e supera até mesmo a Operação Saneamento, deflagrada em agosto de 2010, quando mais de 50 pessoas foram presas.

TRAFICANTE TENTA ENGOLIR 30 PEDRAS DE CRACK PARA FUGIR DE FLAGRANTE

Um traficante de drogas tentou engolir 30 pedras de crack durante uma abordagem realizada por policiais da Delegacia Territorial (DT) de Iaçu, no norte baiano. Nitevaldo da Silva Nascimento, de 39 anos, foi abordado pelos agentes com o entorpecente ainda dentro da boca. Ele tentou engolir para escapar do flagrante, mas não conseguiu.

A carga foi apreendida e dois adolescentes que estavam com o traficante foram encaminhados ao Ministério Público. O acusado havia deixado a cadeia há oito meses, depois de cumprir uma pena de nove anos por tráfico de entorpecentes. Ele voltará para a cadeia e responderá pelo mesmo crime cometido anteriormente. Informações do Bahia Notícias.