WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘trânsito’

SINAL VERMELHO

Carro da Settran é flagrado estacionado em calçada e na saída de garagem (Foto WhatsApp).

Carro da Settran é flagrado estacionado em calçada e na saída de garagem (Foto WhatsApp).

A imagem de um carro da Settran estacionado na calçada e fechando a saída de uma distribuidora (apesar do aviso em letras chamativas) chamou a atenção de muita gente e provocou debates em redes sociais. O flagra ocorreu em uma das transversais da Avenida Amélia Amado, próximo ao Terminal Rodoviário, no centro comercial, ontem (28) pela manhã.

Indagado pelo Pimenta, o secretário de Transporte e Trânsito, Roberto José, tratou a cena como inaceitável e prometeu sindicância para apurar responsabilidades pelo mau exemplo.

ALUNOS DO IFBA PARA DIRETOR DO DNIT: “A GASOLINA TÁ VALENDO MAIS QUE SUA PALAVRA”

Estudantes mandam recado para diretor do Dnit: "A gasolina tá valendo mais que sua palavra".

Alunos do IFBA mandam recado para diretor do Dnit: “A gasolina tá valendo mais que sua palavra”.

Alunos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA), campus Jacobina, iniciaram, na manhã de hoje (7), um protesto para reivindicar a reposição dos redutores de velocidade no trecho da BR-324 localizado próximo à instituição. Eles fecharam a via por cerca de duas horas. Após o início dos protestos, representantes dos estudantes se reuniram com o titular do Serviço Municipal de Tráfego e Transporte (SMTT) de Jacobina, Wagne Melkart.

Ele prometeu manter um agente de trânsito nos horários de entrada e saída dos estudantes, além de cones para estimular a redução de velocidade dos motoristas. O gestor marcou para esta tarde uma reunião entre os estudantes e o prefeito de Jacobina, Rui Macedo, para discutir a possibilidade da prefeitura assumir a construção dos quebra-molas.

Desde outubro de 2014, a direção do campus vem buscando essa reposição junto ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). O diretor geral, Epaminondas Macedo, informa que, além do envio de dois ofícios (1º de outubro de 2014 e 5 de fevereiro de 2015), foi pessoalmente ao órgão federal reforçar a importância dos equipamentos para a segurança dos estudantes, servidores e da população em geral.

Durante a visita ao Dnit, foi prometido que, até o final de março de 2015, os redutores seriam reimplantados. Até o momento, reclama Epaminondas, o trecho continua sem os equipamentos. Os estudantes lembraram do superintendente do Dnit na Bahia, Amauri Lima, e mandaram recado por meio de faixa: “a gasolina tá valendo mais que sua palavra”.

EM ITABUNA, RADARES NÃO PERDOAM MAIS

Aziz Maron é um dos pontos onde radares e sensores foram instalados (Foto Gabriel Oliveira).

Aziz Maron é um dos pontos onde radares e sensores foram instalados (Foto Gabriel Oliveira).

Quase mil motoristas e motociclistas foram flagrados em excesso de velocidade ou invadindo o sinal em Itabuna, em fevereiro, por sensores e radares nas avenidas Aziz Maron (Beira-Rio) e Princesa Isabel (em frente à prefeitura). Como era período educativo, ninguém foi multado. Porém, agora não haverá mais perdão aos infratores.

Quem for pego pela fiscalização eletrônica, será multado e poderá ainda perder pontos na carteira. A multa chega a R$ 574,00, a depender da velocidade. O infrator até poderá ter a carteira de habilitação apreendida.

A fiscalização eletrônica será estendida, ainda neste mês, a outros pontos de grande fluxo de veículos, como os cruzamentos da Avenida do Cinquentenário com a Professor Alício de Queiroz (Praça Camacan) e Adolfo Maron, além das avenidas Amélia Amado e J.S. Pinheiro.

VAN DO TRANSPORTE ESCOLAR TRAFEGA PELA CONTRAMÃO EM ITABUNA

infracao de transito

Como se não bastassem as complicações naturais do trânsito de Itabuna, vez por outra aparece um desorientado para aumentar a confusão. Foi o que aconteceu na manhã desta quarta-feira (11), quando o motorista de uma van, utilizada em transporte escolar, trafegava despreocupadamente pela contramão da Rua Nações Unidas.

A imagem foi registrada por um leitor, que infelizmente não conseguiu fotografar a placa do veículo.

CONCHA NO PONTO!

Pouco menos de 24 horas após a Secretaria de Transporte e Trânsito autuar um veículo por estacionar em um ponto de ônibus, uma empresa de coleta de entulho sentiu-se à vontade para colocar uma concha em uma parada de ônibus. A foto é de um leitor do blog.

Pouco menos de 24 horas após a Secretaria de Transporte e Trânsito autuar um veículo por estacionar em um ponto de ônibus, uma empresa de coleta de entulho sentiu-se à vontade para colocar uma concha em uma parada de ônibus. A foto é de um leitor do blog.

AUTUADO POR ESTACIONAR EM PONTO DE ÔNIBUS

Carro foi autuado pela Settran por estacionar em ponto de ônibus (Foto Settran).

Carro foi autuado pela Settran por estacionar em ponto de ônibus (Foto Settran).

Um Fiat Pálio foi autuado, ontem à tarde, na Avenida Princesa Isabel, no São Caetano, por ter sido estacionado em um ponto de ônibus. A infração de trânsito é muito comum em Itabuna. O motorista estacionou o carro no local, mesmo com uma placa indicando que o local é uma parada de ônibus.

A assessoria da Secretaria de Transporte e Trânsito (Settran) informou ao Pimenta que as ações de fiscalização para coibir esse tipo de infração serão ainda mais intensificadas. Ontem, também foram apreendidos vários veículos estacionados em ciclofaixas na região central da cidade.

DENÚNCIA PELO WHATSAPP

A Settran disponibilizou um número para receber denúncias de infração de trânsito pelo WhatsApp. O número é o 73-8861.1395.

RADARES FLAGRAM 500 INFRATORES EM ITABUNA

Pedestres cruzam a Aziz Maron em um dos pontos com radares e sensores (Foto Gabriel Oliveira).

Pedestres cruzam a Aziz Maron em um dos pontos com radares e sensores (Foto Gabriel Oliveira).

Quatro dias foram suficientes para uma pequena amostra de como há motoristas (e motociclistas) irresponsáveis em Itabuna. Apenas em dois pontos da cidade (Avenidas Princesa Isabel e Aziz Maron), cerca de 500 condutores de veículos foram flagrados acima da velocidade permitida ou cruzando o sinal vermelho. Os flagras foram feitos pelos radares e sensores instalados em dois pontos das avenidas.

Os infratores não serão multados nem perderão pontos na carteira de habilitação neste primeiro momento, segundo o diretor de Educação para o Trânsito, Jorge Teles. As multas começam a ser aplicadas em 1º de março. Até lá, segundo ele, os infratores receberão advertência. “Essas ações têm o objetivo de preservar vidas e melhorar as condições no tráfego, principalmente para os pedestres”, diz Teles.

A previsão do diretor é de que, em março, também entrem em operação sensores de velocidade e dois radares na Avenida José Soares Pinheiro, um na Avenida Amélia Amado e nos cruzamentos da Avenida do Cinquentenário com as ruas Adolfo Maron e Professor Alício de Queiroz.

CAMINHONEIROS TERÃO QUE FAZER EXAME TOXICOLÓGICO PARA RENOVAR HABILITAÇÃO

Caminhoneiros terão que fazer exame toxicológico para renovar carteira (Foto ABr).

Caminhoneiros terão que fazer exame toxicológico para renovar carteira (Foto ABr).

Os motoristas que forem obter ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas categorias C, D e E serão obrigados, a partir de 30 de abril, a fazer exame toxicológico de “larga janela” – usado para verificar o consumo de drogas por longos períodos. Caso o laudo, que terá validade de 30 dias, constate o uso de drogas ou substâncias proibidas, o motorista será considerado inapto temporariamente.

O exame, que deverá ser feito em clínicas credenciadas pelo Departamento Nacional de Trânsito, vai testar, no mínimo, a presença de maconha e derivados, cocaína e derivados incluindo, crack e merla, opiáceos incluindo codeína, morfina e heroína, ecstasy (MDMA e MDA), anfetamina e metanfetamina.

Para conseguir a autorização para obter ou renovar a CNH, o motorista deve obter resultados negativos para um período mínimo de 90 dias, retroativos à data da coleta. Para o teste, serão coletados material biológico que poderá ser cabelos ou pelos; na ausência desses, unhas.

De acordo com resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), publicada hoje (30) no Diário Oficial da União, os motoristas que não se submeterem ao exame também serão considerados inaptos temporários ou inabilitados enquanto não apresentarem o laudo negativo do exame toxicológico.

De acordo com o Contran, a medida atende a dispositivo da Lei 12.619, de 30 de abril de 2012, conhecida como Lei do Motorista, que obriga o condutor das categorias C, D e E a submeter-se a teste e a programa de controle de uso de droga e de bebida alcoólica, instituído pelo empregador, com a ciência do empregado. Com informações da Agência Brasil.

MOTORISTA DEVE FICAR ATENTO A EXIGÊNCIA DE NOVO EXTINTOR DE INCÊNDIO

tmp_28738-c9c7b9862c893608666ef2c9e2049ac91639429529Os proprietários de veículos devem ficar atentos às novas normas sobre os extintores de incêndio, que a partir do dia 1º de janeiro, devem estar com equipamentos do tipo ABC, sob pena de multa de R$127,69 e cinco pontos na carteira. A mudança, aprovada pela Resolução 333/2009 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), dava um prazo de cinco anos para a adaptação da frota.

Apesar dos carros fabricados a partir de 2005 saírem com o equipamento apropriado, ainda existiam muitos com o tipo BC, que não poderá mais ser usado depois do dia 31 deste mês. Em média, o extintor ABC custa R$75, quase o dobro do valor do BC (R$40), mas conta com validade de cinco anos (enquanto o antigo dava prazo de três anos), sem a possibilidade de recarga, o que evita fraudes.

O novo extintor, além de combater incêndios de líquidos inflamáveis, como gasolina e diesel, e equipamentos elétricos, pode ser usado contra o fogo em materiais sólidos, como bancos, tapetes e painéis do carro, coisa que o BC não consegue fazer. A nova regulamentação vale para todo o Brasil para carros de passeio, utilitários, camionetas, caminhonetes, caminhões, ônibus, micro-ônibus e triciclos de cabine fechada.

PRF PUNE 1,5 MIL MOTORISTAS EM PRIMEIRO FIM DE SEMANA COM MULTAS MAIS ALTAS

PRF multou 1,5 mil motoristas.

PRF multou 1,5 mil motoristas.

Aproximadamente 1,5 mil motoristas foram punidos pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no primeiro fim de semana de vigência dos novos valores de multas de trânsito. Desde sábado (1º), as multas para condutores flagrados em ultrapassagens forçadas, em local proibido, ou disputando “racha” e fazendo manobras perigosas estão até dez vezes mais altas.

A maior parte – 1,39 mil – foi aplicada a motoristas ultrapassando em situações perigosas ou em locais proibidos. Nesses casos, como faixas contínuas, curvas, trevos, túneis, pontes e acostamentos, a multa aumentou de R$ 127,69 para R$ 957,70. Em caso de reincidência no período de um ano, o valor da punição dobrará.

A infração mais comum é a ultrapassagem pela contramão, em pista com faixa contínua. O chefe da Divisão de Planejamento Operacional da corporação, Edson Nunes Souza, explicou que as ações de fiscalização são planejadas de acordo com o número de acidentes registrados nas vias.

“Temos um banco de dados com os locais onde ocorrem mais acidentes. Então, direcionamos as fiscalizações para esses lugares. Dessa forma, conseguimos reduzir infrações e evitar acidentes.”

No sábado e domingo (2), 43 motoristas foram flagrados pela PRF forçando passagem em pistas simples. Esta é infração cuja multa sofreu maior reajuste, passando de R$ 191,54 para R$ 1.915,40. O valor será dobrado em caso de reincidência em 12 meses.

Seis motoristas foram multados pela por praticar o “racha” ou fazer manobras perigosas, infrações que também ficaram mais duras. “O número baixo deve-se, principalmente, ao fato de a maioria dos ‘rachas’ ocorrer dentro das cidades e não nas rodovias federais”, explicou Edson Nunes.

Segundo ele, o aumento no valor das multas faz parte de um pacote de alterações nas leis. “A proposta é diminuir as mortes no trânsito em 50% até 2020”, salientou Nunes. Acrescentou que as colisões frontais, a maioria causada por ultrapassagens indevidas, são responsáveis por cerca de 34% das mortes em rodovias federais. Da Agência Brasil.

DEU A LOUCA NA SETTRAN

O motorista que estaciona o veículo no prolongamento da Rua Bartolomeu Mariano, ao lado do prédio da Justiça Federal, no centro de Itabuna, pode ter dor de cabeça e prejuízo no bolso. Pelo menos, a partir desta semana. Desde ontem, vários veículos foram guinchados por estacionar na segunda fila da rua.

A decisão de rebocar os veículos é da Secretaria de Transporte e Trânsito (Settran), que não tem respeitado a sinalização colocada pelo próprio município. De uma hora para outra, a Settran passou a considerar que o prolongamento da Bartolomeu é mão dupla, além de praça de táxi – nunca utilizada. A desculpa varia caso a caso.

Uma placa que sinaliza a praça de táxi fantasma fica no sentido contrário ao da rua, o que “validaria” a mão dupla. Mas antes do cruzamento com a Avenida Amélia Amado há uma placa indicando que a rua é mão única. A sequência de fotos mostra que “deu a louca na Settran”, que passou a canetar com gosto naquela área.

Placa indicando praça de táxi fica no sentido inverso e surpreende motoristas.

Placa indicando praça de táxi fica no sentido inverso e surpreende motoristas.

Settran informou que rua é mão dupla. Placa indica que sentido Praça de Táxi é contramão.

Settran informou que rua é mão dupla. Placa indica que sentido praça de táxi é contramão.

Praça de táxi fantasma é mal sinalizada e irrita motoristas.

Praça de táxi fantasma é mal sinalizada e irrita motoristas.

Motoristas são surpreendidos com mudança "louca" da Setran com carros guinchados.

Motoristas são surpreendidos com mudança “louca” da Setran com carros guinchados.

CHEFE DA SUTRAN DIZ QUE PILOTAR “CINQUENTINHA” EXIGE HABILITAÇÃO

Pilotar "cinquentinha" exige autorização e emplacamento (Foto Divulgação).

Pilotar “cinquentinha” exige autorização e emplacamento (Foto Divulgação).

Eliezer: "cinquentinha" exige autorização (Foto Alfredo Filho).

Eliezer: “cinquentinha” exige autorização.

Donos de “cinquentinhas” que pilotam sem autorização cometem infração gravíssima, segundo o superintendente de Transporte e Trânsito de Ilhéus, capitão Eliezer Ribeiro. De acordo com ele, pilotar este tipo de motoneta de 50 cilindradas exige uma habilitação especial, a Autorização para Conduzir Ciclomotores (ACC).

– Os condutores de ‘cinquentinhas’ que não estiverem devidamente regularizados estarão cometendo infração gravíssima, o que possibilitará a aplicação de multa e a apreensão do veículo – diz. A aplicação de multa e a apreensão estão previstas no artigo 168 do Código de Trânsito Brasileiro.

Quem anda de “cinquentinha” também é obrigado a usar equipamento de segurança de motos de maior cilindrada, além de emplacá-lo. “É comum vermos condutores deste tipo de veículo andando sem capacete, circulando pelo acostamento, invadindo preferenciais e passando no sinal vermelho”, diz o superintendente de Transporte e Trânsito.

O município deve apertar a fiscalização de “cinquentinhas” após o mês de setembro. Donos de “cinquentinhas” estão sendo convocados pela Superintendência de Transporte e Trânsito de Ilhéus (Sutran) para receber orientações para regularizar o veículo e obter a autorização para pilotar este tipo de motoneta.

SESSÃO ESPECIAL

As “cinquentinhas” proliferaram por todo o Brasil. A falta de emplacamento não possibilita dimensionar a quantidade desses veículos em circulação em municípios como Ilhéus e Itabuna. Em Ilhéus, a Câmara de Vereadores promove sessão nesta quarta (3) para discutir o assunto.

SINAL VERDE

Semáforo voltou a funcionar após trinta dias quebrado (Foto Marcelo Bacelar).

Semáforo voltou a funcionar após trinta dias quebrado (Foto Marcelo Bacelar).

O semáforo do cruzamento da Avenida Juracy Magalhães com a Rua José Saturnino Soares voltou a funcionar nesta sexta. O equipamento estava quebrado há 30 dias. O flagrante é de Marcelo Bacelar.

JURACY MAGALHÃES TEM SEMÁFORO QUEBRADO HÁ 30 DIAS

Quem chega a Itabuna por Ilhéus, encontra semáforo quebrado... há  trinta dias.

Quem chega a Itabuna por Ilhéus ou semianel encontra sinal quebrado.

Um semáforo no cruzamento da Avenida Juracy Magalhães com a Rua Saturnino José Soares, no Bairro de Fátima, está quebrado há exatos 30 dias, provocando acidentes no local.

Motoristas pedem à Secretaria de Transporte e Trânsito (Settran) que dê um sinalzinho (de vida!) e faça o reparo num dos principais corredores urbanos de Itabuna.

A avenida é uma das mais movimentadas (e perigosas) de Itabuna. O Colégio Ciso, um dos maiores de Itabuna, está localizado a menos de 30 metros do local, o que faz aumentar ainda mais os riscos de acidente com vítima.

Em contato com a redação, a Secretaria de Transporte e Trânsito informou que dois agentes ficam no local, de segunda a sexta, das 7h às 18h, “desde que técnicos identificaram o problema”.

Segundo o chefe do Setor de Trânsito, Manoel Junior, o equipamento tem condições de conserto. “A Settran aguarda a chegada das engrenagens já pedida ao fornecedor para restabelecer o equipamento”, informou em nota.

Apesar da informação da secretaria, motoristas e pedestres informam que várias vezes em dias úteis – e nestes horários, não há agente para dar fluidez ao trânsito.

Atualizada às 11h30min

MOTORISTA MORRE EM ACIDENTE EM FRENTE AO SHOPPING JEQUITIBÁ

Acidente ocorreu em contorno em frente ao Jequitibá (Foto BA24Horas).

Acidente ocorreu em contorno em frente ao Jequitibá (Foto BA24Horas).

A imprudência é a causa mais provável de um acidente ocorrido no início da tarde deste sábado (14), em frente ao Shopping Jequitibá, em Itabuna.

Segundo testemunhas, um caminhão carregado com entulho entrou em alta velocidade no retorno que dá acesso à Avenida Félix Mendonça. Em virtude do excesso,  o motorista, identificado como Pablo Santos Gomes, 34 anos, acabou perdendo o controle do veículo.O motorista morreu e duas crianças ficaram feridas.

A carga de entulho transportada no caminhão se espalhou na rua, levantando poeira e aumentando a confusão no trânsito.

Leia mais no BA24Horas

120 MIL VEÍCULOS EM (TENTATIVA DE) CIRCULAÇÃO

Os números foram divulgados pelo coordenador do Detran em Itabuna, Gilson Nascimento. Atualmente, existem 68 mil veículos automotores registrados na cidade, mas a frota circulante chega a 120 mil unidades, considerados os carros e motos que afluem de localidades vizinhas.

Aqui, como alhures, a frota cresceu embalada pela elevação da renda da população. Em contrapartida, há mais de dez anos não se realiza nenhum investimento significativo para melhorar o trânsito. Resultado: lentidão, engarrafamentos e muitos transtornos para motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres.

Os números foram divulgados pelo coordenador do Detran na sessão especial que discutiu a mobilidade urbana em Itabuna. O debate foi provocado pelo vereador Aldenes Meira (PCdoB), a partir de uma solicitação de grupos de ciclistas. Houve participação dos secretários municipais de Desenvolvimento Urbano e de Transportes e Trânsito, além de representantes da subseção local da OAB e outras instituições.

Os secretários voltaram a apontar dificuldades herdadas como fator de limitação dos investimentos. Mas afirmaram que a partir deste ano as ações irão aparecer.

Que assim seja!

COMERCIANTES DO CONCEIÇÃO QUEREM PRAÇA DE TÁXI EM NOVO LOCAL

Táxis ficam estacionados à esquerda e passageiro tem que entrar pelo lado da rua, "espremido" pelos carros (foto Pimenta)

Táxis ficam estacionados à esquerda e passageiro tem que entrar pelo lado da rua, “espremido” pelos outros carros (foto Pimenta)

Comerciantes estabelecidos na Praça dos Capuchinhos, no bairro da Conceição, em Itabuna, sugerem que a Prefeitura transfira a praça de táxi existente naquela área para outro local nas imediações. Há duas sugestões: instalar os taxistas no lado oposto da mesma praça ou em um ponto da Rua do Prado, à margem do Rio Cachoeira.

Os comerciantes afirmam que o estacionamento dos táxis é irregular e os passageiros são obrigados a entrar pelo lado da rua, com risco de ser atropelados. Além disso, reclamam de prejuízos devido à falta de local para os clientes deixarem seus carros.

O PIMENTA conversou sobre a situação com o secretário de Transportes e Trânsito do município, Clodovil Soares. Ele informou que é possível avaliar a transferência do ponto de táxi, principalmente em função do risco para os passageiros com o atual posicionamento dos veículos.

SEMÁFORO QUEBRADO

Um defeito no conjunto de semáforos do cruzamento entre a Rua São Vicente de Paulo e a Avenida Amélia Amado, centro de Itabuna, gera confusão no trânsito nesta manhã. Motoristas também reclamam da falta de agentes de trânsito para orientá-los.

O PIMENTA entrou em contato com a Secretaria de Transportes e Trânsito (Settran). De acordo com o secretário Clodovil Soares, foi detectada falha em diversos semáforos desde sábado (22) e o problema vem sendo resolvido pela equipe do órgão.

Informado sobre o problema na região da Avenida Amélia Amado, o secretário se comprometeu a enviar imediatamente equipes para reparar o semáforo e ordenar o trânsito no local.

RODOVIÁRIOS DE ITABUNA NA BRONCA COM A SETTRAN

Rodoviários de Itabuna estão indignados com a Secretaria de Transportes e Trânsito. O motivo são as multas que vêm sendo aplicadas pelos agentes da Settran por atrasos nos itinerários.

As multas são dirigidas às empresas, mas estas descontam os valores do salário dos empregados, o que gera revolta na categoria. Motoristas dizem que, na maioria das vezes, os atrasos são provocados pelos engarrafamentos e pela buraqueira em muitas ruas. Ou seja, não é culpa deles e sim da própria gestão municipal, que não organiza o trânsito e ainda pune quem sofre com a bagunça.

Nesta quarta-feira (19), os vereadores Aldenes Meira e Jairo Araújo, ambos do PCdoB, foram até a garagem da empresa São Miguel e ouviram os trabalhadores. Eles se comprometeram a cobrar do governo uma nova postura com a categoria.

 

ENFERMEIRA E ADVOGADO MORREM EM ACIDENTE

Carro ficou completamente destruído (foto Blog do Anderson)

Carro ficou completamente destruído (foto Blog do Anderson)

Do Correio

Duas pessoas morreram em uma colisão frontal envolvendo dois carros de passeio na tarde desta quarta-feira (8), da BR-116, próximo ao município de Vitória da Conquista. Segundo informações da delegacia de Vitória da Conquista, um Corolla e um Peugeot colidiram por volta das 15h na altura do quilômetro 846 e o Peugeot acabou pegando fogo.

Dentro dos veículos estavam a enfermeira Joseane Leal Souza, 27 anos, e o advogado Fabiano Vieira Santos Aguiar, 37. A enfermeira chegou a ser encaminhada a um hospital da região, mas morreu no caminho. Já o advogado ficou preso às ferragens e o seu corpo foi carbonizado. As vítimas trabalhavam na cidade de Vitória da Conquista.

Os corpos foram levados ao Instituto Médico Legal (IML). As circunstâncias do acidente ainda são investigadas e houve uma perícia feita pelo Departamento de Polícia Técnica. A ViaBahia e a Polícia Rodoviária Federal também registraram a ocorrência.

A Ordem dos Advogados do Brasil de Vitória da Conquista divulgou nota lamentando o acidente e a perda. O corpo do advogado será velado no auditório da OAB da cidade.






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia