WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate






alba










junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: ‘trânsito’

ARMENGUE NA SOARES LOPES

A Avenida Soares Lopes, em Ilhéus, está prestes a sofrer uma alteração que a afasta ainda mais do velho e decantado projeto concebido pelo urbanista Burle Marx. Nesta segunda-feira, 05, a Prefeitura anunciou que promoverá intervenções para transformar o trecho da avenida entre a Catedral de São Sebastião e a Praça Rui Barbosa num estacionamento para 600 veículos.

O secretário de Transportes e Trânsito, Marcelo Barreto, diz que a mudança tem como objetivo melhorar a mobilidade na área central da cidade. A preocupação com o vai-e-vem no centro contrapõe-se ao desmazelo com a avenida que ainda é um dos pontos mais bonitos de Ilhéus, local apropriado ao lazer e à prática de esportes.

Barretão, como o secretário é mais conhecido, já mandou fincar os mourões no seu estacionamento. Não se conhece o projeto nem se sabe se ele existe, mas  – pelo que se nota – a Soares Lopes está sendo alvo de um verdadeiro armengue.

CRIANÇAS EM PERIGO

As crianças que utilizam o transporte escolar oferecido pela Secretaria da Educação de Ilhéus estão correndo sério risco. Nenhum dos veículos alugados pela Prefeitura para a realização do serviço passou na vistoria da Secretaria de Transportes, em função de problemas como o mau-funcionamento de equipamentos de segurança, falta de identificação adequada, assentos quebrados e outras coisas do tipo.

A Prefeitura deu quinze dias para as empresas contratadas se adequarem às normas estabelecidas para o funcionamento do serviço. Até o encerramento do prazo, as latas velhas continuam levando crianças de casa para escola e vice-versa…

Só Deus!

BAGACEIRA NO PONTALZINHO

Ao tentar fazer uma manobra para entrar na Rua Alzira Paim, bairro Pontalzinho, em Itabuna, o motorista de um caminhão acabou arrastando um poste, que desabou e atingiu uma caminhonete S10. Este veículo ficou completamente destruído, e um Chevrolet Ágile também sofreu danos.

O acidente deixou sem energia elétrica parte da avenida Amélia Amado e as ruas Aires de Almeida, Alzira Paim, Bartolomeu Mariano e Tuiuti. A Coelba foi acionada e técnicos trabalham para restabelecer o fornecimento de energia da rua Aires de Almeida até o final da tarde, de acordo com o diretor da unidade local da companhia, Carlos Morais

As fotos são de Cláudio Rodrigues (Formandus).

O MONOSSÍLABO NO ASFALTO

Motoristas que trafegam pela Avenida Petrobras, centro de Ilhéus, precisam tomar cuidado com um buraco traiçoeiro, que fica perto do posto de combustíveis na esquina com a Avenida Osvaldo Cruz.

Para facilitar a vida de quem passa por ali, alguma alma benevolente improvisou uma placa de advertência, na qual, em um dos lados, foi escrita aquela pequena palavra que o mestre Ousarme Citoian chama de “monossílabo impublicável”.

É bem provável que algum preposto da Prefeitura logo retire a placa. Quanto a tapar o monossílabo, aí são outros quinhentos…

ELE APARECEU!

Foi visto na manhã desta terça-feira nas dependências da Secretaria de Transportes e Trânsito de Itabuna o “novo” diretor Deroaldo Júnior. Nomeado no dia 7 de janeiro de 2011, o gestor do trânsito no município ainda não tinha dado as caras no serviço. Só apareceu hoje, mais de seis meses após a nomeação.

Júnior é filho do ex-diretor, Deroaldo Andrade Leite, que se afastou do cargo por questões de incompatibilidade com a função de sargento da Polícia Militar. Ele saiu da diretoria, mas providenciou a nomeação do filho em seu lugar. O rebento contemplado, no entanto, nunca tinha sido visto na Setran.

O pior é que provavelmente o rapaz nem terá chance de exercer o cargo de fato. Um coronel que já papou dois importantes postos na estrutura do governo já tem um nome para comandar o trânsito na cidade.

ITABUNA: CARGO NA SETRAN PASSA DE PAI PRA FILHO

Quem é o diretor do Departamento de Trânsito da Prefeitura de Itabuna? Esta é uma pergunta que deveria ser respondida com facilidade, mas não é. Vejam porque:

O cidadão tido como titular do cargo e que coordena o trabalho dos agentes de trânsito se chama Deroaldo Andrade Leite. É ele o diretor do Departamento, mas apenas de fato.

Um decreto com data de 7 janeiro de 2011, assinado pelo prefeito de Itabuna, exonerou Deroaldo, que não poderia acumular o cargo de diretor com a função de sargento da Polícia Militar. Por essa razão, ele usou de esperteza para não ter que reduzir o orçamento da família. E, o que é pior, contou com o consentimento do prefeito.

No mesmo dia em que Azevedo exonerou o diretor, por meio do decreto de número 9.307 (clique aqui para ver), assinou logo em sequência o decreto número 9.308 (veja aqui), pelo qual foi nomeado Deroaldo Andrade Leite Júnior para o comando do Departamento de Trânsito. Assim, ficou tudo em casa.

Dois agentes de trânsito ouvidos pelo PIMENTA afirmam que o Júnior nunca assumiu o cargo para o qual foi nomeado. Quem continua dando as ordens no Departamento Trânsito é o pai, numa demonstração de que em Itabuna há uma grande distância entre a realidade e o que sai no Diário Oficial.

Este fato é grave e precisa ter uma explicação por parte do prefeito e do secretário de Trânsito, Wesley Gonçalves Melo. O blog está aberto aos esclarecimentos.

O MAU-EXEMPLO DA SETRANS

A Secretaria de Trânsito de Ilhéus, tão diligente na hora de aplicar multas a torto e a direito, não costuma ela mesma zelar pelo cumprimento das regras de trânsito. É a típica história “casa de ferreiro, espeto de pau”.

Leitor do PIMENTA flagrou um momento de autêntico mau-exemplo dos fiscais do trânsito ilheense. Foi na tarde da última quarta-feira, quando este carro da Secretaria permaneceu por um bom tempo estacionado sobre o passeio, nas imediações do bar Barralkítica.

Experimente um particular fazer o mesmo…

PARDAIS OU GALINHAS DOS OVOS DE OURO?

Ricardo Ribeiro | ricardoribeiro@pimentanamuqueca.com.br

 

O site Jornal Bahia Online teve acesso aos números relacionados à fiscalização eletrônica no trânsito de Ilhéus. Máquina calculadora na mão: desde que o sistema foi implantado, em setembro do ano passado, até junho, foram emitidas nada menos que 49.000 notificações de infração por excesso de velocidade, o que corresponde a 5.400 multas por mês, 180 por dia ou 7,5 por hora.

Considerando que o valor da multa é de R$ 88,00, chega-se à formidável cifra de R$ 4.312.000,00 que os “pardais” geram para os cofres da Prefeitura de Ilhéus. Ou seja, o bichinho é uma verdadeira máquina de fazer dinheiro.

Na semana passada, a Vara da Fazenda Pública de Ilhéus concedeu liminar em que determina a suspensão do funcionamento da fiscalização eletrônica e a anulação das multas já emitidas, com a devolução dos valores correspondentes. Há uma avaliação de que o sistema foi implantado de maneira incorreta, sem a devida divulgação prévia nem justificativa plausível (a Secretaria Municipal de Trânsito não informou, por exemplo, a quantidade de acidentes registrados antes da instalação dos pardais para comprovar que o sistema seria mesmo necessário). Outra queixa é a sinalização insuficiente nos quatro pontos onde as “galinhas dos ovos de ouro” estão instaladas.

A Prefeitura já avisou que tentará derrubar a liminar, pois não abre mão dos pardais. O governo alega que o objetivo é educar os motoristas e promover um trânsito mais civilizado, mas é difícil deixar de acreditar que a fortuna produzida pelo sistema é o verdadeiro motivo da insistência em mantê-lo.

Uma pergunta que o governo precisa responder é: onde vêm sendo aplicados os recursos produzidos pelos pardais? A maioria das ruas do centro de Ilhéus está esburacada, a sinalização de trânsito é precária (até que enfim começaram, pelo menos, a pintar umas faixas de pedestre na semana passada) e não há nenhuma campanha de educação para o trânsito na cidade.

Há muitas maneiras de se trabalhar por um trânsito mais humano e certamente punir os motoristas imprudentes é uma delas. Mas o governo não pode se limitar a isso, sem cumprir outras obrigações, como manter uma sinalização adequada, ruas bem cuidadas e promover uma ação permanente de educação.

Por enquanto, nada disso acontece. O que existe é tão-somente a fome de arrecadar.

Ricardo Ribeiro é um dos blogueiros responsáveis pelo PIMENTA.

LIMINAR CONTRA OS PARDAIS: PREFEITURA AGUARDA INTIMAÇÃO

O governo ilheense informa, por meio de nota oficial, que ainda não foi intimado da liminar concedida pela juíza Carine Nassri da Silva, da Vara da Fazenda Pública, contra a fiscalização eletrônica do trânsito na cidade.

Pela liminar, as multas emitidas pela fiscalização eletrônica (os populares “pardais”) não têm valor. Os motoristas notificados pelo sistema receberam orientação para não pagar as multas, aguardando a decisão de mérito.

O governo afirma que contestará a liminar e brigará em todas as instâncias para manter os “pardais” em funcionamento.

PARDAL NA MIRA DA JUSTIÇA: LIMINAR SUSPENDE MULTAS APLICADAS EM ILHÉUS

Uma liminar publicada no Diário Eletrônico do Tribunal de Justiça da Bahia (TJB), edição desta sexta-feira, 1º, suspende todas as multas geradas pela fiscalização eletrônica do trânsito em Ilhéus. O provimento judicial também considera irregular a instalação de “pardais” na Avenida Proclamação, zona norte do município, por se tratar de uma rodovia estadual (BA-262).

De acordo com o advogado Cosme Araújo, a liminar autoriza o não-pagamento das multas já emitidas. No caso, os motoristas deverão aguardar a decisão final da justiça.

O Detran deverá ser comunicado imediatamente sobre o cancelamento das multas e a retirada de pontos punitivos nas carteiras de habilitação dos motoristas flagrados pelos pardais de Ilhéus.

O secretário de Trânsito do município, Marcelo Barreto, disse que a Prefeitura ainda não foi notificada da decisão. Com informações do Jornal Bahia Online

A CULPA NÃO É DOS FLANELINHAS

Allah Góes | allah.goes@hotmail.com

O fato ocorrido há alguns dias, em que, após uma discussão sobre o valor a ser pago pelo uso de uma vaga de estacionamento, que a princípio seria gratuita, no centro da cidade de Itabuna, ocorreu a agressão ao motorista do carro por um flanelinha, expôs para todo o Brasil (pois foi até notícia no Jornal Nacional), a grande bagunça que hoje se vê no centro de Itabuna.

Mais que um fato isolado, a agressão ocorrida é apenas um sintoma da grave doença que há muito tempo acomete a região central de nossa cidade, que sofre com a falta crônica no planejamento de ações, pois hoje por ali: se brinca de re-locação de ambulantes; graceja-se com a questão do transito; zomba-se da segurança.

Nossa principal via central, a Avenida do Cinquentenário, que passou recentemente por uma reforma, está mais para Bangladesh que para Champs-Élysées, pois a sua desorganização, não apenas por conta da questão da disputa pelas vagas de estacionamento, engloba também nosso caótico sistema viário e o falho sistema de videomonitoramento, fazendo com que se questione, tanto a utilidade da obra quanto o valor ali gasto.

:: LEIA MAIS »

OS DONOS DO PEDAÇO

Coluna da Tonet (Jornal Agora):

Se julgam espertos aqueles comerciantes que nas portas das suas lojas colocam cones, cadeiras, blocos e pedras para impedir estacionamento de carros. Está ficando comum em frante a distribuidoras de água, oficinas de motos, bicicletas e por aí vai. A moda começou na periferia e agora chega ao centro. E a Settran, o que diz?

Nada. Mudos, surdos e cegos só atendem aos apelos dos guinchos.

VEREADOR É ATROPELADO EM ILHÉUS

O vereador Reynaldo Oliveira, o “Zé Neguinho”, do PPS de Ilhéus, foi atropelado na tarde desta quarta-feira, 15, na Praça J.J. Seabra. Segundo informações do Sarrafo, o político foi atingido por uma motocicleta, quando atravessava a rua. Ele caiu e bateu a cabeça, tendo recebido socorro de uma unidade do Samu.

Zé Neguinho foi levado para o Hospital Regional Luiz Viana Filho, onde passou por exames, radiografia e foi medicado. Neste momento, o vereador se encontra em sua residência e passa bem.

PROTESTO INTERDITA AVENIDA PRINCESA ISABEL

Corpo de Bombeiros foi acionado para remover barricada (Fotos Leandro Barreto/Pimenta).

Manifestação na Avenida Princesa Isabel interditou o trânsito por mais de 30 minutos nesta sexta-feira (10), por volta do meio-dia. Os moradores da área da rótula Tancredo Neves, Banco Raso, reclamam dos constantes acidentes e reivindicam a colocação de quebra-molas nas duas pistas.

Dernival Araújo, motorista e morador do Banco Raso, diz que todo dia tem acidente no trecho do protesto. “Ontem, houve um atropelamento aqui. A pessoa atravessou na faixa e mesmo assim foi atropelada”, disse. Os manifestantes prometem novos protestos caso a reivindicação não seja atendida pela prefeitura.

O BARATO QUE SAI CARO

A cada novo empreendimento comercial ou residencial que vai surgindo ao longo da rodovia Ilhéus-Itabuna, abrem-se acessos que obrigam o motorista a cruzar a BR-415, em manobras temerosas. Mais correto, do ponto de vista da segurança e da fluidez do tráfego, seria construir viadutos para evitar tais cruzamentos.

Essa seria a melhor solução, por exemplo, para o trecho do Makro / Atacadão e para o local onde estão sendo construídas unidades habitacionais do programa “Minha Casa, Minha Vida”, nas proximidades do Banco da Vitória. Porém, em vez de se optar pelo caminho mais acertado, vão se construindo os armengues.

Só Deus mesmo para olhar pelos que trafegam por esta rodovia…

 

NEM PROTESTAR PODE

O cidadão que decidiu protestar contra a indústria das multas de trânsito em Ilhéus, plotando em seu veículo a frase “Visite Ilhéus e ganhe uma multa”, ao lado de um palhaço, teve seu protesto boicotado, supostamente por agentes da própria Secretaria de Trânsito do Município.

Segundo o blog O Tabuleiro, o motorista indignado deixou o carro em uma rua do centro da cidade e, quando retornou, descobriu que haviam arrancado a plotagem. Testemunhas disseram que dois homens usando uniforme da Settrans foram os responsáveis pelo atentado à liberdade de expressão.

O motorista, punido diversas vezes pela fiscalização eletrônica instalada em quatro pontos da cidade, agora foi também alvo de uma atitude policialesca, ilegítima e, no mínimo, equivocada. A vítima do abuso promete tomar providências.

MAIOR DE 16 PODERÁ TER AUTORIZAÇÃO PARA DIRIGIR

A Câmara dos Deputados analisa o Projeto de Lei 571/11, do deputado Wladimir Costa (PMDB-PA), que altera o Código de Trânsito Brasileiro e autoriza maiores de 16 anos, desde que emancipados, a obter habilitação de motorista. Atualmente, apenas os penalmente imputáveis podem ser habilitados, o que significa, na prática, idade mínima de 18 anos.

A emancipação é um mecanismo legal que concede ao adolescente alguns direitos civis de adulto. De acordo com o Código Civil, para se emancipar, o jovem precisa da autorização dos pais (registrada em cartório) ou comprovar independência financeira: possuir negócio próprio ou trabalho com carteira assinada.

O projeto de lei estabelece que, caso cometam crimes na direção de veículos, os habilitados maiores de 16 e menores de 18 anos serão responsabilizados de acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA – 8.069/90 ). Entre as sanções, estão previstas advertência, prestação de serviços comunitários e internação por até três anos em estabelecimento educacional. Do site JusBrasil

MOVIMENTO “SALVE A BR-251” PROMETE FECHAR LIGAÇÃO COM A ZONA SUL DE ILHÉUS

Moradores de comunidades situadas às margens da rodovia BR-251 (uma estrada federal estadualizada) exigem atenção do Derba e prometem fechar a BA-001 ao tráfego, na altura da ponte Lomanto Júnior, em Ilhéus. O aviso é de que a única ligação entre o centro e a zona sul da cidade será interditado no prazo de 60 dias, a menos que a recuperação da 251 seja iniciada.

Os integrantes do movimento cobram apresentação de projeto, inclusão da verba necessária e execução de obras preliminares no prazo estipulado.

Em documento encaminhado aos governos e imprensa, representantes do movimento informam que “não se pode aceitar que, por causa da omissão de algumas autoridades, a comunidade permaneça no prejuízo”. Segundo o mesmo documento, a rodovia fica intrafegável em períodos chuvosos, o que impede o escoamento da produção agrícola.

(FALTA DE) EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

Mãe, filha e neto caminham em direção à praça José Bastos, centro de Itabuna. Precisam, antes, atravessar a rua São Vicente de Paulo, por volta das 21h30min. Pisam na faixa de pedestre, mas as passadas são imediatamente interrompidas por um motorista apressado, que acelera ainda mais o bólido e – claro – ignora a sinalização.

A senhora, aparentando 60 anos, esbraveja:

– Se fosse em Bragaaança [Paulista]

A filha emenda:

– Mainha, a senhora tá em Itabuna. Aqui o povo é…

Percebendo uma companhia não-familiar, a mulher deixa a frase pelo meio, mas a criança faz o favor:

– É mal-educado mesmo.

(Alguns) motoristas itabunenses desconhecem a utilidade da faixa de pedestre

DESCASO CRIMINOSO EM ITABUNA

 

Animal pasta no canteiro central da Avenida Manoel Chaves

Há quase dois anos, familiares, colegas e amigos choravam a morte do policial militar Abimael Dias Moreira. Em outubro de 2009, ele morreu quando dirigia pela Avenida Manoel Chaves, bairro São Caetano, em Itabuna, e foi surpreendido por um animal na pista.

A irresponsabilidade de proprietários de animais e a conivência da Prefeitura, que permite essa situação, continua pondo em risco a vida das pessoas na cidade, onde até em vias centrais é comum ver cavalos, burros e vacas passeando livremente.

A foto desta nota foi feita aproximadamente às 15 horas deste domingo, dia 15, na mesma avenida onde o policial Abimael perdeu sua vida. Pelo jeito, ninguém aprendeu a lição.

“VISITE ILHÉUS E GANHE UMA MULTA”

O título desta nota é idêntico a uma frase plotada por um motorista ilheense em seu veículo. Trata-se de uma resposta ao que a população já definiu como uma “indústria de multas” implantada na cidade, com a instalação de três pontos de fiscalização eletrônica precariamente sinalizados e sem uma campanha prévia de orientação.

A queixa dos motoristas chega neste fim de semana às páginas da revista Contudo, que trata o assunto com todo o destaque.

A revista, que estará nas bancas de Itabuna e Ilhéus neste sábado, 14, critica o fato de que a Prefeitura de Ilhéus investe em radares para punir motoristas, ao mesmo tempo que mantém ruas esburacadas, faixas de pedestre apagadas e semáforos obsoletos.

AGORA FALTA TAPAR OS BURACOS

Empresa contratada pelo Derba fez a poda às margens da rodovia

 

Após muitas queixas de motoristas e broncas da imprensa, o Derba realizou a poda de árvores cujos galhos ameaçavam cair na rodovia Ilhéus – Itabuna. Com o período chuvoso, o risco para quem trafega pela pista aumentou, tanto pelos deslizamentos de terra como pela queda de árvores ou de parte delas.

Fez bem o Derba em adotar a medida preventiva, antes que um acidente grave ocorresse. Mas falta tomar outra providência importantíssima: tapar os buracos ao longo da rodovia, que está cada vez mais deteriorada.

Os piores trechos são os situados nas imediações do condomínio Jardim das Acácias e vila Vital Teixeira e entre o posto da Polícia Rodoviária e o bairro ilheense do Banco da Vitória. Não tem pneu que aguente!








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia