WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
festival chocolate






alba










junho 2019
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

editorias






:: ‘transporte’

FALTA DE EQUIPAMENTOS PROVOCA UMA MORTE DE CRIANÇA A CADA 2 DIAS NAS ESTRADAS

Tipos de equipamentos de segurança para bebês e crianças.

Tipos de equipamentos de segurança para bebês e crianças.

No primeiro semestre deste ano, uma criança morreu a cada dois dias nas rodovias federais de todo o país. Os dados são da Polícia Rodoviária Federal (PRF), que atribui parte das mortes à falta de equipamentos de segurança, como bebê conforto, cadeirinha, assento de elevação e o cinto de segurança.

De acordo com o policial rodoviário Diego Brandão, é comum flagrar motoristas trafegando com crianças sem os equipamentos exigidos por lei. Ao serem flagrados em blitz, alguns condutores acham que não há necessidade do uso de equipamentos de segurança para proteger as crianças, outros alegam que ocupa lugar no carro e ainda há os motoristas que não usam por falta de conhecimento, segundo o policial.

– Esses equipamentos são desenvolvidos com base na massa muscular da criança, da dinâmica de projeção em um acidente. Eles fazem com que a criança não saia da proteção do assento, limitando o deslocamento do corpo, e dão a segurança para que ela não seja arremessada para fora do veículo.

O Código de Trânsito determina que crianças com menos de 10 anos de idade devem ser transportadas nos bancos traseiros. Para o transporte de crianças com até um ano de idade, deve ser usado o bebê conforto. Com mais de um e até quatro anos, deve-se usar a cadeirinha. Já o assento de elevação, deve ser usado por crianças entre quatro anos e sete anos e meio de idade.

A multa prevista pelo não uso de equipamentos de segurança é R$ 191,54, além da perda de sete pontos na carteira e da retenção do veículo até que a irregularidade seja sanada.

Para o vendedor Eduardo Reis, pai de duas crianças, de dois e seis anos, o espaço que os equipamentos ocupam no carro não é desculpa para andar sem eles. “A segurança dos meus filhos é o mais importante”, diz.

Desde 2010, quando o uso dos equipamentos como a cadeirinha começou a ser fiscalizado, a PRF já autuou quase 60 mil condutores de motos e carros transportando crianças de forma irregular. Só neste ano, o número já passa de 11,6 mil infrações. Em 2014, foram 12.550 autuações. Informações da Agência Brasil.

CACHOEIRA ANUNCIA CONTRATAÇÕES DEPOIS DE PARALISAÇÃO DE RODOVIÁRIOS

Após duas paralisações de uma hora ontem (17) e sob a ameaça de ser punida, a Expresso Rio Cachoeira anunciou a contratação de 24 motoristas e 16 cobradores. A empresa vinha desrespeitando a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) com horas extras diárias e além das duas horas por dia.

A paralisação ontem tem a ver com decisão da Justiça do Trabalho que obrigou a Rio Cachoeira a suspender horas extras diárias rotineiras.

O secretário municipal de Transportes e Trânsito, Roberto José da Silva, acredita que, após a contratação de 40 profissionais, a concessionária de transporte urbano terá nova escala que não ultrapasse a carga de 7 horas e 20 minutos por dia para cada rodoviário. Ele espera que o sindicato da categoria suspenda a paralisação de ônibus prevista para os próximos dias.

SÃO GERALDO É ACUSADA DE DESPEJAR ÓLEO NO RIO CACHOEIRA

Empresa é acusada de poluir Rio Cachoeira em Ilhéus.

Empresa é acusada de poluir Rio Cachoeira em Ilhéus (Foto Divulgação).

A Viação São Geraldo vai levar multa das grandes. A empresa está sendo acusada de despejar esgoto e óleo numa rede de águas pluviais na Avenida Esperança, em Ilhéus, onde está localizada a sua garagem.

O descarte irregular desse tipo de material, que vai parar no Rio Cachoeira, foi descoberto depois que homens da prefeitura iniciaram um reparo na rede de águas do local.

CONCHA NO PONTO!

Pouco menos de 24 horas após a Secretaria de Transporte e Trânsito autuar um veículo por estacionar em um ponto de ônibus, uma empresa de coleta de entulho sentiu-se à vontade para colocar uma concha em uma parada de ônibus. A foto é de um leitor do blog.

Pouco menos de 24 horas após a Secretaria de Transporte e Trânsito autuar um veículo por estacionar em um ponto de ônibus, uma empresa de coleta de entulho sentiu-se à vontade para colocar uma concha em uma parada de ônibus. A foto é de um leitor do blog.

CAMINHONEIROS TERÃO QUE FAZER EXAME TOXICOLÓGICO PARA RENOVAR HABILITAÇÃO

Caminhoneiros terão que fazer exame toxicológico para renovar carteira (Foto ABr).

Caminhoneiros terão que fazer exame toxicológico para renovar carteira (Foto ABr).

Os motoristas que forem obter ou renovar a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas categorias C, D e E serão obrigados, a partir de 30 de abril, a fazer exame toxicológico de “larga janela” – usado para verificar o consumo de drogas por longos períodos. Caso o laudo, que terá validade de 30 dias, constate o uso de drogas ou substâncias proibidas, o motorista será considerado inapto temporariamente.

O exame, que deverá ser feito em clínicas credenciadas pelo Departamento Nacional de Trânsito, vai testar, no mínimo, a presença de maconha e derivados, cocaína e derivados incluindo, crack e merla, opiáceos incluindo codeína, morfina e heroína, ecstasy (MDMA e MDA), anfetamina e metanfetamina.

Para conseguir a autorização para obter ou renovar a CNH, o motorista deve obter resultados negativos para um período mínimo de 90 dias, retroativos à data da coleta. Para o teste, serão coletados material biológico que poderá ser cabelos ou pelos; na ausência desses, unhas.

De acordo com resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), publicada hoje (30) no Diário Oficial da União, os motoristas que não se submeterem ao exame também serão considerados inaptos temporários ou inabilitados enquanto não apresentarem o laudo negativo do exame toxicológico.

De acordo com o Contran, a medida atende a dispositivo da Lei 12.619, de 30 de abril de 2012, conhecida como Lei do Motorista, que obriga o condutor das categorias C, D e E a submeter-se a teste e a programa de controle de uso de droga e de bebida alcoólica, instituído pelo empregador, com a ciência do empregado. Com informações da Agência Brasil.

ALDENES QUER AMPLIAR DIREITO À MEIA PASSAGEM

Aldenes-Meira-em-Brumado-Noticias-41O vereador Aldenes Meira (PCdoB), presidente da Câmara de Itabuna, estuda apresentar emenda à lei municipal que regulamenta o direito à meia-passagem no transporte coletivo.

A ideia é assegurar o benefício a todos os estudantes, e não apenas àqueles que moram a mais de um quilômetro do local onde estudam.

Para o vereador, a restrição não leva em conta outros deslocamentos dos alunos, além do trajeto entre a casa e a escola. “Os estudantes também têm direito ao lazer, e a meia-passagem deve atender a essa necessidade”, defende Aldenes.

A intenção do comunista é apresentar a proposta de emenda logo no início dos trabalhos da Câmara, em fevereiro.

PROTESTO BLOQUEIA RODOVIA QUE LIGA ITAJUÍPE A COARACI

Manifestação interditou rodovia por mais de três horas.

Manifestação interditou rodovia por mais de três horas.

Agricultores familiares, estudantes e pais de alunos bloquearam por mais de três horas o trecho Itajuípe-Coaraci da BA-261 nesta manhã de terça (9). Eles cobram melhorias de estradas vicinais do município de Itajuípe.

As péssimas condições das estradas da zona rural dificultam o escoamento de produção e o transporte de alunos para escolas da sede do município. O bloqueio da rodovia causou congestionamento de aproximadamente dois quilômetros nos dois sentidos da rodovia.

Polícia Rodoviária negociou liberação de pista.

Polícia Rodoviária negociou liberação de pista.

Por volta das 10 horas, a Polícia Rodoviária Estadual conseguiu liberar parte da pista. O protesto terminou às 11h, após negociações. Tanto agricultores como alunos e pais de alunos ameaçam somente terminar com o protesto com a chegada de máquinas.

Protesto formou longas filas na rodovia.

Protesto formou longas filas na rodovia.

MORADORES DO JARDIM AMÉRICA NA BRONCA

Jardim América bronca

(Foto Pimenta).

Moradores dos condomínios Jardim América I e II, no bairro Nova Califórnia, reclamam das péssimas condições de tráfego em um trecho do acesso aos imóveis. Eles afirmam que a prefeitura até pavimentou o trecho, que liga o bairro ao Califórnia, no ano passado, mas o trabalho, mal feito, não durou 6 meses.

De acordo com os moradores dos condomínios, a prefeitura não colocou meio fio na rua e não preparou bem a base para receber o asfalto. Além dos condomínios onde moram mil famílias beneficiadas no ano passado pelo programa Minha Casa, Minha Vida, a rua é um dos principais acessos ao bairro Nova Califórnia.

Os moradores afirmam que, como é um corredor de ônibus, o trabalho precisa ser feito com mais qualidade. Eles dizem que é necessário colocar meio fio, como a prefeitura tinha prometido, e fazer o recapeamento com uma camada mais grossa de asfalto. Com a palavra o secretário de Desenvolvimento Urbano de Itabuna, Marcos Monteiro.

SUCATA TRANSPORTA ESTUDANTES DE ITAJUÍPE

Ônibus tem 24 anos de uso e péssimo estado de conservação (Foto Pimenta).

Ônibus tem 24 anos de uso e péssimo estado de conservação (Foto Pimenta).

Um ônibus com mais de vinte anos de uso tem sido utilizado para o transporte de estudantes do ensino médio e superior entre os municípios de Itajuípe e Itabuna.

A sucata foi fabricada em 1990 (placa GUZ-3788) e pertence à Prefeitura de Itajuípe. Estudantes afirmam que o estado de conservação é péssimo, como pode ser percebido na foto acima.

O PIMENTA flagrou a sucata circulando pelo centro de Itabuna na última segunda (28). O motorista não quis comentar as condições do veículo.

RODOVIÁRIOS DE ITABUNA NA BRONCA COM A SETTRAN

Rodoviários de Itabuna estão indignados com a Secretaria de Transportes e Trânsito. O motivo são as multas que vêm sendo aplicadas pelos agentes da Settran por atrasos nos itinerários.

As multas são dirigidas às empresas, mas estas descontam os valores do salário dos empregados, o que gera revolta na categoria. Motoristas dizem que, na maioria das vezes, os atrasos são provocados pelos engarrafamentos e pela buraqueira em muitas ruas. Ou seja, não é culpa deles e sim da própria gestão municipal, que não organiza o trânsito e ainda pune quem sofre com a bagunça.

Nesta quarta-feira (19), os vereadores Aldenes Meira e Jairo Araújo, ambos do PCdoB, foram até a garagem da empresa São Miguel e ouviram os trabalhadores. Eles se comprometeram a cobrar do governo uma nova postura com a categoria.

 

MOBILIDADE: UM TEMA FUNDAMENTAL

aldenesAldenes Meira

 

Antes de propor a meia passagem aos domingos e feriados, nós já demonstramos de outras maneiras a preocupação com a mobilidade.

 

Quem acompanha nosso mandato já sabe: a mobilidade urbana é um dos temas que têm prioridade em nossa pauta. Formular políticas públicas para as cidades exige um compromisso efetivo da sociedade com essa questão, e a discussão deve envolver a todos: homens e mulheres, jovens e idosos, motoristas, motociclistas, ciclistas e pedestres.

Fazemos essa introdução para esclarecer que nosso projeto de lei que institui a meia passagem no transporte coletivo aos domingos e feriados, em Itabuna, não é uma proposta isolada e sem maior razão de ser. Não há ilusões de que a meia passagem naqueles dias especiais mudará radicalmente o que precisa ser mudado, mas é inequívoca a ideia de caminhar com foco na inclusão.

O mais importante é que o projeto tem o mérito de despertar essa discussão e ampliá-la. Itabuna é uma cidade que se torna cada vez mais intransitável, com cerca de 60 mil veículos em circulação por suas ruas apertadas, muitas esburacadas e mal sinalizadas. É notório que vivemos em uma cidade que cresceu sem planejamento e com pouco compromisso com o futuro, mas não se pode falar em “jogar a toalha”.

Antes de propor a meia passagem aos domingos e feriados, nós já demonstramos de outras maneiras a preocupação com a mobilidade. Mesmo antes de chegar à Câmara, organizamos, em parceria com o amigo Roger Sarmento, um passeio ciclístico com o objetivo de chamar a atenção da comunidade para formas alternativas e sustentáveis de transporte. Além disso, a iniciativa foi um mote para cobrar do poder público a construção de ciclovias e a instalação de ciclofaixas em Itabuna.

:: LEIA MAIS »

PELO DIREITO À MOBILIDADE

aldenesAldenes Meira

 

Apesar dos problemas que afetam a qualidade do serviço, alguns dos quais fogem à competência das empresas, é impressionante a reação diante de qualquer tentativa de favorecer a parte mais vulnerável nessa relação, que é o usuário.

 

As manifestações que ocorreram em todo o Brasil em meados de 2013 tiveram como principal mote a luta por um transporte público eficiente e com preço justo. Encabeçada pela juventude, aquela mobilização reflete o anseio geral de uma camada significativa da população que utiliza o ônibus e outros meios coletivos para se deslocar, mas sofre historicamente com a precariedade do serviço.

Basta conversar com os moradores de bairros periféricos de Itabuna sobre o transporte público para se ouvir relatos lamentáveis. Para muitos, o que se oferece são ônibus em péssimo estado de conservação, pelos quais se tem que esperar às vezes mais de uma hora, algo que atormenta e humilha cidadãos e cidadãs diariamente. Isto sem falar nas condições ruins de muitas vias de acesso, além da falta ou precariedade dos abrigos destinados aos passageiros.

Apesar dos problemas que afetam a qualidade do serviço, alguns dos quais fogem à competência das empresas, é impressionante a reação diante de qualquer tentativa de favorecer a parte mais vulnerável nessa relação, que é o usuário. Em junho, foi somente à base de muita pressão popular que essa equação injusta começou a ser modificada, mas um espírito de retrocesso ainda paira no ar.

Foi esse espírito que infelizmente levou o prefeito de Itabuna, Claudevane Leite, a vetar o projeto de nossa autoria que institui o direito à meia passagem no transporte coletivo, para todos, aos domingos e feriados. O prefeito apoiou-se em dois argumentos básicos, porém equivocados: o de que a proposta atinge o equilíbrio econômico-financeiro dos contratos e o de que a matéria é da competência privativa do Executivo.

:: LEIA MAIS »

QUASE 600 MOTOTAXISTAS E MOTOFRETISTAS PROCURARAM SETTRANS PARA SE REGULARIZAR

A Secretaria de Transportes e Trânsito de Itabuna (Settrans) recebeu, até o meio-dia desta quinta-feira, 586 mototaxistas e motofretistas, que procuraram o órgão para regularizar sua atividade. A Settrans organiza um pré-cadastro, para dar cumprimento à lei municipal que regulamentou o serviço.

O prazo para fazer o pré-cadastro se encerra nesta sexta-feira, quando serão registradas as motos de placas com final 9 e 0. O atendimento ocorre das 8h30 ao meio-dia e das de 14h às 17h30, exigindo-se do profissional a apresentação dos originais da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) – categorias A, AB ou superior, além do Certificado de Registro e Licença do Veículo (CRLV).

De acordo com a Secretaria, em uma segunda etapa será feita a convocação para cadastro definitivo de 700 mototaxistas, número máximo que será autorizado a operar. Com relação aos motofretistas, a lei não estabelece limite.

ITABUNA AGENDA VISTORIA DO TRANSPORTE ESCOLAR

Secretário chama atenção para itens exigidos durante a vistoria (foto Pedro Augusto)

Secretário chama atenção para itens exigidos durante a vistoria (foto Pedro Augusto)

A Secretaria de Transporte e Trânsito de Itabuna iniciará no próximo dia 20 a vistoria dos veículos utilizados no transporte escolar. A inspeção começa com os veículos de placas terminadas em 1 e 2, ocorrendo das 8h30min às 11 horas, na sede da Settran.

De acordo com o titular da Secretaria, Clodovil Moreira Soares, no ato de vistoria devem ser apresentados a documentação pessoal e dos veículos, além de itens obrigatórios de segurança.

Da lista de documentos necessários, constam originais e fotocópia da Carteira de Identidade (RG), CPF, Certidão Negativa de Antecedes Criminais e recibo do recolhimento do Imposto Sobre Serviço (ISS), Carteira Nacional de Habilitação (CNH), certificado de registro e licenciamento com seguro obrigatório, alvará de licença da permissão, certificado de verificação do tacógrafo, crachás do permissionário e de seus auxiliares bem como de acompanhante e motorista auxiliar.

Já os itens de segurança e equipamentos obrigatórios dos veículos são: faroletes e sinaleiras, bancos, forros, funilaria e pintura, extintor, pneus, cintos de segurança, trava das portas, retrovisor interno e externo, lanternas de freios de cor vermelha e de posição dianteira (brancas ou amarelas), buzina e para-brisas, num total de 28 itens nos veículos. Na vistoria, os agentes observarão se as faixas de identificação laterais e traseiras estão de acordo com as normas que regulamentam o serviço de transporte escolar.

SETTRAN INICIA PRÉ-CADASTRO DE MOTOTAXISTAS

Secretaria escalou equipe para atender aos mototaxistas (foto Wilson Oliveira)

Secretaria escalou equipe para atender aos mototaxistas (foto Wilson Oliveira)

A Secretaria de Transporte e Trânsito da Prefeitura de Itabuna iniciou nesta segunda-feira (6) o pré-cadastro de mototaxistas e motofretistas  que atuam no município. O atendimento, na sede da Settran, é realizado de acordo com o número final da placa do veículo (confira aqui).

O pré-cadastro dos mototaxistas e motofretistas prossegue até sexta-feira, 10, com atendimento sempre das 8h30 às 12 e das 14 às 17h30. Segundo o secretário Clodovil Soares, todos os que atuam como mototaxistas no transporte de passageiros e motofretistas devem fazer o pré-cadastro. “Devem perder o receio porque não estamos aqui para perseguir ninguém, mas para oferecer a chance de regularização”, afirma.

Para o presidente do Sindicato dos Mototaxistas e Motociclistas do Sul da Bahia (Sindimoto), Lomanto Lacerda, o processo de reconhecimento da profissão é importante e trará respeito aos profissionais junto à sociedade. O diretor da Associação do Mototaxistas e Motociclistas de Itabuna, Rosilvado Bispo dos Santos, reforça, opinando que a categoria deixará de ser marginalizada.

“Muitas coisas erradas que acontecem hoje na cidade, envolvendo motoqueiros, são apontadas como de responsabilidade dos mototaxistas”, diz Rosivaldo Bispo. “Com o registro da Settran, isso vai acabar”, ele acredita.

ITABUNA INICIA CADASTRO DE MOTOTAXISTAS

Settran inicia cadastro nesta segunda-feira (foto Pedro Augusto)

Settran inicia cadastro nesta segunda-feira (foto Pedro Augusto)

Como o serviço de mototáxi e motofrete em Itabuna foi regulamentado em 2013, o próximo passo é a formação de um pré-cadastro dos profissionais que atuam no setor. A Secretaria Municipal de Transportes e Trânsito iniciará esse trabalho nesta segunda-feira (06) e definiu cronograma de atendimento que vai até o dia 10.

Para se cadastrar, o mototaxista ou motofretista deverá ficar atento à numeração da placa de seu veículo. Os proprietários de motos com placa de final 1 deverão procurar a sede da Settran no dia 6, das 8h30 às 12 horas; o atendimento para as placas de final 2 será no mesmo dia, das 14 horas às 17h30. E assim sucessivamente, até finalizar o cadastro na sexta-feira (10).

É preciso observar também os documentos necessários: originais da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de categoria A e o Certificado de Registro de Licença do Veículo (CRLV). O secretário de Transportes e Trânsito, Clodovil Soares, afirma que será utilizado um sistema eletrônico capaz de identificar eventuais informações falsas ou duplicidades.

De acordo com a lei que regulamentou o serviço, 700 profissionais poderão atuar como mototaxistas e motofretistas em Itabuna. A Settran não fará a inscrição de quem trabalha como empregado e daqueles que utilizam moto em nome de terceiro.

ROSEMBERG DENUNCIA DIRETOR DA AGERBA

Rosemberg questiona diretor da Agerba.

Rosemberg questiona diretor da Agerba, Eduardo Pessoa.

O deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) colocou o dedo na ferida e denunciou uma prática cada vez mais frequente da fiscalização da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia (Agerba).

A agência tem multado donos de veículos que deem carona a parentes ou amigos em rodovias estaduais. A multa, aliás, é salgada: R$ 2.800,00. O deputado citou ocorrências semelhantes em Ibicaraí e Itapetinga, mas afirmou que a prática rasteira é adotada em todo o estado.

O parlamentar abordou uma situação inusitada. Segundo ele, um vereador de Itapetinga prestava socorro médico a algumas pessoas quando foi multado na rodovia que liga o município a Vitória da Conquista.

Segundo Rosemberg, a ação da Agerba traz prejuízos à imagem do governo e o diretor da agência, Eduardo Pessoa, não tem ouvido os deputados da base nem o chefe direto, o vice-governador Otto Alencar, nas reclamações.

Por trás de toda essa perseguição, estaria a intenção de ajudar as empresas que operam em linhas intermunicipais.

PM E PREFEITURA DESMONTAM ACAMPAMENTO DO “REÚNE ILHÉUS”

Manifestantes exibem cartaz com os nomes dos 10 vereadores amigos das empresas de ônibus.

Militantes continuarão a exigir redução da tarifa e investigação de contratos

Por volta das 6h30min da manhã desta segunda-feira (21), a força da Polícia Militar e da Guarda Administrativa do município venceu a resistência de quase 100 dias do movimento Reúne Ilhéus. Em ação que começou a ser preparada já na noite de domingo, cerca de 60 policiais militares e 30 guardas municipais expulsaram os jovens que estavam acampados em frente à sede do governo, num protesto pela redução da tarifa do transporte coletivo e pela abertura da “caixa preta” do contrato de concessão firmado entre município e empresas de ônibus.

Ao Jornal Bahia Online, os militantes disseram que havia cerca de 20 acampados no momento da desocupação. Entre eles, um grupo de malabaristas argentinos que se apresenta em cruzamentos no centro da cidade. Uma fonte do Reúne Ilhéus contou que uma criança que dormia em uma das barracas chegou a ser arrastada.

Tendas e utensílios utilizados pelos acampados foram levados em um caminhão da Prefeitura. Representantes do movimento afirmaram ao site que registrariam ocorrência na polícia, exigindo que os objetos sejam devolvidos.

A princípio, o grupo não pretende retornar ao acampamento. A estratégia agora deverá ser intensificar a realização de manifestações, cobrando investigação das concessões e redução da passagem.

MOTOTÁXI SERÁ LEGALIZADO EM ITABUNA

Clodovil Soares cumprimenta mototaxista após entrega de projeto (foto Gabriel de Oliveira)

Clodovil Soares cumprimenta mototaxista após entrega de projeto (foto Gabriel de Oliveira)

Uma reivindicação que já dura 15 anos finalmente será atendida em Itabuna, com a legalização dos serviços de mototáxi e motofrete. Projeto sobre o tema, de autoria do Executivo, foi entregue esta semana à Câmara de Vereadores pelos secretários municipais de Governo, Cleide Sousa, e de Transportes e Trânsito, Clodovil Soares.

De acordo com o projeto, os profissionais que prestarão o serviço deverão passar por treinamento, que já está sendo oferecido no Sest/Senat. Futuramente, quando houver autorização do Detran para o funcionamento da Escola Pública de Trânsito, o curso será ministrado também nesta unidade.

A Prefeitura esclarece que o objetivo da lei é organizar o setor, definindo direitos e responsabilidades de mototaxistas e motoboys. “Os mototaxistas deverão atender à comunidade com qualidade, responsabilidade e respeito às leis de trânsito”, afirma o secretário Clodovil Soares, acrescentando que a legalização ajuda a organizar “tanto o setor de transporte quanto o trânsito da cidade”.

Para os mototaxistas, a legalização significa o reconhecimento como categoria profissional. “Agora podemos andar de cabeça erguida como profissionais, já que antes nossa atividade era desprezada”, comenta Emerson Silva Matos, presidente da Associação de Mototáxi de Itabuna.








WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia