WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia


alba










setembro 2019
D S T Q Q S S
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

editorias






:: ‘Ubatã’

ILHÉUS E OUTROS 12 MUNICÍPIOS DA REGIÃO AGUARDAM PROFISSIONAIS DO MAIS MÉDICOS

13 municípios do sul da Bahia esperam receber profissionais do Programa Mais Médicos.

Os profissionais aptos a participar do 18º ciclo do Programa Mais Médicos já podem indicar os municípios onde têm interesse em trabalhar. No sul da Bahia, as localidades com vagas disponíveis nesta edição do programa são Canavieiras, Mascote, Firmino Alves, Floresta Azul, Gongogi, Ilhéus, Ipiaú, Itacaré, Itajuípe, Itapé, Jussari, Ubatã e Una.

Os municípios do sul da Bahia com maior número de vagas são Jussari (2), Itapé (3) e Ilhéus (4). Acesse aqui a lista de municípios com vagas disponíveis em todo o país.  Os médicos têm até as 12h de segunda-feira (10)  para acessar o site maismedicos.gov.br e fazer suas indicações.

Nesse ciclo estão sendo oferecidas aos médicos 2.149 vagas em 1.130 municípios nos 26 estados do país, além de 13 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIS). O número final de vagas foi estabelecido após os gestores locais confirmarem a quantidade necessária de profissionais para atendimento em suas unidades de saúde.

Caso haja vagas remanescentes da primeira etapa, as oportunidades serão estendidas, em uma segunda fase, aos profissionais brasileiros formados em outros países e que já tenham habilitação para o exercício da Medicina no exterior. Os profissionais interessados em participar do Programa Mais Médicos tiveram entre os dias 27 e 29 de maio para se inscrever.

7 A 1: URUÇUCA ATROPELA ITABUNA NO INTERMUNICIPAL

No Ferreirão, Itabuna é atropelado por Uruçuca no Intermunicipal

Parecia um Brasil e Alemanha. Pelo menos, no placar. Neste domingo (19), Uruçuca não tomou conhecimento do adversário ao aplicar 7 a 1 na Seleção de Itabuna  em jogo válido pela segunda rodada do Intermunicipal de Futebol. A maior campeã do Intermunicipal, com oito títulos, foi presa fácil diante de uma Uruçuca que teve amplo domínio do jogo e contou com a força da torcida.

Com o resultado no Ferreirão, o time agora ocupa a vice-liderança do Grupo 10. Na rodada inaugural, Uruçuca havia empatado em 1 a 1 com Ubatã, fora de casa. O massacre deste domingo deixou a equipe – e a torcida – ainda mais animada para a sequência do Intermunicipal 2018. Já a Seleção de Itabuna fecha a segunda rodada na laterna. Na estreia, perdeu por 1 a 0, em casa, para Itajuípe.

UBATÃ: JUSTIÇA CONDENA “DAI DA CAIXA” A 7 ANOS DE PRISÃO E A DEVOLVER R$ 2,5 MILHÕES

Dai da Caixa é condenado a prisão e perda de direitos políticos

A Justiça Federal condenou o ex-prefeito de Ubatã Adailton Ramos Magalhães, o Dai da Caixa, a 7 anos e cinco meses de prisão e a devolver R$ 2,5 milhões em ações por fraude contra o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e irregularidades no uso de verbas da Saúde. As sentenças do juiz federal substituto Jorge Peixoto, da subseção judiciária de Jequié, também atingem ex-ocupantes de cargos de confiança na gestão de Dai da Caixa nos anos 2000, conforme sentenças as quais o PIMENTA teve acesso.

Os prejuízos por fraudes no FGTS e na área de saúde superam os R$ 3,2 milhões em valores ainda não atualizados. De acordo com a investigação feita pela União e da qual fez parte o Ministério Público Federal, Dai não comprovou despesas na área de saúde no total de R$ 743.769,65, além de R$ 271.316,00 por não implantação de unidades do Programa Saúde da Família.

Os mais de R$ 2,5 milhões foram movimentados irregularmente em contas vinculadas ao Fundo Municipal de Saúde. Nesta ação, o ex-prefeito foi multado em R$ 50 mil e condenado a perda de direitos políticos por cinco anos. A ex-secretária Maria Celeste Guimarães perdeu direitos políticos e levou multa de R$ 30 mil. Ambos devem devolver os R$ 2,5 milhões de forma solidária, conforme a decisão.

FRAUDE NO FGTS

A investigação apontou esquema fraudulento contra o FGTS. A fraude permitiu total de R$ 517.432,60 em 72 saques do FGTS para funcionários da Prefeitura e até nomes que não estavam na folha do município por meio de falsificação de documentos e anotações falsas nas carteiras de Trabalho. A fraude, segundo a Justiça Federal, ocorreu no período de 2001 a 2003.

Segundo o magistrado, o prefeito se aproveitou do conhecimento como funcionário da Caixa Econômica para fraudar o sistema de FGTS. Acabou condenado a 7 anos e cinco meses de prisão em regime semiaberto. Já o chefe do Setor de Pessoal da Prefeitura no período, Hildeberto Silva Dias, teve pena menor, de 2 anos e 9 meses, mas no regime aberto.

Além de adulterações em prazos de admissões, conforme testemunhas, também ocorreram apropriações indébitas dos valores sacados do FGTS, conforme denúncias. O próprio chefe do Setor Pessoal, segundo anota a sentença, se beneficiou do esquema fraudulento com inserções de datas de admissão falsas. Hildeberto levou mais de R$ 20 mil em saques em seu nome. Matéria atualizada.

SUSPEITOS DE ASSASSINAR BOMBEIRO MORREM EM CONFRONTO COM POLICIAIS EM UBATÃ

Acusados de assassinato em São Paulo foram mortos em confronto|| Foto Ubatã Notícias

Dois suspeitos de assassinar um bombeiro militar em São Paulo, no final do mês passado, morreram na segunda-feira (9), em Ubatã, em troca de tiro com policiais militares. João Vitor Santos Araújo, 18 anos, e Anderson Santos da Silva, 25 anos, estavam foragidos desde o dia 29 de dezembro, quando cometeram o crime, segundo a polícia.

Os PMs informaram que, durante operação para capturar os suspeitos, foram recebidos a tiro. O confronto ocorreu em uma casa, no bairro Bela Vista, onde Anderson e João Vitor estavam escondidos. No local, foram apreendidos dois revólveres, que seriam dos acusados. Segundo a polícia,  os dois homens assassinaram o cabo Ricardo Alves de Andrade, 47 anos, durante assalto a um posto de combustível na zona leste de São Paulo.

De acordo com as investigações, o policial estava de folga, à paisana e sem uniforme, calibrando os pneus do carro quando foi abordado por três assaltantes armados, que fizeram os disparos. O terceiro suspeito de envolvimento na morte do policial está preso em São Paulo.

JUSTIÇA CASSA VEREADOR DE UBATÃ

Pulu é acusado de farra de bebida e comida em período eleitoral || Foto Ubatã Notícias

A Justiça Eleitoral cassou o mandato do vereador Wellington Ferreira de Souza (PSL), o Pulu, de Ubatã, no sul da Bahia, por abuso de poder econômico. A Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (AIME), que resultou na cassação de mandato, foi impetrada pelo ex-candidato a vereador Atemilson Bispo dos Santos (PRB), o Mantena, que é o suplente da coligação.

Pulu, segundo a denúncia, distribuiu farta bebida e alimentação durante uma cavalgada no período eleitoral. De acordo com o site Ubatã Notícias, a denúncia foi embasada “em farta documentação e oitiva de testemunhas”, além de ter recebido parecer favorável pela cassação pelo Ministério Público Eleitoral (MPE).

A decisão é da juíza eleitoral Alzeni Conceição Barreto Alves.

“Com o fim de garantir os preceitos constitucionais do Estado Democrático de Direito e da soberania popular, representada pelo sufrágio universal […], julgo procedente em parte o pedido vinculado na presente Ação de Impugnação de Mandato Eletivo, e determino a desconstituição do Diploma do município de Ubatã , outorgado ao impugnado Wellington Ferreira de Souza, tornando-o insubsistente os seu mandato”, anotou a magistrada. Pulu poderá recorrer no cargo.

IBGE: ITABUNA ATINGE 221 MIL HABITANTES; ILHÉUS REGISTRA NOVA QUEDA

Itabuna tem mais de 221 mil habitantes; Ilhéus cai para 176 mil moradores

Itabuna tem mais de 221 mil habitantes; Ilhéus cai para 176 mil moradores

Maior município do sul da Bahia em número de habitantes, Itabuna manteve ritmo de crescimento populacional nos últimos 12 meses. Já Ilhéus, continua em queda acentuada, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE).

O órgão federal divulgou hoje (30) as novas estimativas populacionais. Os números são utilizados para definir políticas públicas e repasses constitucionais, a exemplo do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), principal fonte de receita da maioria dos municípios brasileiros.

Segundo o IBGE, Itabuna chega a 221.046 habitantes. Eram 220.386 no ano passado. Com esse ritmo, caiu da quinta para a sexta posição dentre os mais populosos do Estado, superado por Juazeiro (220.253 ano passado e 221.773 agora). Localizado no Vale do São Francisco, o município sempre aparece entre os campões de geração de empregos no Brasil nos últimos anos.

ILHÉUS EM QUEDA

Panorâmica de Coaraci, no sul da Bahia || Imagem Infosaj

Coaraci, no sul da Bahia || Imagem Infosaj

Ilhéus tinha 180.213 habitantes em 2015, caiu para 178.210 no ano passado. E manteve ritmo de queda populacional, chegando a 176.341 moradores em 2017, conforme cruzamento de dados feito pelo PIMENTA.

Mais da metade dos municípios do centro-sul e do extremo-sul da Bahia acompanhou Ilhéus e registrou decréscimo populacional, conforme as estimativas oficiais.

Santa Luzia está entre as quedas significativas na região. Caiu de 13.508 para 13.398 habitantes entre 2016 e 2017. Coaraci está à frente, no quesito, com redução de 19.383 para 19.022 agora.

SALVADOR É 4ª MAIS POPULOSA

Salvador é quarta cidade mais populosa do país || Foto GovBA

Salvador é quarta cidade mais populosa do país || Foto GovBA

A estimativa do IBGE também aponta que Salvador se mantém como a quarta capital mais populosa do país, com 2.953.986 habitantes. Feira de Santana é o segundo município baiano (627.477). Vitória da Conquista 346.069 saltou de para 348.718. Quarta maior, Camaçari saiu de 292.074 para 296.893 moradores.

Ainda segundo o IBGE, o Brasil superou a marca de 207,6 milhões de habitantes em 2017. A Bahia chegou a 15.344.447 moradores ante 15.276.566 em 2016.

OS MAIS POPULOSOS DA BAHIA*

1º Salvador – 2.953.986
2º Feira de Santana – 627.477
3º Vitória da Conquista – 348.718
4º Camaçari – 296.893
5º Juazeiro – 221.773
6º Itabuna – 221.046
7º Lauro de Freitas – 197.636
8º Ilhéus – 176.341
9º Jequié – 162.209
10º Teixeira de Freitas – 161.690
11º Barreiras – 157.638
12º Porto Seguro – 149.324
13º Simões Filho – 136.050
14º Paulo Afonso – 120.706
15º Eunápolis – 115.290
16º Santo Antônio de Jesus – 103.342

_______________________________________
* Fonte: IBGE (Estimativa populacional)
Ubaitaba é dos municípios que tiveram decréscimo populacional || Foto Aleilton Oliveira

Ubaitaba é dos municípios que tiveram decréscimo populacional || Foto Aleilton Oliveira

POPULAÇÃO (CENTRO-SUL E EXTREMO-SUL)

Almadina – 6.062 (2016) | 5.985 (2017) –
Arataca – 11.697 | 11.661 –
Aurelino Leal – 12.891 | 12.706 –
Barra do Rocha – 6.338 | 6.258 –
Barro Preto – 6.367 | 6.251 –
Belmonte – 23.891 | 24.013 +
Buerarema – 19.269 | 19.256 –
Camacan – 33.257 | 33.310 +
Camamu – 36.543 | 36.644 +
Canavieiras – 33.130 | 33.002 –
Caravelas – 22.646 | 22.740 +
Coaraci – 19.383 | 19.022 –
Dário Meira – 11.864 | 11.716 –
Eunápolis – 114.275 | 115.290 +
Firmino Alves – 5.804 | 5.822 –
Floresta Azul – 11.279 | 11.244 –

Clique no leia mais e confira os dados dos demais municípios :: LEIA MAIS »

HOMENS SÃO PRESOS COM 303 QUILOS DE DROGAS NO SUL DA BAHIA

Força tarefa apreendeu 303 quilos de drogas e prendeu 3 homens || Foto PM-BA

Força tarefa apreendeu 303 quilos de drogas e prendeu 3 homens || Foto PM-BA

Força Tarefa com as polícias militar, civil e federal resultou na apreensão de 303 quilos de maconha e pasta base de cocaína, neste final de semana, em Ubaitaba, no sul da Bahia. A apreensão começou com a abordagem a um Fiat Siena, no entroncamento de Ubatã, quando foram encontrados 60 quilos de maconha.

Em outro veículo, um Fiat Pálio, foram apreendidos mais 20 quilos da droga. Outros 223 quilos de maconha e pasta base de cocaína foram encontrados em uma fazenda na localidade de Cachoeira Bonita.

A polícia chegou à fazenda com base nos depoimentos do trio de traficantes.  O local funcionava como laboratório do tráfico. Lá, a polícia apreendeu maisena, bicarbonato de sódio, balança digital e prensa hidráulica. Na ação, a polícia prendeu Joacre Porciano dos Santos,

PREFEITA DE UBATÃ SINALIZA CANDIDATURA À PRESIDÊNCIA DA AMURC

Simeia pode disputar Amurc.

Simeia pode disputar Amurc.

Simeia Queiroz (PSL), prefeita de Ubatã, espera anunciar ainda nesta quarta (18) se disputará a presidência da Associação dos Municípios do Sul, Extremo-Sul e Sudoeste da Bahia (Amurc). “Estamos dialogando. Hoje ainda iremos definir”, afirmou ao PIMENTA.

A prefeita disse estar construindo candidatura de consenso. “Não queremos criar uma disputa e sim um [nome de] consenso”, ressaltou ao ser lembrada que existe outra candidatura posta, a do prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio (PT). “Ainda não tive contato com o colega. Mas iremos marcar essa semana ainda”, completou, frisando que é preciso “estar disposto” a pensar, coletivamente, ações para enfrentar a crise econômica.

MOACYR FORA

O prazo de registro de chapas termina na próxima sexta-feira (20). Ontem, o prefeito de Uruçuca, Moacyr Leite (DEM), conversou com Anízio (PT) e afirmou que abriria mão da disputa pelo comando da entidade. Hoje, Simeia anunciou desejo de presidir a entidade.

Anízio conta com o apoio da máquina estadual e seu nome vem sendo trabalhado desde novembro na entidade. O maior cabo eleitoral até aqui tem sido o presidente e ex-prefeito de Ibicaraí, Lenildo Santana, também do PT.

ISAQUIAS E ERLON CONQUISTAM A PRATA NO C2 1.000 M DA CANOAGEM

Erlon de Souza e Isaquias Queiroz conquistam a prata na Rio 2016.

Erlon de Souza e Isaquias Queiroz conquistam a prata na Rio 2016.

A dupla brasileira Isaquias Queiroz e Erlon Souza conquistou a medalha de prata, há pouco, na canoagem de velocidade, categoria C2 1.000 metros. Os atletas sul-baianos de Ubaitaba e Ubatã concluíram os mil metros com o tempo de 3min44s81.

Isaquias e Erlon lideraram a prova até os 750 primeiros metros, quando a dupla alemã Sebastian Brendel e Jan Vandrey passaram à ponta e fecharam com 3min43s91.

Os terceiros colocados foram os ucranianos D. Ianchuk e T. Mishchuk, com 3min45s94.

Ao encerrar as competições da canoagem com duas medalhas de prata e uma de bronze, Isaquias Queiroz, de Ubaitaba, tornou-se o brasileiro com maior número de medalhas em uma só edição de olimpíadas.

Na sua segunda participação em olimpíadas, Erlon, de Ubatã, conquistou medalha pela primeira vez.

SÓCIO-ESTATÍSTICA: SIMEIA LIDERA DISPUTA EM UBATÃ

Simeia lidera disputa com dobro de intenções de voto de Rosana. Ronaldo aparece com 0,2%.

Disputa em Ubatã reúne Simeia (PSL), Rosana (DEM) e Ronaldo (PSOL).

A prefeita de Ubatã, Simeia Félix (PSL), lidera a corrida eleitoral no município sul-baiano, de acordo com pesquisa da Sócio-Estatística. O levantamento traz Simeia com 60% das intenções de voto na estimulada. A segunda colocada é Rosana Magalhães (DEM), com 25%.

Orlando da Chesf (PSOL) apareceu com 0,2%. Hercília Campos (PMDB) atingiu 1,2%, mas desistiu da candidatura. O percentual de indecisos atinge 10,3%, enquanto o de votos em branco ou nulo chega a 3,2%.

Ainda na estimulada, Simeia chegou a 61,3% em um cenário em que aparecem apenas ela e Rosana, que atingiu 26,1%.

A pesquisa ouviu 408 eleitores de Ubatã em 30 de julho, antes do registro das candidaturas, tem margem de erro de 5 pontos percentuais e está registrada no TSE sob o protocolo 00464/2016.

ESPONTÂNEA

A pesquisa espontânea mostra Simeia com 53,2%. Lila Rosana atinge 22,1%. Hercília alcançava 1%. Orlando não pontuou, conforme a Sócio-Estatística. 23,5% não souberam responder.

A pesquisa também mediu a rejeição aos candidatos. Simeia tem o menor percentual de rejeição (25,5%). Já 51,5% dos eleitores pesquisados disseram que não votariam em Rosana. O mais rejeitados dentre os candidatos na disputa é Orlando da Chefes, com 72,1% afirmando que não votariam nele.

De acordo com a pesquisa, 75,2% dos ubatenses aprovam a forma de Simeia Félix administrar a cidade. O percentual de desaprovação atinge 19,6%.

Para 22,8% dos pesquisados, o governo é ótimo. Outros 43,4% o consideram bom, enquanto para 20,1% é regular. O governo é ruim na avaliação de 3,4%. Já o percentual de péssimo, é 9,1%. Dos eleitores pesquisados, 1,2% não souberam responder.

DEFENSOR DO RIO DE CONTAS, ISAQUIAS QUEIROZ BUSCA 3 MEDALHAS OLÍMPICAS

Bicampeão mundial, Isaquias busca 3 medalhas na Rio 2016 (Foto Daniel Thame).

Do Blog do Thame

O canoísta Isaquias Queiroz, bicampeão mundial e campeão pan-americano, aproveitou a folga no feriado de Corpus Christi, para rever familiares e amigos em Ubaitaba, no Sul da Bahia.

Isaquias, que está realizando a preparação para as Olímpiadas Rio 2016 em Minas Gerais, é forte candidato a obter medalhas para o Brasil nas modalidades C1 200 metros, C1 1000 metros e C2 1000 metros, está ao lado do também sul-baiano de Ubatã Erlon de Souza, com que já dividiu o ouro no Mundial de Canoagem, em Milão, Itália.

Em conversa com o Blog do Thame, às margens do Rio de Contas, onde iniciou a carreira na Associação Cacaueira de Canoagem, Isaquias Queiroz afirmou que “estou treinando firme, porque é a reta final pra competição mais importante da minha vida, disputar os Jogos Olímpicos em casa é uma coisa única, especial”.

“A expectativa é conquistar três medalhas e fazer história para o Brasil na canoagem. Os nossos resultados em mundiais mostram que essas medalhas são possíveis, mesmo enfrentando grandes atletas”, destacou o canoísta.

As provas de canoagem serão realizadas de 16 a 20 de agosto, no Rio de Janeiro. “A ansiedade é grande, o foco total nas Olímpiadas, para dar essa alegria aos sulbaianos e aos brasileiros”, disse.

Isaquias também aproveitou para fazer um alerta para a necessidade de conservação do Rio de Contas, um dos principais polos de canoagem, do Brasil:

-Devo minha carreira ao Rio de Contas e fico triste ao ver o tio afetado pelo desmatamento das margens e pela poluição, que prejudicam não só os atletas mas os moradores da região. Espero que haja uma grande mobilização do governo e da comunidade para evitar a degradação desse rio tão importante para todos nós.

TJ DESATIVARÁ COMARCAS NO SUL DA BAHIA

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) terá até 120 dias para desativar 25 comarcas do interior do Estado, algumas delas localizadas em municípios sul-baianos. O tribunal havia anunciado a decisão no ano passado, mas sofreu questionamentos, no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), por parte da Associação dos Magistrados da Bahia (Amab).

A contestação foi arquivada pelo CNJ há menos de dez dias. O conselho deu prazo de quatro meses para o TJ-BA concluir estudos da desativação das comarcas. A relação atinge diretamente os municípios de Aurelino Leal, Ibicuí, Ibirapitanga, Itapebi, Itapitanga, Nova Canaã, Pau Brasil e Santa Luzia, todos localizados no centro-sul do Estado.

A comarca de Aurelino Leal, conforme a decisão do TJ, será absorvida por Ubaitaba. Iguaí responderá por Ibicuí e Nova Canaã, enquanto Ibirapitanga terá de recorrer a Ubatã. A comarca de Itapebi será incorporada pela Comarca de Itagimirim. Já a de Itapitanga, terá os processos assumidos pela comarca coaraciense. Camacan absorverá processos de Pau Brasil e Santa Luzia.

A decisão leva em conta que as comarcas desativadas movimentam menos de 600 processos ao ano, segundo o Tribunal de Justiça baiano em resposta ao diário A Tarde.

POLÍCIA INVESTIGA ASSASSINATO DE POLÍTICO EM UBATÃ

Américo foi assassinado na sala de casa.

Américo foi assassinado em casa.

O delegado Adelino Loiola presidirá inquérito que investiga o assassinato de Américo Nascimento de Jesus, de 38 anos, ex-candidato a vereador pelo DEM em Ubatã em 2008. Américo foi morto a tiros, por volta das 18h30min de ontem (17), na sala de casa.

O político e corretor de imóveis levou três tiros na cabeça. Os disparos foram efetuados por dois homens. O crime foi cometido na frente de três crianças, de acordo com a polícia, informa o Ubatã Notícias. Os criminosos fugiram a pé.

Uma guarnição do 4º Pelotão da PM de Ubatã foi acionada, mas não conseguiu prender os bandidos. O assassinato de Américo é o segundo registrado no município de Ubatã em 2015.

EM PROTESTO, CADÁVER É COLOCADO NO MEIO DA ESTRADA

Corpo foi colocado no meio da estrada em protesto contra demora da perícia técnica - foto Philipe do Socorro

Corpo foi colocado no meio da estrada em protesto contra demora da perícia técnica – foto Phillipe Oliveira

A falta de estrutura da segurança pública na Bahia ficou mais uma vez evidente nesta terça-feira (3), em um protesto macabro na BR-330, em Ubatã, na altura do acesso à cidade de Ibirapitanga. No protesto, uma das faixas da rodovia foi interditada de modo inusitado: com um corpo atravessado no meio da pista.

O cadáver era do trabalhador rural Roberto dos Santos, 46 anos, que ontem (dia 2), por volta das 14 horas, sofreu acidente quando manuseava uma espingarda e acabou morrendo. O fato ocorreu na Fazenda Aurora, em Ubaitaba. Roberto deixou viúva e duas filhas.

Segundo Genivaldo dos Santos, 52, irmão da vítima, a polícia de Ubaitaba foi comunicada logo após o ocorrido e esteve no local, de onde retornou informando que a perícia técnica seria acionada e se deslocaria para a fazenda. Os policiais foram embora, levando a espingarda que tirou a vida do trabalhador.

Quem não apareceu foram os peritos. Indignados, parentes e amigos de Roberto dos Santos transportaram seu corpo pelo meio do mato, percorrendo cerca de cinco quilômetros até a BR 330. No meio do caminho, tiveram que atravessar de canoa o Rio de Contas.

Genivaldo, o irmão do morto, afirma que desde ontem vários contatos foram feitos com a polícia, mas foi inútil. Ele disse que o corpo, que já apresentava sinais de decomposição, somente seria retirado da rodovia com a chegada dos peritos.
Segundo informações do repórter Marco Antônio, do blog Ubatã em Foco, até às 19h30 desta terça os familiares e amigos de Roberto dos Santos ainda aguardavam a equipe da polícia técnica.

CORPO RECOLHIDO ÀS 20h30

Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica compareceu às 20h30 ao trecho da BR 330 onde estava o corpo de Roberto dos Santos. Os peritos informaram ter tomado conhecimento da morte do trabalhador rural hoje à tarde, quando realizavam outro levantamento cadavérico, no distrito de Itamarati, em Ibirapitanga.

A previsão, ainda segundo os peritos, é de que o corpo de Roberto dos Santos será liberado para sepultamento somente na quinta-feira (5).

Mulher chora ao lado do corpo do trabalhador rural - foto Philipe do Socorro

Mulher chora ao lado do corpo do trabalhador rural – foto Phillipe Oliveira

ADOLESCENTE DE UBATÃ ESTÁ DESAPARECIDO

Luíque desapareceu há quase uma semana e teria sido visto em Itacaré.

Luíque desapareceu há quase uma semana e teria sido visto em Itacaré.

O Conselho Tutelar de Ubatã e familiares estão à procura do adolescente Luíque Silva Guimarães, de 13 anos. Luíque está desaparecido desde a última quinta-feira (7).

De acordo com informações do Conselho Tutelar, Luíque teria sido visto no município de Itacaré. Quem tiver informações sobre o paradeiro do adolescente, pode entrar em contato pelos telefones (73) 8876.9964 ou 3245. 1452.

SAC MÓVEL ATENDERÁ UBATÃ E MARAÚ

Unidade do SAC Móvel atenderá municípios sul-baianos (Foto GovBA).

Unidade do SAC Móvel atenderá municípios sul-baianos (Foto GovBA).

Os moradores de Ubatã e Ibirapitanga serão atendidos por uma unidade móvel do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) nesta semana. Na quarta e quinta-feiras (2 e 3), a parada do SAC Móvel será em Ubatã, na Praça Presidente Vargas. A carreta do serviço atenderá em Maraú nos dias 5 e 6 (sábado e domingo), na Praça Dr. José Pereira da Cruz.

Na unidade móvel são oferecidos serviços como emissão de carteira de identidade, CPF e certidão negativa de antecedentes criminais, além de atendimento da Previdência Estadual e da Ouvidoria Geral do Estado, das 8h às 18h, sem intervalo para almoço.

Pela programação do SAC Móvel, a unidade também prestará atendimento em Ibirapitanga (dias 8 e 9), Dário Meira (11 e 12) e Boa Nova (14 e 15). Dúvidas podem ser sanadas pelos telefones 0800.071.5353 (fixo) ou 4020.5353 (móvel).

PREFEITA DE UBATÃ PERMANECE NO CARGO

A prefeita de Ubatã, Simeia Queiroz (PSB), foi mantida no cargo por decisão do juiz eleitoral Antônio Maldonado Bertacco, de Ubatã, que julgou improcedente ação de investigação movida pela candidata adversária em outubro passado, Rosana Magalhães (PTB). A sentença foi publicada na edição eletrônica do Diário da Justiça de ontem.

A ex-candidata também foi acusada de litigância de má-fé e multada em R$ 5 mil. Segundo o site Ubatã Notícias, Rosana Magalhães já acumula quatro derrotas e R$ 20 mil em multas nas denúncias de suposto abuso de poder econômico, todas julgadas improcedentes.

UBATÃ: ASSALTANTES ARROMBAM CAIXA DO BB

caixa do bb em ubatã foto ubatã notíciasBandidos arrombaram um caixa eletrônico da agência do Banco do Brasil em Ubatã, no sul da Bahia, na madrugada deste domingo, 7. Eles abriram um buraco na parte inferior do caixa e cortaram fios. A polícia não informou se os assaltantes conseguiram levar dinheiro  da agência. Suspeita-se que, em vez de maçarico, os bandidos tenham utilizado modalidade mais sofisticada, em que o sistema do caixa é invadido com uso de notebook para a retirada de dinheiro, informa o Ubatã Notícias. Ninguém foi preso até o momento.

NOVOS PREFEITOS NÃO ESQUECEM DOS PARENTES

tetas gestão públicaMatéria desta semana d´A Região traz uma lista da farra de nomeações de parentes de prefeitura no Centro-Sul da Bahia, com destaque para municípios de Itacaré, Ilhéus, Uruçuca, Buerarema e Ubatã.

Diz a reportagem que “entre os que transformaram seus municípios em cabide de emprego familiar estão os prefeitos Jarbas Barbosa, de Itacaré; Gilka Badaró, de Itajuípe; Fernanda Silva, de Uruçuca; Marco Brito, de Itororó; José Agnaldo Barreto, o “Guima”, de Buerarema; e Siméia Rigaud, de Ubatã.

Os casos mais escandalosos são os das prefeituras de Itororó, Itacaré e Buerarema. Em Itacaré, a família de Jarbas Barbosa (PSB) embolsa aproximadamente R$ 50 mil por mês. A família comanda os principais cargos, dentre eles o de tesoureiro.

Marco Brito (PMDB), de Itororó, empregou a mãe, Doralice Brito, esposa e primos, como já havíamos revelado aqui. Guima (PDT) deu cargo à esposa, filho, irmã, cunhado e primos.

Confira a reportagem na íntegra

MPF DENUNCIA EX-PREFEITO DE UBATÃ

Dai da Caixa é acusado de formação de quadrilha, entre outros crimes

O Ministério Público Federal (MPF) move mais uma ação por crime de improbidade administrativa contra o  ex-prefeito de Ubatã, Adailton Ramos Magalhães, o “Dai da Caixa”, que governou o município de 2001 a 2008. O político, ex-integrantes de seu governo e dois empresários são acusados de crimes como formação de quadrilha e falsidade ideológica. A ação tramita na Vara Única da Justiça Federal de Jequié.

Somente em um esquema de emissão de notas falsas, para justificar recursos desviados, o ex-prefeito teria provocado um rombo de R$ 130 mil em valores atuais. Mas o prejuízo ao erário, de acordo com a denúncia, é bem maior, chegando a R$ 4 milhões, também em números corrigidos. A maior parte do dinheiro subtraído era verba do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), Programa Nacional da Alimentação Escolar (Pnae) e do Sistema Único de Saúde (SUS).

Além de Dai da Caixa, são acusados Deivisson Ernesto Souza Melo, que era membro da comissão de licitação e controlador geral do município; Ubiratan Caciel Oliveira, que era assessor do ex-prefeito; o empresário Fernando Moreira Amaral, conhecido como “Rato”, propretário da FM Amaral, e que seria também, segundo as investigações, o dono de fato da empresa Valéria Santos Amaral ME, que fornecia produtos ao município e foi utilizada no esquema de emissão de notas falsas. A sobrinha do “Rato”, Valéria Amaral, que atuaria como laranja do tio, também é ré na ação.

Os desvios foram descobertos a partir de uma auditoria realizada pela Controladoria Geral da União (CGU), que deu origem a um inquérito civil público. Segundo a ação do MPF, os envolvidos, quando souberam das investigações da CGU, passaram a emitir notas falsas na tentativa de encobrir o desvio de dinheiro público. Dai da Caixa responde a outras ações por improbidade administrativa e chegou a ser preso durante a Operação Vassoura de Bruxa, da Polícia Federal.

Fernando, o "Rato", combina a fraude e garante a "ponta" (propina)

Fernando, o “Rato”, combina a fraude e garante a “ponta” (propina)

QUADRILHA

O MPF afirma que “os acionados formaram, durante a gestão de 2005 a 2008, notadamente nos anos de 2007 e 2008, uma quadrilha voltada ao desvio de recursos públicos”. Entre os crimes que são atribuídos ao ex-gestor e sua turma, estão peculato, fraude em licitações, falsidade ideológica e corrupção ativa e passiva.

Entre as provas colhidas pela polícia, estão diálogos obtidos a partir de interceptações telefônicas, nos quais os acusados chegam a brincar com o crime que cometiam. Em um trecho, Fernando Amaral, o “Rato”, faz piada com a qualidade do feijão que fornecia para a merenda escolar. Na conversa, ele diz que o prefeito teria criticado o produto e dito que o feijão não servia nem para alimentar cachorros. A resposta do “Rato” foi a seguinte: “Mas eu não mandei pra cachorro, mandei pra gente”.

Em outro trecho, “Rato” combina com Deivisson uma ação para fraudar um processo licitatório. No diálogo, o primeiro demonstra confiança e tranquiliza o outro quanto ao pagamento da propina: “o negócio é meu mesmo…aí eu boto…faço um preço…um precinho bom…e aí lhe dou uma ponta boa”.

O Ministério Público pede a indisponibilidade dos bens dos acusados, o ressarcimento integral do dano e a perda dos bens ou valores acrescidos ilegalmente ao patrimônio de todos os envolvidos. Se condenados, eles também terão os direitos políticos suspensos e serão proibidos de contratar com o poder público pelo prazo de cinco anos.

Piada sem graça com a a má-qualidade do produto fornecido para a merenda escolar

Piada sem graça com a a má-qualidade do produto fornecido para a merenda escolar

 






WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia