COVID NA BAHIA: 401 PACIENTES INFECTADOS, 63 RECUPERADOS E 9 ÓBITOS

Com cerca de 45 mil habitantes, Ipiaú tem 6 casos de covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

No final da tarde deste domingo (5), a Secretaria Estadual de Saúde divulgou os novos números da Covid-19 na Bahia. Até as 12h de hoje, o estado acumulava 401 pacientes infectados pela doença, além de 9 óbitos e 63 pessoas recuperadas. Ainda segundo a Sesab, 1.914 exames deram negativo (descartados). Há, ainda, 27 pessoas internadas, 19 delas em Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Cresceu, nas últimas horas, o número de casos do novo coronavírus no sul da Bahia. Agora, são 41: 12 em Ilhéus, 7 em Itabuna, 6 em Ipiaú, 4 em Itagibá, 4 em Itororó, 3 em Itajuípe, 2 em Uruçuca, 2 em Ibirataia e 1 em Coaraci.

Proporcionalmente, a cidade mais infectada pelo vírus é Ipiaú, com 6 casos e população de 45.873 habitantes, segundo estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

PERFIL

Dentre os casos confirmados na Bahia, 50,12% são do sexo masculino e 49,88% do feminino. A mediana de idade é 46,25 anos, variando de 6 meses a 95 anos. A mediana de idade é 40 anos, variando de 7 dias a 95 anos.

A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 27,43% do total. Porém, o coeficiente de incidência por 100 mil habitantes foi maior na faixa de 50 a 59 anos (5,29/100.000 hab), indicando o maior risco de adoecer nessa essa faixa etária. Os casos confirmados estão distribuídos em 47 municípios do estado, com maior proporção em Salvador (66,6%).

ÓBITOS

Foram confirmados nove óbitos: sete no município de Salvador – cinco idosos do sexo masculino, uma pessoa do sexo masculino de 55 anos e uma pessoa de 41 anos do sexo feminino, um óbito no município de Utinga (sexo masculino, 80 anos) e um no município de Itapetinga (sexo feminino, 28 anos).

BRASIL REGISTRA 486 MORTES E 11.130 CASOS DO NOVO CORONAVÍRUS

Brasil já tem mais de 11 mil casos confirmados de coronavírus
Tempo de leitura: 2 minutos

O Ministério da Saúde divulgou, na tarde deste domingo (5), os números atualizados do novo coronavírus. De acordo com a pasta, o número de infectados, no momento, é de 11.130. Isso representa um aumento de 852 casos em relação ao balanço divulgado sábado (4). Nas últimas 24 horas foram confirmadas 54 mortes. Com isso, subiu para 486 a quantidade de óbitos no Brasil. A taxa de letalidade do vírus no Brasil é de 4,2%.

São Paulo é o estado que concentra o maior número de casos (4.620) e também o maior número de mortes (275). Os dados do Ministério da Saúde mostram que todas as regiões apresentaram aumento no número de casos. Em relação às mortes, apenas o Centro-Oeste não teve aumento, permanecendo com 12 óbitos registrados.

Na região Sudeste, o Rio de Janeiro, com 1.394 casos e 64 mortes; e São Paulo, com 4.620 casos e 275 mortes, se destacam. Na região Norte, o Amazonas concentra o maior número de casos, com 417, além de 14 mortes.

NORDESTE E SUL

Na região Nordeste, o Ceará se destaca, com 823 casos e 26 mortes. No Centro-Oeste, o Distrito Federal tem o maior número de casos, muito à frente dos demais, com 468 casos e sete mortes. Os estados do Sul do Brasil apresentam um número de casos mais parelho. O Paraná é o estado da região com mais casos, 438, e Santa Catarina é estado com menos casos, 357.

Leia Mais

ACUSADO DE HOMICÍDIO E TRÁFICO MORRE EM CONFRONTO COM A PM EM ITABUNA

Acusado morre em confronto com a polícia
Tempo de leitura: < 1 minuto

Um homem acusado de chefiar uma quadrilha de traficantes de drogas foi atingido durante uma operação de policiais militares, no loteamento Gegéu Rocha, no bairro Fonseca, em Itabuna. Arlen Barreto Clímaco Júnior chegou a ser socorrido para o Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães, mas não resistiu aos ferimentos.

O confronto ocorreu no final da tarde deste domingo (5). “Bochecha”, como era conhecido o suspeito, tinha várias passagens pela polícia. Ele era acusado de tráfico de drogas, assaltos e homicídio, segundo investigações da polícia.

ILHÉUS ANUNCIA 12° CASO DE COVID-19; PACIENTE TEM 18 ANOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Há pouco, a Secretaria de Saúde de Ilhéus confirmou o registro do 12º caso do novo coronavírus (Covid-19) no município sul-baiano. Um jovem de 18 anos, morador da zona norte, teve contato com pessoa infectada e contraiu a doença.

“O coronavírus está circulante em todo lugar. A pessoa que não respeita o distanciamento social coloca a vida de outras pessoas em risco. Ficar em casa é a única arma que temos hoje contra a Covid-19”, enfatizou o secretário de Saúde de Ilhéus, Geraldo Magela.

ITABUNA: MULHER DE 31 ANOS É O 7º CASO CONFIRMADO DO NOVO CORONAVÍRUS

Itabuna registra sétimo caso da covid-19
Tempo de leitura: < 1 minuto

Neste domingo (5), a Secretaria de Saúde de Itabuna confirmou o sétimo caso do novo coronavírus no município. É uma mulher, de 31 anos, que teve contato com um familiar que chegou recentemente de São Paulo.

A Secretaria não deu mais informações sobre o estado de saúde da paciente, porém reforçou a necessidade de a população permanecer em isolamento social para “evitar uma disseminação descontrolada da doença” em Itabuna. O comunicado da Vigilância Epidemiológica foi emitido no início desta manhã.

JOVEM MORTA PELO NOVO CORONAVÍRUS ERA PROFESSORA NO SUL DA BAHIA

Professora não resistiu ao novo coronavírus. Casal vivia um bom momento
Tempo de leitura: 2 minutos

Rafaela da Silva de Jesus, de 28 anos, que morreu depois de ser infectada pelo novo coronavírus, era professora de uma escola da rede municipal de ensino em Itaju do Colônia. A jovem lecionava no município do sul da Bahia e ajudava o marido, na empresa da família, em Porto Seguro, no extremo-sul do estado.

A vida de Rafaela era muito corrida. Trabalhava nos dias úteis na rede pública de ensino em Itaju do Colônia e, nos finais de semana e feriados, viajava para o distrito de Trancoso para ajudar na empresa de turismo do marido, Erisvaldo Lopes dos Santos.

A professora fez tratamento para fertilização e engravidou de Alice. Na quarta-feira (1º), sete dias depois do nascimento da primeira filha, Rafaela Silva não resistiu ao novo coronavírus e morreu em Itapetinga, no sudoeste da Bahia, onde mora parte da família dela.

Rafaela e Erisvaldo Lopes viajaram para Itapetinga no dia 16 de março, onde decidiram que a jovem teria a criança em um hospital particular e receberia os cuidados dos familiares. Rafaela teve a filha e estava bem, mas cinco dias depois do parto começou a sentir sintomas como febre e falta de ar.

SUSPEITA DE COMO FOI O CONTÁGIO

O quadro de saúde da jovem se agravou. Ela foi levada para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em Itapetinga, mas por causa do agravamento, seria transferida para um hospital em Vitória da Conquista, também no sudoeste da Bahia, mas não houve tempo.

O marido suspeita que a professora contraiu o vírus de um dos convidados de um casamento com a participação de 280 pessoas em Porto Seguro. A empresa do esposo foi contratada para o transporte dos convidados. Rafaela da Silva não trabalhou, mas teria usado o mesmo veículo que o marido.

Além de perder a esposa no momento que seria um dos mais felizes para a família, Erisvaldo Lopes vem tendo de enfrentar comentários maldosos nas redes sociais, mas também tem recebido mensagens de apoio. Da Redação com informações do UOL.

CAIXA LANÇA NA TERÇA APLICATIVO PARA CADASTRO EM RENDA EMERGENCIAL

Aplicativo Caixa Econômica Federal será lançado na terça
Tempo de leitura: 3 minutos

O Ministério da Economia informou neste sábado que, a partir da próxima terça-feira (7), dezenas de milhões de brasileiros poderão baixar um aplicativo lançado da Caixa Econômica Federal que permitirá o cadastramento para receberem a renda básica emergencial, de R$ 600 ou de R$ 1,2 mil, no caso de mães solteiras.

O banco também lançará uma página na internet e uma central de atendimento telefônico para a retirada de dúvidas e a realização do cadastro. O próprio aplicativo avaliará se o trabalhador cumpre os cerca de dez requisitos exigidos pela lei para o recebimento da renda básica.

O pagamento poderá ser feito em até 48 horas depois que a Caixa Econômica receber os dados dos beneficiários, mas o presidente do banco não se comprometeu em apresentar uma data específica. Quem não tem conta em bancos poderá retirar o benefício em casas lotéricas.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, anunciou que o banco lançará outro aplicativo, exclusivo para o pagamento da renda básica. O benefício será depositado em contas poupança digitais, autorizadas recentemente pelo Conselho Monetário Nacional, e poderá ser transferido para qualquer conta bancária sem custos. Segundo ele, o calendário de pagamentos será anunciado na próxima semana, depois de o banco conhecer o tamanho da população apta a receber a renda básica emergencial.

Segundo Guimarães, o decreto que regulamenta a lei que instituiu o benefício será finalizado, mas ele não informou se o texto será publicado ainda na feira (3) ou no início da próxima semana. Na quinta-feira (6), a Caixa Econômica detalhará o funcionamento dos dois aplicativos.

Leia Mais

BAHIA REGISTRA OITAVA MORTE POR COVID-19

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) informa que registrou, neste sábado (4), a oitava morte causada pelo novo coronavírus (Covid-19) no estado. O paciente era um homem de 55 anos, que apresentou febre, tosse, dispneia e dor de garganta.

O paciente morava em Salvador, segundo a Sesab. Esteve internado em um hospital particular no município de Lauro de Freitas, o Hospital Aeroporto.

CORONAVÍRUS AVANÇA NO SUL DA BAHIA; JÁ SÃO 29 CASOS EM NOVE MUNICÍPIOS

São nove municípios com casos confirmados no sul da Bahia.
Tempo de leitura: 2 minutos

Dados divulgados, na tarde deste sábado (4), pela Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab) mostram o avanço do novo coronavírus para todo as regiões do estado. No sul da Bahia, já são 29 casos da doença confirmados e milhares de pessoas com sintomas da doença aguardando resultados do exame feitos pelo Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia, em Salvador.

O boletim epidemiológico da Sesab de hoje coloca mais dois municípios do sul da Bahia com casos confirmados com o coronavírus. Os novos casos da doença foram confirmados em Uruçuca e Gandu, com uma ocorrência cada.

Outros municípios do sul da Bahia com casos de coronavírus são Coaraci (1), Gandu (1), Ilhéus (10), Ipiaú (1), Itabuna (6),  Itajuípe (3), Itororó (4), Uruçuca (1) e Itagibá (2).

BAHIA

Bahia registra 336 casos confirmados do novo coronavírus, o que representa 5,17% do total de casos notificados. Até o momento, 1.913 casos foram descartados e houve sete óbitos, sendo cinco em Salvador, um em Utinga e outro em Itapetinga. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 17 horas deste sábado (4). Ao todo, 63 pessoas estão recuperadas e 33 encontram-se internadas, sendo 18 em UTI.

Municípios com casos confirmados

Estes números representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais.

Dentre os casos confirmados, 50,89% são do sexo masculino. A mediana de idade é 46,25 anos, variando de 6 meses a 95 anos. A faixa etária mais acometida foi a de 30 a 39 anos, representando 25,30% do total. Porém, o coeficiente de incidência por 100.000 habitantes foi maior na faixa de 50 a 59 anos (4,18/100.000 hab), indicando o maior risco de adoecer entre os idosos

PRE VAI FISCALIZAR PREFEITURAS BAIANAS PARA EVITAR USO POLÍTICO DE RECURSOS PÚBLICOS

PRE vai combater uso político de verbas públicas
Tempo de leitura: < 1 minuto

A Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE-BA) expediu, na sexta-feira (3), orientação técnica para impedir o uso de recursos emergenciais em benefício de candidato ou partido político.

O documento foi encaminhado a os promotores eleitorais da Bahia, que devem acompanhar a execução de medidas relacionadas ao estado de calamidade pública – reconhecido pelo Congresso Federal no último dia 20 de março (Decreto Legislativo nº 6/2020).

Segundo o procurador Regional Eleitoral da Bahia, Cláudio Gusmão, a atuação do MP Eleitoral busca coibir o uso de recursos em ações ou programas sociais – distribuições de cestas básicas, auxílios financeiros e demais bens e incentivos – em benefício de candidato ou de partido político, especialmente sendo 2020 um ano de eleições municipais.

Na orientação técnica a PRE-BA recomenda aos promotores eleitorais, entre outras: acompanhar e fiscalizar medidas de distribuição gratuita de bens, valores ou benefícios para pessoas físicas ou jurídicas para impedir que programas sociais sejam executados por meio de instituições ligadas a candidato, como clínicas ou comércios.

Os promotores devem também acompanhar e fiscalizar iniciativas para distribuição gratuita de bens e serviços de caráter social custeados pelo Poder Público, buscando evitar o seu uso promocional em favor de potenciais candidatos ou partidos.