skip to Main Content
28 de fevereiro de 2021 | 01:22 am

CAOS NA URGÊNCIA DO HBLEM

Tempo de leitura: < 1 minuto

Apenas dois médicos estão atendendo no pronto-socorro do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem) em Itabuna.
A unidade é referência para os casos de urgência e emergência no município e para lá também são encaminhados, diariamente, centenas de pacientes vítimas da dengue.
Os médicos reclamam da carga de trabalho. Pior: o mês de fevereiro caminha para o final e o salário de janeiro ainda não pingou na conta.

Esta publicação possui 10 comentários
  1. Afinal, o Governo do Estado irá assumir, ou não, a saúde em Itabuna?
    Ou será que é só blá, blá, blá, para variar, até 2010, …?!?!?!
    Assume logo isso, pois todos nós queremos “morar no paraíso”, sem ter que morrer para que isso ocorra, é claro, …!!!

  2. AMIGO SÉRGIO O ESTADO SÓ ASSUMIO O CONTROLE DA VERBA QUE O ESTADO MANDAVA E ERA DESVIADA. MAS OS FUNCIONARIOS SÃO OS MESMO OS MEDICOS TAMBÉM, SÓ MUDOU O CONTROLE DO DINHEIRO.É A MESMA MERDA , HÁ E ESQUEÇA PARAÍSO, O UNICO PARAÍSO QUE NÓS VAMOS TER É O PARAÍSO FISCAL.

  3. É vegonhoso isso!!!! O gestor municipal só faz merda e ainda tem gente que fica botando a culpa do caos no governo estadual. Gente que não sabe de nada e fica passando a mensagem de que o governo do estado vai (ou deveria) assumir a saúde. A unica difereça é que o município deixou de receber o dinheiro direto na conta para fazer o que bem quer, e agora só irá receber pelo que produzir.

  4. Passa para o estado que “melhora”, …!!!
    Todos verão a “agilidade”, …!!!
    Vou fazer tal qual o finado Governador de São Paulo, Mário Covas: É! É isso mesmo, …!!!
    Ué! Já começaram a surgir “desculpas”, …?!?!?!
    Incrível, não? Como são rápidas essas “viúvas”, …?!?!?!
    Como dizia minha avó: São “fogo na roupa”, …!!!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top