skip to Main Content
25 de fevereiro de 2021 | 06:52 pm

REJEIÇÃO DE CONTAS PODE GERAR BAIXA EM FEIRA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A rejeição pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) das contas de 2004 e 2005 da Secretaria estadual de Educação pode levar à primeira baixa no secretariado do prefeito Tarcízio Pimenta (DEM), em Feira de Santana.
Anaci Paim era a secretária estadual nos dois anos em que as contas foram rejeitadas. Hoje, ela comanda a Secretaria de Educação de Feira de Santana, mas vem sendo pressionada até por aliados para deixar o cargo, depois que foi revelada a rejeição de suas contas, no início do mês.
Anaci Paim foi condenada pelo Tribunal a pagar multa de R$ 3.971 por cada um dos dois anos. Na Câmara Municipal, além do vereador de oposição Marialvo Barreto (PT), o governista Getúlio Barbosa (PP) também avaliou que o afastamento da secretária é o melhor caminho para não constranger o governo. (Do A Tarde)

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top