skip to Main Content
5 de março de 2021 | 10:56 pm

ELES PENSAM QUE SÃO DEUSES

Tempo de leitura: 2 minutos

Ricardo Ribeiro
ricardoribeiro@pimentanamuqueca.com.br

Muitos já viveram a experiência de chegar a um posto de saúde, acompanhando um amigo ou parente em apuros, e deparar com um cavalo travestido de médico. A insensibilidade diante da dor alheia é uma infeliz característica de gente que repetiu o Juramento de Hipócrates igual papagaio e deveria estar dedicada a qualquer outra atividade, menos à missão de amenizar a dor e salvar vidas.
Dirão alguns doutores, com um certo cinismo e até uma dose de razão, que é melhor encontrar um médico estúpido do que nenhum. Mas o fato é que já passou da hora de se acabar com esse sentimento de onipotência que impera na medicina, vitaminado – como em muitas outras áreas – pelo corporativismo de conselhos profissionais que só servem para aliviar a barra dos seus.
Não é à toa que surgiu aquela anedota, segundo a qual os médicos estão divididos em dois grupos: cinquenta por cento deles se acham deuses e os outros cinquenta têm absoluta certeza da sua condição de divindade entre pobres mortais. Um exagero, claro, mas é o que atitudes como a do médico da unidade de saúde Alberto Teixeira Barreto, do bairro Califórnia, deixam transparecer.
A incerta do promotor Clodoaldo da Anunciação na referida UBS revelou que os problemas de saúde em Itabuna estão muito além da gestão. Como se diz, o buraco é mais embaixo. Tem a ver com falta de postura e caráter de alguns profissionais, que confirmam a tese de que a corrupção nesse Brasil lindo e trigueiro está presente em tudo quanto é canto.
O nome do tal médico não foi divulgado, mas ele certamente é daqueles que atendem mal (ou melhor, não atendem), sob o pretexto de que o SUS lhes paga uma merreca. Mentira! Agem assim porque são corruptos, iguaizinhos aos que eles gostam de apontar e esculhambar no Jornal Nacional. Qual a diferença entre as duas espécies? Nenhuma.
É bom reconhecer que Itabuna deve muito à atuação brilhante desse promotor. Anunciação há muito se mostra preocupado com o mau-funcionamento do serviço público de saúde no município. E não é apenas a falta de médicos, remédios e leitos que lhe causa apreensão, mas principalmente a falta de um tratamento humano, digno e respeitoso aos que procuram as unidades de saúde e a Central de Regulação do SUS.
São muitos os que chegam doentes às unidades e, de tão maltratados, saem em pior estado do que entraram. Não é só porque falta o atendimento, mas porque sobra falta de respeito, grosseria e pouco caso com o cidadão que paga por toda a “feira”, mas que mal consegue catar umas migalhas.
Felizmente, é possível vislumbrar uma luz no fim do túnel, desde que as ações do presente não morram na praia. Isto é, que resultem em punições reais, de gestores, médicos e quem mais tenha culpa no cartório. Se não for assim, estamos mesmo perdidos.
Ricardo Ribeiro é um dos blogueiros do Pimenta na Muqueca.

Esta publicação possui 29 comentários
  1. Concordo plenamente com você Ricardo! Que bom séria que o nome desse “Profissional” da medica fosse revelado. Talvez faça parte da máfia que tenta manipular parte da classe medica de Itabuna, ou seja uns dos medalhões que se acham acima do bem e do mal.
    O certo é que temos aqui na nossa terra Profissionais competemte, responsaveis e sobretudo comprometido com sua profissão e com a saúde do seu proximo. Por isso é importante que seja divulgado o nome do médico que assinou o ponto do mês inteiro, para que possamos separar o joio do trigo.

  2. Menino, tenha calma. É certo que o Brasil tem um sem-número de gazeteiros, mas não se pode generalizar, sob pena de leviandade. Tomara que a Justiça responda postivamente às ações do representante do Ministério Público senão a ação afirmativa que empreende se tornará inócua o mesmo que se dá com a impunidade geral e irrestrita!
    Desculpe, mas as generalizações sempre atingem algumas pessoas, cuja assiduidade merece ser respeitada. Lembre-se de que devemos preservar as regras e não as exceções, já que acredito serem os gazeteiros, que existem em qualquer profissão, uma minoria.

  3. Achei oportuno e muito bom o seu comentário…….aquilo que é positivo merece ser destacado….só não aceito é notícias equivocadas e sem fundamento. Parabéns!!!!!!!!

  4. Esse promotor é um exemplo a ser seguido, em Itabuna tivemos promotores inertes, sabem lá porquê! Esse Clodoaldo conhece os anseios da população menos favorecidas por conta de sua historia de vida. Parabéns

  5. Zelão, encontrando a resposta:
    Caro Ricardo;
    Por toda a minha infância uma dúvida atroz me perseguiu. Queria entender o significado do símbolo da medicina, formado por “duas cobras entrelaçadas.” Só na adolecencia é que pude saber o real significado das “duas serpentes entrelaçadas: – Se Mata cobra… Se não mata, cobra também.
    Tá explicado, ao menos para mim, o comportamento do médico (ou dos médicos), que assinam a folha de presença no serviço público e não comparecem.

  6. Ricardo,
    Quem faz medicina só é filho de rico e rico só gosta de pobre pra votar e pra ser mucambo. A pedância na classe médica é tanta que não atinge só aqueles que mendigam ao SUS não. Aqueles que se sacrificam pra pagar umplano de saúde também penam com mau atendimento da rede conveniada. Um médico, extremamente conhecido, o mais conhecido na área dele, amigo meu de Ilhéus, esculhambou a UNIMED.Taxou de adjetivos que nem ficariam bem serem explicitados aqui. Outro, daqui de Itabuna mesmo, falou a mesma coisa. Então, não é de se espantar o estado em que se encontra a saúde em nosso país. São apenas uns filhinhos de papai sem qualquer compromisso com o social, com o estado de penúria do povo. E vc? Vai reclamar com os politicos? Ou eles são os mesmos( a ex daquele que votou na ‘Dinastia Burgos’) ou jogam carteados juntos!! Né não Vieira?!?!?!?
    Se não houver uma atuação forte do MP (tipo fazer chamada mesmo), eles vão continuar assim…deuses!!!

  7. tenho a responsabilidade de contratar medicos para servir a comunidades carentes, é um absurdo a postura de alguns profissionais que entendem os recursos financeiros resultantes do seu trabalho mais importantes que as vidas que deveriam salvar.
    sou plenamente favoravel a proliferação de faculdades de medicina, quando estes profissionais tiverem que disputar mercado de atrabalho entenderam o que é atender com dignidade.

  8. Caro, Ricardo.
    Não é de hoje que o Sistema de Saúde de Itabuna é a casa da “mãe Joana”, onde há desvios de recursos da saúde, funcionários fantasmas, médicos que recebem sem trabalhar, bens públicos como “os carrinhos da saúde” que ninguem sabe dá nenhuma informação e tudo continua como se tudo estiver correndo tudo bem no governo da transparencia do Capitão Azevedo que dá continuidade a gestão de do Senhor Fernando Gomes e Jesuíno.
    Lamento ser uma cidadã Itabunense com formação na area de saúde, onde as denúncias do Promotor Clodoaldo não nos causa espanto, pois estes fatos são rotinas, e para completar o Sec. de Saúde Dr. Antonio Vieira ainda leva uma proposta vergonhosa para o conselho Municipal de Saúde solcitando que os médicos do PSF trabalhem somente 20 horas, mas que sejam contratatos por 40 hs conforme determina o programa, pois na concepção do secretário o médico só necessita de 30 minutos para atender 16 pacientes diariamente, não há necessidade da educação e saúde, visita domiciliar etc…, pois acha que são atribuições dos Enfermeiros, estes coitados cairam no golpe do ex-secretário concursados para 30 horas trabalham 40 hs, recebendo por 30 hs, trabalhando na maioria dos PSFs sem médicos e quando tem não passam mais que meia hora( se tiver paciente atende senão vai embora), sem condições de trabalho e ainda sofrem assédio moral pelas coordenadoras da atenção básica, quando buscam seus direitos. Como muitos tem família para alimentar ficam calados e aguardam o tempo do estágio probatorio que lhe garanda o emprego.
    Seria muito bom o Ministério Público juntamente com o Conselho Municipal de Saúde e 7ª DIRES, ouvisse a população e investigasse as irregularidades dos Postos de Saúde – onde falta até aparelho de pressão no programa da hipertensão, também acrescentaria os plantões noturnos dos hospitais.
    Parabenizo o Promotor Clodoaldo por trazer à tona para os meios de comunicações as irregularidades no sistema de saúde de Itabuna e que a população seja estimulada a denunciar tudo que acontece com o mal uso do dinheiro público e a falta de humanização no atendimento a população pelos médicos tão divulgado pelo Ministério da Saúde no programa HUMANIZA SUS.

  9. Caro, Ricardo.
    Não é de hoje que o Sistema de Saúde de Itabuna é a casa da “mãe Joana”, onde há desvios de recursos da saúde, funcionários fantasmas, médicos e dentistas que recebem sem trabalhar, bens públicos como “os carrinhos da saúde” que ninguem sabe dá nenhuma informação e tudo continua como se tudo estiver correndo tudo bem no governo da transparencia do Capitão Azevedo que dá continuidade a gestão de do Senhor Fernando Gomes e Jesuíno.
    Lamento ser uma cidadã Itabunense com formação na area de saúde, onde as denúncias do Promotor Clodoaldo não nos causa espanto, pois estes fatos são rotinas, e para completar o Sec. de Saúde Dr. Antonio Vieira ainda leva uma proposta vergonhosa para o conselho Municipal de Saúde solcitando que os médicos do PSF trabalhem somente 20 horas, mas que sejam contratatos por 40 hs conforme determina o programa, pois na concepção do secretário o médico só necessita de 30 minutos para atender 16 pacientes diariamente, não há necessidade da educação e saúde, visita domiciliar etc…, pois acha que são atribuições dos ENFERMEIROS E AGENTES COMUNITÁRIOS, estes coitados cairam no golpe do ex-secretário concursados para 30 horas trabalham 40 hs, recebendo por 30 hs, trabalhando na maioria dos PSFs sem médicos e quando tem não passam mais que meia hora( se tiver paciente atende senão vai embora), sem condições de trabalho e ainda sofrem assédio moral pelas coordenadoras da atenção básica, quando buscam seus direitos. Como muitos tem família para alimentar ficam calados e aguardam o tempo do estágio probatorio que lhe garanda o emprego.
    Seria muito bom o Ministério Público, o Ministério Público do Trabalho juntamente com o Conselho Municipal de Saúde e 7ª DIRES, ouvisse a população e investigasse as irregularidades dos Postos de Saúde – onde falta até aparelho de pressão no programa da hipertensão, também acrescentaria os plantões noturnos dos hospitais onde tudo acontece na calada da noite.
    Parabenizo o Promotor Dr. Clodoaldo e Procuradora do Trabalho Drª Elisiane, por trazer à tona para e aos meios de comunicações as irregularidades no sistema de saúde de Itabuna e que a população seja estimulada a denunciar tudo que acontece com o mal uso do dinheiro público e a falta de humanização no atendimento a população pelos médicos tão divulgado pelo Ministério da Saúde no programa HUMANIZA SUS.
    CADE O RESULTADO DA AUDITORIA ( DESVIO DE VERBAS )ANUNCIADA POR Dr. VIEIRA?
    ESPERO AS IRREGULARIDADES ENCONTRADAS QUE NÃO FIQUE SÓ NAS DENÚNCIAS.

  10. Parabéns ao Dr. Clodoaldo! Que ele continue sendo firme no seu propósito de tornar esta cidade melhor e sem medo de outras autoridades. Itabuna poderia hoje ser uma cidade exemplo e ao que me parece e vejo não existe a boa vontade da grande maioria, pois o que rege é apenas a vontade de encher os bolsos.
    Àqueles que tem a boa vontade de fazer melhor pela cidade encontram barreiras estúpidas, sistema público viciado e inóspito, mentes atrasadas e um bando de “urubus” emporcalhando a cidade e tirando do povo o que lhes é de direito: o atendimento humanizado, tão simples de ser aplicado, mas difícil de ser adotado nos dias de hoje devido a mentalidade individualista e egoística.
    Baterei palmas à todos que lutarem por tudo de melhor para o povo e desejo que, de hoje em diante, em cada rua desta cidade tenha um Dr. Clodoaldo lutando por direitos e deveres – quem sabe assim voltaremos a ter esperança de uma cidade melhor.
    Me bateu uma saudade e vou lhes dizer: SAUDADE DO TEMPO EM QUE TÍNHAMOS O MÉDICO DA FAMÍLIA, aquele que prestava o serviço por amor e prazer à profissão e não ao seu bolso.

  11. De forma geral:
    O pessoal da medicina, além de tratar mal principalmente os mais humildes (talvez por achar que daquele mato não sai coelho, isto é: $$$$$$$) querem “recuperar o tempo perdido”, tentando ganhar em um ano o que os outros pobres mortais ganham em dez (por isso trabalham mal e em vários locais ao mesmo tempo), na Física tal coisa não acontece, “mas na medicina é possível”, …!!!
    De forma específica:
    Há uma insatisfação de parte do pessoal da justiça, pois foi anunciado um nome do “metier” na administração municipal, de forma precipitada e intempestiva e, depois, outro nome foi contemplado, o que gerou uma “fiscalização” nunca vista antes, …!!!
    Ai de quem mexer com o orgulho dos nossos causídicos, que assim como os médicos, se acham superiores aos demais simples mortais, …!!!
    O “efeito direto” do fenômeno cheira a competência e é digna de aplausos e elogios, inclusive meus, mas, de forma indireta, o que está por etrás são motivos meio opacos, ou digamos translúcidos, quem sabe, …!!!
    O que interessa é que está dando certo. Só não se sabe até quando, …!!!
    Se houver, por exemplo, a concretização de uma suposta “parceria” entre o Governo do Estado e o atual Prefeito, será que a fiscalização será tão eficiente, implacável e contundente como está ocorrendo atualmente?
    As vezes o que é certo só é feito quando há uma pedra incomodando, dentro dos sapatos de alguns, …!!!
    O “fenômeno” atual dá margem a várias interpretações, esta é apenas uma, sem paixão (colocando a razão no lugar da emoção), sem parcialidade, dentro do equilíbrio que a situação exige, …!!!
    O tempo nos dirá o resto. Vamos aguardar, …!!!

  12. No meio de nós, tem sempre alguém querendo justificar a desumanidade, a corrupção, a falta de respeito de certos profissionais, para com o seu dever, alegando baixo salário.
    Infelizmente há os corruptos e os admiradores dos corruptos.
    Entretanto, é pertinente a pergunta: Alguém obrigou o profissional a aceitar a remuneração pela prestação de seu serviço? Se acha insignificante o salário, não aceite receber sem trabalhar… Antes de tudo, o médico deve entender que ele lida com vidas humanas; que recebeu da vida e da sociedade, os recursos necessários para assumir esta responsabilidade; deve lembrar que por mais baixo que seja seu salário, o homem que quebra pedras, vive com muito pouco; o professor que o encaminhou
    à vida acadêmica, então… Se o nome deste profissional não foi publicado, não importa. A lei da vida vai encontrá-lo no momento certo. Quanto ao Promotor, cumpre o seu papel de homem probo, cônscio do seu dever, não se mirando em espelhos dos que lhe antecederam… Resgata a dignidade da justiça em nossa Itabuna. Um ser humano que não busca holofotes embaçados, porque seu caráter é o que brilha nesta fartura de falsos brilhantes…

  13. Boa atuação do Promotor,a unidade de saúde foi no bairro da California, e segundo fiquei sabendo é normal essa pratica lá, no dia que o promotor esteve no posto, a Enfermeira Lúcia, ainda tentou tomar das mãos do promotor as filhas de ponto,que tem medicos que ja assina pela semana toda e nem la vai, que osadia, para que ele não levasse, logo em seguida a prefeitura mandou chama-la, para punir, ou sei la o que!!!!

  14. Acho q antes de sair generalizando teria q conviver mais com a realidade de todos (médico e posto de saúde) as condições para o médico trabalhar são ridículas, o q não justifica a ausencia, porém não tem como examinar o paciente com decencia, sem espatula para abaixar língua, sem otoscópio, enfim sem equipamentos necessários para um atendimento digno!

  15. Caro Ricardo,
    O nosso Secretário Municipal de Saúde não tem mérito nenhum para investigar irregularidades dos colegas médicos, por sinal ele também é informado na ficha de cadastramento de estabelecimento de saúde com 20hs semanais no Posto de Saúde Roberto Santos – bairro Santo Antonio, será que alguém já o viu por lá alguma vez? ou assina o ponto no gabinete? e ainda tem vinculo municipal em Ibicaraí de 40 horas semanais. Como pode informar vínculo empregadicio de 96 hs semanais se o dia só tem 24 hs? e ainda ser secretário municipal de saúde conforme ficha cadastral nacional de estabelecimento de saúde atualizada em 19/03/2009
    ANTONIO VIEIRA DE SOUZA MASCULINO 201564521670004
    Dados Profissional
    CBO CNES Estabelecimento Carga H.Outros Carga H.Amb. Carga H.Hosp. Total SUS Tipo de
    Vinculo
    MEDICO ORTOPEDISTA E TRAUMATOLOGISTA CIRURGIAO DE MAO CIR 3237907 CLINICA 28 DE JULHO 0Hs 0Hs 0Hs 0Hs Não
    MEDICO ORTOPEDISTA E TRAUMATOLOGISTA CIRURGIAO DE MAO CIR 2772280 HOSPITAL CALIXTO MIDLEJ FILHO 0Hs 6Hs 4Hs 10Hs Sim AUTONOMO
    MEDICO CLINICO CLINICO GERAL MEDICO CLINICO GERAL MEDICO 2470489 UBS ROBERTO SANTOS 0Hs 20Hs 0Hs 20Hs Sim VINCULO EMPREGATICIO
    MEDICO ORTOPEDISTA E TRAUMATOLOGISTA CIRURGIAO DE MAO CIR 2519615 COTEF 0Hs 20Hs 0Hs 20Hs Sim AUTONOMO
    MEDICO ORTOPEDISTA E TRAUMATOLOGISTA CIRURGIAO DE MAO CIR 2649594 SAMPI SERVICOS DE ATEND MEDICOS PERMANENTES DE IBICARAI 0Hs 40Hs 0Hs 40Hs Sim VINCULO EMPREGATICIO
    MEDICO ORTOPEDISTA E TRAUMATOLOGISTA CIRURGIAO DE MAO CIR 2525569 HOSPITAL MANOEL NOVAES 0Hs 0Hs 4Hs 4Hs Sim AUTONOMO
    Total 0Hs 86Hs 8Hs 94Hs.

  16. O único momento em que minha família foi bem tratada no Sus foi no Posto de saúde do São Caetano durante a noite há 3 anos atrás.
    Minha esposa fazia prénatal no nosso bairro e lá além de esperar muito tempo para ser atendida, após resultados dos exames nada foi falado pela enfermeira nem pelo médico se tinha dado alguma alteração, um dia a enfermeira não conseguia ouvir os batimentos do bebê e falou q tinha havido uma perca. Desesperada minha esposa e minha mãe ( eu estava trabalhando em SP) pegaram uma carona para ir ao Manoel Novaes, mas o motorista resolveu passar pelo posto do São Caetano onde tinha um médico muito bom chamado Luciano.
    Chegando lá Dr. Luciano de primeira conseguiu escutar o coração de meu filho, e ainda detectou nos exames que minha esposa estava com infecção urinária e sífilis.
    Desse momento em diante ela só passou por ele.
    Outra vez meu pai estava tendo um infarte e foi ao posto que já estava sendo fechado às 23 hs e o Dr. Luciano abriu o posto para atendê-lo e após chamou o Samu q não veio, medicou e pagou um taxi para ele ir ao hospital…o médico do hospital falou que se não fosse o atendimento no posto ele teria sequelas.
    Ano passado cheguei de SP e fui até o posto conhecer o Dr. Luciano, só então descobrir que ele não é médico e sim Enfermeiro, mas havia sido demitido.
    Dr. Luciano muito obrigado! Por tudo! Apesar de não conhecê-lo um abraço!

  17. GOSTEI DA MATERIA DE RICARDINHO.ELE COLOCOU GASOLINA NA SAÚDE DE ITABUNA.PARABÉNS RICARDINHO POR SUA CORAGEM DE FALAR A VERDADE,ITABUNA PRECISA DE MAIS HOMENS COMO VOCÊ.

  18. MEU POVO ACOORDA!
    QUEM TIVER DÚVIDA O QUANTO VIEIRA TRABALHA É SÓ ACESSAR O SITE http://www.cnes.datasus.gov.br ANTES QUE ELE MANDE APAGAR SEU NOME, JÁ ESTÁ ILEGAL SE NA UBS ROBERTO SANTOS O SEU VINCULO É ESTADO/MUNICIPIO? O GESTOR NÃO PODE TER VINCULO COMO PRESTADOR DE SERVIÇO.
    CLICAR EM PROFISSIONAIS, INFORMAR O NOME ANTONIO VIEIRA DE SOUZA, E IRA´ENCONTRAR A FICHA ATUALIZADA DESTE 19/03/2009

  19. Somente um surto de dengue na cidade de Itabuna e demais regiões pode abrir os olhos das autoridades e do povo para vir tanta injustiça nos hospitais e postos de saúde que todos os meses recebem verbas estadual.Infilizmente as pessoas reclamam pouco, não participam em quase nada, por isso que médicos não vão trabalhar, o hospital de base só melhorou um pouco por causa do pessoal da Aeronautica, que exige tudo,até suas roupas dão um jeito de lavar…Feliz dengue, infeliz povo…

  20. O mundo necessita de pessoas como vc Ricardo que tem coragem para expor o que pensa, sou funcionária pública concursada e nunca imaginei que a saúde fosse tão camuflada da verdade pela mídia, afinal só se publica o que os grandes dizem,a mídia não tem autorização para investigar o setor publico para vir as inregularidades.Eu estou decepcionada e triste pelos pacientes mal atendidos por falta de equipamento para aferir a pressão, por ter apenas 1 computador, sálarios atrasados e muito mais.A dengue só veio para abrir nossos olhos e fazer com que exigimos mais das pessoas que votamos e assim com a união de todos nós, principalmente de Itabuna,aonde se morre gente direto, poderiamos viver em um lugar melhor.Obrigada.

  21. RICARDO, PARABENS PELA MATERIA. GOSTARIA DE LEMBRAR QUE MUITAS PESSOAS NÃO TEM ACESSO A INFORMAÇÃO EM MEIO DIGITAL E QUE AS COLOCAÇÕES FEITAS POR GEISA AGUIAR NECESSITAM CHEGAR A UMA PARCELA MAIOR DA POPULAÇÃO,PRINCIPALMENTE ESSA POPULAÇÃO QUE SERVE COMO MASSA DE MANOBRA EM MOMENTOS POLITICOS, PRA VER SE ENTENDE O PREJUISO E DESPROPOSITO CAUSADOS. COM ESSA SITUAÇÃO VERGONHOSA, FICO ESTARRECIDO COM O COMPORTMANTO DESSES PROFISSIONAIS, QUE LEVAM DESONRA A SUA CATEGORIA, E PARA EXEMPLIFICAR É SO FAZERMOS UMA PERGUNTA. OS PROFISSIONAIS DA REDE PUBLICA UTILIZA O SERVIÇO QUE ELE MESMO OFERECE????? E MAIS, SERIA CAPAZ O GESTOR DE SAUDE DO MUNICIPIO UTILIZAR O SERVIÇO PUBLICO DE SAUDE QUE É OFERECIDO A POPULAÇÃO?????? QUE VERGOOOOOOONHAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!

  22. O PROMOTOR PRECISA IR MAIS AOS POSTOS, OS MEDICOS TEM A COBERTURA DAS ENFERMEIRAS E ADMINISTRADORES DOS POSTOS SENAO ELES(OS MEDICOS)AMEAÇAM OS FUNCIONARIOS SE NAO FICAREM CALADOS E ELES FAZEM O QUE QUEREM, QUANDO APARECE UM PARA ACABR COM A BANDALHEIRA QUE RICARDO ACABA DE RELATAR E TÁ CERTO, ESSES MEDICOS(OS DEUSES DO OLIMPO)PREPARA O SISTEMA PARA DERRUBAR QUE ESTA INCOMODANDO. ACONTECEU COM DR.JESUINO QUE PAGOU POR ESSA SITUAÇÃO, ERA UM VERDADEIRO TERROR DOS MEDICOS CONTRA ELE, FAZIAM DE TUDO PARA ATRAPALHAR, INFELIZMENTE NA GESTÃO DELE NAO TINHA UM PROMOTOR QUE PUDESSE AJUDAR COMO ESSE ESTÁ AJUDANDO O INGRATO DO DR.VIEIRA QUE NAO ESTÁ SABENDO APROVEITAR A MAOZONA QUE CLODOALDO TÁ DANDO E O QUE É PIOR, TÁ CONTRIBUINDO PARA PIORAR A SITUAÇÃO COM ESSE COMPORTAMENTO IRRESPONSÁVEL DE TRABALHAR 96 ONDE SÓ COMPORTA 24 HORAS. NECESSÁRIO APURAÇÃO E PUNIÇÃO E NOS QUEREMOS SABER O NOME DESSE MEDICO CRIMINOSO.

  23. Repasso e sugiro que sejam verificados estes aspectos da prática médica, correlacionando os seus salários atuais e de alguns anos atrás, pois ajudará a compreender melhor esta situação profissional.
    Os MÉDICOS chegaram ao fundo do poço!
    http://tbn3.google.com/images?q=tbn:4n53ofXF7A6NFM:http://oglobo.globo.com/blogs/arquivos_upload/2007/08/27_157-saudechina03.jpg
    O “Diário de Natal” publicou uma carta patética sobre o aviltamento da profissão médica, caracterizado pela desvalorização do “Coeficiente de Honorários” em 308% nos últimos nove anos, o que representa um decréscimo no valor recebido pelos profissionais, se calculado em dólar, em 351%.
    O documento, mais que uma reclamação, uma seríssima denúncia do ponto a que chegaram os médicos, grande parte dos quais à beira da insolvência financeira, leva assinatura do Dr. Paulo Ezequiel, funcionário das Secretaria de Saúde Municipal e Estadual, no Rio Grande do Norte, e que recebeu a imediata solidariedade de outros nove médicos da rede Estadual, que também é a carta aberta.
    A repercussão foi tão grande, que por conta própria médicos do Brasil inteiro passaram a retransmitir a carta para colegas e amigos, via e-mail.
    A seguir a íntegra do documento:
    “Médicos, companheiros de profissão, como descemos…
    Quando meu pai, médico, aposentou-se há nove anos, disse que estava fazendo aquilo porque a profissão médica havia chegado ao fundo do poço e não agüentava ver a classe descer mais do que aquilo.
    Nesses nove anos os salários e até o CH (coeficiente de honorários), criado para proteger o trabalho médico, desvalorizou 308,68% se comparado ao salário mínimo (e nós pagamos salários baseados no mínimo aos funcionários); desvalorizou 73,47% pelo IBG que mede o índice de preços ao consumidor/inflação), índice este que sabemos ser maquiado pelo Governo Federal..
    Se “dolarizarmos” nossas perdas, elas chegam a 351,81%. Como descemos…
    Inicialmente fizemos cortes no orçamento, depois aumentamos a carga de trabalho, passando a dar mais plantões.
    Cortamos férias, nos tornamos “clientes especiais” dos bancos, inicialmente eventuais, hoje cativos.
    Não temos tempo sequer para nos organizar. Como descemos!
    Não podemos lutar sequer na Justiça, pois o Judiciário jamais votaria a nosso favor, mesmo que estejamos certos.
    Os juízes já votaram seu próprio aumento salarial e, se votassem o nosso, poderia não sobrar para eles.
    Em 1994 um médico recebia R$ 755,00 e um promotor público R$ 1.300,00. Hoje, o médico recebe os mesmos R$ 755,00 e o promotor mais de R$ 8.000,00.
    Que diferença de responsabilidade ou de um curso faz com que ocorra tal disparidade?
    Sem falar de vereadores, auditor fiscal e outros cargos que, devido ao seu poder de autogestão dos salários foram evoluindo exponencialmente, enquanto nós retrocedemos.
    Como descemos! E a culpa, de quem é? De nós mesmos! Nós, que deixamos a coisa ocorrer sem reagir.
    Talvez devido à celebre frase: “Medicina é sacerdócio!”. Mas até os padres, hoje em sua maioria vivem bem, comem bem, dormem bem, têm carro, vestem-se bem, viajam.
    A culpa é nossa por termos aceitado dar plantões em condições mínimas!
    Sem água?Compramos água. Comida ruim? Compramos comida.
    Não há material? Improvisa tudo em prol da continuidade do serviço e do paciente.
    A culpa é nossa por termos criado uma cooperativa médica que pode proteger a todos, menos ao médico.
    Veja uma diária hospitalar hoje e há oito anos.
    Quem protege quem?
    Os planos de saúde aprenderam que não temos tempo para reclamar e pagam o que querem, quando querem e se quiserem. Como descemos!
    Chegamos no nosso carrinho, cara de cansados, exaustos, na verdade, maltrapilhos e somos atendidos pelo gerente do plano de saúde: bem dormido, gravata, perfumado e de carrão zero às nossas custas. Burros de cangalha é o que somos!
    O Governo também aprendeu que não temos força para cobrar o que é de direito: retira gratificações, suspende pagamentos. É como se fôssemos isentos de obrigações financeiras. .
    Coitados de nós! Como descemos!!!!
    Temos medo de pedir um orçamento a um pintor ou pedreiro. Estamos apertados para pagar o colégio dos nossos filhos.
    Achamos que se continuarmos assim, vamos acabar pagando para trabalhar.
    Estamos enganados! Já estamos pagando, pois as noites em claro nos renderam doenças e problemas de saúde que nossa aposentadoria do Estado de R$ 400,00 somados ao INSS de R$ 800, 00, mais talvez uma previdência privada, não conseguem cobrir.
    Pagamos, porque a nossa ausência em casa na busca de manter um “padrão de vida”, não tem preço.
    Nossos filhos estão à mercê de drogas e maus exemplos, devido ao abandono. E como dizer aos nossos filhos para estudarem, pois vale a pena ?
    Eles vêem o exemplo do pai que estudou tanto, fez tantos cursos, passou tantos concursos e tem uma qualidade de vida tão ruim. E aí vem o “Big
    Brother”, as novelas e pessoas que vivem melhor, até de forma ilícita. É difícil fazê-los compreender que os que nos mantêm em nossa profissão, o que nos alimenta a alma e o espírito são duas coisas: o amor pela prática médica e a incapacidade que temos de reverter todo o investimento que fizemos à mesma.
    Se o medo é de pagarmos para trabalhar, pode ficar ciente de que já estamos fazendo isso! Acho que deveríamos ser mais radicais e não aceitarmos imposições, pois sabemos que estamos totalmente certos !
    Temos que ganhar melhor para atendermos melhor a nossos pacientes.
    Temos que dormir bem, para atendermos melhor a nossos pacientes.
    Temos que estudar e nos atualizar, para atendermos melhor a nossos pacientes. Queira ou não, tudo isso depende de remuneração !”
    ESTÁ NA HORA DE TODOS OS MÉDICOS DO BRASIL SE UNIREM POR MELHORES CONDIÇÕES DE TRABALHO E REMUNERAÇÃO DIGNA , ATUALIZADA !!!!!!
    CHEGA DE SERMOS ESCRAVOS, HUMILHADOS !!
    SEM UNIÃO, NADA CONSEGUIREMOS !!
    UM JUIZ SALVA A VIDA DE ALGUÉM ? ENTÃO, PORQUE ESTA DISPARIDADE DE SALÁRIOS EM RELAÇÃO AO NOSSO ??
    LEMBREM-SE QUE SOMOS NÓS QUEM TEMOS A CAPACIDADE DE SALVAR VIDAS, E VIDAS NÃO TEM PREÇO !!
    POR FAVOR, REPASSEM PARA TODOS OS SEUS AMIGOS E COLEGAS MÉDICOS.
    VAMOS INICIAR NOSSO MOVIMENTO DE ATUALIZAÇÃO DE SALÁRIOS PARA QUE TENHAMOS UMA REMUNERAÇÃO DIGNA !!

  24. Só uma correção no seu artigo. Não foi um médico que cometeu o crime de assinar o ponto e não comparecer ao tabalho, mas vários, pelo menos na folha de ponto apreendida pelo Ministério Público.

  25. Atuais vereadores aprovam salários deles e do prefeito Uma matéria de fim de mandato acaba de ser aprovada pela Câmara de Vereadores de Itabuna: os salários de prefeito, vice, secretários e dos próprios vereadores tiveram um bom reajuste financeiro. O próximo prefeito de Itabuna irá ganhar R$ 18.576,12 por mês – maior que o do presidente da República, de 11 mil e 200 reais. E os próprios vereadores terão um salário mensal de R$ 6.192,04, incluindo verba de gabinete, telefone corporativo, assessores.
    Ministério Público da Bahia oferece 25 vagas de promotor de justiça substituto e salário de R$ 17,6 mil.
    XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX
    Contra-Cheque da Secretaria de SAÚDE de Itabuna Departamento:DEPART. ATENÇÃO BÁSICA
    Função : MÉDICO CLÍNICO GERAL
    SALARIO R$ 1.600,00
    INSALUBR % R$ 83,00
    DESCONTOS R$ 203,89
    I N S S R$ 185,13
    I R F R$ 18,76
    Líquido R$ 1.479,11
    UM ADVOGADO SALVA A VIDA DE ALGUÉM ? E UM VEREADOR…(SEM COMENTÁRIOS)ENTÃO, PORQUE ESTA DISPARIDADE DE SALÁRIOS ??

  26. O verdadeiro Mané aqui é quem têm mente curta. Não sou partidário de nenhum partido, mas é só colocar a mente e lembrar que na época de Geraldo/PT a saúde seguia seus passos normalmente. Falando nisso quem foi que inaugurou a Policlínica e mais tarde o SAMU que de uns tempos para cá tiveram seus salários atrasados e atualmente 3 meses sem recebê-lo? Mas o povo tem mente curta, inclusive esqueceu que o Azedo fez parte da pior gestão que Itabuna já viu. Brincadeira ter passado 4 anos e no último deles ter maquiado uma praça em plena eleição e hoje já há buracos em volta.
    Realmente, o capitão é Azevedo e Fleud explica: a miséria e o sofrimento traz prazer ao ser humano.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top