skip to Main Content
20 de abril de 2021 | 05:05 pm

O DESABAFO DO EMPRESÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Em uma mensagem de página inteira,  publicada neste fim de semana em jornais de Itabuna, o empresário Helenilson Chaves, comandante do grupo que leva o seu sobrenome, demonstra melancolia com a situação em que se encontra a cidade.
Como se dialogasse com a própria Itabuna, Chaves pergunta: “Por que estás tão triste, sem aquele viço nos olhos?” e constata: “As oportunidades rarearam, o abandono se reflete nas precárias condições de vida de sua gente, não se vê mais aquela força contagiante e renovadora, capaz de superar todas as crises e, por não acreditar, cometes o pecado da autofagia”.
O empresário também critica a tranferência de votos para candidatos que não pertencem à região. “Não podemos admitir que você (Itabuna) continue entregue a esses vendilhões do templo, porque conquistados seus preciosos votos, eles desaparecem”.
Mas Chaves também não perdoa os políticos da terrinha. ” (a crítica) Vale também para os seus filhos, a quem entregas com toda esperança e carinho a chave do cofre e os resultados têm sido muito catastróficos”.
No que se refere às pancadas, o recado é geral, vale para quem se sentir acomodado à carapuça. Mas salta aos olhos que o empresário, mais uma vez, insinua possível candidatura a cargo eletivo.
Afinal, não basta ser filho indignado… Tem que participar.

Esta publicação possui 28 comentários
  1. Quem viu, viveu e sentiu, como ele, a época de ouro do cacau e vê toda essa mediocridade em que a região e particularmente Itabuna, está mergulhada hoje, só pode acusar o golpe e ficar deprimido, …!!!
    De qualquer forma, não creio que empresários se meterem em política, do jeito que está, poderá ser solução, pois a política está precisando, primeiramente, de uma desinfecção, pois está muito cheia de “bactérias”, “germes altamente nocivos”, “parasitas”, além de toda espécie de escória social, …!!!
    Basta ver quem são os “representantes” da nossa região no Congresso Nacional e na Assembléia Legislativa Estadual, além, é claro, do que eles têm “feito”, …!!!

  2. hahaha… boa piada esse texto. Incoerente esse empresario, ele colhe como todos as decadas de politicos decadentes financiados por ele mesmo para depoius usufruir. ecolimp e ouutras…

  3. Boa piada mesmo,todo mundo sabe de quem era o apoio politico do Sr.helenilson, e aquelas empresas de lixo de quem era mesmo? sera que a agua deixou de cair na torneira desse triste empresario? dai a notalgia, meu povo cuidado estamos cansados de tanta luta , e quem sair por ultimo apague a luz da rodoviaria.

  4. De rir é saber que o Vieira fica se “turbinando” na ausência de ocupação, renovando a esperança de ver seu mentor – Jabes – voltar. Isto Ilhéus não deseja. Assim, o Vieira fica desancando os que julga não terem ajudado seu ídolo.
    Helnílson tem uma vida de trabalho e serviços prestados que não se comparam a nulidades. Não gosto de atuar desta forma, mas o Vieira merece. Sangrou a Viúva de Ilhéus aos montes e sempre se considerou imprescindível. É um dos que, quando passa, todos torcem o nariz. Pois é Vieira: “Farinha” pouca, seu pirão primeiro. Como vai o Malhadinho???

  5. Elenilson queria mesmo era permanecer que a empresa dele ecolimp permanecesse fazendo o servico de limpeza em itabuna, pois o seu servico foi pessimo. Ele teve a sua oportunidade. mas se não presta tem que cair fora. A mesma coisa tem que fazer com essa outra.

  6. Vieira disse tudo!! è hipocrisia.A Ecolimp prestava um serviço de péssima qualidade.Inclusive , utilizando caminhões abertos na coleta de lixo.Uma piada.

  7. Exatamente Vieira.. Muito estranho a atitude deste empresário… Será q ele fazer como VALDERICO, q dizia q como administrador de suas empresas bem estruturadas iria fazer o mesmo por ILHÉUS e deu no que deu !!! “Seu” Helenilson.. continue na sua posição que é a melhor coisa q vce faz, nao entre neste mundo imundo da política q nao vai ficar nada bem vce ser chamado nas esquinas de LADRAO entre outras… e sua mãe na idade q esta nao vai ficar nada bem ela ouvir chamarem o filho dela de FILHO DA PUTA !!!

  8. Gostaria de dizer ao povo de Itabuna o quando esta familia Chaves ajudou os trabalhadores, pois o meu Pai Mestre Antonio funcionario aposentadodo do grupo Chaves se orgunha com esta familia, nós da familia Pereira Góes se orgulhamos por vcs existivem um grade agraço S.º Helenilson do seu amigo de hoje e sempre Mestre Antonio e familia, Itabuna precisa de pessoas onestas como vcs.

  9. Engraçado…
    O que dizer da nossa indignação ao nos dirigirmos para o Shoping e presenciar a total desorganização, a falta de respeito para com os clientes que não tem onde estacionar seus carros…
    Aquelas construções inacabdas sem esperança de conclusão?
    O shoping que não amplia e ver a cada dia seus cleintes se batendo nos corredores, sem falar dapraça de alimentação que cheia, tira o prazer de estarmos em um dia de lazer…
    Sem falar das suas interferências nos governos que por aqui passaram…interessado no tao precioso Lixo da cidade agora sente o lixo em que se encontra as suas empresas…Está certo o vereador da gripe A ( Suína )…o senhor está mesmo falindo, como bem reproduziu o blogueiro da vóvo…
    Seja o que for, qual a sua hipócrita estratégia…não verás jamais o meu voto!!!

  10. Avisa o Ricardo Góes que isso é questão pessoal dele.Estamos aqui falando sobre a postura do empresário que se beneficiou da política local e vem falar da situação da cidade.A empresa dele foi preterida pelo atual prefeito.Um empresa montada as vésperas da eleição de 2004 e que depois prestou péssimos serviços durante 4 anos.

  11. Helenilson não tem nenhuma razão para reclamar. Foi ele que sempre apoiou, ajudou e finançiou politicos como por exemplo: Fernando Gomes e Azevedo. Se Itabuna está destruida, não tenho a menor dúvida de apontar o Srº Helenilson como um dos responsáveis. Neste momento em que temos a continuação de um desgoverno, as pessoas que ajudaram a eleger, tentam pular do barco e se fazerem de vítimas.

  12. Não importa o partido, mas que eu gostaria que um dia tivéssemos a sorte de ter um cidadão como Helenilson prefeito da nossa terrinha, seria o máximo.

  13. Zelão, Diz: – Um despertar mesmo que tardio!
    Porém, “antes tarde do que nunca”, o empresário Helenilson Chaves, se posiciona corajosamente, não sei se em nome ou sendo a voz dos empresários itabunenses, mas de qualquer forma, alguém quem tem autoridade para fazê-lo.
    Helenilson, como empresário, sempre privilegiou Itabuna à frente das suas empresas. O seu amor por Itabuna, não é apenas discurso demagógico e, como empresário mostrou a sua competência administrativa. A ninguém é dado o direito de acusar Helenilson, de oportunista ou explorador do trabalhador itabunense. Venceu por competência.
    O desabafo feito por Helenilson Chaves, deve soar como um brado de advertência a ecoar na mente de todos os que amam verdadeiramente Itabuna a uma tomada de consciência por parte dos que são empresários ou não, mas que sofrem com os despautérios políticos e administrativos a que nossa Itabuna foi condenada e aos quais temos assistido silenciosos e submissos.

  14. caro oculto da Arquibancada para os geraldinos, continue puxando saco, e um bom exercicio. Quem sabe não ganha um vale lanche para oshopping? aprenda a respeitar a opiniao dos outros rapaz.

  15. O Vieira precisa saber que assim como a turma da Arquibancada, os “geraldinos” e muitos outros têm a mesma opinião. Vieira é do time presunçoso ao qual o próprio Jabes e toda Ilhéus dizem ser os responsáveis pelo desgaste de popularidade que o ex-alcaide desfruta ainda hoje. Somando-se à soberba, outra das grandes “qualidades” do grupo, a receita fica perfeita para aqueles que torcem para o “Jabes nunca mais”. Sugiro que faça uma reflexão e um pedido de desculpas à população ilheense.

  16. Avisa o S.º viera q o mesmo não conhece o pasado de Itabuna, Acorda irmão pergunte os seus País se o mesmo conhecer o Grupo Chaves?, A prova é o comercio, vc esqueceu q a Bahia creceu com ajuda do Cacau! aos criticos lave a boca para falar desta Familia.
    Ass. Quem conhece Itabuna.

  17. Avisa o S.º viera q o mesmo não conhece o pasado de Itabuna, Acorda irmão pergunte aos seus País se o mesmo conhecer o Grupo Chaves?, A prova é o comercio, vc esqueceu q a Bahia creceu com ajuda do Cacau! aos criticos lave a boca para falar desta Familia.
    Ass. Quem conhece Itabuna.

  18. dificil viver numa regiao dessa, povinho fraco. O povo, posso ate lavar a boca, desde que voce não encha o bolso. O sr. helenilson, como pessoa, e um homem bom, trabalhou muito e acreditou na regiao, mas sempre mamou nas tetas do prefeitura e do estado, e agora da uma vitima… perae ne.

  19. isso e choro de perdedor, pois quando ele “Helenilson” estava ligado ao governo de Fernado Gomes ele ficou calado ganhando dinheiro com sua empresa ecolimp, agora perdeu a poquinha está reclamando. Eu pergunto poque ele não reclamou antes, porque ele não fez criticas a administração de Fernando Goms e Azevedo antes e por que só agora o faz?, volto a dizer E choro de quem perdeu a poquinha na prefeiura e foi alijado pra fora do esquema por Azevedo.

  20. Sr Vieira, logo o Senhor, sendo parte do grupo que foi escurraçado da prefeitura de Ilhéus, querendo dar lição de moral? Mamar nas tetas da prefeitura é fazer com a nossa Ilhéus – que nunca foi e será sua – o que você fez, subtraindo milhões naquela ação injusta que moveu contra todos nós. O preço de tê-lo trabalhando por aqui foi muito alto. Mas o troco foi dado pelo eleitores, diga-se de passagem, por causa de gente como você, derrotando Jabes sucessivamente. Êta povinho esperto, não é Sr. Vieira? Olhe, desde o jardim de infância minha professora já usava uma máxima: ” macaco não olha pro rabo”!

  21. Democraticamente, aceito todas as criticas ao que considero uma visão pessoal que quis compartlhar com a sociedade. Devo esclarecer que não pretendo concorrer a qualquer cargo eletivo. Entretanto, ainda acho que o grande capital da região é o voto, que não deve ser desviado dos caandidatos da região. Quanto à Ecolimp, somos credores de R$ 1.600.000,00 da prefeitura, correspondentes a cinco meses de tarbalho. Nada me desviará ou mudará o meu bem querer por Itabuna,meu soberbo encanto.

  22. Tem algo de estranho no ar, Helenilson dizer que tem R$ 1.600.000,00 a receber da prefeitura que corresponde a 5 (cinco) meses de serviço prestado, quero saber que conta é esta, já que este valor dividido pelos meses devidos dá em média R$ 320.000,00 o que não condiz com os valores sempre divulgados pela gestão passada. Olha aí João, faça um ainvestigação ou peça para algum vereador fazer e descubra qual o mistério desses valores.
    Na administração passada as notas fiscais tinham valores acima dos R$ 320 mil mensais, veja isso e publique o resultado, certo?

  23. Acima de tudo o respeito pelo empresário Helenilson Chaves. Corajosa sua postura! Mas tente tirar desse momento algo positivo.
    Itabuna e região deve muito a essa familia, mas o que vejo ultimamente é um distanciamento de sua pessoa e de seus filhos da realidade de nossa cidade, o Shopping é o maior exemplo disso, com suas expansões feitas de forma desordenada e sem critério algum. Onde está aquele capricho no fazer as coisas?
    O orgulho do Itabunense pelo Grupu Chaves se dá também pelo que é bem feito, bem construido e o Jequitibá quer queira ou não para nós Itabunenses é a vitrine do Grupo Chaves, de Helenilson Chaves e de Itabuna.

  24. Em junho de 1978 durante o lançamento do primeiro edf. residencial de Itabuna construido pelo Grupo Chaves,(edf.Barra do Cedro) eu ouvia do Sr. Helenilson a demonstração de amor que ele tinha por Itabuna ao afirmar que o Grupo Chaves mudaria a cara de nossa cidade e que daquela data em diante Itabuna cresceria verticalmente.,apesar de pouca idade naquela época, fiquei muito emocionado e acreditei em suas palavras e promessas que ao decorrer dos anos foram cumpridas além das nossas espectitativas.Entre outas coisas, Helenilson foi o responsavél pelo avanço da construção civil em nossa cidade gerando milhares de empregos. para quem não sabe, instituições como a Santa Casa, Albergue Bezerra de Menezes, Colégio CISO e outras tiveram grandes contribuições financeiras por parte do Grupo Chaves, evitando por varias vezes suas extinções. Existe em Itabuna vários profissionais formados com a ajuda das bolsas de estudos financiadas pelo Grupo e por isso eu peço a todos que ao se referirem a familia Chaves antes procurem conhecê-los, só assim voces constatarão o compromisso, o respeito e o amor que Helenilson tem por Itabuna independente de política e políticos.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top