skip to Main Content
7 de maio de 2021 | 04:01 am

"PMDB SÓ TERÁ UMA VAGA NA MAJORITÁRIA", DIZ GERALDO

Tempo de leitura: 2 minutos
GERALDO diz que lugar de Geddel é ao lado de Wagner.

GERALDO diz que lugar de Geddel é ao lado de Wagner.

As negociações entre o DEM e o PSDB baiano e a definição de que Paulo Souto fica onde está e será candidato a governador em 2010 deixaram o ministro Geddel Vieira Lima sem alternativa para continuar fazendo o seu jogo de poder. “O lugar dele será com a gente em 2010”.
A leitura é do deputado federal e vice-líder do PT na Câmara, Geraldo Simões, que falou há pouco com o Pimenta. Para Geraldo, Geddel deverá ser o vice do governador Jaques Wagner, que vai para a reeleição. “Ele não terá mais espaço no lado de lá e já descartou disputar uma vaga ao Senado”, complementa. O descarte ao Senado ocorreu num encontro dele com o presidente da Petrobras, o também baiano Sérgio Gabrielli.
Conhecido por “arreliar” o ministro da Integração Nacional, Geraldo diz que “não vai faltar avião em 2010”, numa referência aos dois aviões do ministro. Ainda segundo o petista, a chapa majoritária governista cederá ao PMDB apenas uma das três vagas disponíveis (a vice e outras duas ao Senado).
O petista diz que é a segunda vez que Geddel não se dá bem ao negociar com o outro lado. “Em 2006, ele conversou com eles [Paulo Souto]. Eles não quiseram e o Geddel veio para cá”.
Geraldo ainda avalia que seria “lucrativo” para o ministro ficar onde está. E cita um dado histórico: “na cultura do estado, o governador que vence elege também o senador ou os senadores”.

Esta publicação possui 18 comentários
  1. Ta vendo aí, Sr Renato Costa, que Geraldo tem algumas deduções lógicas sobre as articulações políticas.
    Confesso que nunca acreditei na sua célebre frase, que o deputado era “inadimplente da palavra”.
    Ou acreditei?…

  2. por SICILIO FALA MARCIA às 20:12 0 comentários Links para esta postagem
    JUIZ DE URUÇUCA ANULA SESSÃO ONDE VEREADORES EXTINGUIRAM PLANO DE CARREIRA DOS PROFESSORES
    Em decisão divulgada hoje, o Juiz da Comarca de Uruçuca anulou a sessão da Câmara de Vereadores de Uruçuca que deliberou por revogar o PCCS dos Professores da Rede Municipal de Ensino.
    No entender o M.M. Juiz, os senhores Vereadores precisam explicar melhor a Sessão realizada em 1º de Abril quando os Vereadores, que a cerca de 10 meses antes (junho/2008) aprovaram a Lei do PCCS do Magistério, resolveram ceder à pressão do atual Prefeito e revogaram uma Lei, sem colocar outra no lugar, deixando um verdadeiro vácuo legislativo.
    Ora o PCCS do Magistério Público é exigência do Conselho Nacional de Educação e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. É o PCCS que regulamenta o funcionamento da Educação no Município, determina os critérios de ingresso na carreira, a estrutura organizacional e de gestão da Educação. O PCCS serve, justamente, para que o Prefeito consiga manter o equilibrio financeiro na folha de pagamento dos Servidores Municipais.
    Pelo jeito, o aventureirismo de deixar toda uma categoria sem marco regulatório para o exercício da profissão não foi bem aceito pela Justiça. A decisão da Justiça também atinge a Sessão que ratificou em segunda votação o fim do Plano de Cargos, Carreira e Salários dos Professores Uruçuquenses.
    Os vereadores, ainda, terão o direito de recorrer da decisão, mas nós estaremos acompanhando a movimentação.Fé na luta Fé na Vida!
    Fonte: APPI-APLB/SINDICATO – COSTA DO CACAU
    Postado por SICILIO FALA MARCIA às 16:09 1 comentários Links para esta postagem
    Postado por BOCA LIVRE às 13:12 0 comentários
    URUÇUCA: JUIZ ANULA SESSÃO EM QUE OS VEREADORES EXTINGUIRAM O PLANO DE CARREIRA DO MAGISTÉRIO
    Quem rir por último, rir melhor!
    Em decisão divulgada hoje, o Dr. Eros Cavalcanti, Juiz Substituto da Comarca de Uruçuca anulou a sessão da Câmara de Vereadores de Uruçuca que deliberou por revogar o PCCS dos Professores da Rede Municipal de Ensino.
    No entender o M.M. Juiz, os senhores Vereadores precisam explicar melhor a Sessão realizada em 1º de Abril quando os Vereadores, que há cerca de 10 meses antes (junho/2008) aprovaram a Lei do PCCS do Magistério, resolveram ceder à pressão do atual Prefeito e revogaram uma Lei, sem colocar outra no lugar, deixando um verdadeiro vácuo legislativo.
    Ora o PCCS do Magistério Público é exigência do Conselho Nacional de Educação e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação. É o PCCS que regulamenta o funcionamento da Educação no Município, determina os critérios de ingresso na carreira, a estrutura organizacional e de gestão da Educação. O PCCS serve, justamente, para que o Prefeito consiga manter o equilibrio financeiro na folha de pagamento dos Servidores Municipais.
    Pelo jeito, o aventureirismo de deixar toda uma categoria sem marco regulatório para o exercício da profissão não foi bem aceito pela Justiça. A decisão da Justiça também atinge a Sessão que ratificou em segunda votação o fim do Plano de Cargos, Carreira e Salários dos Professores Uruçuquenses.
    Os vereadores, ainda, terão o direito de recorrer da decisão, mas nós estaremos acompanhando a movimentação.Fé na luta Fé na Vida!
    Fonte: APPI/APLB Sindicato

  3. Geraldo Simões, onde está, em Brasília, é seu melhor lugar, pois assim trabalha e ajuda a Bahia, até mesmo nos seus discursos. Estou contigo meu re-eleito Deputado Federal em 2010 e o futuro prefeito de Itabuna. É 1330!

  4. espero que gedel nao ligue para as criticas e fique do lado que o antigo mdb terminaria ficando, que seja do lado do povo, acreditando e esperando que surja mudança na historia da bahia, quebramos a panela so falta jogar fora os cacos, ganhamos com o pmdb e espero que o pmdb continui sendo um partido de esquerda , que deseja enterra a historia do malvadeza, do chicote, grampos e grampinhos.o momento nao é de picuinha e sim de uniao

  5. Temos que tomar cuidado com o PMDB, já nos causou transtornos em 2008 na campanha para prefeito em elguns colégios eleitorais que precisavamos ter vencido, evidentemente que não podemos descartar importância como patido da base de sustentação que é.
    Bem verdade que o PMDB não possue um grande nome, fica na eminência do terceiro mandato de LULA, se assim não for, tudo dependerá de uma grande articulação que acredito eu, venha verticalmente. O PMDB vive altos em baixos, numa relação de extremo aproveitamento do poder que o PT tem, com o Presidente LULA como maior figura politica desta decada. E caso a Dilma continue crescendo até as proximidades do pleito eleitoral, não tenho a mínima dúvida que teremos o PMDB em nossa aliança.

  6. Geddel é muito oportunista, ele “Geddel” pode ter moral politica más não tem voto, nem para senador nem para governador.Imagine se Dilma perde para José Serra e Jaques Wagner perde para Paulo Souto o que será de Geddel?. O melhor seria ele pleitear a reeleição. Vai ficar sem mandato e sem cargo.

  7. Zelão, diz: – Uma missão quase impossível!
    A querela de Geraldo Simões com o Ministro Gedel Vieira Lima, tem um único sentido: – Geraldo, teme que Gedel, venha a querer uma das vagas (se mantida a aliança)em disputa para o Senado e se isso vier a acontecer, a outra vaga, esta possivelmente a disposição do PT, não seja oferecida a ele, Geraldo, agora que perdeu as graças do Governador Jaques Wagner. Assim, Geraldo, mantém viva a briga com Gedel, na esperança de que a atual aliança do PMDB e PT, seja desfeita.
    O pior para Geraldo Simões, é que além de ter que vencer a Gedel, terá ainda a difícil missão de convencer aos “caciques petistas” – os mesmo que não moveram uma palha para que Geraldo não perdesse a Seagri – a indicarem o seu nome para uma das vagas ao senado, preterindo o nome de Valter Pinheiro, hoje o nome mais bem posto e ao agrado do Governador Jaques Wagner.

  8. Geraldo ao invés de fazer alquimia política, por que não cuida de concretizar as necessidades da combalida Itabuna?
    Até agora não disse a que veio. Ou arregaça as mangas pra trazer obras para Itabuna, ou parece que Itabuna é mesmo a terra do já foi, já teve…
    Porque prefeito agente não tem, presidente da câmara é uma piada, deputado estadual nem se fala, só nos resta a esperança de um deputado federal atuante. Ou vai passar em branco Geraldo?

  9. SERÁ ASSIM
    SE ASSIM FOR
    POLITICAMENTE CORRETO
    DE JEITO INCERTO
    COM INTERESSES ABERTOS
    O FUTURO DO PMDB
    DA FORMA QUE O PT DISSER
    SEJA FEITA A MINHA VONTADE
    ELE O “PMDB”
    DIRÁ “AMEM”

  10. Como o pessoal do PT é “inocente”, gostam de se enganar, ou são bobos mesmo, …!!!
    Confiar no Geddel e achar que irão poder contar com ele é utopia, …!!!
    Se eu fosse eles, não contaria com o Geddel, pois não é de confiança. A qualquer momento poderá mudar de lado e deixar todos na mão, …!!!
    Vamos para a frente, …!!!

  11. TODOS CONHECEMOS GERALDO SEU JOGUINHO DE SENA E SUA FALTA DE RECONHECIMENTO COM AS PESSOAS QUE O AJUDARAM. AGORA GERALDO FICA DE SARRO DIZENDO QUE “NÃO PRECISA MAIS DOS AVIÕES DE GEDDEEL”, OS QUAIS PRECISOU PARA ELEGER WAGNER. MAS ISSO E DO PT MESMO, JÁ AJUDOU AGORA ESTA DESCARTADO! MAS SE COMO FOI DITO – GEDDEL NÃO TEM VOTO – PARA QUE QUERER UM VICE SEM VOTO? OLHA MEUS AMIGOS GEDDEL SABE QUE SE ACOMPANHAR ESSE PT NOVAMENTE OS 120 PREFEITOS DOS PMDB DA BAHIA NÃO O ACOMPANHARÃO E COM ISTO ACABA A LIDERANÇA DE GEDDEL NO ESTADO. E ISTO E O QUE MAIS GERALDO QUER, POIS TEM MEDO DE GEDDEL, MEDO DE GEDDEL SER CANDIDATO E IR POR ÁGUA ABAIXO A REELEIÇÃO DE WAGNER. GEDDEL FAÇA O QUE O PMDB BAIANO ESTA TE PEDINDO NOS DIVERSOS ENCONTROS QUE ESTÃO ACONTECENDO – GEDDEL GOVERNADOR 2010!!! VIVA O PMDB, VIVA A GEDDEL, VIVA A BAHIAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  12. Se Geraldo tivesse alguma influencia junto ao governador com certeza não teria side defesnstrado da Secretaria por incompetência. Ele ajudaria muito mais ao governador se parasse de falar bobagens na imprensa que o bajula.

  13. Quanto engano sobre o PMDB da Bahia!
    Geddel está cada vez mais forte, e o PMDB
    mais unido e decidido a sair com uma chapa
    propria com Geddel na cabeça, num cenario de 03 candidaturas:
    Wagner, P Souto e GEDDEL,que tambem apoiará o ou a candidata de LULA,ficando este com 02 palanques na Bahia(virá para os 02,o de Wagner e o de GEDDEL, OU provavelmente nao virá a nenhum no 2o turno baiano)
    O PMDB, o maior partido da Bahia nao quer mais montar na garupa
    do governo baiano,como vem dizendo Michel Hage ex prefeito de ITAPETINGA Ba.
    O Dep Geraldo precisa ficar calmo,e aceitar os fatos como são, e nao como ele gostaria que fosse.

  14. O PMDB pode até sair com uma candidatura própria, mas caso não tenha um bom resultado onde é que vamos colocar Geddel e seus cargos? Certamente numa altura dessas um racha com o PT já teria acontecido e ficaria uma situação engraçada” o PMDB sem participar do governo e Geddel sem mandato e sem cargos!” portanto para o PMDB é interessante sim que haja uma participação em outra chapa.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top