skip to Main Content
8 de março de 2021 | 10:06 am

ITABUNA NA CONTRAMÃO DO EMPREGO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os dados do emprego no Brasil revelam que Itabuna caminhou em tendência contrária ao da economia do país em agosto, quando foi registrado recorde de emprego no Brasil (242.126 empregos com carteira assinada). Os números foram divulgados há pouco pelo Ministério do Trabalho e Emprego,

De acordo com o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), o município eliminou 55 postos de trabalho no mês passado. Foi o 6º pior resultado entre os 81 municípios baianos acima de 30 mil habitantes. Os melhores foram Salvador, Feira de Santana, Lauro de Freitas, Itapetinga e Camaçari.

A economia itabunense registrou 681 contratações contra 736 demissões, gerando o saldo negativo de 55 vagas. Já o município de Ilhéus conseguiu se sair um pouquinho melhor ao criar irrisórias 12 novas vagas, resultado direto das 476 contratações em agosto, ante 464 desligamentos de trabalhadores com carteira assinada.

Em instantes, os dados completos sobre o emprego nas duas maiores cidades sul-baianas.

Além de Itabuna, os campeões do desemprego no mês de agosto foram Porto Seguro (-71 vagas), Cruz das Almas (-82), Sento Sé (-168), Muritiba (-292) e Teixeira de Freitas (-444 vagas). Observe que entre os seis municípios que mais cortaram vagas formais em agosto, três são sul-baianos: Itabuna, Porto Seguro e o campeoníssimo Teixeira de Freitas.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Uma observação importante:

    Além dos municípios da RMS, Salvador e Feira de Santana, só Itapetinga está entre os que mais contrataram, e ainda ouso dizer que deve ter sido por alguma situação especial no período, …!!!

    Nem Eunápolis, que inaugurou um atacadão há pouco tempo, e que deve ter contratado gente de forma relevante, conseguiu se destacar, …!!!

    Conclusão: O estado continua concentrando os investimentos na capital, região metropolitana de Salvador e Feira de Santana, mais nada, …!!!

    Portanto, pelas informações exibidas na própria reportagem, não seria apenas Itabuna que estaria na contra-mão da história, …!!!

    A análise, feita pelo nobre jornalista, que culminou no título da reportagem, infelizmente, foi tendenciosa, por menos que ele tenha querido fazê-la desta forma, …!!!

    Foi um lapso. Isso acontece, é normal, …!!!

    N.da R.: Sérgio, os dados falam por si. Enquanto o emprego registrou recorde em nível nacional no mês pesquisado, Itabuna caminhou no sentido contrário. É neste sentido o título do post. Além disso, acrescentamos à nota mais informações sobre o emprego nos municípios baianos e informamos que três dos seis com os piores resultados estão no sul da Bahia.

    Não devemos esquecer que Salvador e Feira de Santana são bem maiores que Itabuna (Salvador nem se fala). Mais ainda para a sua informação: Nova Viçosa, Maragogipe, Jequié, Casa Nova, Ipirá estão entre os municípios que mais geraram empregos no período. Agora, também se inclui na contramão do emprego a belíssima Vitória da Conquista…

    Abraços,

  2. SERÁ QUE CAPITÃO GUINCHO VAI MANDAR GUINCHAR O RESPONSÁVEL PELA CONTRAMÃO E REVERTER A SITUAÇÃO? E WAGNOSSAURO REX, AJUDARÁ CAPITÃO GUINCHO NESSA ÁRDUA EMPREITADA?

    NÃO PERCAM CENAS DO PRÓXIMO CAPÍTULO: A SAGA DE WAGNOSSAURO REX E CAPITÃO GUINCHO CONTRA O INDICE DO CAGED. (CADASTRO GERAL DE EMPREGADOS E DESEMPREGADOS)

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top