skip to Main Content
2 de junho de 2020 | 08:12 pm

ESTADO REVOGARÁ LEI DE REESTRUTURAÇÃO DE UNIVERSIDADES

Tempo de leitura: < 1 minuto
Comissão discute soluções para o ensino superior baiano.

Comissão discute soluções para o ensino superior baiano.

Vitória do ensino superior na Bahia. O governo estadual prometeu revogar até o final de novembro a Lei 7.176/97, que reestrutura as universidades estaduais e retira a autonomia destas instituições. O anúncio da revogação ocorreu durante audiência da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa da Bahia.

A reunião teve a participação de representantes das quatro universidades estaduais e da professora Gelcivânia Mota, da Secretaria Estadual de Educação. Ela disse que o ato de revogação ocorrerá durante encontro de líderes do movimento de melhorias das universiades estaduais e o secretário de Educação, Osvaldo Barreto. 

A audiência da Comissão de Educação na Assembleia foi comandada pelo deputado Fábio Santana. O deputado informa que outros assuntos debatidos foram a realização imediata de concurso público para a contratação de professores e técnicos e o aumento no repasse de verba de custeio das universidades estaduais foram algumas das reivindicações discutidas durante reunião da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Estado.

Fábio Santana, que preside da comissão, disse que apóia a causa e defende discussão proativa para que soluções sejam encontradas o mais rápido possível. “Nosso compromisso é fazer da Comissão um verdadeiro fórum de discussões e encaminhamento na busca de soluções para a educação em todos os níveis na Bahia”.

Segundo ele, o empenho é pessoal e tem conversado com o governador Jaques Wagner para que as reivindicações apresentadas na comissão sejam atendidas. 

Esta publicação possui 0 comentários
  1. É isso aí, capitão !
    Depois do papelão na última campanha eleitoral, o bom senso pede, no mínimo, algumas atitudes louváveis. Não se trata somente de discussõs proativas, mas de soluções rápidas e eficazes.

  2. Tomara que o Sr. Geraldo Simões comece a trabalhar na mesma linha e caminhar na mesma direção. Se o eleitorado baiano começar a se atentar para como caminham as coisas, ele pode ter uma “grande” e “bela” surpresa. Tumara, né?1?

  3. Deveriam haver eleições para Deputado todos os anos, e não de quatro em quatro anos, pois só assim eles iriam mostrar serviço, …, pois só fazem alguma coisa às vésperas das eleições, …!!!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top