skip to Main Content
25 de fevereiro de 2020 | 11:48 am

ITABUNA BATE O VITÓRIA POR 1X0

Tempo de leitura: < 1 minuto
Itabuna marcou forte e segurou o "travado" Vitória (Foto José Nazal).

Itabuna marcou forte e segurou o "travado" Vitória (Foto José Nazal).

O árbitro Rosalvo Mota decretou fim de papo no estádio Luiz Viana Filho e o Itabuna chega à segunda… vitória (!) no campeonato baiano e lidera o Grupo 2 do Baianão 2010, junto com o Bahia, ao conquistar seis pontos em dois jogos.

O gol do Azulino foi marcado por Diego Aragão, aos 42 minutos do segundo tempo. O Vitória volta tristinho para Salvador. A torcida do Itabuna deixa o estádio eufórica com o resultado contra o rubro-negro. Domingo, às 16h, haverá BA-VI no estádio de Pituaçu.

CLÁSSICO DO CACAU

A próxima partida do Itabuna será contra o Colo Colo, domingo, no estádio Mário Pessoa, às 16h. É o chamado “Clássico do Cacau”. O Tigre ilheense vai mordido para o confronto, após perder as duas primeiras partidas (nesta noite, levou 2×1 do Ipitanga; no domingo, 18, perdeu por 1×5 para o Bahia).

DIEGO ARAGÃO MARCA PARA O AZULINO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Aos 42 minutos do segundo tempo, o Itabuna marca com Diego Aragão (que entrou no segundo tempo!) e faz 1×0 no Vitória. Ele aproveitou jogada pela direita e mandou para o fundo da rede.

A partida caminha para o final.

O torcedor faz festa no estádio Luiz Viana Filho.

SÓ?

Tempo de leitura: < 1 minuto

O torcedor que sofreu para comprar ingresso antecipado ontem gostará de saber que… 6.420 almas pagaram seus ingressos para assistir ao jogo Itabuna e Vitória.

A renda anunciada é de R$ 74.305,00. Dez mil ingressos foram disponibilizados para a torcida. Por enquanto, empate lá pros lados do São Caetano. Aos 40 minutos, Itabuna 0x0 Vitória.

COLO COLO SOFRE NOVA DERROTA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Noite infeliz para o Colo Colo. O time ilheense foi a Senhor do Bonfim e sofreu a segunda derrota consecutiva no Baianão 2010. Com dois gols de Sassá, aos 5 e aos 22 minutos do segundo tempo, o Ipitanga venceu o Tigre por 2 a 1.

O gol do campeão baiano de 2006 foi marcado de pênalti. Marcinho cobrou e converteu aos 37 do segundo tempo. O time encerra a segunda rodada sem conseguir pontuar. O jogo começou às 20h30min. 

No estádio de Pituaçu, o Bahia aplicou 3×0 no Vitória da Conquista. O Madre de Deus empatou em 1×1 com o Fluminense.  No Jóia da Princesa, Bahia de Feira e Feirense empataram sem gols.

EMPATE NO ITABUNÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna e Vitória desceram para o intervalo da partida e o torcedor não viu gol até agora: 0x0 no placar do estádio Luiz Viana Filho.

Já em Senhor do Bonfim, o Colo Colo perde para o Ipitanga, por 1×0. No estádio de Pituaçu, em Salvador, o Bahia mete 3×0 no Vitória da Conquista.

DE OLHO NA URNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Quem passeava pelo centro da paradisíaca Maraú, nesta quarta, 20, corria o risco de ter o infortúnio de esbarrar em algum caçador de voto.

Só de secretários pré-candidatos, a lista continha o cururu Nilton Vasconcelos (Trabalho e Esporte), Valmir Assunção (Desenvolvimento Social) e Nelson Pellegrino (Justiça e Direitos Humanos).

Adicionemos o deputado federal Geraldo Simões e Rosemberg Pinto e Marcelino Gallo, estes dois últimos pré-candidatos a uma vaga na Assembleia Legislativa.

Para ter uma ideia de como será a corrida por votos neste ano, em 2009 apenas Geraldo “Pedinha” estava por lá no aniversário da cidade, bem diferente da romaria de hoje.

EMPREGO: ITABUNA FECHA DEZEMBRO NO VERMELHO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Itabuna registra queda no emprego em dezembro.

Itabuna registra queda no emprego em dezembro.

A indústria puxou para baixo os indicadores do emprego em Itabuna no último mês de 2009. Levantamento do Pimenta no site do Ministério do Trabalho e Emprego revela que o setor cortou 266 vagas em dezembro, quando contratou 43 trabalhadores e demitiu 314.

Setor que liderou as contratações até meados de 2009, a construção civil fechou o mês de dezembro no vermelho, quando contratou 18 operários e demitiu 59. Quem ‘salvou’ o mês foram os setores de serviços e comércio. Ambos, geraram 41 novas vagas, juntos.

Quando computados todos os setores da economia, o saldo de empregos em dezembro foi negativo, com o corte de 266 postos de trabalho. Apesar do mês “vermelho”, o município fechou 2009 com um saldo de 1.079 novos empregos, puxados pelos setores de serviço e construção civil.

ILHÉUS GERA 255 EMPREGOS

A vizinha Ilhéus caminhou em ritmo contrário ao de Itabuna e registrou abertura de 225 novas vagas no mercado de trabalho no mês passado. Em 2009, a cidade abriu 513 novos postos.

O bom resultado em dezembro teve como principais responsáveis os setores de comércio, serviços e construção civil. Juntos, geraram 259 novos empregos.

Apenas a agropecuária ‘cortou cabeças’, cepando 26 vagas. Quando avaliados todos os setores da economia, foram contratados 734 trabalhadores e demitidos 479 trabalhadores no mês passado.

MULTIMILIONÁRIO SERÁ VICE NA CHAPA DE GEDDEL

Tempo de leitura: < 1 minuto

Essa é do Bahia Notícias

O magnata João Cavalcanti, que declarou criar o seu gato em um quarto com direito a cama king size e TV de plasma e ser auxiliado pelo “invisível”, desistiu da candidatura ao Senado pelo PMDB por algo mais lucrativo. Ele será o vice na chapa do ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, ao governo baiano.

O multimilionário já resolveu tudo com o pré-candidato e o partido. Ele desistiu de Brasília porque não gosta da cidade e a rotina de viajar toda segunda e retornar na sexta prejudicaria os seus negócios megacifrados.

Leia a íntegra

NEPOTISMO NO PARANAGUÁ

Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito Newton Lima aceitou indicação do PPS e nomeou José de Alencar (ex-Telemar) para a Secretaria de Meio Ambiente de Ilhéus.

A nomeação vai gerar desemprego em família: Eliseu Nascimento, chefe da fiscalização ambiental, é irmão do novo secretário.

Com o ato oficial do prefeito, os dois passaram a ocupar cargo de confiança numa mesma pasta, configurando caso clássico de nepotismo, daqueles imperdoáveis aos olhos do Ministério Público Estadual.

Qual dos irmãos fará a gentileza de pedir o boné?

GILSON E LISBOA PODEM ABANDONAR O “BARCO”

Tempo de leitura: 2 minutos
Gilson pode ir para a Emasa.

Gilson pode ir para a Emasa...

O governo do prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo, pode estar na iminência de enfrentar sua pior crise. Dois dos principais colaboradores do gestor, inclusive um que sempre foi tido como o seu braço direito, demonstram alto grau de insatisfação e já manifestaram o desejo de entregar os cargos.

A vontade de deixar o governo já foi declarada reservadamente pelo secretário da Administração, sargento Gilson Nascimento. Ele estaria irritado por conta das dificuldades criadas pelo secretário da Fazenda, Carlos Burgos, ao andamento das ações da prefeitura.

Segundo apurou o Pimenta, existe a possibilidade de que Nascimento não se afaste totalmente de Azevedo, muito por conta da velha amizade existente entre os dois. Uma saída que está sendo considerada é a de nomeá-lo para a presidência da Emasa, onde substituiria Alfredo Melo. O fato é que o secretário pretende ir para um lugar no qual esteja livre da influência de Burgos.

Gustavo.

... e Gustavo quer pular fora.

Outro nome de peso que estaria praticamente decidido a pedir o boné é o titular da Educação, Gustavo Lisboa. Ele reagiu à tentativa do secretário da Fazenda de emplacar um programa na Educação, que resultaria em um desembolso mensal de R$ 400 mil. Lisboa já avisou: caso o prefeito autorize o convênio, ele sai  do governo imediatamente.

Como Azevedo dificilmente nega um pedido do secretário da Fazenda, ninguém duvida de que Lisboa – o melhor nome da equipe – acabe mesmo tomando o rumo de casa. O clima no Centro Administrativo Firmino Alves é tenso e em todos os cantos o que se diz é que, por lá, quem menos manda é o Capitão.

Back To Top