skip to Main Content
25 de janeiro de 2021 | 08:19 am

LULA, DILMA E O PT

Tempo de leitura: 2 minutos

Marco Wense

Dilma Roussef em visita ao estado (Foto Manu Dias).

Dilma Roussef em visita ao estado (Foto Manu Dias).

A prioridade do PT nacional, com o aval do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, é a eleição da ministra Dilma Rousseff para o cobiçado e disputadíssimo Palácio do Planalto.

O presidente Lula já bateu o martelo em relação aos palanques regionais: não vai participar de nenhum ato político nos Estados com dois ou três candidatos a governador da mesma base aliada.

Cabe ao PT, com a decisão do presidente Lula, não criar mais problemas para a difícil eleição de Dilma, que tem pela frente um bom e competitivo concorrente, o tucano José Serra, governador de São Paulo e pré-candidato do PSDB.

É bom lembrar que o lulismo é infinitamente mais forte do que o petismo. Os radicais de plantão devem ser afastados das negociações envolvendo a legenda, os partidos aliados e a sucessão estadual.

O PT, no entanto, não pode, em nome dessa prioridade para eleger a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), aceitar tudo. Não pode perder a compostura e, muito menos, a autoestima.

PMDB

Ministro Hélio Costa.

Ministro Hélio Costa.

Chega a ser constrangedor, quase que uma humilhação, a insistência de setores do PMDB com o nome do deputado Michel Temer (SP) para vice-presidente na chapa encabeçada pela petista Dilma Rousseff.

A lista tríplice sugerida pelo presidente Lula, para que Dilma escolha o seu vice – quem vai escolher é Lula –, é motivo mais do que suficiente para que o PMDB descarte o carrancudo Temer.

O presidente da Câmara dos Deputados, como vice de Dilma, não acrescenta nada. Nada mesmo. É como se a ministra estivesse sozinha. Aliás, o estilo fechado do parlamentar é muito parecido com o da petista.

O melhor companheiro de chapa para Dilma Rousseff é, sem dúvida, Hélio Costa, que é peemedebista e ministro das Comunicações. O licenciado senador mineiro ocupa a primeira posição nas pesquisas de intenção de voto para o governo de Minas.

DOBRADINHA

As chamadas dobradinhas, uma espécie de “Cosme e Damião” do processo político, estão cada vez mais aceleradas.

Aqui em Itabuna, a do vereador Solon Pinheiro com ACM Neto, respectivamente pré-candidato ao Parlamento estadual (PSDB) e a deputado federal (DEM-reeleição), é a mais comentada.

O democrata sempre foi bem votado em Itabuna, onde tem um eleitorado cativo, formado por históricos, enraizados e fiéis carlistas. O voto no parlamentar é uma forma de homenagear o falecido senador Antonio Carlos Magalhães.

Como é que ACM Neto vai “medir” o trabalho de Solon em Itabuna? Reunião com dezenas de pessoas, com a maioria aparecendo porque recebeu alguma contrapartida, não quer dizer nada. É só oba-oba.

Esta publicação possui 3 comentários
  1. que michel,que nada.
    Dilma merece mais.Ela merece alguem acima dos pobres mortais.
    Dilma presidente e Sarney para vice.
    Tambem podemos considrar o Renan calheiros ou ate mesmo o Collor de mello.São varias opções para uma candidata como dilma.
    veja o curriculun dela:mentiu que tinha doutorado pela usp,mentiu que tinha mestrado,mentiu no caso do dossiê,mentiu no apagão e para completar,fez parte de uma organização terrorista que matou mais de 120 pessoas inocentes(donas de casa,trabalhadores e ate companheiros).Marco wense vai continuar defendendo sua opinião,nada mais democrático,só que Dilma tem um grande problema:se esconder dela mesma,olha que lula ta lutando(ja deu ate crise de estress),mais Dilma é implacavél,é tinhosa e pior,é ela mesma.

  2. Estou espantado! Como vc está diferente hoje Wense, razoavelmente mais racional e menos apaixonado. Agora esqueça Hélio Costa que certamente trará muito mais voto pra Dilma como candidato a govenador do que como vice, o máximo que Lula poderia fazer é tirar Patrus Ananias “da cola dele”. Em relação a lista tríplice, não delire, isso é uma questão interna do PMDB. Sobre Michel Temer, acredito ser um bom vice e acrecentaria em muito a candidatura de Dilma. Até onde sei ele é um político com prestígio na oposição e no governo, e até o momento não existe nada que o desabone.

  3. Quem manda no PT é Lula (ditador) que estar confiante no apoio do PMDB com sua candidata Dilma (que nunca representou nada para o Brasil) sem o val do PT. O PMDB atualmente encontra-se dividido com candidatura propria, apoio a Josè Serra e parte apoia a Dilma com a indicação do Sr. Michel Temer como vice. Chega de Lula e PT, a educação (prioridade no desenvolvimento do país), saúde e segurança não existe. Agora é a oportunidade de jogar na lata do lixo essa turma, chega de PT, que só tem utilidade na oposição.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top