skip to Main Content
25 de fevereiro de 2020 | 12:19 pm

CHOCOLATE DÁ TÍTULO A ROSAS DE OURO EM SP; REGIÃO NÃO ‘CHUPA’ NADA

Tempo de leitura: 2 minutos

Ellen Roche foi madrinha da bateria campeã da Rosas de Ouro

A escola de samba Rosas de Ouro foi a campeã do carnaval de São Paulo, com um samba-enredo sobre o chocolate. O samba “O cacau é show”, chegou a ser censurado – virou ‘O cacau chegou’ – pela rede Globo, que transmitiu os desfiles e não aceitou a menção ao nome de uma empresa em sua programação sem que lhe caísse nenhuma merreca. Foi a Cacau Show que patrocinou a escola.

Mas nem é isso o que mais chama a atenção. Conforme já havia sido alertado pelo jornalista Daniel Thame, em texto publicado em seu blog em 14 de janeiro, o show foi apenas para o chocolate, o que não nos diz quase nada, como região produtora de cacau que somos, mas capenga em industrialização e beneficiamento das amêndoas. Ou seja, os primos pobres da história.

O velho DT escreveu que a nós, região cacaueira, não sobraria nada dessa super-exposição na mídia, e mostrou, em números, o quanto estamos distantes do espetáculo que são os lucros dos fabricantes de chocolate. Que sirva de alerta para governantes, parlamentares, produtores e a nós, população.

Clique aqui e leia o texto do jornalista paulista que mais entende de região cacaueira. Aqui, na home page da Rosas de Ouro, você pode conferir a letra e o som originais do samba-enredo, da forma como voltará a ser entoado, sem a censura da Globo, segundo a presidente da agremiação, Angelina Basílio.

MORRE EX-DEPUTADO FRANCISTÔNIO PINTO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O ex-deputado e ex-prefeito de Teixeira de Freitas Francistônio Pinto morreu nesta terça, 16, em São Paulo. Ele estava internado há mais de um mês no Hospital AC Camargo para tratar de um erro cirúrgico no esôfago. O político de origem mineira, mas de atuação no sul da Bahia, morreu vítima de câncer no intestino.

O corpo do ex-parlamentar será sepultado na tarde desta quarta, 17, em Teixeira de Freitas, para onde será transladado nesta noite. O velório deverá ocorrer na Câmara de Vereadores durante todo o dia de amanhã. Francistônio era irmão do deputado federal Uldurico Pinto (PHS).

INVESTIGAÇÃO SOBRE VENDA DE HISTÓRICOS ESCOLARES AVANÇA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Avançam as investigações sobre a máfia que atuava no sul da Bahia comercializando históricos escolares falsos do ensino médio. Está marcada para a próxima quinta-feira, 18, a primeira audiência do caso, no Fórum Epaminondas Berbert de Castro. A estudante A.B.S., aluna do curso de direito da Faculdade de Ilhéus, é acusada de usar os serviços da máfia para ingressar no ensino superior.

Ela se serviu de histórico falso dando conta da conclusão do ensino médio no Colégio Estadual de Ilhéus. O problema é que, além das ótimas notas, o curso técnico de administração apresentado no histórico não existia mais à época, em 2004. O curso, veja só!, havia sido extinto em 1998.

De acordo com informações, A.B.S. conseguiu o histórico escolar falso com a ajuda do namorado, R.A.C. Os dois teriam pago R$ 500,00 pelo certificado. Segundo a polícia, o histórico escolar teria sido fabricado por um indivíduo conhecido como Passarinho. Faculdades particulares sul-baianas detectaram, pelo menos, 16 casos de históricos falsos.

FANTASIA DE GEISY ARRUDA REDIME UNIBAN?

Tempo de leitura: < 1 minuto

Geisy Arruda 'causa' na avenida com sua fantasia inspirada no vestido polêmico - Foto: Felipe Panfili

Com sua fantasia inspirada no polêmico vestido que lhe deu fama, a estudante Geisy Arruda acabou mostrando o que não (?) queria na Sapucaí.

A dúvida que fica: a Uniban agiu errado mesmo, quando disse que o vestido era indecente para o ambiente acadêmico e resolveu expulsá-la?

Dê sua opinião, lembrando que a pergunta não se trata da atitude animaslesca dos alunos, e sim da decisão da Uniban, que também logo voltou atrás.

Reveja tudo aqui.

‘PANETONEGATE’ DE ARRUDA CADA VEZ MAIS PRÓXIMO DA BAHIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Já se sabe que o governador Roberto Arruda (ex-DEM, agora sem partido), forniu os cofres do DEM país afora, com dinheiro de empresas fornecedoras do governo distrito federal, nas eleições de 2008. Foi assim com São Paulo, na campanha reeleitoral de Gilberto Kassab, por exemplo.

Acontece que todos que receberam recursos dizem que as transações foram limpas, o que Arruda e até os tais fornecedores – empresas, principalmente consrutoras, que receberam grandes obras do governo do Distrito Federal – fazem questão de deixar em dúvida.

O que os mangangões do DEM agora temem é que Arruda, preso na sede da Polícia Federal em Brasília, abra a boca sobre essas ‘ajudas’ eleitorais e outras coisinhas mais. Na Bahia, mesmo, tem gente pulando carnaval com uma certa dose de preocupação com as notícias que chegam de lá, do centro-oeste.

ITABUNA QUASE DESERTA: ASSALTANTES FAZEM A FESTA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma dupla de assaltantes espalhou o medo no bairro Conceição agora à noite. Por volta das 21 horas, montados em uma moto, os dois bandidos assaltaram o dono de uma distribuidora de bebidas na rua Aurora. Os mesmos elementos são  suspeitos de terem assaltado, minutos antes, uma mulher na avenida Félix Mendonça, próximo à praça do Góes Calmon.

Para assaltar a distribuidora de bebidas sem levantar suspeitas da vizinhança – no momento do crime havia vários vizinhos conversando nas calçadas ao lado e em frente -, os dois bandidos chegaram se passando por clientes, fingindo que procuravam cerveja, com dois vasilhames nas mãos.

Eles levaram uma quantia não informada de dinheiro além de celulares e documentos pessoais do proprietário e de um amigo deste, que também se encontrava no interior do estabelecimento. Para evitar que fossem seguidos, os bandidos ainda  exigiram de uma das vítimas as chaves de um veículo que estava estacionado na porta da distribuidora.

Após os assaltos, outros comerciantes do bairro se disseram apreensivos com a possibilidade de uma ação mais violenta dos bandidos, já que em pelo menos duas ocasiões na noite eles não tiveram dificuldades em concluir o roubo e fugir dos locais tranquilamente.

Back To Top